Your browser doesn't support javascript.

Portal Regional da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Influência da aspiração endotraqueal por sistema aberto e fechado nos sinais vitais de recém-nascidos submetidos à ventilação mecânica invasiva / The effect of open and closed endotracheal suctioning system on vital signs of newborns on invasive mechanical ventilation

Rev. Soc. Bras. Clín. Méd; 15(2): 103-108, 20170000.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-875553

OBJETIVO:

Comparar o sistema de aspiração aberto e o fechado em relação às variações nos sinais vitais no neonato e verificar o recurso mais adequado para esta população, de acordo com seus efeitos e as características do paciente.

MÉTODOS:

Ensaio clínico crossover randomizado com sete pacientes com idade gestacional média de 20 dias. Realizaram-se os dois métodos de aspiração endotraqueal no mesmo recém-nascido, com intervalo de 24 horas, sendo a ordem da aplicação escolhida de forma aleatória. O procedimento foi avaliado em três períodos: 5 minutos antes da aspiração (P1), durante a aspiração - depois de duas aspirações (P2) e após 5 minutos do procedimento (P3).

RESULTADOS:

Na frequência respiratória, houve significância entre os tipos de aspiração endotraqueal, tendo o sistema de aspiração aberto apresentado maior variação; na análise isolada dos sistemas, o sistema de aspiração aberto apresentou significância com aumento nos momentos de P1 para P2, e com diminuição de P2 para P3. Na saturação do oxigênio, houve significância na análise isolada dos sistemas, com diminuição de P1 para P2, e com aumento de P2 para P3 no sistema de aspiração aberto. Ambas as alterações encontravam-se dentro dos padrões fisiológicos aceitáveis.

CONCLUSÃO:

Sob circunstâncias rigidamente controladas em pacientes hemodinamicamente e clinicamente estáveis, tanto o sistema de aspiração aberto como o fechado podem ser utilizados, desde que a casuística seja semelhante ao estudo apresentado.
Biblioteca responsável: BR1610.9