Your browser doesn't support javascript.

Biblioteca Virtual em Saúde

Brasil

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Os Centros de Referências em Saúde do Trabalhador e as ações em saúde mental: um inquérito no Brasil / Workers' Health Reference Centers performance in mental health: a survey in Brazil

Cardoso, Mariana de Castro Brandão; Araújo, Tânia Maria de.
Rev. bras. saúde ocup; 41: e7, 2016. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: lil-792880

Resumo

Resumo Introdução: os transtornos mentais atualmente constituem a terceira causa de afastamento do trabalho. Objetivo: identificar as principais ações em saúde mental relacionada ao trabalho realizadas pelos Centros de Referência em Saúde do Trabalhador (CEREST). Metodologia: estudo descritivo com uso de inquérito on-line realizado com os CEREST em atuação no Brasil em 2014. Resultados: Participaram 80,1% (n = 161) dos CEREST elegíveis para o estudo. A maioria (87,5%) tinha mais de cinco anos de funcionamento, 89,2% eram geridos com recursos da Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador (Renast), 61,3% tinham boa estrutura física, e 67,7% tinham profissionais capacitados para atendimento em saúde mental. Contudo, 63,5% não contavam com controle social atuante, apenas 46,9% faziam atendimento ambulatorial, 47,8% desenvolviam ações de educação em saúde nos Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), 40,9% realizavam ações de apoio matricial, 18,7% contavam com grupo terapêutico, 35,5% desenvolviam ações informativas frequentes, 53,2% realizaram inspeção em ambientes de trabalho e 58,8% fizeram o registro sistemático de casos de transtornos mentais relacionados ao trabalho no Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN). Conclusão: observou-se que as ações na área de saúde mental relacionadas ao trabalho realizadas pelos CEREST ainda são incipientes.
Abstract Introduction: nowadays mental disorders constitute the third cause for workers' leave. Objective: to identify main initiatives in work-related mental health carried out by Workers' Health Reference Centers (CEREST). Methodology: descriptive study using online survey conducted with CERESTs in Brazil in 2014. Results: 80.1% (n = 161) of the eligible CERESTs took part in this study. Most of them (87.5%) were operating for more than five years, 89.2% were managed with resources from the National Network of Integral Attention in Occupational Health (Renast), 61.3% had good infrastructure and 67.7% had trained staff in mental health care. However, 63.5% did not have social control, only 46.9% provided ambulatory care, 47.8% developed health education activities in Psychosocial Attention Center (CAPS), 40.9% carried out matrix support initiatives, 18.7% had a therapeutic group, 35.5% developed constantly informative activities, 53.2% carried out work environment inspections and 58.8% made a systematic record work-related mental disorders cases in the Notifiable Diseases Information System (SINAN). Conclusion: we observed that work-related mental health initiatives carried out by CERESTs are still incipient.
Biblioteca responsável: BR1.1
Selo DaSilva