Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Prevalência de flebite relacionada ao uso de dispositivos intravenosos periféricos em crianças / Prevalence of phlebitis related to the use of peripheral intravenous devices in children / Prevalencia de flebitis relacionada al uso de dispositivos intravenosos periféricos en niños

Bitencourt, Elessandra Souza; Leal, Camila Nunes; Boostel, Radamés; Mazza, Verônica de Azevedo; Felix, Jorge Vinícius Cestari; Pedrolo, Edivane.
Cogitare enferm; 23(1): 1-9, jan - mar. 2018.
Artigo em Inglês, Português | LILACS-Express | ID: biblio-879935

OBJETIVO:

Avaliar a prevalência de flebite relacionada ao uso de dispositivos intravenosos periféricos em crianças em um hospital universitário.

MÉTODO:

Estudo descritivo e retrospectivo, quantitativo, com base em dados provenientes da ficha de notificação de flebite relacionada à terapia intravenosa periférica, no período de junho de 2011 a junho de 2014, da unidade de terapia intensiva pediátrica, na cidade de Curitiba-PR.

RESULTADOS:

De um total de 1306 cateteres, foram notificados 339 casos de flebite (prevalência de 26%) no período de três anos. A prevalência de flebite foi de 34% nas crianças de 0 a 2 anos e de 30,2% (n=179) no sexo feminino. Quanto à classificação das flebites 82,6% (n=280) eram de Grau 1 e o tempo médio de permanência do dispositivo foi de 49,92 ± 43,19 horas.

CONCLUSÃO:

Os dados apresentados demonstram alta prevalência de flebite em pacientes pediátricos e a necessidade de buscar medidas que reduzam esses eventos (AU).
Biblioteca responsável: BR1508.9