Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Acta Vet. bras. ; 4(2): 86-91, 2010.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-722036

Resumo

The Armadillo is a solitary animal. It occupies fields, cerrados and forest edges where excavates tunnels to hide in. Unlike many other species of sloth, this often reuses its toggling, because they have a strong protection of rigid and extremely keratinized carapace connected to the body by a thick and cornea skin. It could be demonstrated in this study that all bone structures and accidents of PNAS are targeted solely to their way of life. The scapula had 18.0 cm longitudinal, 6.0 cm vertical from the caudal angle to the end of the supra spinous fossa and 2.5 cm from the origin of the acromion. The humerus presented a long lateral epicondyle (2.0 cm), the deltoid tuberosity was 1.0 cm, much developed in the kite muscle. The humerus presented 6.0 cm longitudinal. The radio is short, a bone with 4,0 cm longitudinal and 0,5 cm vertical. But the ulna presents a long olecranon, with 2.5 cm longitudinal and 1.0 cm vertical. The carpais, metacarpais and phalanges are very short, not allowing measurements. The femur presents the first, second and third trochanter, being the third well developed. Designed laterally with 2.5 cm lengthwise, it was 19.0 cm long. The patella was 1.8 cm long. The body of the tibia presented 1,0 cm of projection for the sideplane and 14.0 cm² picking area of the body of the fibula. The measurement of the tibia and fibula was 7.0 cm longitudinal, and they ar


O tatu-peba é um animal solitário, que habita campos, cerrados e bordas de floresta onde escava túneis para se esconder. Ao contrário de muitas outras espécies de tatus, esta freqüentemente reutiliza suas tocas, pois possuem a proteção de uma forte carapaça rígida e extremamente queratinizada, conectada ao corpo por uma pele grossa e córnea. Sendo os tatus animais escavadores, as quais são possíveis de comprovar neste estudo, que todas as estruturas e acidentes ósseos de seu esqueleto encontram-se voltados unicamente para o seu modo de vida. A escápula, obteve 8,0 cm de comprimento médio longitudinal, 6,0 cm vertical desde seu ângulo caudal ao final da fossa supra espinhosa e com 2,5 cm, com origem junto ao acrômio. O úmero apresentou um epicôndilo lateral longo (2,0 cm), com mensuração da tuberosidade deltóide de 1,0 cm, sendo muito desenvolvida onde se insere seu próprio músculo deltóide. O úmero apresentou 6,0 cm de mensuração longitudinal média. O rádio trata-se de um osso curto, com 4,0 cm de mensuração longitudinal e 0,5 cm vertical. Já a ulna apresenta um olécrano longo, com mensuração de 2,5 cm longitudinal e 1,0 cm vertical. Os ossos carpais, metacarpais e falanges são bem curtos, não possibilitando mensurações. No membro pélvico, o fêmur apresentou o primeiro, segundo e terceiro trocanter. Sendo o terceiro bem desenvolvido, projetado lateralmente com 2,5 cm longitudin

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA