EVIPNet Brasil > Pesquisa > id:"biblio-870813"
adicionar à sua lista
1.

Perfil de incorporação de ácidos graxos em membranas de eritrócitos de recém-nascidos prematuros recebendo nutrição parenteral com diferentes emulsões lipídicas/ Profile of fatty acids incorporation in erythrocyte membrane of premature newborns who received parenteral nutrition with different lipid emulsions

Autor(es): Oliveira, Helder Cassio de
Fonte: São Paulo; s.n; 2014. [83] p. ilus, tab, graf.
[ ID: 870813 ] Idioma: Português
Introdução: Devido a diversos fatores, recém-nascidos prematuros, em sua maioria, necessitam de nutrição parenteral e uma fonte lipídica que possua um equilíbrio entre os variados tipos de ácidos graxos. SMOFlipid® 20%, uma nova emulsão lipídica pode ser mais adequada para esse equilíbrio. Objetivo: Avaliar o perfil de incorporação de ácidos graxos em eritrócitos de prematuros recebendo essa nova emulsão lipídica, comparada com outra emulsão baseada em óleo de soja. Métodos: Em um ensaio clinico controlado randomizado duplo cego avaliou-se 47 recém-nascidos pré-termo que receberam nutrição parenteral SMOFlipid® 20% (n=25) ou LIPOVENOS® MCT 20% (n=22). Foram avaliados parâmetros laboratoriais, clínicos, demográficos e o perfil de incorporação de ácidos graxos na membrana de eritrócitos. Resultados: Os parâmetros clínicos e demográficos como peso, perímetro cefálico, comprimento, idade gestacional e índice de Apgar não diferiram entre os grupos. Os valores de triglicerídeos e da lipoproteína de muito baixa densidade (VLDL) foram estatisticamente maiores no grupo SMOFLIPID® 20%. Níveis de Aspartato aminotransferase (AST) foram menores em ambos os grupos e os níveis de bilirrubina total e frações não tiveram diferenças. A emulsão SMOFlipid® 20% aumentou os níveis dos ácidos docosa-hexaenoico DHA (C 22:6 w3) e Eicosapentaenoico EPA (C 20:5 w3) na membrana dos eritrócitos. Conclusões: Neste grupo de recém-nascidos pré-termos, essa nova emulsão lipídica, além de mostrar segurança, contribuiu para uma mudança benéfica no perfil de incorporação de ácidos graxos nas membranas celulares, principalmente DHA e EPA.
Introduction: Due to several factors, premature newborn infants, in most cases, require parenteral nutrition and a lipid source with balance among the different types of fatty acids. SMOFlipid® 20%, a new lipid emulsion may be more appropriate for this balance. Objectives: To evaluate the profile of fatty acids incorporation in erythrocytes of premature newborn infants receiving this new lipid emulsion compared with an emulsion based on soybean oil. Methods: In a randomized, controlled, double-blind clinical trial, 47 preterm newborn who received parenteral nutrition SMOFlipid® 20% (n=25) or Lipovenos MCT® 20% (n=22) were evaluated. Laboratorial, clinical and demographic parameters and the profile of incorporation of fatty acids in the erythrocyte membrane were evaluated. Results: The clinical and demographic parameters such as weight, head circumference, length, gestational age, and Apgar scores did not differ between the groups. The values of triglycerides and lipoprotein of very low density (VLDL) were statistically higher in the SMOFlipid® 20% group. Levels of aspartate aminotransferase (AST) were lower in both groups and levels of total bilirubin and fractions had no differences. The SMOFlipid® 20% emulsion increased the levels of the docosahexaenoic acid (DHA) and eicosapentaenoic (EPA) acid in the erythrocytes membrane. Conclusions: In this group of preterm newborn infants, this new lipid emulsion, besides showing security, contributed to a beneficial change in the incorporation profile of fatty acids cell membranes, especially DHA and EPA.