Your browser doesn't support javascript.

Portal Regional da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Uso do rádio para educação em saúde: percepção do agente comunitário de saúde / Use of radio to health education: perception of the community health agent / Uso de la radio para la educación en salud: percepción del agente comunitario de salud

Rev. baiana saúde pública; 41(3): https://doi.org/10.22278/2318-2660.2017.v41.n3.a2482, jul. 2018.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-906436
Os meios de comunicação são difusores de mensagens e podem ser usados como ferramentas para educação em saúde, que pode ser difundida pelo uso do rádio, por este ser o meio de comunicação mais acessível para a população e profissionais da saúde, como o Agente Comunitário de Saúde, que é o responsável pela interlocução das necessidades da comunidade e os serviços de saúde. O objetivo deste estudo é identificar as opiniões dos Agentes Comunitários de Saúde sobre o uso do rádio como ferramenta para a realização da educação em saúde. Trata-se de estudo descritivo, exploratório, de abordagem qualitativa, realizado com 11 Agentes Comunitários de Saúde, em Recife, Pernambuco, Brasil. Os dados foram coletados por meio de entrevistas semiestruturadas e processados pela técnica do Discurso do Sujeito Coletivo. Surgiram as seguintes ideias centrais: o rádio como fonte de informação em várias áreas; o rádio como ferramenta de abrangência das ações da Estratégia de Saúde da Família; a rádio comunitária não desperta interesse de escuta na comunidade; a linguagem acessível e que promova sentido a essa população; o uso do rádio requer planejamento dos conteúdos a serem abordados; a participação da comunidade na programação da rádio. Concluiu-se que há interesse do Agente Comunitário de Saúde no uso de novas tecnologias, o que impulsiona reflexões sobre a necessidade de capacitação desses profissionais para utilização das ferramentas radiofônicas. Além disso, são indispensáveis a participação da comunidade e a inclusão, nas discussões, das suas necessidades.
Biblioteca responsável: BR800.9