Your browser doesn't support javascript.

RIPSA

Rede Interagencial de Informações para a Saúde

Sistematizando informação e construindo conhecimento para políticas de saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Prevalência de fatores de risco para o desenvolvimento de pé diabético / Prevalence of risk factors for diabetic foot development / Prevalencia factores de riesgo para el desarrollo pie diabético

Senteio, Juliana de Souza; Teston, Elen Ferraz; Costa, Maria Antônia Ramos; Soares, Verusca de Souza; Novakowski , Dandara.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online); 10(4): 919-925, out.-dez. 2018. tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS - Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde, BDENF - enfermagem (Brasil) | ID: biblio-915523
Objetivo: Identificar a prevalência de fatores de risco para o desenvolvimento de pé diabético. Métodos: Estudo descritivo, com abordagem quantitativa, realizado junto a 71 indivíduos com diabetes mellitus tipo 2 cadastrados em uma Unidade de Saúde da região noroeste do Paraná. Os dados foram coletados por meio de entrevista e exame clínico dos pés e analisados por meio de estatística descritiva. Resultados: Os fatores de risco mais prevalentes para o desenvolvimento de pé diabético foram: pele ressecada (78,9%), utilização de calçados inadequados diariamente (70,4%), rachadura nos pés (60,6%) e presença de calosidade (56,3%). A prevalência do pé de risco para ulceração foi de 35,2%, predominando alterações grau 2 (33,8%). Conclusão: O exame clínico dos pés deve fazer parte da consulta de Enfermagem ao indivíduo com diabetes, para que seja possível a identificação precoce de fatores de risco e posterior planejamento de ações de cuidado