Your browser doesn't support javascript.

Portal Regional da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Chá Verde Atenua a Hipotensão Induzida por Exercício: Um Estudo Randomizado, Placebo-Controlado / Green Tea Attenuates Hypotension Induced by Physical Exercise: A Randomized, Placebo Controlled Study

Int. j. cardiovasc. sci. (Impr.); 30(4): f:325-l:333, jul.-ago 2017. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-846792

Resumo

Fundamentos: Estudos mostram que a administração crônica de chá verde reduz a pressão arterial (PA) de repouso, enquanto que uma única sessão de exercício também promove redução da PA. Objetivo: Investigar se uma única dose de chá verde antes da sessão de exercício melhora a hipotensão pós exercício (HPE). Métodos: Estudo randomizado, placebo-controlado, duplo cego. Quinze pacientes hipertensos (53 ± 3,3 anos) participaram de duas sessões: chá verde + exercício (CVE) e placebo + exercício (PLE). Trinta minutos após ingestão de 2 g de chá verde ou placebo, os pacientes realizaram 60 minutos de caminhada na esteira a 60-85% da frequência cardíaca máxima. A PA foi medida em repouso e a cada 10 minutos após o exercício por 60 minutos. As amostras de sangue foram colhidas antes da ingestão do chá verde ou placebo e imediatamente após o exercício para determinar as concentrações de malondialdeído (MDA) e nitrito (NO). Resultados: No dia PLE, a HPE foi detectada em todos os tempos pós-exercício (redução na PA de 6,5 a 11,8 mmHg), enquanto que no dia CVE, HPE ocorreu somente aos 20 e 40 minutos pós-exercício, respectivamente. A redução na pressão sanguínea foi significativamente maior no PLE aos 10, 20 e 30 minutos pós-exercício em comparação a CVE. Além disso, CVE causou uma resposta diastólica hipertensiva, enquanto no dia PLE, a HPE diastólica foi observada somente aos 20 minutos pós-exercício. Não foram observadas mudanças nas concentrações de MDA ou NO em resposta ao exercício. Conclusão: A suplementação com chá verde anterior a uma sessão de exercício aeróbico atenuou a HPE sistólica e induziu uma resposta hipertensiva ao exercício aeróbico em pacientes hipertensos
Background: Studies have shown that chronic administration of green tea decreases blood pressure (BP) at rest, while a single exercise session also promotes reduction of BP. Objective: To investigate whether if a single dose of green tea prior to aerobic exercise session improves post-exercise hypotension (PEH). Methods: Randomized, double-blind, placebo controlled study. Fifteen hypertensive patients (53 ± 3.3 years) participated in two study sessions: green tea+exercise (GTE) and placebo+exercise (PLE). Thirty minutes after ingesting 2g of green tea or placebo, they performed 60 minutes of treadmill walking at 60 to 85% of maximum heart rate. BP was measured at rest and at every 10 minutes after exercise for 60 minutes. Blood samples were taken before ingestion of green tea or placebo and immediately after exercise to determine malondialdehyde (MDA) and nitrite (NO) concentrations. Results: On PLE day, systolic PEH was detected at all post-exercise time points (BP reduction by 6.5-11.8 mmHg), whereas on GTE day, PEH was found only at 20 and 40 minutes post-exercise (BP reduction by 5.9 and 5.8 mmHg, respectively). BP reduction was significantly higher in PLE at 10, 20 and 30 minutes post-exercise compared with GTE. In addition, GTE resulted in hypertensive diastolic response, while on PLE day, diastolic PEH was seen only at 20 minutes post-exercise. No changes in MDA or NO concentrations in response to exercise were observed. Conclusion: Green tea supplementation prior to an aerobic exercise session attenuated systolic PEH and induced diastolic hypertensive response to aerobic exercise in hypertensive patients
Biblioteca responsável: BR44.1
Localização: BR44.1