Your browser doesn't support javascript.

Portal Regional da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Como estruturar um currículo integrado num curso de odontologia' / How to structure an integrated curriculum in a Dentistry Course?

Rev. Ciênc. Plur; 5(1): 1-17, jun. 2019. graf, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1007332

INTRODUÇÃO:

Apesar do advento das Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) dos cursos de Odontologia desde 2002, o desenho dos currículos de grande parte dos cursos ainda mantém disciplinas isoladas, sem articulação com os elementos essenciais para a formação de generalistas, com distanciamento entre o ciclo básico e o profissionalizante.

OBJETIVO:

Desenvolver proposta de currículo integrado, mediado por metodologias ativas de aprendizagem e avaliação processual da aprendizagem.

MÉTODO:

Para construção da proposta foram identificados eixos sobre os quais foi formulado currículo integrado coerente com as DCN.

RESULTADOS:

O currículo é composto por cinco eixos: Módulos integrados, Estágio supervisionado, Extensão curricular, Flexibilização e Trabalho de Conclusão do Curso. Os Módulos integrados articulam habilidades e competências que envolvem conhecimentos das áreas básica, clínica e saúde coletiva. O Estágio supervisionado ocorre ao longo dos dois últimos períodos do curso, no Sistema Único de Saúde. A Extensão curricular configura-se pelo desenvolvimento de atividades que articulam a inserção da comunidade com o aprendizado dos alunos, buscando benefícios para o entorno do curso. Para a Flexibilização foram definidos: (1) Atividades complementares e (2) Componentes curriculares optativos, permitindo ao aluno definição do percurso formativo singular. O Trabalho de Conclusão do Curso deve ser desenvolvido de forma transversal desde o primeiro semestre do curso, por componentes curriculares específicos relacionados ao aprendizado das metodologias da pesquisa científica ou nos próprios módulos integrados.

CONCLUSÕES:

Para viabilizar o desenvolvimento do currículo é fundamental a adoção de metodologias ativas de aprendizagem em todos os eixos previstos, permitindo que o aluno construa seu aprendizado. Da mesma forma é fundamental processo de avaliação que contribua efetivamente com uma relação professor-aluno mediada pela busca de conhecimento, permitindo que ambos sejam sujeitos no processo. O principal desafio para alcance da proposta refere-se ao processo permanente de desenvolvimento docente na construção de uma "nova" sala de aula (AU).
Biblioteca responsável: BR1264.1