Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 59
Filtrar
Mais filtros








Intervalo de ano de publicação
1.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 74(3): 412-418, May-June 2022. tab, ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1383769

RESUMO

This retrospective case series study describes the clinical and vascular ultrasound findings of 26 dogs diagnosed with abdominal thrombosis. Images were selected based on the detection of intravascular echogenic thrombus or the absence of vascular flow on color Doppler, confirmed by surgery or necropsy. Images were acquired using the Mylab 40 model, with linear and microconvex multifrequency probes. All the reports were evaluated along with the corresponding images by a veterinary diagnostic imaging radiologist. The ultrasonographic aspects evaluated were echogenicity (92.3%), anechogenicity (7.7%), vascularization (11.5%), mineralization (15.4%), and recanalization (7.7%) of the thrombosis. The vascular and hemodynamic findings were dilation of the affected vein (57.7%), total occlusion of blood flow (30.8%), presence of turbulent flow (65.38%), and visualization of smoke signal (blood flow detected as moving echogenic points in dynamic bidimensional mode) (11.5%). Neoplasms (19 cases) and nephropathies (13 cases) were the most common clinical conditions in the affected dogs. Eleven cases of vascular invasion due to adrenal neoplasms were identified. The results indicate that the vascular ultrasound examination is an important method for diagnosis, as 23 of the 26 cases did not show any clinical signs of thrombosis.


Este estudo de série de casos retrospectivos descreve os achados clínicos e ultrassonográficos vasculares de 26 cães diagnosticados com trombose. As imagens foram selecionadas baseadas na detecção de trombo ecogênico intravascular ou na ausência de fluxo vascular ao Doppler colorido, confirmado por cirurgia ou necropsia. O equipamento utilizado na aquisição das imagens foi o modelo Mylab 40, com probes multifrequenciais linear e microconvexa. Todos os relatórios foram avaliados com as imagens correspondentes por um veterinário radiologista. As características ultrassonográficas avaliadas foram: ecogenicidade (92,3%), anecogenicidade (7,7%), vascularização (11,5%), mineralização (15,4%) e recanalização (7,7%) das tromboses. Os achados vasculares e hemodinâmicos observados foram: dilatação da veia afetada (57,7%), oclusão total do fluxo sanguíneo (30,8%), presença de fluxo turbulento (65,38%) e visibilização do sinal de fumaça (fluxo vascular visível como pontos ecogênicos em modo bidimensional dinâmico) (11,5%). As neoplasias (19 casos) e as nefropatias (13 casos) foram as condições clínicas mais comuns nos cães afetados. Foram identificados 11 casos de invasão vascular decorrentes de neoplasia de adrenais. Os resultados indicaram que o exame ultrassonográfico vascular é um método importante para diagnóstico, considerando-se que, em 23 casos, não ocorreram sinais clínicos determinantes de trombose.


Assuntos
Animais , Cães , Trombose , Doenças do Cão/diagnóstico por imagem , Nefropatias , Neoplasias
2.
Top Companion Anim Med ; 44: 100529, 2021 Aug.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-33631383

RESUMO

A 6-months-old male mixed-breed dog was admitted to the veterinary hospital with lameness in the right pelvic limb, proprioceptive ataxia, and suspected spinal cord injury in the lumbosacral segment. Upon palpation, firm nodules were noted on the bony surface of the thoracic and pelvic limbs, ribs, vertebrae, and tail. The radiographic study showed nodules of low radiopacity with well-defined limits and smooth contours, one of which was overlapping the fifth lumbar vertebra. Given the clinical presentation indicative of spinal cord injury, the animal was subjected to hemilaminectomy for nodular resection. Histopathological examination of the biopsy enabled the diagnosis of osteochondroma. The clinical follow up after surgery showed improvement in walking, despite persistent monoparesis in the right pelvic limb. The radiographic study in association with clinical and histopathological exams allowed the diagnosis and monitoring of the lesions.


Assuntos
Doenças do Cão , Exostose Múltipla Hereditária , Compressão da Medula Espinal , Doenças da Medula Espinal , Traumatismos da Medula Espinal , Animais , Doenças do Cão/diagnóstico por imagem , Doenças do Cão/cirurgia , Cães , Exostose Múltipla Hereditária/veterinária , Vértebras Lombares/diagnóstico por imagem , Masculino , Compressão da Medula Espinal/veterinária , Doenças da Medula Espinal/veterinária , Traumatismos da Medula Espinal/veterinária
3.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 72(4): 1271-1276, July-Aug. 2020. tab, ilus
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1131521

RESUMO

The objective of this study was to calculate the collapsibility index (CI) in a group of 15 healthy adult mixed breed cats via right hepatic intercostal ultrasound view. The minimal and the maximal diameters of the caudal vena cava (CVC) were obtained during inspiration and expiration, respectively, then CI was calculated. The mean diameter of the CVC was 0.5cm. The mean CI was 28±3% and CI was not significantly associated with gender. As in human medicine, there is a growing need for less invasive monitoring in small animal practice. The CI enables the assessment of estimated volemia without the need for a central venous catheter. This is the first reported study investigating CI in cats.(AU)


O objetivo deste estudo foi calcular o índice de colapsabilidade (IC) em um grupo de 15 gatos adultos, saudáveis e SRD, por meio da janela ultrassonográfica hepática intercostal direita. Os diâmetros mínimo e máximo da veia cava caudal (VCC) foram obtidos durante a inspiração e a expiração, respectivamente. O IC foi calculado, posteriormente. O diâmetro médio da VCC foi de 0,5cm. O diâmetro médio do IC foi de 28±3%, e o IC não foi significativamente associado ao gênero. Como na medicina humana, há uma necessidade crescente de monitoramento menos invasivo na prática de pequenos animais. O IC possibilita a avaliação da volemia estimada sem a necessidade de um cateter venoso central. Este é o primeiro estudo relatado sobre IC em gatos domésticos.(AU)


Assuntos
Animais , Gatos , Veias Cavas/anatomia & histologia , Pressão Venosa Central/fisiologia , Ultrassonografia
4.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 72(4): 1271-1276, July-Aug. 2020. tab, ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-30237

RESUMO

The objective of this study was to calculate the collapsibility index (CI) in a group of 15 healthy adult mixed breed cats via right hepatic intercostal ultrasound view. The minimal and the maximal diameters of the caudal vena cava (CVC) were obtained during inspiration and expiration, respectively, then CI was calculated. The mean diameter of the CVC was 0.5cm. The mean CI was 28±3% and CI was not significantly associated with gender. As in human medicine, there is a growing need for less invasive monitoring in small animal practice. The CI enables the assessment of estimated volemia without the need for a central venous catheter. This is the first reported study investigating CI in cats.(AU)


O objetivo deste estudo foi calcular o índice de colapsabilidade (IC) em um grupo de 15 gatos adultos, saudáveis e SRD, por meio da janela ultrassonográfica hepática intercostal direita. Os diâmetros mínimo e máximo da veia cava caudal (VCC) foram obtidos durante a inspiração e a expiração, respectivamente. O IC foi calculado, posteriormente. O diâmetro médio da VCC foi de 0,5cm. O diâmetro médio do IC foi de 28±3%, e o IC não foi significativamente associado ao gênero. Como na medicina humana, há uma necessidade crescente de monitoramento menos invasivo na prática de pequenos animais. O IC possibilita a avaliação da volemia estimada sem a necessidade de um cateter venoso central. Este é o primeiro estudo relatado sobre IC em gatos domésticos.(AU)


Assuntos
Animais , Gatos , Veias Cavas/anatomia & histologia , Pressão Venosa Central/fisiologia , Ultrassonografia
5.
R. bras. Reprod. Anim. ; 44(2): 50-56, abr.-jun. 2020. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-28772

RESUMO

A ultrassonografia gestacional em pequenos animais permite, além da confirmação e do monitoramento da prenhez, a detecção precoce de malformações e anormalidades fetais, representando uma importante ferramenta de acompanhamento pré-natal. Médicos veterinários, tutores e criadores podem beneficiar-se deste diagnóstico, uma vez que o conhecimento prévio de anormalidades fetais que exigem cirurgia ou intervenções neonatais permite o planejamento adequado por parte destes indivíduos. Na medicina humana, a detecção precoce de anormalidades fetais já é amplamente empregada no planejamento da conduta em relação à gestante e ao feto antes e após o nascimento. Em medicina veterinária, apesar de escassos, há relatos de malformações fetais diagnosticadas ao exame ultrassonográfico gestacional em pequenos animais. Entretanto, limitações inerentes ao aparelho, ao operador e à anatomia animal podem limitar o diagnóstico na totalidade dos exames, levando à ocorrência de diagnósticos falso-positivos e falso-negativos.(AU)


Gestational ultrasonography in small animals allows, in addition to the confirmation and monitoring of pregnancy, the early detection of malformations and fetal abnormalities, representing an important prenatal monitoring tool. Veterinarians, owners and breeders may benefit from this diagnosis, since prior knowledge of fetal abnormalities that require surgery or neonatal interventions allows adequate planning for these individuals. In human medicine, the early detection of fetal abnormalities is already widely used in planning the conduct in relation to the pregnant woman and the fetus before and after birth. In veterinary medicine, although there are few, there are reports of fetal malformations diagnosed at the ultrasound gestational examination in small animals. However, limitations inherent in the device, the operator and the animal anatomy may limit the diagnosis in all the exams, leading to the occurrence of false positive and false-negative diagnoses.(AU)


Assuntos
Animais , Gatos , Cães , Cães , Gatos , Ultrassonografia Pré-Natal/veterinária , Feto/anormalidades
6.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 71(3): 863-868, May-June 2019. ilus
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1011319

RESUMO

Portosystemic shunt (PSS) is an anomalous vascular connection between the portal venous system and the systemic circulation. These deviations connect the main portal vein (PV) or some portal branches to the vena cava (VC) or, less commonly, to the azygos vein (AV). The purpose of this case report was to describe the diagnosis of PSS in a dog classified as porto-azygos. This diagnosis is considered uncommon compared to other portosystemic shunts using ultrasonography and portography. The subject was a male dog, Yorkshire, 8 months old, presented neurological signs characterized by head press, ataxia, tremors and episodes of temporary blindness and deafness. Ultrasonographic examination revealed a dilated and curved anomalous vessel with approximately 0.6cm of diameter and turbulent flow seen through pulsed and color Doppler, and segmental dilation of the azygos vein. The portography revealed enhancement by iodinated contrast in the jejunal vein, the portal vein and an anomalous vessel flowing towards the azygos vein in the craniodorsal region of the abdomen. The PSS was surgically corrected with an ameroid constrictor. Ultrasonography and portography were effective at detecting and characterizing the portoazygos shunt despite some limitations.(AU)


Shunt portossistêmico (SPS) é uma comunicação vascular anômala entre o sistema venoso portal e a circulação sistêmica. Esses desvios comunicam a VP ou alguma de suas tributárias à veia cava ou, menos comumente, à veia ázigos (VA). O objetivo do presente estudo foi descrever o diagnóstico, por meio de ultrassonografia e portografia, de um caso de shunt extra-hepático em cão, classificado como portoázigos e considerado incomum quando comparado aos demais tipos de desvio portossistêmico. Um cão, macho, raça Yorkshire, oito meses de idade, chegou ao Hospital Veterinário da Universidade Federal de Minas Gerais apresentando sinais neurológicos, caracterizados por andar apoiando a cabeça na parede, ataxia, tremores, episódios de cegueira e surdez. Ao exame ultrassonográfico, observou-se vaso anômalo calibroso e tortuoso de aproximadamente 0,6cm de diâmetro e fluxo turbulento ao Doppler pulsado e colorido, bem como dilatação segmentar da VA. A portografia revelou realce de contraste iodado em veia jejunal, porta e vaso anômalo (shunt) seguindo em direção à VA em região dorsal do abdômen. Foi realizada a correção cirúrgica do SPS por meio de anel ameroide. A ultrassonografia e a portografia foram eficientes na detecção e caracterização do shunt portoázigos, mesmo que com algumas limitações.(AU)


Assuntos
Animais , Masculino , Cães , Derivação Portossistêmica Cirúrgica/veterinária , Doenças do Cão/diagnóstico por imagem , Portografia/veterinária , Ultrassonografia Doppler em Cores/veterinária
7.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 71(3): 833-836, May-June 2019. ilus
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1011311

RESUMO

A 3 year old female feline of mixed breed was sent to the diagnostic imaging sector under suspicion of bleeding due to ovariohysterectomy. An abdominal ultrasonography was performed to confirm the initial suspicion. However, no signs of bleeding were found, instead it was observed that the left renal silhouette had two pelvises and was elongated and larger than normal. The right kidney was not found. Excretory urography was requested to evaluate the condition of the ureters. The final diagnosis was crossed renal ectopia with fusion in an asymptomatic cat with no changes in renal function.(AU)


Uma gata, sem raça definida, com três anos de idade, foi encaminhada para o setor de diagnóstico por imagem sob suspeita de hemorragia devido à ovário-histerectomia. Foi realizada ultrasonografia abdominal para confirmar a suspeita inicial, mas nenhum sinal de hemorragia foi encontrado; visibilizou-se, entretanto, a silhueta renal esquerda alongada, com presença de duas pelves. O rim direito não foi encontrado. Solicitou-se exame de urografia excretora para avaliação de ureteres. O diagnóstico foi de ectopia renal cruzada com fusão em um felino assintomático e sem alterações na função renal.(AU)


Assuntos
Animais , Feminino , Gatos , Gatos/anormalidades , Rim Fundido/veterinária , Rim Fundido/diagnóstico por imagem , Rim/anormalidades , Urografia/veterinária , Ultrassonografia/veterinária
8.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 71(3): 833-836, May-June 2019. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-25585

RESUMO

A 3 year old female feline of mixed breed was sent to the diagnostic imaging sector under suspicion of bleeding due to ovariohysterectomy. An abdominal ultrasonography was performed to confirm the initial suspicion. However, no signs of bleeding were found, instead it was observed that the left renal silhouette had two pelvises and was elongated and larger than normal. The right kidney was not found. Excretory urography was requested to evaluate the condition of the ureters. The final diagnosis was crossed renal ectopia with fusion in an asymptomatic cat with no changes in renal function.(AU)


Uma gata, sem raça definida, com três anos de idade, foi encaminhada para o setor de diagnóstico por imagem sob suspeita de hemorragia devido à ovário-histerectomia. Foi realizada ultrasonografia abdominal para confirmar a suspeita inicial, mas nenhum sinal de hemorragia foi encontrado; visibilizou-se, entretanto, a silhueta renal esquerda alongada, com presença de duas pelves. O rim direito não foi encontrado. Solicitou-se exame de urografia excretora para avaliação de ureteres. O diagnóstico foi de ectopia renal cruzada com fusão em um felino assintomático e sem alterações na função renal.(AU)


Assuntos
Animais , Feminino , Gatos , Gatos/anormalidades , Rim Fundido/veterinária , Rim Fundido/diagnóstico por imagem , Rim/anormalidades , Urografia/veterinária , Ultrassonografia/veterinária
9.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 71(3): 863-868, May-June 2019. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-25576

RESUMO

Portosystemic shunt (PSS) is an anomalous vascular connection between the portal venous system and the systemic circulation. These deviations connect the main portal vein (PV) or some portal branches to the vena cava (VC) or, less commonly, to the azygos vein (AV). The purpose of this case report was to describe the diagnosis of PSS in a dog classified as porto-azygos. This diagnosis is considered uncommon compared to other portosystemic shunts using ultrasonography and portography. The subject was a male dog, Yorkshire, 8 months old, presented neurological signs characterized by head press, ataxia, tremors and episodes of temporary blindness and deafness. Ultrasonographic examination revealed a dilated and curved anomalous vessel with approximately 0.6cm of diameter and turbulent flow seen through pulsed and color Doppler, and segmental dilation of the azygos vein. The portography revealed enhancement by iodinated contrast in the jejunal vein, the portal vein and an anomalous vessel flowing towards the azygos vein in the craniodorsal region of the abdomen. The PSS was surgically corrected with an ameroid constrictor. Ultrasonography and portography were effective at detecting and characterizing the portoazygos shunt despite some limitations.(AU)


Shunt portossistêmico (SPS) é uma comunicação vascular anômala entre o sistema venoso portal e a circulação sistêmica. Esses desvios comunicam a VP ou alguma de suas tributárias à veia cava ou, menos comumente, à veia ázigos (VA). O objetivo do presente estudo foi descrever o diagnóstico, por meio de ultrassonografia e portografia, de um caso de shunt extra-hepático em cão, classificado como portoázigos e considerado incomum quando comparado aos demais tipos de desvio portossistêmico. Um cão, macho, raça Yorkshire, oito meses de idade, chegou ao Hospital Veterinário da Universidade Federal de Minas Gerais apresentando sinais neurológicos, caracterizados por andar apoiando a cabeça na parede, ataxia, tremores, episódios de cegueira e surdez. Ao exame ultrassonográfico, observou-se vaso anômalo calibroso e tortuoso de aproximadamente 0,6cm de diâmetro e fluxo turbulento ao Doppler pulsado e colorido, bem como dilatação segmentar da VA. A portografia revelou realce de contraste iodado em veia jejunal, porta e vaso anômalo (shunt) seguindo em direção à VA em região dorsal do abdômen. Foi realizada a correção cirúrgica do SPS por meio de anel ameroide. A ultrassonografia e a portografia foram eficientes na detecção e caracterização do shunt portoázigos, mesmo que com algumas limitações.(AU)


Assuntos
Animais , Masculino , Cães , Derivação Portossistêmica Cirúrgica/veterinária , Doenças do Cão/diagnóstico por imagem , Portografia/veterinária , Ultrassonografia Doppler em Cores/veterinária
10.
Ars Vet. ; 35(3): 127-137, 2019. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-25862

RESUMO

Nas últimas décadas, foi possível observar grandes avanços tecnológicos no que se refere às novas técnicas de exames por meio de imagens, que se tornou um componente importante e imprescindível no processo de tomada de decisão frente ao diagnóstico de diversas alterações em pacientes veterinários. Tais exames, cada um com sua especificidade, requerem análise cuidadosa por parte do avaliador e, evidentemente, um bom período de treinamento com o propósito de se extrair o máximo de informação possível que o exame possa oferecer. Mesmo assim, costumam ocorrer situações que geram dúvidas e equívocos, resultando em erros de interpretação. São, na verdade, armadilhas resultantes das próprias limitações da técnica ou da produção dos chamados artefatos, capazes de gerar dúvidas e erros de interpretação, muitas vezes comprometendo a formulação do diagnóstico. Diante do exposto, procurou-se, com este estudo, chamar a atenção dos envolvidos com diagnóstico por imagem em veterinária quanto aos riscos de interpretação, em particular na radiologia e na ultrassonografia, duas técnicas distintas e amplamente usadas na medicina veterinária. Foram selecionadas imagens radiográficas e ultrassonográficas obtidas da rotina de atendimento a pequenos animais do Hospital Veterinário da Escola de Veterinária da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) que pudessem exemplificar as mais frequentes dúvidas no momento da interpretação e que poderiam induzir a erros. (AU)


In recent decades there have been many great technological advances. Im particular new imaging examination techiniques have becane, important and indispensable component the diagnostic decisiun making process for several alterations in veterinary patients. These examinations, require careful analysis by the examiner and, extensive. In order to extract as much information as possible fron the exam. Even so, situations that generate doubts and confusions occur often, resulting in errors of interpretation. These are, traps result from the limitations of the technique henselves or the production of artifacts, which are of creating doubts and errors of interpretation, this compromisi the diagnosis. In light of this, we sought to draw the attention of those involved in veterinary diagnostic imaging, regarding the risks of misinterpretation, with radiology and ultrasonography, two different techniques widely used in veterinary medicine. Radiographic and ultrasonographic images were obtained from routine small animal care at the Veterinary Hospital of the Federal University of Minas Gerais Veterinary School (UFMG). which demostrate the most frequent doubts during image interpretation and that could potentially induce erros were selected. Situations that could generateperceptual erros were observed. These errosrs could possibly be associated with cognitive erros.(AU)


Assuntos
Animais , Gatos , Cães , Radiografia/veterinária , Interpretação de Imagem Radiográfica Assistida por Computador , Ultrassonografia/veterinária , Diagnóstico por Imagem/veterinária
11.
Ars vet ; 35(3): 127-137, 2019.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-765111

RESUMO

Nas últimas décadas, foi possível observar grandes avanços tecnológicos no que se refere às novas técnicas de exames por meio de imagens, que se tornou um componente importante e imprescindível no processo de tomada de decisão frente ao diagnóstico de diversas alterações em pacientes veterinários. Tais exames, cada um com sua especificidade, requerem análise cuidadosa por parte do avaliador e, evidentemente, um bom período de treinamento com o propósito de se extrair o máximo de informação possível que o exame possa oferecer. Mesmo assim, costumam ocorrer situações que geram dúvidas e equívocos, resultando em erros de interpretação. São, na verdade, armadilhas resultantes das próprias limitações da técnica ou da produção dos chamados artefatos, capazes de gerar dúvidas e erros de interpretação, muitas vezes comprometendo a formulação do diagnóstico. Diante do exposto, procurou-se, com este estudo, chamar a atenção dos envolvidos com diagnóstico por imagem em veterinária quanto aos riscos de interpretação, em particular na radiologia e na ultrassonografia, duas técnicas distintas e amplamente usadas na medicina veterinária. Foram selecionadas imagens radiográficas e ultrassonográficas obtidas da rotina de atendimento a pequenos animais do Hospital Veterinário da Escola de Veterinária da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) que pudessem exemplificar as mais frequentes dúvi

12.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 70(3): 797-805, Maio-Jun. 2018. ilus, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-735085

RESUMO

O objetivo do presente trabalho foi avaliar, por radiografia, histologia e densitometria óssea, o efeito da HA/ßTCP em grânulos de absorção rápida em defeito ósseo crítico em rádio de coelhos. Foram utilizados 35 coelhos machos, da raça Nova Zelândia, e realizou-se um defeito crítico nos rádios direito e esquerdo. Os animais foram distribuídos em GI, enxerto autólogo e GII, HA/ßTCP em grânulos de absorção rápida. Avaliações radiográficas foram feitas antes da cirurgia, após, aos oito, 15, 30, 45 e 60 dias e avaliações histológicas e de densitometria. Verificou-se diferença significativa ao se comparar a densidade mineral óssea obtida ao longo do tempo de estudo. Observou-se formação de rede vascular entre os poros da biocerâmica desde o primeiro tempo de avaliação, (oito dias). Foram observados tecido ósseo primário e trabéculas em tecido ósseo preexistente a partir de 30 dias da implantação. Aos 60 dias, constatou-se presença de matriz óssea em segmentos ósseos preexistentes, caracterizando a formação óssea centrípeta. A biocerâmica HA/ßTCP nanoestruturada micro-macroporosa em grânulos de absorção rápida não causa alterações microscópicas indicativas de rejeição, permite a invasão e a multiplicação celular, bem como propicia a regeneração óssea, constituindo um implante apropriado para preenchimento de falhas ósseas críticas.(AU)


The objective of this study was to evaluate the effect of HA/ ßTCP on rapid absorption granules in rabbit radiography, histology, and bone densitometry. Thirty - five male rabbits of the New Zealand breed were used and a critical defect was performed on the right and left radios. The animals were distributed in GI, autologous graft and GII HA / ßTCP in rapidly absorbed granules. Radiographic, histological, and densitometry evaluations were performed before surgery, then after eight, 15, 30, 45 and 60 days. A significant difference was found when comparing the bone mineral density obtained over the study time. Formation of vascular network between the bioceramic pores was observed by the first evaluation time, (eight days). Primary bone tissue and trabeculae were observed from preexisting bone tissue after 30 days of implantation. At 60 days, the presence of bone matrix was observed from the preexisting bone segments, characterizing the centripetal bone formation. The micro-macroporous nanocomposite HA / ßTCP of rapidly absorbing granules do not cause microscopic changes indicative of rejection, allows invasion, cell multiplication, and promotes bone regeneration, constituting an appropriate implant for filling of critical bone failures.(AU)


Assuntos
Animais , Coelhos , Absorção Fisiológica , Coelhos/anatomia & histologia , Coelhos/lesões , Osso e Ossos/lesões
13.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 70(3): 797-805, maio-jun. 2018. ilus, graf, tab
Artigo em Português | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-911373

RESUMO

O objetivo do presente trabalho foi avaliar, por radiografia, histologia e densitometria óssea, o efeito da HA/ßTCP em grânulos de absorção rápida em defeito ósseo crítico em rádio de coelhos. Foram utilizados 35 coelhos machos, da raça Nova Zelândia, e realizou-se um defeito crítico nos rádios direito e esquerdo. Os animais foram distribuídos em GI, enxerto autólogo e GII, HA/ßTCP em grânulos de absorção rápida. Avaliações radiográficas foram feitas antes da cirurgia, após, aos oito, 15, 30, 45 e 60 dias e avaliações histológicas e de densitometria. Verificou-se diferença significativa ao se comparar a densidade mineral óssea obtida ao longo do tempo de estudo. Observou-se formação de rede vascular entre os poros da biocerâmica desde o primeiro tempo de avaliação, (oito dias). Foram observados tecido ósseo primário e trabéculas em tecido ósseo preexistente a partir de 30 dias da implantação. Aos 60 dias, constatou-se presença de matriz óssea em segmentos ósseos preexistentes, caracterizando a formação óssea centrípeta. A biocerâmica HA/ßTCP nanoestruturada micro-macroporosa em grânulos de absorção rápida não causa alterações microscópicas indicativas de rejeição, permite a invasão e a multiplicação celular, bem como propicia a regeneração óssea, constituindo um implante apropriado para preenchimento de falhas ósseas críticas.(AU)


The objective of this study was to evaluate the effect of HA/ ßTCP on rapid absorption granules in rabbit radiography, histology, and bone densitometry. Thirty - five male rabbits of the New Zealand breed were used and a critical defect was performed on the right and left radios. The animals were distributed in GI, autologous graft and GII HA / ßTCP in rapidly absorbed granules. Radiographic, histological, and densitometry evaluations were performed before surgery, then after eight, 15, 30, 45 and 60 days. A significant difference was found when comparing the bone mineral density obtained over the study time. Formation of vascular network between the bioceramic pores was observed by the first evaluation time, (eight days). Primary bone tissue and trabeculae were observed from preexisting bone tissue after 30 days of implantation. At 60 days, the presence of bone matrix was observed from the preexisting bone segments, characterizing the centripetal bone formation. The micro-macroporous nanocomposite HA / ßTCP of rapidly absorbing granules do not cause microscopic changes indicative of rejection, allows invasion, cell multiplication, and promotes bone regeneration, constituting an appropriate implant for filling of critical bone failures.(AU)


Assuntos
Animais , Coelhos , Absorção Fisiológica , Coelhos/anatomia & histologia , Coelhos/lesões , Osso e Ossos/lesões
14.
Ars vet ; 34(1): 20-24, 2018.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-765113

RESUMO

Foreign body in the digestive tract (FBDT) often affects the canine species. The clinical signs are nonspecific, thus it is necessary to perform complementary tests to obtain its diagnosis. This study objective was to evaluate 50 dogs of the Veterinary Hospital in the Universidade Federal de Minas Gerais (HV-UFMG), observing the racial predisposition, age, sex, types, topography, radiographic and ultrasonographic aspects of the FBDT occurrence. The diagnosis was obtained by the use of radiographic exams (37%), ultrasonographic exams (37%) or both of them (26% of the cases). No racial predilection was found, but male dogs were the most affected, representing 62% of the population. The average age of occurrence was 5.8 ± 4.5 years. The most frequently site where FB was found were: stomach (42%) and jejunum (24% of the cases). The most common FBDT object were: fabric (16%) and fruit seeds (12%), but metal, bone, plastic and rubber objects were also found too. Radiographic and ultrasonographic examinations were efficient in isolation and /or in association, with 98% of cases of FBDT being successfully detected in dogs.

15.
Ars Vet. ; 34(1): 20-24, 2018. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-735280

RESUMO

Foreign body in the digestive tract (FBDT) often affects the canine species. The clinical signs are nonspecific, thus it is necessary to perform complementary tests to obtain its diagnosis. This study objective was to evaluate 50 dogs of the Veterinary Hospital in the Universidade Federal de Minas Gerais (HV-UFMG), observing the racial predisposition, age, sex, types, topography, radiographic and ultrasonographic aspects of the FBDT occurrence. The diagnosis was obtained by the use of radiographic exams (37%), ultrasonographic exams (37%) or both of them (26% of the cases). No racial predilection was found, but male dogs were the most affected, representing 62% of the population. The average age of occurrence was 5.8 ± 4.5 years. The most frequently site where FB was found were: stomach (42%) and jejunum (24% of the cases). The most common FBDT object were: fabric (16%) and fruit seeds (12%), but metal, bone, plastic and rubber objects were also found too. Radiographic and ultrasonographic examinations were efficient in isolation and /or in association, with 98% of cases of FBDT being successfully detected in dogs.(AU)


O corpo estranho no trato digestivo (CETD) acomete com frequência a espécie canina. Os sinais clínicos são inespecíficos, fazendo-se necessário realizar exames complementares para obtenção do diagnóstico. O objetivo do presente trabalho ao avaliar 50 cães atendidos no Hospital Veterinário da Universidade Federal de Minas Gerais (HVUFMG)com CETD, foram observar à predisposição racial, idade, sexo e os tipos, a topografia e os aspectos radiográficos e ultrassonográficos dos CETD. O diagnóstico foi obtido por meio de exames radiográficos (37%),ultrassonográficos (37%) ou ambos (26%). Não houve predileção racial, mas cães machos foram os mais acometidos,representando 62% dos casos. A idade média de ocorrência foi de 5,8 ±4,5 anos. Locais onde os CE foram encontrados com mais frequência: estômago (42%) e jejuno (24%). Os CETD mais observados: tecidos (16%) e sementes de frutas(12%), mas também foram encontradas estruturas metálicas, ósseas, plásticas e de borracha. Os exames radiográficos e ultrassonográficos foram eficientes isoladamente e\ou em associação, sendo capaz de detectar 98% dos casos CETD em cães.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Gastroenteropatias/diagnóstico por imagem , Gastroenteropatias/veterinária , Corpos Estranhos/fisiopatologia , Corpos Estranhos/veterinária , Trato Gastrointestinal , Radiografia , Ultrassonografia
16.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 69(5): 1125-1129, set.-out. 2017. ilus
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-877293

RESUMO

We report an unusual case of obstructive fibrosis of the venous ring of Fürstenberg in all four quarters of the udder of a cow of the Girolando breed (3/8 Gir and 5/8 Dutch). The information was obtained through a review of medical records, anamnesis, and imaging methods such as theloscopy and ultrasonography. Histopathological analysis provided a definitive diagnosis.(AU)


Relata-se a ocorrência de um caso incomum de fibrose obstrutiva do anel venoso de Fürstenberg em quatro quartos mamários de uma vaca da raça Girolando (3/8 Gir e 5/8 Holandês). As informações foram obtidas por meio de revisão do prontuário, da anamnese e de métodos de diagnóstico por imagem, como a teloscopia e a ultrassonografia. A análise histopatológica forneceu o diagnóstico definitivo.(AU)


Assuntos
Animais , Feminino , Bovinos , Endoscopia/veterinária , Fibrose/diagnóstico por imagem , Glândulas Mamárias Animais/diagnóstico por imagem , Ultrassonografia Mamária/veterinária , Glândulas Mamárias Animais/anatomia & histologia
17.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 69(5): 1125-1129, set.-out. 2017. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-18101

RESUMO

We report an unusual case of obstructive fibrosis of the venous ring of Fürstenberg in all four quarters of the udder of a cow of the Girolando breed (3/8 Gir and 5/8 Dutch). The information was obtained through a review of medical records, anamnesis, and imaging methods such as theloscopy and ultrasonography. Histopathological analysis provided a definitive diagnosis.(AU)


Relata-se a ocorrência de um caso incomum de fibrose obstrutiva do anel venoso de Fürstenberg em quatro quartos mamários de uma vaca da raça Girolando (3/8 Gir e 5/8 Holandês). As informações foram obtidas por meio de revisão do prontuário, da anamnese e de métodos de diagnóstico por imagem, como a teloscopia e a ultrassonografia. A análise histopatológica forneceu o diagnóstico definitivo.(AU)


Assuntos
Animais , Feminino , Bovinos , Fibrose/diagnóstico por imagem , Glândulas Mamárias Animais/diagnóstico por imagem , Endoscopia/veterinária , Glândulas Mamárias Animais/anatomia & histologia
18.
Arq. bras. med. vet. zootec ; 69(2): 333-339, mar.-abr. 2017. ilus
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-833826

RESUMO

Pneumocephalus is defined as the presence of air in any of the intracranial compartments. Its most frequent causes are trauma and cranial surgery. Clinical signs occur as a result of increased intracranial pressure and vary with the location and extent of the lesion. A case involving a seven-month-old female Saint Bernard, who suffered cranial trauma caused by a bite to the face at ten days of age and had presented with seizures and localized pain four months previously is reported. A computed tomography scan of the skull revealed a nasocephalic mass with low contrast enhancement, bone lysis, and hypodensity (-940 Hounsfield units) of the lateral and third ventricles, indicating intraventricular pneumocephalus. During surgery, a fragment of the mass was collected for histopathological examination, which demonstrated the presence of multifocal areas of necrosis. The computed tomography (CT) is a reliable method for the characterization of intracranial lesions and diagnosis of pneumocephalus, whose occurrence must be considered in pathological processes in which there is increased intracranial pressure and in patients undergoing certain surgical procedures and anesthetic specific, and CT is indicated as a monitoring tool for these patients.(AU)


Pneumoencéfalo é definido como a presença de gás em quaisquer dos compartimentos intracranianos e possui como causas mais frequentes o traumatismo e cirurgias cranianas. Os sinais clínicos ocorrem como consequência do aumento de pressão intracraniana e variam conforme o local e a extensão da lesão. Relata-se o caso de uma cadela de sete meses de idade, da raça São Bernardo, que sofreu trauma por mordedura em face, quatro meses antes, apresentando crises convulsivas e sensibilidade dolorosa local desde então. O exame tomográfico do crânio revelou massa nasoencefálica com baixa captação de contraste, lise óssea e hipodensidade (-940HU) dos ventrículos laterais e terceiro ventrículo encefálico, caracterizando pneumoencéfalo intraventricular. Foi realizada intervenção cirúrgica e coleta de fragmento da massa para exame histopatológico, que demonstrou existência de necrose multifocal. O exame de tomografia computadorizada (TC) é um método confiável para a caracterização de lesões intracranianas e diagnóstico de pneumoencéfalo, cuja ocorrência deve ser considerada em processos patológicos nos quais há aumento da pressão intracraniana e em pacientes submetidos a alguns procedimentos cirúrgicos e anestésicos específicos, sendo a TC indicada como ferramenta de monitoramento desses pacientes.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Encéfalo/cirurgia , Traumatismos Craniocerebrais/diagnóstico , Traumatismos Craniocerebrais/veterinária , Necrose , Tomografia Computadorizada por Raios X/veterinária
19.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 69(2): l3393, mar.-abr. 2017. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-16479

RESUMO

Pneumocephalus is defined as the presence of air in any of the intracranial compartments. Its most frequent causes are trauma and cranial surgery. Clinical signs occur as a result of increased intracranial pressure and vary with the location and extent of the lesion. A case involving a seven-month-old female Saint Bernard, who suffered cranial trauma caused by a bite to the face at ten days of age and had presented with seizures and localized pain four months previously is reported. A computed tomography scan of the skull revealed a nasocephalic mass with low contrast enhancement, bone lysis, and hypodensity (-940 Hounsfield units) of the lateral and third ventricles, indicating intraventricular pneumocephalus. During surgery, a fragment of the mass was collected for histopathological examination, which demonstrated the presence of multifocal areas of necrosis. The computed tomography (CT) is a reliable method for the characterization of intracranial lesions and diagnosis of pneumocephalus, whose occurrence must be considered in pathological processes in which there is increased intracranial pressure and in patients undergoing certain surgical procedures and anesthetic specific, and CT is indicated as a monitoring tool for these patients.(AU)


Pneumoencéfalo é definido como a presença de gás em quaisquer dos compartimentos intracranianos e possui como causas mais frequentes o traumatismo e cirurgias cranianas. Os sinais clínicos ocorrem como consequência do aumento de pressão intracraniana e variam conforme o local e a extensão da lesão. Relata-se o caso de uma cadela de sete meses de idade, da raça São Bernardo, que sofreu trauma por mordedura em face, quatro meses antes, apresentando crises convulsivas e sensibilidade dolorosa local desde então. O exame tomográfico do crânio revelou massa nasoencefálica com baixa captação de contraste, lise óssea e hipodensidade (-940HU) dos ventrículos laterais e terceiro ventrículo encefálico, caracterizando pneumoencéfalo intraventricular. Foi realizada intervenção cirúrgica e coleta de fragmento da massa para exame histopatológico, que demonstrou existência de necrose multifocal. O exame de tomografia computadorizada (TC) é um método confiável para a caracterização de lesões intracranianas e diagnóstico de pneumoencéfalo, cuja ocorrência deve ser considerada em processos patológicos nos quais há aumento da pressão intracraniana e em pacientes submetidos a alguns procedimentos cirúrgicos e anestésicos específicos, sendo a TC indicada como ferramenta de monitoramento desses pacientes.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Encéfalo/cirurgia , Necrose , Traumatismos Craniocerebrais/diagnóstico , Traumatismos Craniocerebrais/veterinária , Tomografia Computadorizada por Raios X/veterinária
20.
Arq. bras. med. vet. zootec ; 68(6): 1458-1464, nov.-dez. 2016. ilus
Artigo em Português | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-827924

RESUMO

A ectopia ureteral é uma enfermidade congênita que se caracteriza quando um ou ambos os ureteres apresentam-se inseridos fora do seu local anatômico, com a inserção ocorrendo no útero, no colo da bexiga, na uretra ou na vagina, devido a uma diferenciação anormal dos ductos mesonéfricos e metanéfricos. Nos machos, a inserção pode ocorrer também nos ductos deferentes e na próstata. A incontinência urinária é o sinal clínico mais comumente associado ao ureter ectópico. O presente relato descreve um caso de ureter ectópico extramural unilateral, em um cão da raça Labrador Retriever de sete anos de idade, corrigido cirurgicamente, e mostra a importância dos exames radiográfico contrastado e ultrassonografia.(AU)


Ureteral ectopia is a congenital disease that is characterized when one or both ureters are shown inserted outside their anatomic site, with the possible insertion in the uterus, bladder neck, the urethra or vagina due to abnormal differentiation of ducts mesonephrics and metanephrics. In males the insertion can also occur in the vas deferens and prostate. Urinary incontinence is the most common clinical sign associated with ectopic ureter. This report describes a case of unilateral extramural ectopic ureter in a dog of the Labrador Retriever breed at seven years old surgically corrected, and shows the importance of contrast radiographic examination and ultrasound.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Coristoma/veterinária , Ureter/diagnóstico por imagem , Incontinência Urinária/veterinária
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA