Your browser doesn't support javascript.

Biblioteca Virtual em Saúde

Brasil

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Avaliação do autocuidado para a prevenção do pé diabético e exame clínico dos pés em um centro de referência em diabetes mellitus / Evaluation of self-care for diabetic foot prevention and clinical examination of the feet in a diabetes mellitus reference center

Oliveira Neto, Moacyr; Pereira, Márcio da Silva; Pinto, Mariana Aquino Holanda; Agostinho, Luciana Menezes; Reinaldo Júnior, Francisco Emídio; Hissa, Miguel Nasser.
J. Health Biol. Sci. (Online); 5(3): 265-271, jul.-set. 2017. ilus, tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-875623

Introdução:

As úlceras em membros inferiores representam uma das complicações mais devastadoras do Diabetes Mellitus (DM), devido à elevada mortalidade, alterações na qualidade de vida e prolongamento do tratamento hospitalar ou ambulatorial.

Objetivo:

Avaliar o conhecimento e as atitudes de portadores de DM tipo II com relação aos autocuidados com os pés.

Métodos:

Trata-se de um estudo transversal descritivo realizado em pacientes diabéticos frequentadores do Centro Integrado de Diabetes e Hipertensão (CIDH). Avaliou-se a condição dermatológica, estrutural, circulatória, neuropática motora e neuropático-sensitiva mediante a realização do exame físico dos pés e posterior anamnese clínica.

Resultados:

Dos 235 pacientes entrevistados, 83,8% tiveram a sensibilidade vibratória dorsal presente e 58,3% tiveram a sensibilidade protetora plantar preservada. Quanto à estratificação do risco para desenvolvimento do pé diabético, verificou-se predominância do grau 0 (57,9%), seguido pelo grau 1 (23%) e 3 (10,6%). Observou-se um número expressivo de pacientes com conhecimento insuficiente (49,8%) em relação aos autocuidados para prevenção do pé diabético. No momento da aplicação do instrumento, constatou-se um significativo índice de desconhecimento dos diabéticos com relação ao tipo, formato e material dos calçados adequados, bem como em relação à maneira correta de cortar as unhas.

Conclusão:

Este estudo permitiu avaliar o conhecimento, as atitudes e a prática do paciente diabético em relação à execução de medidas de autocuidado com os pés, considerando-se os parâmetros essenciais para a ponderação do diagnóstico educacional da amostra estudada.
Biblioteca responsável: BR1780.2
Selo DaSilva