Your browser doesn't support javascript.

Biblioteca Virtual em Saúde Pública

Saúde Pública Brasil - Literatura Científico-Técnica

Imprimir Resultado em

Formato de exportação:

Resultado em

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Estudo dos mediadores inflamatórios e de coagulação na epidemia 2013 pelo DENV-4 / Evaluation of inflammatory and coagulation mediators in 2013 dengue virus type 4 outbreak

Solorzano, Victor Edgar Fiestas.
Rio de Janeiro; s.n; 2014. xvii,112 p. ilus, graf, tab, mapas.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-774231
A dengue se tornou a arbovirose mais difundida no mundo, atingindo mais de 100 países. O sorotipo DENV-4 foi reintroduzido no Brasil em 2010, se espalhou para as diferentes regiões brasileiras sendo responsável por uma das maiores epidemias de dengue relatadas no país em 2013. O objetivo deste estudo foi avaliar o perfilclínico-laboratorial, citocinas/quimiocinas inflamatórias e mediadores da coagulação em pacientes infectados pelo DENV durante esta epidemia. Para isto, foram avaliados 265 casos confirmados de dengue atendidos nos centros de saúde dos estados do RJ e MS no ano de 2013. Os pacientes foram classificados de acordo com a nova classificação da OMS, 2009 nos grupos: 158 (70,2 por cento) dengue sem sinais de alarme (DSSA), 65 (28,9 por cento) dengue com sinais de alarme (DCSA) e 2 (0,9 por cento)dengue grave. Os sinais de alarme mais frequentes foram dor abdominal persistente(61,5 por cento) e sangramento de mucosas (32,3 por cento). O DENV-4 foi o sorotipo de maior incidência e 85,2 por cento dos pacientes apresentaram infecção secundária. Pacientes DCSA/DG apresentaram baixa contagem de leucócitos totais, de plaquetas e altos níveis séricos de AST/TGO e ALT/TGP quando comparados aos pacientes DSSA e aqueles ODF (outras doenças febris). A quantificação dos mediadores inflamatórios por ensaios imunoenzimáticos indicou: (i) níveis aumentados de citocinas (TNF-alfa, IL-6 e IL-10) e quimiocinas (IL-8/CXCL8, IP-10/CXCL10 e MCP-1/CCL2) nos pacientes DSSA e DCSA/DG quando comparados com o grupo controle; (ii) níveis aumentados de IL-10 e IL-6 nos pacientes DCSA/DG enquanto que IL-8/CXCL8 foimaior nos pacientes DSSA...