Your browser doesn't support javascript.

Portal Regional da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

A arte como dispositivo à recriação de si: uma prática em psicologia social baseada no fazer artístico / Art as a gadget to the recreation of oneself: a practice in social psychology based in artistic making / El arte como dispositivo de recreación de sí: una practica en psicologia social basada en el hacer artístico

Barbarói; (40): 246-263, jan.-jun. 2014.
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: psi-61485
O presente trabalho enfoca a arte como instrumento na prática em psicologia social, por meio do relato da experiência com um grupo de arteterapia. A proposta do grupo, desenvolvido em um centro comunitário de Florianópolis - SC, consistia na realização de variadas atividades artísticas - desenho, pintura, colagem, modelagem em argila, escrita - como um meio para o desenvolvimento (inter)pessoal. As intervenções realizadas e a discussão aqui apresentada fundamentam-se nos aportes da psicologia histórico-cultural e especialmente nas ideias de Vigotski e Bakhtin acerca da arte. O trabalho trouxe resultados positivos aos sujeitos, que na atividade criadora encontraram novas formas de objetivação e subjetivação, desenvolvendo um olhar estético e (re)criando nas obras artísticas imagens outras de si e da vida, transformando-se neste processo.(AU)
Biblioteca responsável: BR1314.1