Your browser doesn't support javascript.

Portal Regional da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Efecto de la tele-enfermería en el mejoramiento de los hallazgos ecográficos de pacientes con enfermedades de hígado graso no alcohólico: Ensayo clínico controlado / Effect of tele-nursing in the improving of the ultrasound findings in patients with nonalcoholic fatty liver diseases: A Randomized Clinical Trial study

Invest Educ Enferm; 36(3): [e09], Diciembre 15 de 2018. Tab 1, Tab 2, Tab 3, Fig 1
Artigo em Inglês | LILACS, COLNAL | ID: biblio-967236

OBJETIVO:

Estabelecer o efeito da tele-enfermagem na melhora das descobertas ecográficos em pacientes com fígado grasso não alcoólico.

MÉTODOS:

Neste ensaio clínico, 60 pacientes com fígado grasso não alcoólico referidos a serviços de Gastrenterologia especializada afiliadas à Universidade de Ciências médicas de Shiraz (Irão) foram divididos aleatoriamente nos grupos de controle e de intervenção. Todos os pacientes receberam capacitações sobre aspectos da dieta e a atividade física. Os pacientes do grupo de intervenção tiveram seguimento telefónico por enfermeira (duas vezes por semana no primeiro mês e uma vez por semana os outros dois meses), e os do grupo controle não receberam atenções diferentes às consultas usuais ao especialista. A todos os participantes ao ingresso ao estudo e às 12 semanas se lhes avaliou com ultrassonografia o tamanho e o estado histológico do fígado.

RESULTADOS:

Depois de 12 semanas de início do estudo diminuiu o tamanho do fígado no grupo com seguimento telefónico por enfermeira (13.15±1.22 cm a 12.90±1.16 cm, p=0.013), enquanto que não se observou diferença significante no grupo controle (12.55 1.56 cm a 12.56±1.57 cm, p=0.326). A maior diferença entre as duas avaliações foi no grupo de intervenção com 0.26±0.53 cm versus -0.003±0.018 cm no grupo controle (p=0.012). Adicionalmente, o estado de infiltração grassa do tecido hepático melhorou em 66.6% do grupo de intervenção versus 6.6% no grupo de controle (p<0.001). Conclusão. Os resultados deste estudo mostraram que a tele-enfermagem conduz à melhora do tamanho de fígado e a histologia hepática em pacientes com fígado grasso não alcoólico.(AU)
Biblioteca responsável: CO103.1