Your browser doesn't support javascript.

Biblioteca Virtual em Saúde

BVS - Literatura Científico-Técnica

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Perfil Socioeconômico e Epidemiológico dos Trabalhadores do Ministério da Saúde do Brasil / Socioeconomic and Epidemiological Profile of Workers in the Brazil’s Ministry of Health

Hernandes, Elizabeth; Bosco, Zaira Farias; Ribeiro, Maircon Batista.
Comun. ciênc. saúde; 28(3-4): [303-312], jul., 2017. tab
Português | LILACS | ID: mis-39880
Objetivo: apresentar perfil socioeconômico e epidemiológico dos trabalhadores do Ministério da Saúde, com ênfase para a interferência de fatores do ambiente de trabalho sobre a condição de saúde.Método: estudo descritivo e transversal, com amostra de 2038 participantes.Resultados: trata-se de segmento jovem, com maioria de mulheres,alta escolaridade e renda. Não há hegemonia das profissões da Saúde e o curso de administração é o mais prevalente. Os indicadores de saúde revelam uma amostra com boa autoavaliação da condição de saúde física e mental, praticante de atividade física (54,5%) e não fumante (91,9%). De todo modo também se encontrou alta prevalência de sobrepeso, dislipidemias e doenças osteoarticulares. Os fatores citados como sempre interferindo negativamente no ambiente de trabalho foram “falta de incentivo institucional” (30,3%),mobiliário inadequado (23,1%) e ambiente físico (18,0%). A demanda por atividades de promoção da saúde é maior para as atividades físicas (65,6%) e ações relacionadas à nutrição (53,4). As evidências encontradas podem subsidiar ações de promoção da saúde no ambiente de trabalho e intervenção em fatores relacionados ao ambiente físico(AU)
Biblioteca responsável: BR599.1