Your browser doesn't support javascript.

Portal Regional da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Colaboração Interprofissional: um estudo de caso sobre o Núcleo de Atenção do Idoso da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (NAI/UERJ) / Interprofessional collaboration: a case study of the Elderly Care Center of the State University of Rio de Janeiro (NAI / UERJ)

Rio de Janeiro; s.n; 2016. tab, graf.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-782494
Apresentada a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca para obtenção do grau de Mestre. Orientador: Fiúza, Carlos Otávio Moreira.
Nas últimas décadas, a temática da colaboração interprofissional se destacou no campo da saúde, como componente da formação e de atenção à saúde do idoso, a fim de melhorar a qualidade e acesso aos serviços na perspectiva de uma atenção à saúde mais continua e abrangente. A rápida transição demográfica e epidemiológica traz grandes desafios para saúde pública e novas demandas em saúde, como incapacidades funcionais e doenças crônicas,resultando no aumento da complexidade do cuidado, prolongamento do tempo de uso do serviço de saúde e elevação dos gastos em saúde. A colaboração interprofissional tem sido vista como uma estratégia inovadora, que pode ser utilizada para aumentar a efetividade dos sistemas de saúde. Esta prática colaborativa consiste no processo de comunicação continuo e na tomada de decisão, permitindo que os saberes e as habilidades de diversas áreas profissionais atuem de forma sinérgica na equipe profissional e voltada para o paciente e a comunidade. O objetivo desta pesquisa foi analisar a percepção dos profissionais de saúde do Núcleo de Atenção ao idoso da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (NAI/UERJ) em relação à colaboração interprofissional, a fim de compreender os sentidos da colaboração, a interação entre os profissionais e a produção do cuidado. O NAI/UERJ tem como objetivo fornecer assistência qualificada, formar recursos humanos e desenvolver metodologias de práticas interprofissionais no cuidado à população idosa, tendo como referência o cuidado integral à saúde. A pesquisa é um estudo de caso com abordagem qualitativa, que utilizou entrevistas semi-estruturadas como instrumento de coleta de dados e uma revisão de estudos sobre o tema. Participaram da pesquisa 13 profissionais do NAI das áreas de farmácia, medicina, enfermagem, psicologia, fisioterapia e serviço social. As entrevistas foram transcritas e analisadas pela técnica da análise de conteúdo na modalidade temática...
Biblioteca responsável: BR526.1