Your browser doesn't support javascript.

Portal Regional de la BVS

Información y Conocimiento para la Salud

Home > Búsqueda > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportación:

Exportar

Email
Adicionar mas contactos
| |

Relações entre comportamento pró-ativo e comprometimento organizacional / Relations between proactive behavior and organizational commitment

Gerais (Univ. Fed. Juiz Fora); 6(1): 127-143, jun. 2013. ilus, tab
Artículo en Portugués | Index Psicología - Revistas técnico-científicas | ID: psi-68225
O comportamento pró-ativo diz respeito a ações que visam beneficiar a organização e antecipar problemas futuros, por esse motivo é altamente aquilatado no atual mundo do trabalho. Entre os antecedentes dessa variável, um aspecto pouco investigado e com resultados contraditórios é o comprometimento organizacional. Com vistas a preencher tal lacuna, o objetivo geral do presente trabalho é investigar a influência do comprometimento organizacional (afetivo, calculativo e normativo) no comportamento pró-ativo. Para a condução do estudo, foi utilizada uma amostra não probabilística de 457 trabalhadores de 22 organizações públicas e privadas. Foram utilizadas escalas validadas psicometricamente para aferir cada uma das variáveis. Os resultados mostram que os trabalhadores pesquisados apresentam pró-atividade acima do ponto médio da escala (3,31; dp= 0,88). A análise de regressão múltipla padrão mostrou que as três variáveis antecedentes explicaram 16 por cento da variável critério, comportamento pró-ativo. Os resultados são discutidos com base na literatura da área(AU)

Asunto(s)

Humanos Adulto
Biblioteca responsable: BR85.1