Your browser doesn't support javascript.

Secretaria de Estado da Saúde - BVS

Rede de Informação e Conhecimento

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Prevalência de parasitoses em trabalhadores de restaurantes de Caxias do Sul ­ RS / Prevalence of parasitic infections in restaurant employees in Caxias do Sul, RS, Brazil

Porto, Letícia Pereira; Cavagnolli, Natália Inês; Reis, Daniel Silva dos; Spada, Patrícia Kelly Wilmsen Dalla Santa; Rodrigues, Adriana Dalpicolli.
Rev. patol. trop; 45(1): 115-120, fev. 2016. tab
Artigo Português | LILACS | ID: biblio-913004

Resumo

A qualidade higiênico-sanitária como fator de segurança alimentar tem sido amplamente estudada e discutida mundialmente. No Brasil, apesar da relevância e da atualidade do problema das contaminações dos alimentos e dos manipuladores por microorganismos, são poucas as pesquisas que avaliam a ocorrência de enteroparasitoses nesses trabalhadores. Alimentos consumidos que estejam contaminados por estruturas parasitárias do meio ambiente ou por manipuladores infectados formam a cadeia de transmissão dessas parasitoses, sendo este um dos mais importantes meios de disseminação. O objetivo deste estudo foi investigar a prevalência de parasitoses em trabalhadores de restaurantes de Caxias do Sul. Foram analisados laudos de exames parasitológicos de fezes (EPF) realizados entre 2011 e 2014 em um laboratório da cidade de Caxias do Sul. Dos 331 resultados de EPF avaliados, observou-se a presença de parasitos em 10,3%, sendo 44,1% de Endolimax nana, 32,4% de Entamoeba coli, 14,7% de Giardia duodenalis, 5,9% de Trichuris trichiura e 2,9% de Enterobius vermicularis. Ficou evidenciada, entre os manipuladores de alimentos, a existência de portadores e transmissores de parasitos, o que reforça a necessidade de medidas efetivas de saúde pública que controlem ou, ao menos, minimizem os riscos de infecção e contaminação, além de destacar a importância da realização de exames periódicos de fezes em trabalhadores envolvidos no manuseio de alimentos
Biblioteca responsável: BR816.9
Selo DaSilva