biblioteca virtual en salud

BVS - Literatura Cientifica y Técnica

 

Historico de búsqueda  ()

Su selección  ()

Collapse All  Ocultar
Expand All  Mostrar
Tipo
Texto completo (9091)
Idioma
Año
Resultados  1-10 de 18.495
Enviar resultado
adicionar en sua lista
2.

Descarte de medicamentos: uma questão socioambiental e de saúde/ Medicine dispoasal: a socio-enviromental and health issue/ Descarte de medicamentos: una cuestión socioambiental y de salud

Bandeira, Eliel de Oliveira; Abreu, Daiane Porto Gautério; Lima, Juliana Piveta de; Costa, Cesar Francisco Silva da; Costa, Aline Rodrigues da; Martins, Nidia Farias Fernandes
;
| Idioma(s): Inglés; Portugués
Objetivo: Descrever como é realizado o descarte de medicamentos; avaliar o conhecimento de profissionais que atuam em Unidades de Saúde da Família a respeito do descarte de medicamentos. Método: Pesquisa qualitativa, exploratória, descritiva, realizada com 16 profissionais em quatro Unidades de Saúde da Família de um município do sul do Brasil. A coleta ocorreu por meio de entrevistas semiestruturadas. A análise dos dados foi por meio da análise textual discursiva. Resultados: Os trabalhadores não cumprem os passos do descarte correto. A maioria desconhece a legislação vigente. Os profissionais identificaram a contaminação do meio ambiente, uso indevido dos medicamentos descartados incorretamente e resistência bacteriana aos medicamentos como as principais consequências do descarte incorreto. Conclusão: Esta pesquisa pode contribuir na gestão e na assistência, fazendo com que gestores, profissionais e usuários repensem o seu fazer, melhorando a saúde das pessoas e do meio ambiente Objectives: Describe how the disposal of drugs is carried out; To evaluate the knowledge of professionals working in Family Health Units regarding drug disposal. Methods: Qualitative, exploratory, descriptive research, carried out with 16 professionals in four Family Health Units of a municipality in the south of Brazil. The collection took place through semi-structured interviews. The analysis of the data was through discursive textual analysis. Results: Workers do not follow the steps of the correct disposal, most are unaware of the current legislation, the professionals identified the contamination of the environment, misuse of incorrectly discarded drugs and bacterial resistance to medications as the main consequences of incorrect disposal. Conclusions: This research can contribute to the management and assistance, making managers, professionals and users rethink their doing, improving the health of people and the environment Objetivos: Describir como es realizado lo descarte de medicamentos; evaluar el conocimiento de profesionales que actúan en Unidades de Salud de la Familia acerca del descarte de medicamentos. Métodos: Investigación cualitativa, exploratório, descriptiva, realizada con 16 profesionales en cuatro Unidades de Salud de la Familia de un municipio del sur del Brasil. La recolección ocurrió por medio de entrevistas semi-estructuradas. El análisis de los datos fue por medio del análisis textual discursiva. Resultados: Los trabajadores no cumplen los pasos del descarte correcto, la mayoría desconoce la legislación vigente, los profesionales identificaron la contaminación del medio ambiente, uso indebido de los medicamentos descartados incorrectamente y resistencia bacteriana a los medicamentos como las principales consecuencias del descarte incorrecto. Conclusiones: Esta investigación puede contribuir en la gestión y en la asistencia haciendo con que, gestores, profesionales y usuarios replanteen su hacer, mejorando la salud de las personas y del medio ambiente
adicionar en sua lista
3.

Grupo de convivência para idosos na atenção primária à saúde: contribuições para o envelhecimento ativo/ Conviviality groups for elderly people in primary health care: contributions to active aging/ Grupo de convivencia para ancianos en la atención primaria a la salud: contribuciones para el envejecimiento activo

Previato, Giselle Fernanda; Nogueira, Iara Sescon; Mincoff, Raquel Cristina Luís; Jaques, André Estevam; Carreira, Lígia; Baldissera, Vanessa Denardi Antoniassi
;
| Idioma(s): Inglés; Portugués
Objetivo: Analisar as contribuições do grupo de convivência de idosos para o envelhecimento ativo na perspectiva de seus participantes.Método:Estudo qualitativo, exploratório-descritivo, realizado com 14 idosos participantes de um grupo de convivência de uma Unidade Básica de Saúde. Os dados foram coletados por meio de entrevistas semi estruturadas, submetidas à análise de conteúdo de Bardin e analisadas à luz da Política de Envelhecimento Ativo. Resultados: Emergiram três categorias temáticas:"Grupo de convivência como oportunidade de lazer socializante para idosos"; "Grupo de Convivência como espaço de aprendizagem para os idosos"; "A importância do Grupo de Convivência no processo de promoção da saúde e envelhecimento ativo dos idosos".Conclusão: A percepção dos idosos frente a participação no grupo de convivência remeteu a momentos de lazer, socialização, aprendizado e melhora da saúde física e mental, contribuindo para ampliar a qualidade de vida enquanto envelhecimento ativo Objective: To analyze the contributions of the elderly conviviality groups to active aging from the perspective of their participants. Methodology: A qualitative study, exploratory-descriptive, carried out with 14 elderly people from a conviviality groups of a Basic Health Unit. Data were collected through semi-structured interviews, submitted to content analysis and analyzed in light of the Active Aging Policy And World Aging and Health Report. Results: Three thematic categories emerged: "Conviviality groups as a socializing leisure opportunity for the elderly""; "Conviviality groups as a learning space for the elderly"; "The importance of the conviviality groups in the process of health promotion and active aging of the elderly". Conclusion: It was analyzed that the perception of the elderly regarding the participation in the conviviality groups referred to moments of leisure, socialization, learning and improvement of physical and mental health, contributing to increase the quality of life as an active aging Objetivo: Analizar las contribuciones del grupo de convivencia de ancianos para el envejecimiento activo en la perspectiva de sus participantes.Metodología: Estudio cualitativo, exploratorio-descriptivo, realizado con 14 ancianos participantes de un grupo de convivencia de una Unidad Básica de Salud. Los datos fueron recolectados por medio de entrevistas semiestructuradas, sometidas a análisis de contenido y analizadas a la luz de la Política de Envejecimiento Activo E Informe Mundial del Envejecimiento y Salud. Resultados: emergieron tres categorías temáticas: "Grupo de convivencia como oportunidad de ocio socializante para ancianos"; "Grupo de Convivencia como espacio de aprendizaje para los ancianos"; "La importancia del Grupo de Convivencia en el proceso de promoción de la salud y envejecimiento activo de los ancianos". Conclusión: Se analizó que la percepción de los ancianos frente a la participación en el grupo de convivencia remitió a momentos de ocio, socialización, aprendizaje y mejora de la salud física y mental, contribuyendo a ampliar la calidad de vida como envejecimiento activo
adicionar en sua lista
4.

Saúde do trabalhador no ambiente hospitalar: fatores de risco para síndrome de burnout/ Health of workers in the hospital environment: risk factors for burnout syndrome

Santos, Erick Natividade dos; Boas, Ludmilla Lima Vilas; Miranda, Avanilde Paes; Erick Natividade dos Santos, Ítalo Jefferson Silva de França, Ludmilla Lima Vilas Boas, Avanilde Paes Miranda
;
| Idioma(s): Portugués
Conhecer os fatores de risco aos enfermeiros e técnicos de enfermagem no ambiente de trabalho que possibilite a ocorrência de Síndrome de Burnout. Trata-se de um estudo analítico, observacional, com corte transversal, quantitativo. A coleta de dados foi realizada pelas pesquisadoras em uma Unidade de Terapia Intensiva com enfermeiros e técnicos de enfermagem, no período de novembro a dezembro/2017. A amostra contemplou 100% profissionais, foi realizado com profissionais lotados. Observa-se que 79,17% tem idade entre 20 a 30 anos incompletos, 100% são do sexo feminino. A maioria referiram sempre apresentar sintomas à síndrome de burnout, assim como, sintomas somáticos segundo Maslach Burnout Iventory que afirmaram apresentar às vezes. o desafio da promoção da saúde no trabalho e da prevenção do burnout, torna-se ainda maior na medida em que é exigido um diálogo permanente entre o planejamento, a execução e gestão.(AU)
adicionar en sua lista
5.

Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde: uma análise de conteúdo/ International Classification of Functioning, Disability and Health: a content analysis/ Clasificación Internacional del Funcionamiento, de la Discapacidad y de la Salud: un análisis de contenido

Piexak, Diéssica Roggia; Cezar-Vaz, Marta Regina; Bonow, Clarice Alves
;
| Idioma(s): Inglés; Portugués
Objetivo: Produzir uma análise de conteúdo da Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde. Métodos: Trata-se de uma análise de conteúdo para descrever e interpretar os conteúdos da Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde, a partir de uma perspectiva qualitativa e com aporte teórico de Georges Canguilhem em "O Normal e o Patológico". Resultados: Emergiram as seguintes categorias: Organismo biológico e a relação de normalidade/patologia; Incapacidade e funcionalidade influenciadas pelo ambiente. Conclusão: A normatividade contida na Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde, por princípio, não atende a diversidade da população, apesar disso, apresenta uma tentativa de articulação dos modelos médico e social, o que pode ampliar a perspectiva dos enfermeiros acerca da relação do ambiente e do corpo na patologia e na normalidade, para além das métricas Objective: The study's purpose has been to produce a content analysis of the International Classification of Functioning, Disability and Health, aiming to describe and interpret it. Methods: It is a research with a qualitative approach and showing a theoretical basis of Georges Canguilhem in "The Normal and the Pathological". Results: Based on the findings, the following categories appeared: Biological organism and the normality/pathology relationship; Disability and functioning influenced by the environment. Conclusion: It is concluded that the normatively contained in International Classification of Functioning, disability and Health, by principle, does not meet the population diversity. Nonetheless, it shows an articulate attempt towards medical and social models, which can extend the nurses' perspective beyond metrics, with regards to the relation of environment and body under pathological and normal condition Objetivo: Producir un análisis de contenido de la Clasificación Internacional del Funcionamiento, de la Discapacidad y de la Salud. Método: Se trata de una análisis de contenido para describir e interpretar los contenidos de la Clasificación Internacional del Funcionamiento, de la Discapacidad y de la Salud, desde una perspectiva cualitativa y una base teórica de Georges Canguilhem en "Lo normal y lo patológico." Resultados: Surgieron las siguientes categorías: organismo biológico y la relación de la normalidad/ patología; discapacidad y funcionalidad influenciadas por el ambiente. Conclusión: Se llegó a la conclusión de que la normatividad contenida en la Clasificación Internacional del Funcionamiento, de la Discapacidad y de la Salud, en principio, no comprende la diversidad de la población, aunque presenta un intento de articular los modelos médicos y sociales, lo que puede ampliar la perspectiva de los enfermeros sobre la relación del ambien te y del cuerpo en la patología, y en la normalidad, además de las métricas
adicionar en sua lista
6.

Determinação ou determinantes sociais da saúde: texto e contexto na américa latina/ Social determination or social determinants of health: text and context in latin america/ Determinación o determinantes sociales de la salud: texto y contexto en américa latina

Borghi, Carolina Michelin Sanches de Oliveira; Oliveira, Rosely Magalhães de; Sevalho, Gil
| Idioma(s): Portugués
Resumo Determinação social da saúde e determinantes sociais da saúde têm se apresentado como sinônimos em um contexto de retomada do tema. A concepção de determinação e determinantes e a historicidade desses modelos teóricos transcende o plano acadêmico, ao se considerar a particularidade envolvendo saúde pública, saúde coletiva e medicina social, em que ciência e política se relacionam estreitamente. Ao se delinearem diferenças entre essas denominações, procura-se neste ensaio recuperar, no plano teórico, a elaboração de determinação social da saúde, destacando sua relação com o conhecimento produzido na América Latina e sua repercussão no Brasil, bem como as influências dos paradigmas científicos, epistemológicos, arcabouços teóricos e projetos em disputa nesse campo. Para abranger dimensões políticas e acadêmicas que os modelos teóricos comportam, recorremos ao auxílio de autores que transitam entre diferentes campos de conhecimento. Sem a pretensão de esgotar todos os possíveis pontos de contemplação que nossa incursão proporcionou, apresentamos uma síntese de nossa concepção do modelo teórico de determinantes sociais da saúde e sobretudo de determinação social da saúde, que propomos desmembrar em duas categorias, determinação estrutural e determinação estrutural-relacional, para, ao enfatizar epistemologicamente a complexidade, permitir melhor contemplação de avanços teóricos e metodológicos. Abstract The social determination of health and the social determinants of health have been presented as synonyms in a context in which this topic is being revisited. The conception of determination and determinants and the historicity of these theoretical models transcend the academic realm, once we consider the particularity involving public health, collective health, and social medicine, in which science and politics have a close relationship. Through the description of the differences between these two terms, our aim in this essay was to bring back, in theory, the elaboration of the social determination of health, highlighting its relationship with the knowledge produced in Latin America and its repercussions in Brazil, as well as the influences of the scientific and epistemological paradigms, the set of theories, and the projects that are in dispute in this field. In order to encompass the academic and political dimensions contained in the theoretical models, we sought the help of authors that move among different fields of knowledge. Without the intention of covering all of the points of observation that our incursion provided, we present a summary of our conception of the theoretical model of the social determinants of health and, chiefly, of the social determination of health, which we suggest should be divided into two categories, structural determination and structural-relational determination, in order to enable a better observation of the theoretical and methodological improvements, by emphasizing complexity epistemologically. Resumen La determinación social de la salud y los determinantes sociales de la salud se han presentado como sinónimos en un contexto de reanudación del tema. La concepción de determinación y determinantes, y la historicidad de estos modelos teóricos, transcienden el plano académico, al considerarse la particularidad que implica salud pública, salud colectiva y medicina social, en donde ciencia y política están estrechamente relacionadas. Al establecerse diferencias entre éstas denominaciones, en este ensayo se busca recuperar, en el plano teórico, el desarrollo de la determinación social de la salud, destacando su relación con el conocimiento producido en América Latina y su repercusión en Brasil, así como las influencias de los paradigmas científicos, epistemológicos, marcos teóricos y proyectos en disputa en este campo. Para abarcar dimensiones políticas y académicas que los modelos teóricos comportan, recurrimos a la ayuda de autores que transitan entre diferentes campos de conocimiento. Sin la pretensión de agotar todos los posibles puntos de vista que nuestra incursión proporciona, presentamos una síntesis de nuestra concepción del modelo teórico de determinantes sociales de la salud y principalmente de la determinación social de la misma, que proponemos desmembrar en dos categorías, determinación estructural y determinación estructural-relacional, de manera que al enfatizar epistemológicamente la complejidad, permita una mejor visión de los avances teóricos y metodológicos.
adicionar en sua lista
7.

Norma técnica de salud: Gestión integral y manejo de residuos sólidos en establecimientos de salud, servicios médicos de apoyo y centros de investigación/ Technical health standard: Integral management and solid waste management in health establishments, medical support services and research centers

Perú. Ministerio de Salud; Dirección General de Salud Ambiental e Inocuidad Alimentaria; Ministerio del Ambiente
;
| Idioma(s): Español
Contribuir a brindar seguridad al personal, pacientes y visitantes de los establecimientos de salud (EESS), servicios médicos de apoyo (SMA) y centros de Investigación (CI), públicos, privados y mixtos a nivel nacional, a fin de prevenir, controlar y minimizar los riesgos sanitarios, ocupacionales y ambientales por la gestión y manejo inadecuado de sus residuos sólidos que generan, así como disminuir el impacto negativo a la salud pública y al ambiente que éstos producen.
adicionar en sua lista
8.

Pesquisa genética com seres humanos e repartição de benefícios econômicos decorrentes de biopatentes: perspectivas biojurídicas para políticas de saúde pública no Brasil/ Genetic research with human beings and the distribution of economic benefits derived from biopatents: bio-juridical perspectives for public health policies in Brazil

Myszczuk, Ana; Meirelles, Jussara Leal de
| Idioma(s): Portugués
Resumo Analisa-se a possibilidade de repartição de benefícios econômicos decorrentes de biopatentes advindas de pesquisas genéticas com seres humanos. Parte da pergunta: qual o cenário atual da repartição de benefícios econômicos das biopatentes decorrentes de pesquisas genéticas com seres humanos e as perspectivas para a saúde pública no Brasil? O objetivo principal é delinear um panorama atual sobre o tema, internacionalmente e no Brasil, bem como estabelecer prognóstico das possibilidades para a saúde pública no país. Para tanto, utiliza os procedimentos da pesquisa bibliográfica e documental. Apresenta experiências de outros países, como possível base para análise de direitos econômicos dos pesquisadores e a manutenção de um sistema sustentável de saúde pública. Nacionalmente, conclui que a Lei de Acesso à Biodiversidade é um caminho possível, uma vez que determina que a repartição de benefícios econômicos ocorra somente em caso de exploração comercial do invento e não com o depósito da biopatente. Como resultado principal, conclui que, em virtude da necessidade da concretização do direito humano ao acesso à saúde, pensar a possibilidade de repartição de benefícios econômicos decorrentes de biopatentes é uma questão de saúde pública e da construção de um sistema público de saúde universal e sustentável. Abstract The possibility of sharing economic benefits from biopatents derived from genetic research with human beings is analyzed. One starts from the following question: what is the current scenario of the distribution of economic benefits stemming of biopatents from genetic research with humans and the perspectives for public health in Brazil? The main objective is outlining a current panorama on the subject, both internationally and in Brazil, as well as establishing a prognosis of public health possibilities in the country. To do so, bibliographical and documentary research procedures are employed. Experiences from other countries are presented as a possible basis for analyzing the researchers' economic rights and for maintaining a sustainable public health system. Nationally, one can conclude that the Law of Access to Biodiversity is a possible route, as it determines that the distribution of economic benefits should occur only in case of commercial exploitation of the invention, and not with the bio-patent deposit. As the main result, it is concluded that, due to the need for materializing the human right to health, thinking about the possibility of sharing economic benefits derived from biopatents is a matter of public health, leading to the construction of a universal and sustainable public health system.
adicionar en sua lista
9.

Assistência dos profissionais da Estratégia Saúde da Família na atenção à mulher vítima de violência/ Assistance from Strategy professionals Family Health Care for the female victim of violence

Villa, Lorena Baltazar Nunes; Almeida, Camila Aparecida Pinheiro Landim; Santos, Rosimeire Ferreira dos; Lago, Eliana Campelo; Tapety, Fabrício Ibiapina; Ribeiro, Ivonizete Pires
;
| Idioma(s): Portugués
O objetivo do estudo foi analisar a assistência dos profissionais de saúde da Estratégia Saúde da Família na atenção à mulher vítima de violência. Realizou-se um estudo qualitativo, com 12 profissionais de saúde que compõem as equipes de saúde de três Unidades Básicas de Saúde. A coleta de dados foi realizada por meio de entrevistas semiestruturadas e os dados foram analisados de acordo com a análise de conteúdo temática proposta por Bardin. Emergiram as seguintes categorias: Formação e capacitação dos profissionais de saúde; Assistência a casos de violência contra a mulher; Dificuldades na atenção à mulher vítima de violência; Demanda de casos de violência contra a mulher na Estratégia Saúde da Família e Políticas públicas no combate à violência contra a mulher. Considera-se fundamental que essa temática seja mais explorada, pelo fato desse fenômeno se constituir demanda diária nas instituições de saúde e sua produção científica ainda ser relativamente carente frente ao avanço da mesma no contexto geral da saúde.(AU)
adicionar en sua lista
10.

Mortalidade materna e a prática educativa na atenção primária à saúde/ Maternal mortality and educational practice in primary health care

Tinoco, Tayane Fraga; Acioli, Sonia; Neto, Mercedes; Silva, Lucimara Alves
;
| Idioma(s): Portugués
O presente estudo se trata de uma Revisão Integrativa que tem como objetivo analisar as publicações que retratam o desenvolvimento da prática educativa relacionado à prevenção de mortalidade materna na APS brasileira. A partir da perspectiva de que a mortalidade materna atinge mulheres de diferentes formas devido a fatores socioeconômicos, entende-se que a Educação em Saúde desenvolvida na APS pode ser instrumento de prevenção. A partir dos 08 artigos selecionados, notou-se que a mortalidade materna reflete as desigualdades sociais vividas no Brasil. Além disso, é necessário o fortalecimento da APS para garantia de acesso à saúde e ter na prática educativa a construção coletiva da saúde da mulher com qualidade.(AU)
Resultados  1-10 de 18.495