Your browser doesn't support javascript.

Secretaria de Estado da Saúde - BVS

Rede de Informação e Conhecimento

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Caracterização de genes de resistência antimicrobiana e seu contexto genético em Klebsiella spp. produtoras de KPC isoladas de hospitais do Estado de São Paulo / Characterization of antimicrobial resistance genes and their genetic context in Klebsiella spp. producers of KPC isolated from hospitals in the State of São Paulo

Bueno, Maria Fernanda Campagnari.
São Paulo; s.n; 2017. 177 p. ilus, mapas, tab.
Tese Português | SES SP - Centro de Documentação/CCD | ID: ses-36135

Resumo

Klebsiella pneumoniae produtoras de ESBL estão frequentemente envolvidas em infecções relacionadas à assistência à saúde (IRAS). ESBL são capazes de hidrolisar todas as penicilinas, cefalosporinas de amplo espectro e aztreonam, sendo os carbapenêmicos o fármaco de escolha para infecções por microrganismos produtores de ESBL. Porém, Klebsiella spp. produtoras de carbapenemases tem se tornado cada vez mais frequentes. Além disso, já foi descrita, no Brasil, K. pneumoniae produtoras da 16S RMTase, RmtD, uma enzima que confere resistência em nível elevado para todos os aminoglicosídeos, tornando as opções terapêuticas bastante limitadas. O objetivo desse trabalho foi caracterizar genes de resistência responsáveis pela produção de ESBL, carbapenemases e 16S RMTases e seu contexto genético em Klebsiella spp. produtoras de KPC isoladas de amostras clínicas provenientes de hospitais do Estado de São Paulo. Cem cepas de Klebsiella spp., isoladas de 2009 a 2011, previamente confirmadas como produtoras de KPC, foram submetidas a PCR para detecção de blaSHV, blaTEM, blaCTX-M, blaCTX-M-15, blaCTX-M-2, blaCTX-M-8, blaGES-1, blaVIM, blaIMP, blaSPM, blaNDM, blaOXA- 48, armA, rmtA, rmtB rmtC e rmtD e sequenciamento de DNA. Para as cepas negativas para os genes blaSHV foram realizadas a identificação de Klebsiella spp.a partir de provas bioquímicas, PCR Multiplex para detecção dos genes blaSHV, blaLEN e blaOKP e sequenciamento dos genes 16S rRNA e rpoB. Experimentos de transformação e clonagem foram utilizados para a identificação...(AU)
Biblioteca responsável: BR91.2
Localização: BR91.2; W4, B928c
Selo DaSilva