Your browser doesn't support javascript.

Portal Regional da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

A study of a couple with type 2 diabetes: dyadic adjustment and psychological morbidity / Um estudo de casal sobre o diabete tipo 2: ajustamento conjugal e morbilidade psicológica

Rev. Assoc. Med. Bras. (1992); 60(4): 318-326, Jul-Aug/2014. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-720989

OBJETIVO:

avaliar o ajustamento conjugal e a morbidade psicológica em pacientes diabéticos tipo 2 e seus parceiros, estudando o papel do gênero.

MÉTODOS:

estudo transversal que incluiu uma amostra de 214 diabéticos e os respectivos parceiros, foram avaliados no nível da morbidade (HADS) e de ajustamento conjugal (RDAS). Os dados foram analisados por meio de um procedimento estatístico de análise diádica, que estuda simultaneamente os pares paciente/parceiro(a).

RESULTADOS:

verificou-se que a relação negativa entre ajustamento conjugal e morbidade psicológica nas mulheres diabéticas era mais forte que nos homens diabéticos e suas parceiras. Por sua vez, a relação entre ajustamento conjugal e morbidade psicológica nas parceiras de homens diabéticos foi mais forte que a mesma relação nos parceiros de mulheres diabéticas.

CONCLUSÃO:

dado o gênero ser uma variável moderadora, é importante atender às necessidades específicas dos doentes femininos e masculinos e a educação do paciente diabético deve centrar-se na díada paciente/parceiro. .
Biblioteca responsável: BR1.1