Your browser doesn't support javascript.

Portal Regional da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Economic and accounting evaluation of rice milled production chains in Rio Grande do Sul (Brazil) and Uruguay with application of the Policy Analysis Matrix / Avaliação econômica e contábil das cadeias produtivas do arroz beneficiado no Rio Grande do Sul (Brasil) e Uruguai com aplicação da Matriz de Análise de Políticas

Ciênc. rural; 47(4): e20151085, 2017. tab
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-839768

Resumo

ABSTRACT: Rice is the basis of diet for almost half of the world population, and its culture is one of the strategic agroindustrial production chains in the agribusiness environment, in both economic and social levels. Thus, the comparative analysis between the production chains of rice milled in Rio Grande do Sul (RS), Brazil, and Uruguay was mainly motivated by the interest in knowing the differences in the business environment and public policies that impact the competitiveness of this chain in both study regions. Therefore, the objective of this study was to assess the economic efficiency, competitiveness, and effects of public policies of the rice production chain of milled rice in RS (Brazil) relative to Uruguay. The data collected in this study are from the 2011-2012 harvests and indicators were calculated by applying the concepts of the policy analysis matrix (PAM). Results showed that the chains in both study regions were competitive under the existing market and policy conditions, revealed comparative advantage, transferred a high load of resources to other sectors of the economy, and satisfactorily remuneration of the domestic production factors. However, the competitiveness and comparative advantage shown in this study were not due to the encouraging intervention policies, as both production systems pay high taxes.
RESUMO: O arroz é a base da alimentação para quase metade da população mundial, e sua cultura se situa como uma das cadeias produtivas agroindustriais estratégicas no ambiente do agronegócio, tanto no nível econômico como no social. Assim, a análise comparativa entre as cadeias produtivas do arroz beneficiado no Rio Grande do Sul (RS), Brasil e no Uruguai foi motivada, principalmente, pelo interesse em conhecer as diferenças no ambiente de negócios e nas políticas públicas que afetam a competitividade desta cadeia nas respectivas regiões. Portanto, o objetivo deste estudo foi avaliar a eficiência econômica, competitividade, e efeitos de políticas públicas da cadeia produtiva de arroz beneficiado no RS (Brasil) em relação ao Uruguai. Os dados coletados neste estudo são das safras de 2011-2012 e, os indicadores foram calculados aplicando os conceitos da matriz de análise de políticas (MAP). Os resultados mostraram que as cadeias em ambas as regiões de estudo foram competitivas sob as condições de mercado e políticas existentes, evidenciaram vantagem comparativa, transferiram alto volume de recursos para outros setores da economia, remunerando satisfatoriamente os fatores domésticos de produção. Entretanto, tal competitividade e vantagem comparativa demonstrada não se deveram às intervenções políticas de incentivo, pois ambos sistemas de produção pagam elevados tributos.
Biblioteca responsável: BR1.1