Your browser doesn't support javascript.

Portal Regional da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

REVISÃO INTEGRATIVA SOBRE A FORMAÇÃO DO ENFERMEIRO BASEADA EM COMPETÊNCIAS / INTEGRATIVE REVIEW OF NURSING EDUCATION BASED ON COMPETENCIES / REVISIÓN INTEGRADORA DE LA FORMACIÓN EN ENFERMERÍA BASADA EN COMPETENCIAS

Rev. baiana saúde pública; 40(1): [9]-[23], 12 de Setembro 2017.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-859570

Resumo

O ensino baseado em competências é uma estratégia que vem crescendo, pois permite a formação de profissionais eficientes, de qualidade, capazes de se adaptar às constantes mudanças e aos desafios impostos pelo mercado de trabalho. Foram objetivos deste estudo identificar quais competências relacionadas ao enfermeiro são enfatizadas na literatura e discutir novas propostas pedagógicas na formação desse profissional da saúde. A metodologia adotada foi a revisão integrativa da literatura. O recorte temporal compreendeu os anos de 2003 a 2012. Os resultados indicaram as seguintes competências gerais do enfermeiro: atenção à saúde, tomada de decisão, liderança, educação permanente, comunicação, administração e gerenciamento. Além destas, também foram destacadas seis competências relacionadas aos docentes do ensino superior dos cursos de Enfermagem: organizar e dirigir situações de aprendizagem, administrar a progressão das atividades, envolver os alunos em sua aprendizagem e em seu trabalho, participar da administração da escola, enfrentar os deveres e dilemas éticos da profissão e administrar sua própria formação contínua. Concluiu-se que as competências relacionadas ao enfermeiro e enfatizadas na literatura são de grande relevância, tanto para a formação do enfermeiro como para o seu perfil profissional, e devem ser exploradas e aprofundadas na formação, para garantir a manutenção e o aperfeiçoamento desses profissionais no mercado de trabalho do mundo globalizado.
The competency-based education is a strategy that has been growing, for it allows the formation of efficient professionals, able to adapt to constant changes and challenges posed by job market. Thus, we sought to identify what competencies related to the nurse are emphasized in the literature and discuss new pedagogical proposals for the formation of this health professional, through an Integrative Review of the literature based on papers published from 2003 to 2012. The general competencies of nurses found were: health care, decision making, leadership, continuing education, communications, administration and management. Besides these skills, higher education nursing course teachers competencies were highlighted: Organizing and managing learning situations, managing the progression of activities, engaging students in their learning and their work, participating in school administration, to address the duties and ethical dilemmas of the profession and to administer their own formation. In conclusion, competencies related to nursing and emphasized in the literature are very relevant for the formation of nurses as well as for its professional profile and should be explored and further developed to ensure maintenance and improvement of these professionals in the job market in a globalized world.
La educación basada en competencias es una estrategia que se tiene desarrollado, porque permite la formación de profesionales de calidad, que tienen capacidad de adaptación a los constantes cambios impuestos por el mercado de trabajo. Por lo tanto, tratamos de identificar qué habilidades relacionadas con la enfermería se destacan en la literatura y discutir nuevas propuestas pedagógicas en la formación de ese profesional de la salud. A través de una revisión integradora de la literatura basada en una selección de artículos científicos publicados desde 2003 hasta 2012. Las competencias generales de enfermería fueron: cuidado de la salud, tomada de decisiones, liderazgo, educación continua, comunicaciones, administración y gestión. Además de esos, seis habilidades relacionadas con los profesores de cursos superiores de enfermería se destacaron: Organizar y gestionar situaciones de aprendizaje, gestionar la progresión de las actividades, cautivar a los estudiantes en su aprendizaje y su trabajo, participar en la administración de la escuela, enfrentar a los deberes y los dilemas éticos de la profesión y administrar su propia formación. Se concluyó que las competencias relacionadas al enfermero y enfatizadas en la literatura son de gran relevancia tanto para la formación del enfermero como para su perfil profesional, y deben ser exploradas y profundizadas en la formación, para garantizar el mantenimiento y el perfeccionamiento de estos profesionales en el mercado de trabajo del mundo globalizado.
Biblioteca responsável: BR800.9