Your browser doesn't support javascript.

Biblioteca Virtual em Saúde

BVS - Literatura Científico-Técnica

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Relações de colaboração na rede brasileira de avaliação de tecnologias em saúde / Collaborative relations in Brazilian network assessment of thehealth technologies

Girardi, Juliana da Motta; Elias, Flávia Tavares Silva; Vanni, Tazio; Silva, Erica Tatiane.
Comun. ciênc. saúde; 27(1): 71-82, jan., 2016. ilus, graf
Português | LILACS | ID: mis-38848
Introdução: No Brasil, a Rede Brasileira de Avaliação de Tecnologias em Saúde (Rebrats) busca estabelecer a ponte entre pesquisa, política e ges‑tão, fornecendo subsídios para decisões de incorporação, monitoramentoe abandono de tecnologias. É formada por instituições de ensino epesquisa voltada à geração e à síntese de evidências científicas paraavaliar efeitos e eficiência de tecnologias para o SUS. A atuação em umarede como a Rebrats, é importante no sentido de reforçar a capacidadede realização de estudos de Avaliação de Tecnologias em Saúde além de,contribuir com a formação continuada dos profissionais, reduzir dupli‑cações desnecessárias e permitir um compartilhamento mais eficientedos conhecimentos e informações.Objetivo: Identificar as relações de colaboração científica entre osautores que produziram e disseminaram os resultados de diferentestipos de estudos – Revisões Sistemáticas, Pareceres Técnicos Científicos,Análise Econômicas - incluídos no Sistema de Informação da Rebrats,registrados no período de 2009 até setembro 2014.Metodologia: A análise de rede social foi a metodologia empregada,com a finalidade de identificar colaboração de coautoria entre osautores dos estudos produzidos. Como critério de inclusão para esseestudo, foram analisados os autores de grau (número de colaborações)igual ou maior de 29.Resultado e conclusão: Como resultado, foi demonstrado uma redecontendo 1094 autores (nós) e 4998 arestas (relações). Para análisesfuturas, considera-se fundamental avaliar as influências da Rebrats nocampo da gestão, regulação e atenção à saúde prestada no âmbito do SUS,com o objetivo de compreender como a colaboração em rede auxilia naotimização desses processos.(AU)
Biblioteca responsável: BR599.1