Your browser doesn't support javascript.

Portal Regional da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Representações dos professores sobre saber histórico escolar

Cad. pesqui; 37(130): 209-226, jan.-abr. 2007.
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: psi-45561
Este artigo apresenta alguns resultados de uma pesquisa de campo realizada em 2002 com o objetivo de compreender como os professores de História do ensino médio representam o saber histórico escolar que produzem cotidianamente na relação com seus alunos. A pesquisa foi formulada com base na teoria das representações de Henri Lefebvre e adotou a metodologia da observação participante interpretativa proposta por Frederick Erickson. Foram observadas aulas de quatro professores de História de uma escola da rede oficial de ensino do Estado de São Paulo durante todo o ano letivo. A análise dos dados sugere que as representações dos professores são marcadas pela oposição sistemática aos chamados "professores tradicionais" e aos "historiadores positivistas"(AU)
This article presents some results of a field research carried out in 2002 with the aim of understanding how History teachers in the secondary school represent the school historical knowledge produced daily in their relationship with the students. The research was formulated based on Henri Lefebvre's representation theory and adopted an interpretative participant observation methodology proposed by Frederick Erickson. Four government school teachers in the State of Sao Paulo were observed during the whole academic year. The data analysis suggests that the teachers' representations are marked by a systematic opposition to the so called(AU)
Biblioteca responsável: BR1151.1
Localização: BR85.1; USP/IP/SBD