Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Neotrop. ichthyol ; 20(3): e210141, 2022. tab, graf, ilus, mapas
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1406131

Resumo

In 2014, an atypical drought in Southeast Brazil drastically reduced the water level in several reservoirs. We investigated the effects of this drought and the subsequent flood period on the attributes of ichthyofauna in an aquaculture and in a control area. Fish were collected bimonthly between 2014 and 2015 (drought) and 2016 (wet), using gill nets in the two sample areas in the Ilha Solteira reservoir, Upper Paraná River basin, Brazil. We compared ichthyofauna attributes between the drought and wet seasons in each area and between areas within each season. In the aquaculture area, the assemblages showed similar characteristics between the seasons. By contrast, the control area varied between seasons, with greater species richness, Shannon diversity, species evenness, and less ß diversity in the wet season. Comparisons between areas in each season showed higher abundance in the fish farm within the drought season. Changes in structure and composition in the control area are possibly associated with new areas and resources made available by the flooding of marginal areas during the wet season. We inferred that the effect of the flood on the aquaculture community was attenuated by the continuous habitat structure such as shelters and food provided by the enterprise.


Em 2014 um evento de seca atípica no sudeste brasileiro diminuiu drasticamente o nível da água em diversos reservatórios. Nós investigamos os efeitos dessa seca, e seu subsequente período de cheia sobre atributos da ictiofauna em uma área aquícola e uma área controle. Os peixes foram coletados bimestralmente entre 2014 a 2015 (seca) e 2016 (cheia), usando redes de espera nas duas áreas amostrais no reservatório de Ilha Solteira, bacia do alto rio Paraná, Brasil. Comparamos atributos da ictiofauna entre os períodos de seca e cheia em cada área e entre as áreas dentro de cada período. Na área aquícola, verificou-se similaridade das assembleias entre os períodos. Em contraste, a área controle apresentou variação entre os períodos, com maior riqueza, diversidade Shannon, equitabilidade e menor diversidade ß no período de cheia. Comparações entre áreas em cada período, mostraram maior abundância na piscicultura no período de seca. As mudanças na estrutura e composição na área controle possivelmente está associada as novas áreas e recursos disponibilizados pela inundação de áreas marginais no período de cheia. Infere-se que o efeito da cheia na comunidade da área aquícola foi atenuado pela continua estrutura de habitat, como abrigos e ração fornecidos pelo empreendimento.


Assuntos
Animais , Reservatórios de Água , Estação Seca , Estação Chuvosa , Peixes/classificação , Brasil , Biodiversidade , Espécies Introduzidas
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA