Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 14 de 14
Filtrar
Mais filtros

Intervalo de ano de publicação
1.
Ciênc. rural (Online) ; 52(01): 1-14, 2022. graf, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1480281

Resumo

This study identified physiological and biochemical changes in 'Fuyu' persimmon buds during dormancy. Branches were collected between March and August 2015. Dormancy was evaluated by biological testing of isolated node cuttings at 25 °C and a photoperiod of 16 h. The variables analyzed were water content; reducing sugar content; respiratory activity; activity of superoxide dismutase (SOD), catalase (CAT), ascorbate peroxidase (APX), guaiacol peroxidase (POD) and polyphenol oxidase (PPO) enzymes; hydrogen peroxide content (H2O2) and lipid peroxidation. At the end of March 2015, the plants were already dormant, and the leaves and fruits present indicated a paradormancy effect. Induction of endodormancy may have occurred in June 2015, when chilling hours (CH) below 7.2 °C and higher CH below 12 °C began to accumulate, which coincided with the period in which there was a decrease in water content and respiratory activity, an increase in reducing sugars, a decrease in SOD, CAT, APX and PPO and an increase in H2O2. After an accumulation of 553 CH below 12 °C, the budburst capacity increased, and the buds presented increased water content, decreased reducing sugars content, increased respiratory activity, low activity in SOD, CAT, APX and POD and high levels of H2O2.


O objetivo deste trabalho foi identificar alterações fisiológicas e bioquímicas em gemas de caquizeiro 'Fuyu' durante a dormência. Ramos foram coletados entre março e agosto de 2015. A dormência foi avaliada pelo teste biológico de estacas de nós isolados, a 25 °C e fotoperíodo de 16 h. As variáveis analisadas foram umidade ponderal, teor de açúcares solúveis, atividade respiratória, atividade das enzimas superóxido dismutase (SOD), catalase (CAT), ascorbato peroxidase (APX), guaiacol peroxidase (POD) e polifenoloxidase (PPO), teor de peróxido de hidrogênio (H2O2) e peroxidação lipídica. No final de março de 2015 as plantas já estavam dormentes, as folhas e frutos presentes indicam efeito de paradormência. A indução da endodormência pode ter ocorrido em junho de 2015, quando iniciou acúmulo de horas de frio (HF) abaixo de 7,2 °C e maiores HF abaixo de 12 °C, que coincidiu com o período que houve diminuição da umidade e da atividade respiratória, aumento dos açúcares redutores, diminuição da atividade da SOD, CAT, APX e PPO e aumento de H2O2. Após acúmulo de 553 HF abaixo de 12 °C, a capacidade de brotação aumentou e as gemas apresentaram aumento da umidade, diminuição do teor de açúcares redutores, aumento da atividade respiratória, baixa atividade da SOD, CAT, APX e POD e elevados teores de H2O2.


Assuntos
Diospyros/crescimento & desenvolvimento , Diospyros/fisiologia , Diospyros/metabolismo
2.
Ciênc. rural (Online) ; 52(1): e20200955, 2022. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1286036

Resumo

ABSTRACT: This study identified physiological and biochemical changes in 'Fuyu' persimmon buds during dormancy. Branches were collected between March and August 2015. Dormancy was evaluated by biological testing of isolated node cuttings at 25 °C and a photoperiod of 16 h. The variables analyzed were water content; reducing sugar content; respiratory activity; activity of superoxide dismutase (SOD), catalase (CAT), ascorbate peroxidase (APX), guaiacol peroxidase (POD) and polyphenol oxidase (PPO) enzymes; hydrogen peroxide content (H2O2) and lipid peroxidation. At the end of March 2015, the plants were already dormant, and the leaves and fruits present indicated a paradormancy effect. Induction of endodormancy may have occurred in June 2015, when chilling hours (CH) below 7.2 °C and higher CH below 12 °C began to accumulate, which coincided with the period in which there was a decrease in water content and respiratory activity, an increase in reducing sugars, a decrease in SOD, CAT, APX and PPO and an increase in H2O2. After an accumulation of 553 CH below 12 °C, the budburst capacity increased, and the buds presented increased water content, decreased reducing sugars content, increased respiratory activity, low activity in SOD, CAT, APX and POD and high levels of H2O2.


RESUMO: O objetivo deste trabalho foi identificar alterações fisiológicas e bioquímicas em gemas de caquizeiro 'Fuyu' durante a dormência. Ramos foram coletados entre março e agosto de 2015. A dormência foi avaliada pelo teste biológico de estacas de nós isolados, a 25 °C e fotoperíodo de 16 h. As variáveis analisadas foram umidade ponderal, teor de açúcares solúveis, atividade respiratória, atividade das enzimas superóxido dismutase (SOD), catalase (CAT), ascorbato peroxidase (APX), guaiacol peroxidase (POD) e polifenoloxidase (PPO), teor de peróxido de hidrogênio (H2O2) e peroxidação lipídica. No final de março de 2015 as plantas já estavam dormentes, as folhas e frutos presentes indicam efeito de paradormência. A indução da endodormência pode ter ocorrido em junho de 2015, quando iniciou acúmulo de horas de frio (HF) abaixo de 7,2 °C e maiores HF abaixo de 12 °C, que coincidiu com o período que houve diminuição da umidade e da atividade respiratória, aumento dos açúcares redutores, diminuição da atividade da SOD, CAT, APX e PPO e aumento de H2O2. Após acúmulo de 553 HF abaixo de 12 °C, a capacidade de brotação aumentou e as gemas apresentaram aumento da umidade, diminuição do teor de açúcares redutores, aumento da atividade respiratória, baixa atividade da SOD, CAT, APX e POD e elevados teores de H2O2.

3.
Ci. Rural ; 52(01): 1-14, 2022. graf, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-764641

Resumo

This study identified physiological and biochemical changes in 'Fuyu' persimmon buds during dormancy. Branches were collected between March and August 2015. Dormancy was evaluated by biological testing of isolated node cuttings at 25 °C and a photoperiod of 16 h. The variables analyzed were water content; reducing sugar content; respiratory activity; activity of superoxide dismutase (SOD), catalase (CAT), ascorbate peroxidase (APX), guaiacol peroxidase (POD) and polyphenol oxidase (PPO) enzymes; hydrogen peroxide content (H2O2) and lipid peroxidation. At the end of March 2015, the plants were already dormant, and the leaves and fruits present indicated a paradormancy effect. Induction of endodormancy may have occurred in June 2015, when chilling hours (CH) below 7.2 °C and higher CH below 12 °C began to accumulate, which coincided with the period in which there was a decrease in water content and respiratory activity, an increase in reducing sugars, a decrease in SOD, CAT, APX and PPO and an increase in H2O2. After an accumulation of 553 CH below 12 °C, the budburst capacity increased, and the buds presented increased water content, decreased reducing sugars content, increased respiratory activity, low activity in SOD, CAT, APX and POD and high levels of H2O2.(AU)


O objetivo deste trabalho foi identificar alterações fisiológicas e bioquímicas em gemas de caquizeiro 'Fuyu' durante a dormência. Ramos foram coletados entre março e agosto de 2015. A dormência foi avaliada pelo teste biológico de estacas de nós isolados, a 25 °C e fotoperíodo de 16 h. As variáveis analisadas foram umidade ponderal, teor de açúcares solúveis, atividade respiratória, atividade das enzimas superóxido dismutase (SOD), catalase (CAT), ascorbato peroxidase (APX), guaiacol peroxidase (POD) e polifenoloxidase (PPO), teor de peróxido de hidrogênio (H2O2) e peroxidação lipídica. No final de março de 2015 as plantas já estavam dormentes, as folhas e frutos presentes indicam efeito de paradormência. A indução da endodormência pode ter ocorrido em junho de 2015, quando iniciou acúmulo de horas de frio (HF) abaixo de 7,2 °C e maiores HF abaixo de 12 °C, que coincidiu com o período que houve diminuição da umidade e da atividade respiratória, aumento dos açúcares redutores, diminuição da atividade da SOD, CAT, APX e PPO e aumento de H2O2. Após acúmulo de 553 HF abaixo de 12 °C, a capacidade de brotação aumentou e as gemas apresentaram aumento da umidade, diminuição do teor de açúcares redutores, aumento da atividade respiratória, baixa atividade da SOD, CAT, APX e POD e elevados teores de H2O2.(AU)


Assuntos
Diospyros/metabolismo , Diospyros/fisiologia , Diospyros/crescimento & desenvolvimento
4.
Ci. Rural ; 51(6)2021. graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-31378

Resumo

Organic farming techniques gained popularity recently. Despite this increasing demand, there are still many problems, when comparing nutrient sources in organic and conventional farming systems. The study had as objective to evaluate the development of blueberry plants cultivar Climax under protected cultivation in a substrate with different proportions of organic material and doses of applied mineral N. The blueberry nursery plants Climax were transplanted into plastic pots and kept under protected cultivation. The soil and sand proportions were 40 and 20%, respectively, of the volume capacity of each pot. The remaining 40% were filled with organic material (bovine manure) and sawdust in the proportions of 5 and 35% (S1), 20 and 20% (S2) or 35 and 5% (S3), respectively. The experimental design was in complete randomized blocks, and the treatments were distributed in a 3x3 factorial arrangement, with six replications. The first factor was the different formulations of substrates. The second factor was N fertilization at 0, 10, and 15 g N plant-1. Evaluations of canopy volume, total leaf area, chlorophyll content and gas exchanges were performed six and eighteen months after transplanting. Fruits were harvested according to their ripening. Higher proportions of organic material in the substrate showed a substantial increase on estimated leaf area, canopy volume, chlorophyll content and clear efficiency of carboxylation (A/Ci), especially in plants that was not fertilized with mineral N. The highest yield was reported for the substrate S2, with intermediary amount of organic material, without the application of mineral N fertilizer. Considering agronomic and physiological traits, blueberry plants on the substrate S2 (20% OM) showed the best results, without mineral N fertilizing, becoming viable the organic management system for potted Climax blueberry plants under protected cultivation.(AU)


As técnicas de manejo orgânico ganharam popularidade recentemente. Apesar deste aumento da demanda, ainda há muitos problemas, quando se comparam fontes de nutrientes para manejo orgânico e convencional. O estudo objetivou avaliar o desenvolvimento de mirtileiro cultivar Climax sob cultivo protegido em substrato com diferentes proporções de matéria orgânica e doses de N mineral. As mudas de mirtileiro Climax foram transplantadas para vasos plásticos e mantidas sob cultivo protegido. As proporções de solo e areia foram de 40 e 20%, respectivamente, da capacidade de volume de cada vaso. Os 40% restantes foram preenchidos com matéria orgânica (esterco bovino) e serragem de madeira nas proporções de 5 e 35% (S1), 20 e 20% (S2) e 35 e 5% (S3), respectivamente. O desenho experimental foi em blocos completamente casualizados em esquema fatorial 3x3, com seis repetições. O primeiro fator foram as diferentes formulações de substrato. O segundo fator foi a adubação nitrogenada a 0, 10, e 15 g N planta-1. Avaliações de volume de copa, área foliar total, conteúdo de clorofila e trocas gasosas foram realizadas aos seis e dezoito meses após o transplante. Os frutos foram colhidos de acordo com a maturação. Maiores proporções de matéria orgânica no substrato mostraram um aumento substancial na área foliar estimada, volume de copa, teor de clorofila e na eficiência aparente de carboxilação (A/Ci), especialmente, em plantas que não foram adubadas com N mineral. A maior produtividade foi verificada para o substrato S2, com quantidade intermediária de matéria orgânica, sem a aplicação de fertilizante mineral N. Considerando as características agronômicas e fisiológicas, plantas de mirtileiro no substrato S2 (20% MO) apresentou melhores resultados, sem adubação com N mineral, tornando viável o sistema de manejo orgânico para plantas envasadas de mirtileiro Climax sob cultivo protegido.(AU)


Assuntos
Frutas/química , Frutas/crescimento & desenvolvimento , Valor Nutritivo , Vaccinium myrtillus , Fertilizantes
5.
Rev. Ciênc. Agrovet. (Online) ; 20(4): 286-293, 2021. tab, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1488476

Resumo

Objetivou-se avaliar o comportamento fenológico, e as características físico-químicas e produtivas da videira ‘BRS Carmem’ cultivadas em Palotina, PR. A avaliação das videiras enxertadas sobre IAC 572 ‘Tropical’, espaçadas em 1,5 x 2,5 m, e conduzidas em espaldeira foi realizada nas safras 2019/2020 e 2020/2021. Foram utilizadas 20 plantas representativas do pomar experimental da UFPR –Setor Palotina. A avaliação do comportamento fenológico foi realizada a partir de observação de ramos selecionados, a partir da poda de frutificação realizada em meados de agosto, caracterizando-se a duração em dias de cada um dos seguintes subperíodos: poda à gema-algodão (PO-GA); poda à brotação (PO-BR); poda ao aparecimento da inflorescência (PO-AI); poda ao florescimento (PO-FL); poda ao início da maturação (PO-IM) das bagas; poda à colheita (PO-CO), sendo confeccionados diagramas em escala de dias. Por ocasião da colheita quantificou-se o número de cachos por planta, massa dos cachos e a partir destes dados foram estimadas a produção (kg planta-1) e produtividade (t ha-1). Para avaliaçãodo mosto foram coletados dois cachos por planta, dos quais retirou-se seis bagas por cachopara avaliação do teor de sólidos solúveis (SS), acidez titulável (AT), relação de índice de maturação (SS/AT) e o teor de antocianinas (mg g-1). Quanto ao número de cachos verificou se em média 48 cachos por planta com massa média de 133 g. As estimativas da produção por planta e produtividade foram de 6,4 kg e 17,1 t ha-1, respectivamente. Os teores médios de SS, AT, SS/AT e antocianinas, foram de 18°Brix, 0,97% deácido tartárico, 18,4 e 4,97 mg g-1, respectivamente. As características produtivas e a qualidade do mosto da ‘BRS Carmem’ cultivadas na região Oeste do Paraná estão dentro dos padrões desejáveis para elaboração de suco de uva.


The objective of this study was to evaluate the phenological behavior and the physical-chemical and productive characteristics of the ‘BRS Carmem’ vine grown in the Western region of Paranástate (Brazil). The evaluation of vines grafted on IAC 572 ‘Tropical’, spaced at 1.5 x 2.5 m, and conducted on a backrest was performed in the harvests 2019/2020 and 2020/2021. Twenty plants representing the experimental orchard of UFPR -Palotina Sector were used. The evaluation of phenological behavior was performed from observation of selected branches, from the fruiting pruning carried out in mid-August, characterizing the duration in days of each of the following subperiods: cotton yolk pruning (PO-GA); pruning to sprouting (PO-BR); pruning to the appearance of inflorescence (PO-AI); pruning to flowering(PO-FL); pruning at the beginning of ripening (PO-IM) of the berries; pruning to harvest (PO-CO), and diagrams were made on a day scale. At the harvesttime, the number of bunchesper plant, mass of bunches was quantified and from these data the production (kg plant-1) and the productivity (t ha-1) were estimated. To evaluate the must, two bunches per plant were collected, and six berries were collected per bunch to evaluate soluble solids content (SS), titratable acidity (TA), maturation index ratio (SS/TA) and anthocyanin content (mg g-1). For the number of bunches was verified an average of 48 bunches per plant, with an average mass of 133 g. The production per plantand yieldestimateswere 6.4 kg and 17.1 t ha-1, respectively. The mean levels of SS, AT, SS/AT and anthocyanins were 18°Brix, 0.97% of tartaric acid, 18.4 and 4.97 mg g-1, respectively. Therefore, theproductivecharacteristics and the quality of the 'BRS Carmem' cultivated in the Western region of Paraná state are within the desirable standards for grape juicepreparation.


Assuntos
Fenômenos Fisiológicos Vegetais , Fenômenos Químicos , Vitis/crescimento & desenvolvimento , Vitis/química
6.
R. Ci. agrovet. ; 20(4): 286-293, 2021. tab, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-765258

Resumo

Objetivou-se avaliar o comportamento fenológico, e as características físico-químicas e produtivas da videira ‘BRS Carmem cultivadas em Palotina, PR. A avaliação das videiras enxertadas sobre IAC 572 ‘Tropical, espaçadas em 1,5 x 2,5 m, e conduzidas em espaldeira foi realizada nas safras 2019/2020 e 2020/2021. Foram utilizadas 20 plantas representativas do pomar experimental da UFPR –Setor Palotina. A avaliação do comportamento fenológico foi realizada a partir de observação de ramos selecionados, a partir da poda de frutificação realizada em meados de agosto, caracterizando-se a duração em dias de cada um dos seguintes subperíodos: poda à gema-algodão (PO-GA); poda à brotação (PO-BR); poda ao aparecimento da inflorescência (PO-AI); poda ao florescimento (PO-FL); poda ao início da maturação (PO-IM) das bagas; poda à colheita (PO-CO), sendo confeccionados diagramas em escala de dias. Por ocasião da colheita quantificou-se o número de cachos por planta, massa dos cachos e a partir destes dados foram estimadas a produção (kg planta-1) e produtividade (t ha-1). Para avaliaçãodo mosto foram coletados dois cachos por planta, dos quais retirou-se seis bagas por cachopara avaliação do teor de sólidos solúveis (SS), acidez titulável (AT), relação de índice de maturação (SS/AT) e o teor de antocianinas (mg g-1). Quanto ao número de cachos verificou se em média 48 cachos por planta com massa média de 133 g. As estimativas da produção por planta e produtividade foram de 6,4 kg e 17,1 t ha-1, respectivamente. Os teores médios de SS, AT, SS/AT e antocianinas, foram de 18°Brix, 0,97% deácido tartárico, 18,4 e 4,97 mg g-1, respectivamente. As características produtivas e a qualidade do mosto da ‘BRS Carmem cultivadas na região Oeste do Paraná estão dentro dos padrões desejáveis para elaboração de suco de uva.(AU)


The objective of this study was to evaluate the phenological behavior and the physical-chemical and productive characteristics of the ‘BRS Carmem vine grown in the Western region of Paranástate (Brazil). The evaluation of vines grafted on IAC 572 ‘Tropical, spaced at 1.5 x 2.5 m, and conducted on a backrest was performed in the harvests 2019/2020 and 2020/2021. Twenty plants representing the experimental orchard of UFPR -Palotina Sector were used. The evaluation of phenological behavior was performed from observation of selected branches, from the fruiting pruning carried out in mid-August, characterizing the duration in days of each of the following subperiods: cotton yolk pruning (PO-GA); pruning to sprouting (PO-BR); pruning to the appearance of inflorescence (PO-AI); pruning to flowering(PO-FL); pruning at the beginning of ripening (PO-IM) of the berries; pruning to harvest (PO-CO), and diagrams were made on a day scale. At the harvesttime, the number of bunchesper plant, mass of bunches was quantified and from these data the production (kg plant-1) and the productivity (t ha-1) were estimated. To evaluate the must, two bunches per plant were collected, and six berries were collected per bunch to evaluate soluble solids content (SS), titratable acidity (TA), maturation index ratio (SS/TA) and anthocyanin content (mg g-1). For the number of bunches was verified an average of 48 bunches per plant, with an average mass of 133 g. The production per plantand yieldestimateswere 6.4 kg and 17.1 t ha-1, respectively. The mean levels of SS, AT, SS/AT and anthocyanins were 18°Brix, 0.97% of tartaric acid, 18.4 and 4.97 mg g-1, respectively. Therefore, theproductivecharacteristics and the quality of the 'BRS Carmem' cultivated in the Western region of Paraná state are within the desirable standards for grape juicepreparation.(AU)


Assuntos
Vitis/química , Vitis/crescimento & desenvolvimento , Fenômenos Fisiológicos Vegetais , Fenômenos Químicos
7.
Semina ciênc. agrar ; 41(3): 753-766, May-June 2020. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1501780

Resumo

The use of extracts of algae in agriculture has been growing because of their benefits to plant development and production. The objective of this study was to evaluate the effects of Ascophyllum nodosum extract on the postharvest quality of ‘Irati’ and ‘Reubennel’ plums and on the incidence of brown rot. The treatments consisted of concentrations of 0, 0.1, 0.2, 0.3 and 0.4 mL L-1 of a commercial product containing algae extract (Algamare®) that were applied to the fruits by immersion. The fruits were then stored for 15 (cv. Irati) or 30 days (cv. Reubennel) at 2.5 °C and 90% RH and for two additional days at ambient conditions for further physicochemical analysis. A batch of ‘Reubennel’ plums was inoculated with Monilinia fructicola and kept for seven days in a cold room and an additional nine days at room temperature to evaluate the occurrence of brown rot. The postharvest application of the extract at a concentration of 0.4 mL L-1 altered some of the physicochemical characteristics of the fruit after storage; an increase in the total phenolic compound content and PG activity were observed in ‘Irati’ plums. Reubennel fruits had higher titratable acidity, a lower TSS/TA ratio, lower pulp firmness and higher PME activity. The most significant effect was observed with the application of A. nodosum extract at 0.4 mL L-1, which significantly reduced the incidence and severity of brown rot in the inoculated fruits and had a similar control effect as the application of the fungicide iprodione.


O uso de extratos de algas na agricultura vem crescendo devido aos benefícios no desenvolvimento e produção das plantas. O objetivo do estudo foi avaliar o efeito do extrato de Ascophyllum nodosum na qualidade pós-colheita de ameixas ‘Irati’ e ‘Reubennel’ e na incidência de podridão parda. Os tratamentos consistiram de concentrações de 0, 0,1, 0,2, 0,3 e 0,4 mL L-1 de produto comercial contendo extrato de algas (Algamare®) que foram aplicados por imersão nos frutos e posterior armazenamento por 15 (cv. Irati) ou 30 dias (cv. Reubennel) a 2,5 °C e 90% de UR e dois dias adicionais em condições ambiente, para posterior análises físico-químicas. Um lote de ameixas ‘Reubennel’ foi inoculado com Monilinia fructicola, mantido por sete dias em câmara fria e mais nove dias à temperatura ambiente para avaliar a ocorrência de podridão parda. A aplicação pós-colheita do extrato com a dose de 0,4 mL L-1 alterou algumas características físico-químicas após o armazenamento, como o aumento no teor total de compostos fenólicos e a atividade da enzima PG para as ameixas ‘Irati’. Para a cv. Reubennel, os frutos apresentaram maior acidez titulável, menor relação SST/AT, menor firmeza de polpa e maior atividade da enzima PME. O efeito mais significativo foi verificado pela aplicação do extrato de A. nodosum a 0,4 mL L-1, que reduziu significativamente a incidência e a severidade da podridão parda em frutos inoculados, com controle semelhante à aplicação do fungicida iprodione.


Assuntos
Ascophyllum , Prunus domestica/crescimento & desenvolvimento , Prunus domestica/efeitos dos fármacos
8.
Semina Ci. agr. ; 41(3): 753-766, May-June 2020. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-746018

Resumo

The use of extracts of algae in agriculture has been growing because of their benefits to plant development and production. The objective of this study was to evaluate the effects of Ascophyllum nodosum extract on the postharvest quality of ‘Irati and ‘Reubennel plums and on the incidence of brown rot. The treatments consisted of concentrations of 0, 0.1, 0.2, 0.3 and 0.4 mL L-1 of a commercial product containing algae extract (Algamare®) that were applied to the fruits by immersion. The fruits were then stored for 15 (cv. Irati) or 30 days (cv. Reubennel) at 2.5 °C and 90% RH and for two additional days at ambient conditions for further physicochemical analysis. A batch of ‘Reubennel plums was inoculated with Monilinia fructicola and kept for seven days in a cold room and an additional nine days at room temperature to evaluate the occurrence of brown rot. The postharvest application of the extract at a concentration of 0.4 mL L-1 altered some of the physicochemical characteristics of the fruit after storage; an increase in the total phenolic compound content and PG activity were observed in ‘Irati plums. Reubennel fruits had higher titratable acidity, a lower TSS/TA ratio, lower pulp firmness and higher PME activity. The most significant effect was observed with the application of A. nodosum extract at 0.4 mL L-1, which significantly reduced the incidence and severity of brown rot in the inoculated fruits and had a similar control effect as the application of the fungicide iprodione.(AU)


O uso de extratos de algas na agricultura vem crescendo devido aos benefícios no desenvolvimento e produção das plantas. O objetivo do estudo foi avaliar o efeito do extrato de Ascophyllum nodosum na qualidade pós-colheita de ameixas ‘Irati e ‘Reubennel e na incidência de podridão parda. Os tratamentos consistiram de concentrações de 0, 0,1, 0,2, 0,3 e 0,4 mL L-1 de produto comercial contendo extrato de algas (Algamare®) que foram aplicados por imersão nos frutos e posterior armazenamento por 15 (cv. Irati) ou 30 dias (cv. Reubennel) a 2,5 °C e 90% de UR e dois dias adicionais em condições ambiente, para posterior análises físico-químicas. Um lote de ameixas ‘Reubennel foi inoculado com Monilinia fructicola, mantido por sete dias em câmara fria e mais nove dias à temperatura ambiente para avaliar a ocorrência de podridão parda. A aplicação pós-colheita do extrato com a dose de 0,4 mL L-1 alterou algumas características físico-químicas após o armazenamento, como o aumento no teor total de compostos fenólicos e a atividade da enzima PG para as ameixas ‘Irati. Para a cv. Reubennel, os frutos apresentaram maior acidez titulável, menor relação SST/AT, menor firmeza de polpa e maior atividade da enzima PME. O efeito mais significativo foi verificado pela aplicação do extrato de A. nodosum a 0,4 mL L-1, que reduziu significativamente a incidência e a severidade da podridão parda em frutos inoculados, com controle semelhante à aplicação do fungicida iprodione.(AU)


Assuntos
Prunus domestica/efeitos dos fármacos , Prunus domestica/crescimento & desenvolvimento , Ascophyllum
9.
Arq. Inst. Biol ; 85: e0052017, 2018. graf
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-980937

Resumo

Agaricus brasiliensis include bioactive compounds that can act as antibiotics, bacteriostatic, fungistatic and nematostatic substances. In this sense, this study aimed to evaluate the effect of a single application of aqueous mycelial suspension (AMS) of A. brasiliensis in control of downy mildew (Plasmopara viticola) and resistance induction in 'Isabel Precoce' grapevines under greenhouse conditions. Treatments consisted of three doses of 1%, 5%, 10%, 15% and 20% AMS A. brasiliensis, as well as treatment with acibenzolar-S-methyl (ASM). The variables analyzed were: sporangiospore germination, disease severity, represented by the area under the disease progress curve (AUDPC), catalase enzyme activity, peroxidase and polyphenol. The 10%, 15% and 20% doses of AMS caused approximately 80% reduction in germination of P. viticola sporangiospores. The treatments did not show significant effects in reducing both the AUDPC of mildew and polyphenol oxidase enzyme activity. The A. brasiliensis aqueous mycelial suspension showed a fungitoxic effect on the germination of sporangiopores; however, it was not enough to reduce the severity of mildew in the 'Isabel Precoce' grapevines, even when acting on the catalase and peroxidase enzymes. Thus, experiments should be performed to verify the viability of the reproductive structures of the pathogen externalized in the vines when treated with A. brasiliensis AMS.(AU)


Agaricus brasiliensis possui compostos bioativos que apresentam atividade antimicrobiana e induz mecanismos de defesa em plantas contra patógenos. O objetivo deste trabalho foi avaliar a aplicação da suspensão miceliada aquosa de A. brasiliensis no controle do míldio (Plasmopara viticola) e indução de resistência em videiras Isabel Precoce. Os tratamentos foram: 0, 1, 5, 10, 15 e 20% da suspensão miceliada aquosa de A. brasiliensis, além do tratamento com acibenzolar-S-metil. As variáveis analisadas foram: germinação de esporangiósporos; severidade da doença, representada pela área abaixo da curva de progresso da doença; atividade da enzima catalase; peroxidase e polifenoloxidase. As doses 10, 15 e 20% de suspensão miceliada aquosa de A. brasiliensis proporcionaram redução de aproximadamente 80% na germinação dos esporangiósporos de P. viticola. Os tratamentos não apresentaram efeitos significativos na redução da área abaixo da curva de progresso da doença do míldio e na atividade da enzima polifenoloxidase. A dose de 10% da suspensão miceliada aquosa de A. brasiliensis reduziu a atividade de catalase e induziu a atividade da peroxidase. A suspensão miceliada aquosa de A. brasiliensis apresentou efeito fungitóxico na germinação de esporangióporos, entretanto não foi suficiente para reduzir a severidade do míldio da videira Isabel Precoce, mesmo atuando na atividade das enzimas catalase e peroxidase. Assim, experimentos deverão ser realizados para verificar a viabilidade das estruturas reprodutivas do patógeno exteriorizadas nas videiras quando tratadas com suspensão miceliada aquosa de A. brasiliensis.(AU)


Assuntos
Agaricus/virologia , Anti-Infecciosos/administração & dosagem , Agentes de Controle Biológico
10.
Arq. Inst. Biol. ; 85: e0052017, 2018. graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-21054

Resumo

Agaricus brasiliensis include bioactive compounds that can act as antibiotics, bacteriostatic, fungistatic and nematostatic substances. In this sense, this study aimed to evaluate the effect of a single application of aqueous mycelial suspension (AMS) of A. brasiliensis in control of downy mildew (Plasmopara viticola) and resistance induction in 'Isabel Precoce' grapevines under greenhouse conditions. Treatments consisted of three doses of 1%, 5%, 10%, 15% and 20% AMS A. brasiliensis, as well as treatment with acibenzolar-S-methyl (ASM). The variables analyzed were: sporangiospore germination, disease severity, represented by the area under the disease progress curve (AUDPC), catalase enzyme activity, peroxidase and polyphenol. The 10%, 15% and 20% doses of AMS caused approximately 80% reduction in germination of P. viticola sporangiospores. The treatments did not show significant effects in reducing both the AUDPC of mildew and polyphenol oxidase enzyme activity. The A. brasiliensis aqueous mycelial suspension showed a fungitoxic effect on the germination of sporangiopores; however, it was not enough to reduce the severity of mildew in the 'Isabel Precoce' grapevines, even when acting on the catalase and peroxidase enzymes. Thus, experiments should be performed to verify the viability of the reproductive structures of the pathogen externalized in the vines when treated with A. brasiliensis AMS.(AU)


Agaricus brasiliensis possui compostos bioativos que apresentam atividade antimicrobiana e induz mecanismos de defesa em plantas contra patógenos. O objetivo deste trabalho foi avaliar a aplicação da suspensão miceliada aquosa de A. brasiliensis no controle do míldio (Plasmopara viticola) e indução de resistência em videiras Isabel Precoce. Os tratamentos foram: 0, 1, 5, 10, 15 e 20% da suspensão miceliada aquosa de A. brasiliensis, além do tratamento com acibenzolar-S-metil. As variáveis analisadas foram: germinação de esporangiósporos; severidade da doença, representada pela área abaixo da curva de progresso da doença; atividade da enzima catalase; peroxidase e polifenoloxidase. As doses 10, 15 e 20% de suspensão miceliada aquosa de A. brasiliensis proporcionaram redução de aproximadamente 80% na germinação dos esporangiósporos de P. viticola. Os tratamentos não apresentaram efeitos significativos na redução da área abaixo da curva de progresso da doença do míldio e na atividade da enzima polifenoloxidase. A dose de 10% da suspensão miceliada aquosa de A. brasiliensis reduziu a atividade de catalase e induziu a atividade da peroxidase. A suspensão miceliada aquosa de A. brasiliensis apresentou efeito fungitóxico na germinação de esporangióporos, entretanto não foi suficiente para reduzir a severidade do míldio da videira Isabel Precoce, mesmo atuando na atividade das enzimas catalase e peroxidase. Assim, experimentos deverão ser realizados para verificar a viabilidade das estruturas reprodutivas do patógeno exteriorizadas nas videiras quando tratadas com suspensão miceliada aquosa de A. brasiliensis.(AU)


Assuntos
Agaricus/virologia , Anti-Infecciosos/administração & dosagem , Agentes de Controle Biológico
11.
Ciênc. rural (Online) ; 47(4): 01-06, Mar. 2017. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1479927

Resumo

Sampling techniques to quantify the production of fruits are still very scarce and create a gap in crop development research. This study was conducted in a rural property in the county of Cachoeira do Sul - RS to estimate the efficiency of randomized branch sampling (RBS) in quantifying the production of pecan fruit at three different ages (5,7 and 10 years). Two selection techniques were tested: the probability proportional to the diameter (PPD) and the uniform probability (UP) techniques, which were performed on nine trees, three from each age and randomly chosen. The RBS underestimated fruit production for all ages, and its main drawback was the high sampling error (125.17% - PPD and 111.04% - UP). The UP was regarded as more efficient than the PPD, though both techniques estimated similar production and similar experimental errors. In conclusion, we reported that branch sampling was inaccurate for this case study, requiring new studies to produce estimates with smaller sampling error.


Técnicas de amostragem para quantificar a produção de frutos ainda são muito raras e geram uma lacuna no desenvolvimento das culturas. O presente estudo foi realizado em uma propriedade rural no município de Cachoeira do Sul - RS, com o objetivo de verificar a eficiência da amostragem aleatória de ramos (AAR) para estimar a produção de frutos de nogueira-pecã com três diferentes idades (5, 7 e 10 anos). Foram testadas duas técnicas de seleção: probabilidade proporcional ao diâmetro (PPD) e probabilidade uniforme (PU), aplicadas em nove árvores, sendo três de cada idade escolhidas através de sorteio. A AAR subestimou a produção de frutos nas idades avaliadas, sendo sua principal desvantagem o alto erro amostral (125,17% - PPD e 111,04% - PU). A PU foi considerada mais eficiente que a PPD nas árvores amostradas, mas com estimativas de produção e erros experimentais semelhantes. Conclui-se que a amostragem em ramos Foi imprecisa para o caso estudado, sendo necessária a realização de novos estudos para geração de estimativas com menor erro de amostragem.


Assuntos
Carya/crescimento & desenvolvimento , Produtos Agrícolas , Modelos Estatísticos
12.
Ci. Rural ; 47(4): 01-06, Mar. 2017. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-686881

Resumo

Sampling techniques to quantify the production of fruits are still very scarce and create a gap in crop development research. This study was conducted in a rural property in the county of Cachoeira do Sul - RS to estimate the efficiency of randomized branch sampling (RBS) in quantifying the production of pecan fruit at three different ages (5,7 and 10 years). Two selection techniques were tested: the probability proportional to the diameter (PPD) and the uniform probability (UP) techniques, which were performed on nine trees, three from each age and randomly chosen. The RBS underestimated fruit production for all ages, and its main drawback was the high sampling error (125.17% - PPD and 111.04% - UP). The UP was regarded as more efficient than the PPD, though both techniques estimated similar production and similar experimental errors. In conclusion, we reported that branch sampling was inaccurate for this case study, requiring new studies to produce estimates with smaller sampling error.(AU)


Técnicas de amostragem para quantificar a produção de frutos ainda são muito raras e geram uma lacuna no desenvolvimento das culturas. O presente estudo foi realizado em uma propriedade rural no município de Cachoeira do Sul - RS, com o objetivo de verificar a eficiência da amostragem aleatória de ramos (AAR) para estimar a produção de frutos de nogueira-pecã com três diferentes idades (5, 7 e 10 anos). Foram testadas duas técnicas de seleção: probabilidade proporcional ao diâmetro (PPD) e probabilidade uniforme (PU), aplicadas em nove árvores, sendo três de cada idade escolhidas através de sorteio. A AAR subestimou a produção de frutos nas idades avaliadas, sendo sua principal desvantagem o alto erro amostral (125,17% - PPD e 111,04% - PU). A PU foi considerada mais eficiente que a PPD nas árvores amostradas, mas com estimativas de produção e erros experimentais semelhantes. Conclui-se que a amostragem em ramos Foi imprecisa para o caso estudado, sendo necessária a realização de novos estudos para geração de estimativas com menor erro de amostragem.(AU)


Assuntos
Carya/crescimento & desenvolvimento , /métodos , Produtos Agrícolas , Modelos Estatísticos
13.
Semina ciênc. agrar ; 37(3): 1201-1208, maio/jun. 2016. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-28958

Resumo

This study evaluated the immobilization and nutrient uptake in an experimental organic vineyard of Early Isabella grapevines in the Midwestern region of Parana State, Brazil. The experimental design was implemented in randomized blocks with two different rootstocks Paulsen 1103 and VR 043-43 along with four replications and three plants per plot. Five years after planting, one plant per plot was completely removed from the soil and then subdivided into root, stem and canes. The remaining plants in the area were managed until harvest. The sectioned parts and clusters were dried in a forced air oven at 65C. The dry mass was subsequently determined and mineral analyses were performed. The amounts of nutrient uptake immobilized by Early Isabella grapevines with yields between 9.9 and 16.6 t ha-1 were 64.9, 19.0, 156.9, 45.8 and 12.7 kg ha 1 for N, P, K, Ca, Mg, respectively, when grafted on Paulsen 1103 and 112.8, 29.3, 260.8, 82.3 and 26.0 kg ha-1, respectively, when grafted on VR 043-43.(AU)


O objetivo do trabalho foi avaliar a imobilização e extração de macronutrientes em um vinhedo experimental de cultivo orgânico de videiras cv. Isabel Precoce na região Centro-Oeste do Paraná. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, com dois tratamentos (porta-enxertos: Paulsen 1103 e VR 043-43), quatro repetições e três plantas por parcela. Cinco anos após o plantio, uma planta por parcela foi totalmente removida do solo, sendo que posteriormente as videiras foram subdivididas em três partes: raiz, caule e ramos do ano. A partir das plantas remanescentes no campo, realizou-se a colheita dos cachos. Para as avaliações, as plantas e os cachos foram secos em estufa de ar forçado a 65C. Posteriormente, determinou-se a massa seca e se realizaram análises do teor dos macronutrientes dos tecidos vegetais Pelos resultados obtidos, verificou-se que as quantidades de nutrientes imobilizadas e exportadas pela videira cv. Isabel Precoce com produtividade entre 9,9 e 16,6 t ha-1, em função do porta-enxerto foram para N, P, K, Ca, Mg, respectivamente de 64,9; 19,0; 156,9; 45,8 e 12,66 kg ha-1 quando enxertadas sobre o Paulsen 1103 e de 112,8; 29,3; 260,8; 82,3 e 26,0 kg ha-1 quando enxertadas sobre o VR 043-43.(AU)


Assuntos
Vitis/química , Vitis/crescimento & desenvolvimento , Compostos Orgânicos/análise , Compostos Orgânicos/química
14.
Semina ciênc. agrar ; 37(3): 1201-1208, maio/jun. 2016. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1500357

Resumo

This study evaluated the immobilization and nutrient uptake in an experimental organic vineyard of Early Isabella grapevines in the Midwestern region of Parana State, Brazil. The experimental design was implemented in randomized blocks with two different rootstocks Paulsen 1103 and VR 043-43 along with four replications and three plants per plot. Five years after planting, one plant per plot was completely removed from the soil and then subdivided into root, stem and canes. The remaining plants in the area were managed until harvest. The sectioned parts and clusters were dried in a forced air oven at 65C. The dry mass was subsequently determined and mineral analyses were performed. The amounts of nutrient uptake immobilized by Early Isabella grapevines with yields between 9.9 and 16.6 t ha-1 were 64.9, 19.0, 156.9, 45.8 and 12.7 kg ha 1 for N, P, K, Ca, Mg, respectively, when grafted on Paulsen 1103 and 112.8, 29.3, 260.8, 82.3 and 26.0 kg ha-1, respectively, when grafted on VR 043-43.


O objetivo do trabalho foi avaliar a imobilização e extração de macronutrientes em um vinhedo experimental de cultivo orgânico de videiras cv. Isabel Precoce na região Centro-Oeste do Paraná. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, com dois tratamentos (porta-enxertos: Paulsen 1103 e VR 043-43), quatro repetições e três plantas por parcela. Cinco anos após o plantio, uma planta por parcela foi totalmente removida do solo, sendo que posteriormente as videiras foram subdivididas em três partes: raiz, caule e ramos do ano. A partir das plantas remanescentes no campo, realizou-se a colheita dos cachos. Para as avaliações, as plantas e os cachos foram secos em estufa de ar forçado a 65C. Posteriormente, determinou-se a massa seca e se realizaram análises do teor dos macronutrientes dos tecidos vegetais Pelos resultados obtidos, verificou-se que as quantidades de nutrientes imobilizadas e exportadas pela videira cv. Isabel Precoce com produtividade entre 9,9 e 16,6 t ha-1, em função do porta-enxerto foram para N, P, K, Ca, Mg, respectivamente de 64,9; 19,0; 156,9; 45,8 e 12,66 kg ha-1 quando enxertadas sobre o Paulsen 1103 e de 112,8; 29,3; 260,8; 82,3 e 26,0 kg ha-1 quando enxertadas sobre o VR 043-43.


Assuntos
Compostos Orgânicos/análise , Compostos Orgânicos/química , Vitis/crescimento & desenvolvimento , Vitis/química
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA