Your browser doesn't support javascript.

Biblioteca Virtual em Saúde

BVS - Literatura Científico-Técnica

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Fatores de risco para o desenvolvimento das doençasarteriais coronarianas nos profissionaisda construção civil / Risk factors for the development of coronary artery disease in civilconstruction professionals

Viana, Tatiane Lima; Oliveira, Maria Luiza Carvalho de.
Mundo saúde (Impr.); 41(2): [154-162], abr. 2017.
Português | LILACS | ID: mis-39057

Resumo

A fim de estimar a gravidade da doença cardiovascular, foram criados os chamados escores de riscos para a análisee identificação dos fatores de riscos sendo aprimorados consideravelmente por estudos a cada ano. As doençascardiovasculares são as doenças com maior causa de mortalidade e incapacidade no Brasil. O estudo de Framingham(1948) até hoje responde pela maioria dos marcadores de risco para o desenvolvimento das cardiopatias, sendo o escoreescolhido para esta pesquisa. A saúde do trabalhador é um marco na conquista dos operários brasileiros e a construçãocivil é responsável por uma parte relativamente grande de empregos das camadas com menor poder aquisitivo, exercendoatividades pesadas que demandem maior gasto energético e com, teoricamente, maiores marcadores para os riscos dedesenvolver doenças cardiovasculares, além de que os estudos com esta classe trabalhadora são raros. Considerandoos fatos relatados, esta pesquisa teve como objetivo identificar os fatores de risco para o desenvolvimento das doençasarteriais coronarianas nos trabalhadores da construção civil, na cidade de Manaus - Amazonas/Brasil. Conhecer operfil epidemiológico da classe e contribuir de forma positiva para a prevenção das mesmas. O estudo foi realizadono mês de janeiro do ano de 2016 durante cinco dias divididos entre o canteiro de obras e o setor administrativo daempresa participante totalizando 50 trabalhadores. A maioria do sexo masculino e classificados segundo o escoreutilizado em baixo risco, contudo os escores de risco não apresentam uma precisão satisfatória na predição de eventoscardiovasculares, podendo evoluir para o aparecimento da doença em alguns anos(AU)
In In order to estimate the severity of cardiovascular disease, so-called risk scores for the analysis and identification ofrisk factors have been created and improved considerably by studies each year. Cardiovascular diseases are the maincause of mortality and disability in Brazil. The Framingham study (1948) to date is responsible for most of the risk markersfor the development of heart diseases, and their score was chosen for this research. Workers’ health is a milestone inthe conquest of Brazilian workers, and civil construction is responsible for a relatively large portion of the jobs of thelower purchasing power sectors, carrying out heavy activities that demand greater energy expenditure and, theoretically,higher risk markers of developing cardiovascular diseases, and studies with this working class are rare. Consideringthe facts reported, this research aimed to identify the risk factors for the development of coronary artery diseases inconstruction workers, in the city of Manaus - Amazonas / Brazil, in order to know the epidemiological profile of the classand to contribute positively to the prevention of the same. The study was carried out in January of the year 2016 overfive days, the participants were divided between the construction site and the administrative sector of the participatingcompany, totaling 50 workers. A majority were males and were classified according to the low risk score, but the riskscores were not satisfactory in the prediction of cardiovascular events, and may evolve to the onset of the disease insome years(AU)
Biblioteca responsável: BR599.1