Your browser doesn't support javascript.

Biblioteca Virtual em Saúde Pública

Saúde Pública Brasil - Literatura Científico-Técnica

XML
Imprimir Resultado em

Formato de exportação:

Resultado em

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Obtenção de reosseointegração em implantes acometidos por peri-implantite / Re-osseointegration on implants affected by peri-implantitis: a systematic review

Ohana, Renata Abou El Hosn; Rezende, Maria Lúcia Rubo de; Sant'Ana, Adriana Campos Passanezi; Greghi, Sebastião Luis Aguiar; Damante, Carla Andreotti; Passanezi, Euloir.
ImplantNews; 8(2): 191-198, 2011. tab
Artigo em Português | | ID: lil-599198
Atualmente, a colocação de implantes osseointegráveis é a primeira escolha para substituir dentes perdidos, portanto, é uma realidade clínica que tem aumentando e juntamente com ela suas complicações. A principal complicação é a peri-implantite que se apresenta como uma infecção bacteriana que afeta os tecidos moles e duros ao redor do implante, promovendo a perda da osseointegração. Essa patologia pode ocorrer devido ao acúmulo de bactérias na superfície do implante, mas o seu desenvolvimento também está relacionado aos indicadores de risco, como história de doença periodontal. Várias terapias são propostas a fi m de minimizar as sequelas deixadas pela infecção peri-implantar. A reosseointegração é um dos objetivos dos vários métodos de tratamento da peri-implantite que, em última análise, pretendem aumentar a previsibilidade dos implantes. Esses métodos podem ser conservadores, incluindo o debridamento da superfície do implante, como também cirúrgicos que são baseados em técnicas regenerativas. Entretanto, não há até o presente momento um consenso a respeito do protocolo ideal para o tratamento da peri-implantite, pois as metodologias são muito variadas e os resultados inconclusivos. Esta revisão abordou um total de 11 estudos em animais com os métodos mais aceitos, chegando à conclusão de que um protocolo definitivo ainda está para ser estabelecido. Contudo, a associação de debridamento mecânico, jato de pó abrasivo, limpeza com ácido cítrico, laserterapia e enxerto ósseo autógeno parece tender a resultados mais promissores.