Your browser doesn't support javascript.

Portal de Búsqueda de la BVS

Información y Conocimiento para la Salud

Home > Búsqueda > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportación:

Exportar

Email
Adicionar mas contactos
| |

Psicossomático ou somatopsicótico?: análise crítica da medicina psicossomática

Sandler, Paulo Cesar.
Psicanálise, Porto Alegre; 10(1): 165-185, 2008.
Artículo en Portugués | Bivipsil | ID: psa-5710
Este estudo propõe o exame, ilustrado com casos clínicos, das bases científicas da assim chamada “medicina psicossomática”; bases essas subjacentes aos conceitos e às afirmações em medicina, como em qualquer ciência. As afirmações examinadas são: (i) a mente causadoenças do corpo, (ii) depressão causa câncer, (iii) estresse causa enfarte do miocárdio e outras afecções, e (iv) linguagem do corpo. Utilizam-se teorias do conhecimento derivadas(i) do Iluminismo, (ii) do Positivismo e (iii) da ciência moderna, apresentadas aqui de modo breve. Há indicações de uma divisão artificiosa entre corpo e mente, provocando investigações, pendendo ora para um lado, ora para outro sem se perguntar se esses “lados” existem em realidade. Tal divisão reflete-se no aparecimento da “medicina psicossomática” e nos persistentes problemas criados no e por esse campo. Os resultados do “teste” epistemológico e psicanalítico permitem uma análise crítica do modelo psicossomático, que parece não ter sido bem-sucedido em sua corajosa abordagem holística, demandando alternativa. Incluem-se recomendações de conduta médica no que tange aos pacientes vistos como “psicossomáticos”.(AU)
Biblioteca responsable: BR1712.1
Ubicación: BR1712.1