biblioteca virtual en salud

BVS - Literatura Cientifica y Técnica

 

Historico de búsqueda  ()

Su selección  ()

Collapse All  Ocultar
Expand All  Mostrar
Tipo
Texto completo (7453)
Idioma
Año
Resultados  1-10 de 16.188
Enviar resultado
adicionar en sua lista
1.

Análise da taxa de geração de resíduos de serviços de saúde em um hospital universitário/ Analisis de la tasa de produccion de residuos hospitalares en un hospital universitario/ Analysis of the medical waste generation rate in a university hospital

Dias, Gisele Loise; Sarturi, Fernanda; Camponogara, Silviamar; Lima, Suzinara Beatriz Soares de; Lopes, Luis Felipe Dias; Trevisan, Clara Maria
| Idioma(s): Inglés; Portugués
Objective: To identify the medical waste generation rates (kg.bed-1.day-1) for the waste groups A, B, D (including recyclables) and E, and to verify seasonal influence in the generation of waste. Methods: Data were collected by weighing the waste, during seven consecutive days for four weeks, with each week correspondingto a season. Results: The waste generation rate presented the following values in kg.bed-1.day-1 for each group: A: 0.831, B: 0.088, D: 2,607, D-Recyclable: 0.525 and E: 0.102. Based on the analysis of variance (ANOVA) test, it was not found evidence that seasonality influences with the generation of the waste. Conclusion: Hospitals with similar numbers of beds have divergent values for the waste generation rates, therefore it was not possible to use a reference rate for comparison with other hospitals. Finally, the ANOVA test did not found evidence that seasonality influences the generation of the waste.(AU) Objetivo: Identificar as taxas de geração de resíduos do serviço de saúde (kg.leito-1.dia-1) para os grupos de resíduos A, B, D (incluindo os recicláveis) e E verificar a influência da sazonalidade na geração de resíduos. Métodos: Os dados foram coletados através de pesagens desses resíduos, durante sete dias consecutivos, em quatro semanas, sendo que cada semana contemplou uma estação do ano. Resultados: A taxa de geração de resíduos apresentou os seguintes valores em kg.leito-1.dia-1 para cada grupo: A: 0,831, B: 0,088, D:2,607, D-Recicláveis: 0,525 e E: 0,102. Através do teste ANOVA não foram encontradas evidências de que haja influência da sazonalidade na geração dos resíduos. Conclusão: Hospitais com número de leitos semelhantes apresentam taxas de geração de resíduos diferentes, portanto não foi possível utilizar uma taxa de geração de referência para comparação com outros hospitais. Ainda, o teste ANOVA não indicou que a sazonalidade influencia a geração de resíduos.(AU) Objetivo: Identificar las tasas de generación de desechos en los Servicios de Salud (kg.lecho-1.día-1) para los grupos A, B, D (incluyendo materiales reciclables) y E, y comprobar la influencia de la estacionalidad en la generación de desechos. Método: Los datos fueron colectados mediante el pesaje de los desechos, durante siete días consecutivos durante cuatro semanas, con cada semana a corresponder a una temporada. Resultados: La tasa de generación de desechos presentan los siguientes valores en kg.lecho-1.día-1 para cada grupo: A: 0,831, B: 0,088, D: 2607, D-Reciclable: 0.525 y E: 0.102. Con base en el análisis de varianza (ANOVA), no fueron encontradas evidencias de influencia de la estacionalidad en la generación de los desechos. Conclusión: Los hospitales con un número similar de lechos tienen tasas de generación de desechos divergentes, por lo queno fue posible utilizar un valor de referencia para la comparación con otros hospitales. Finalmente, el ANOVA no encontró evidencia de que la estacionalidad influye en la generación de los residuos.(AU)
adicionar en sua lista
2.

Prevalência e preocupação com o risco de quedas em idosos comunitários/ Prevalence and concern to the risk of falls in community elderly people

Vieira, Kay Francis Leal; Baía, Rodrigo Vergetti; Lucena, Adriana Lira Rufino de; Delgado, Anna Raquel Temoteo; Oliveira, Ludmila Barbosa
| Idioma(s): Portugués
Objetivo: verificar a prevalência e a preocupação com o risco de quedas em idosos comunitários. Método: estudo descritivo, de abordagem quantitativa, realizado com 62 idosos participantes de um grupo de convivência. Utilizou-se um questionário e a Escala de Eficácia de Quedas Internacional – FES-I. Resultados: Os participantes eram em sua maioria, do sexo feminino (87,3%), viúvos (42,9%), com escolaridade compatível com o ensino fundamental I (61,9%) e residiam com familiares (71,4%). Destes, 78,8 já haviam sofrido quedas. Os resultados apontaram similaridade no ambiente de ocorrência da queda, externo (51,02%) e domiciliar(48,98). Os partícipes demonstraram preocupação na realização das atividades Atividade Física (Média: 2,79);Atividades de Vida Diária (Média: 1,98) e Atividades Sociais (Média: 1,88). Conclusão: diante da grande incidência de quedas, bem como da preocupação dos idosos com estas ocorrências, ressalta-se a necessidade da identificação dos fatores de risco e, consequente, planejamento estratégico de prevenção, reorganização ambiental e de reabilitação funcional. (AU)
Resultados  1-10 de 16.188