Your browser doesn't support javascript.

RIPSA

Rede Interagencial de Informações para a Saúde

Sistematizando informação e construindo conhecimento para políticas de saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Avaliação das limitações físicas, aspectos psicossociais e qualidade de vida de pessoas atingidas pela hanseníase / Evaluation of the physical limitations, psychosocial aspects and quality of life of people affected by leprosy / Evaluación de las limitaciones físicas, aspectos psicosoconales y calidad de vida de personas atencidas por la hanseniasis

Silva, Paloma Maranhão Ferreira; Pereira, Laura Esteves; Ribeiro, Larissa Lima; Santos, Danielle Christine Moura dos; Nascimento, Raphaela Delmondes do; D'Azevedo, Stephanie Steremberg Pires.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online); 11(1): 211-215, jan.-mar. 2019. graf., tab.
Artigo em Inglês, Português | LILACS - Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde, BDENF - enfermagem (Brasil) | ID: biblio-968500
Objetivo: Avaliar os aspectos referentes as limitações físicas, psicossociais e qualidade de vida das pessoas atingidas pela hanseníase. Método: Estudo quantitativo, transversal. Foram aplicadas as escalas Screening Activity Limitation and Safety Awareness (SALSA), Participação Social e World Health Organization Quality of Life (WHOQOL-bref) com 31 sujeitos. Resultado: Evidenciou-se que a maioria dos participantes apresentava algum grau de restrição física e social. Correlacionando com o grau de incapacidade, destaca-se que os pacientes que apresentaram restrições também possuíam grau II de incapacidade. Quanto à qualidade de vida, o domínio psicológico e o de relações sociais apresentaram as médias mais altas, enquanto o físico e o ambiental tiveram as mais baixas. Conclusão: Afirma-se a necessidade de priorização e intensificação das ações de prevenção de incapacidades da hanseníase