Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 14 de 14
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Intervalo de ano de publicação
1.
Colloq. Agrar ; 16(3): 104-114, maio-jun. 2020. tab, graf, ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1481567

Resumo

A expansão de sistema silvipastoril poderia ser realizada por meio da reforma do sistema monocultivo de pastagem em solo com a camada superficial arenosa, mas os agropecuaristas receiam que possa haver competição pela água no solo entre a pastagem e o eucalipto. O objetivo deste trabalho foi avaliar a umidade e a água disponível em sistema silvipastoril e monocultivo de pastagem em diferentes estações do ano, distância dos troncos de eucaliptos ou dos terraços a 1 m de profundidade em um Latossolo Vermelho Distrófico típico. A reforma de pastagem foi realizada em 12 ha com o cultivo de mandioca (2008-2010), tendo sido as mudas de eucalipto plantadas simultaneamente ao plantio das manivas de mandioca em agosto de 2008. Avaliaram-se dois sistemas entre terraços espaçados em 20 m: a) sistema de monocultivo de pastagem grama-estrela roxa (Cynodon nlemfuensis) e b) sistema silvipastoril (2x3)+20 com grama-estrela roxa e eucalipto (Eucalyptus grandis). A umidade gravimétrica no solo () foi determinada nas quatro estações do ano para eucaliptos com 2 a 3 anos de idade, entre julho/2010 a março/2011. Utilizaram-se as seguintes posições de amostragem: 2,5, 5 e 10 m do tronco do eucalipto a jusante dos terraços. Amostras deformadas de solo foram coletadas a 0-0,2 m (horizonte A areia-franca), 0,2-0,4 (horizonte Bw1 franco-arenosa), e 0,4-0,6, 0,6-0,8 e 0,8-1,0 m (horizonte Bw2...


The expansion of silvopastoral system could be achieved through reform of forage grass monoculture system in soil with a sandy surface layer, but ranchers are concerned that there may be competition for soil water between the pasture and eucalyptus. The objective of this study was to evaluate the moisture and water available in silvopastoral system and forage grass monoculture in different seasons, distance of eucalyptus trunks or terraces at 1 m depth in a Hapludox soil. Reclamation forage grass monoculture was held with cassava (2008-2010), being the eucalyptus seedlings planted simultaneously to the planting of cassava in August 2008. Two systems of terraces spaced 20 m were evaluated: a) forage grass monoculture stargrass (Cynodon nlemfuensis) system and b) silvopastoral system (2x3) +20 with stargrass forage and eucalypt tree (Eucalyptus grandis). Gravimetric moisture in the soil () was determined in four seasons for eucalyptus tree had 2-3-year-old, from July/2010 to March/2011. Use the following sampling positions: 2.5, 5 and 10 m away from the stem of eucalyptus trees downstream of the terraces. Disturbed soil samples were collected at 0-0.2 m (A horizon sandy texture), 0.2-0.4 (Bw1 sandy loam texture), and 0.4-0.6, 0.6-0.8 and 0.8-1.0 m (Bw2 sandy clay cloam). Field capacity and permanent wilting point waters contents was determined. The silvopastoral system...


Assuntos
Eucalyptus , Pastagens , Umidade do Solo
2.
Colloq. agrar. ; 16(3): 104-114, maio-jun. 2020. tab, graf, ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-27851

Resumo

A expansão de sistema silvipastoril poderia ser realizada por meio da reforma do sistema monocultivo de pastagem em solo com a camada superficial arenosa, mas os agropecuaristas receiam que possa haver competição pela água no solo entre a pastagem e o eucalipto. O objetivo deste trabalho foi avaliar a umidade e a água disponível em sistema silvipastoril e monocultivo de pastagem em diferentes estações do ano, distância dos troncos de eucaliptos ou dos terraços a 1 m de profundidade em um Latossolo Vermelho Distrófico típico. A reforma de pastagem foi realizada em 12 ha com o cultivo de mandioca (2008-2010), tendo sido as mudas de eucalipto plantadas simultaneamente ao plantio das manivas de mandioca em agosto de 2008. Avaliaram-se dois sistemas entre terraços espaçados em 20 m: a) sistema de monocultivo de pastagem grama-estrela roxa (Cynodon nlemfuensis) e b) sistema silvipastoril (2x3)+20 com grama-estrela roxa e eucalipto (Eucalyptus grandis). A umidade gravimétrica no solo () foi determinada nas quatro estações do ano para eucaliptos com 2 a 3 anos de idade, entre julho/2010 a março/2011. Utilizaram-se as seguintes posições de amostragem: 2,5, 5 e 10 m do tronco do eucalipto a jusante dos terraços. Amostras deformadas de solo foram coletadas a 0-0,2 m (horizonte A areia-franca), 0,2-0,4 (horizonte Bw1 franco-arenosa), e 0,4-0,6, 0,6-0,8 e 0,8-1,0 m (horizonte Bw2...(AU)


The expansion of silvopastoral system could be achieved through reform of forage grass monoculture system in soil with a sandy surface layer, but ranchers are concerned that there may be competition for soil water between the pasture and eucalyptus. The objective of this study was to evaluate the moisture and water available in silvopastoral system and forage grass monoculture in different seasons, distance of eucalyptus trunks or terraces at 1 m depth in a Hapludox soil. Reclamation forage grass monoculture was held with cassava (2008-2010), being the eucalyptus seedlings planted simultaneously to the planting of cassava in August 2008. Two systems of terraces spaced 20 m were evaluated: a) forage grass monoculture stargrass (Cynodon nlemfuensis) system and b) silvopastoral system (2x3) +20 with stargrass forage and eucalypt tree (Eucalyptus grandis). Gravimetric moisture in the soil () was determined in four seasons for eucalyptus tree had 2-3-year-old, from July/2010 to March/2011. Use the following sampling positions: 2.5, 5 and 10 m away from the stem of eucalyptus trees downstream of the terraces. Disturbed soil samples were collected at 0-0.2 m (A horizon sandy texture), 0.2-0.4 (Bw1 sandy loam texture), and 0.4-0.6, 0.6-0.8 and 0.8-1.0 m (Bw2 sandy clay cloam). Field capacity and permanent wilting point waters contents was determined. The silvopastoral system...(AU)


Assuntos
Eucalyptus , Umidade do Solo , Pastagens
3.
Sci. agric ; 75(1): 18-26, Jan.-Feb.2018. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1497688

Resumo

In addition to improving sustainability in cropping systems, the use of a spring and winter crop rotation system may be a viable option for mitigating soil CO2 emissions (ECO2). This study aimed to determine short-term ECO2 as affected by crop rotations and soil management over one soybean cycle in two no-till experiments, and to assess the soybean yields with the lowest ECO2. Two experiments were carried out in fall-winter as follows: i) triticale and sunflower were grown in Typic Rhodudalf (TR), and ii) ruzigrass, grain sorghum, and ruzigrass + grain sorghum were grown in Rhodic Hapludox (RH). In the spring, pearl millet, sunn hemp, and forage sorghum were grown in both experiments. In addition, in TR a fallow treatment was also applied in the spring. Soybean was grown every year in the summer, and ECO2 were recorded during the growing period. The average ECO2 was 0.58 and 0.84 g m2 h1 with accumulated ECO2 of 5,268 and 7,813 kg ha1 C-CO2 in TR and RH, respectively. Sunn hemp, when compared to pearl millet, resulted in lower ECO2 by up to 12 % and an increase in soybean yield of 9% in TR. In RH, under the winter crop Ruzigrazz+Sorghum, ECO2 were lower by 17%, although with the same soybean yield. Soil moisture and N content of crop residues are the main drivers of ECO2 and soil clay content seems to play an important role in ECO2 that is worthy of further studies. In conclusion, sunn hemp in crop rotation may be utilized to mitigate ECO2 and improve soybean yield.


Assuntos
Agricultura Sustentável , Dióxido de Carbono/análise , Glycine max/crescimento & desenvolvimento , Produtos Agrícolas
4.
Colloq. Agrar ; 14(2): 24-34, abr.-jun. 2018. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1481395

Resumo

Objetivou-se com este trabalho avaliar o efeito de sistemas de produção em semeadura direta com aporte diferenciado de palha e nitrogênio antecedendo ao cultivo da soja, visando aumento na produtividade desta leguminosa. O experimento foi instalado e conduzido em área experimental da Faculdade de Ciências Agrárias da Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE, em Presidente Prudente/SP, em um solo classificado como Argissolo Vermelho distroférrico entre janeiro de 2014 e abril de 2016. O delineamento experimental adotado foi em blocos casualizados, com quatro repetições, em esquema de parcelas subdivididas, com quatro repetições, sendo as parcelas constituídas por três rotações de culturas, I) Milho/Tremoço/Soja, II) Milho+Urochloa brizantha/Soja, III) Urochloa brizantha/Soja, e as subparcelas por quatro doses de N (50, 100, 150 e 200 kg ha-1), aplicadas anualmente. Foram analisadas a quantidade de palha e sua persistência sobre o solo antes e após a semeadura da soja e a produtividade de soja nos dois anos do experimento. Os resultados foram submetidos à análise de variância e os efeitos das variáveis foram comparados pelo teste t ao nível de 5% de probabilidade. Os sistemas de produção influenciaram na quantidade de MS acumulada antes e após à semeadura da soja, nos dois anos avaliados. A relação C/N foi influenciada pela interação M+U na dose de 200 kg ha-1 de N antes da semeadura da soja. A quantidade de matéria seca produzida pela interação entre a Urochloa com 200 kg ha-1 de N, no momento da colheita da soja, evidenciaram que as rotações que utilizaram forrageiras produziram mais palha, e que a maior dose de N favoreceu positivamente a produtividade da forrageira e o maior aporte de C ao sistema. A adubação nitrogenada distribuída ao longo do ano agrícola tem potencial para aumentar a produtividade da soja, em anos sem restrição severa de água.


The aim of this study was to evaluate the effect of no-tillage systems with different input of straw and nitrogen before soybean crop to increase soybean yield. A field experiment was carried out in an experimental area of the University of Western São Paulo, College of Agricultural Sciences, in Presidente Prudente/SP, in a dystroferric red-yellow Argisol, between January 2014 and April 2016. A randomized complete block design was followed with four replications in a split plot where the plots consisted of (I) Maize/Lupine/Soybean, II) Maize + Urochloa brizantha/Soybean, III) Urochloa brizantha/Soybean and in the subplots four nitrogen doses (50, 100, 150 and 200 kg ha-1), applied annually. The amount of straw and its persistence on the soil before and after sowing of soybean and soybean yield in the two years of the experiment were analyzed. The results were submitted to analysis of variance and the effects of the variables were compared by Tukey test at the 5% probability level. The no-tillage systems influenced the amount of dry matter accumulated before and after soybean planting in the two evaluated years. The C/N ratio was influenced by interaction between M+U and 200 kg ha-1 of N before soybean seeding. The amount of dry matter obtained by the interaction of Urochloa with 200 kg ha-1 of N at the time of grain harvest, showed that the rotations that used forage produced more straw and that the supply of the highest nitrogen fertilizer dose favored the productivity of the forage and the greater contribution of C to the system. Nitrogen fertilization distributed throughout the agricultural year has the potential to increase soybean yield in years without severe water restriction.


Assuntos
24444 , Nitrogênio/efeitos adversos , Glycine max/crescimento & desenvolvimento , Eficiência , Produtos Agrícolas
5.
Sci. agric. ; 75(1): 18-26, Jan.-Feb.2018. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-15952

Resumo

In addition to improving sustainability in cropping systems, the use of a spring and winter crop rotation system may be a viable option for mitigating soil CO2 emissions (ECO2). This study aimed to determine short-term ECO2 as affected by crop rotations and soil management over one soybean cycle in two no-till experiments, and to assess the soybean yields with the lowest ECO2. Two experiments were carried out in fall-winter as follows: i) triticale and sunflower were grown in Typic Rhodudalf (TR), and ii) ruzigrass, grain sorghum, and ruzigrass + grain sorghum were grown in Rhodic Hapludox (RH). In the spring, pearl millet, sunn hemp, and forage sorghum were grown in both experiments. In addition, in TR a fallow treatment was also applied in the spring. Soybean was grown every year in the summer, and ECO2 were recorded during the growing period. The average ECO2 was 0.58 and 0.84 g m2 h1 with accumulated ECO2 of 5,268 and 7,813 kg ha1 C-CO2 in TR and RH, respectively. Sunn hemp, when compared to pearl millet, resulted in lower ECO2 by up to 12 % and an increase in soybean yield of 9% in TR. In RH, under the winter crop Ruzigrazz+Sorghum, ECO2 were lower by 17%, although with the same soybean yield. Soil moisture and N content of crop residues are the main drivers of ECO2 and soil clay content seems to play an important role in ECO2 that is worthy of further studies. In conclusion, sunn hemp in crop rotation may be utilized to mitigate ECO2 and improve soybean yield.(AU)


Assuntos
Glycine max/crescimento & desenvolvimento , Agricultura Sustentável , Dióxido de Carbono/análise , Produtos Agrícolas
6.
Colloq. agrar. ; 14(2): 24-34, abr.-jun. 2018. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-736435

Resumo

Objetivou-se com este trabalho avaliar o efeito de sistemas de produção em semeadura direta com aporte diferenciado de palha e nitrogênio antecedendo ao cultivo da soja, visando aumento na produtividade desta leguminosa. O experimento foi instalado e conduzido em área experimental da Faculdade de Ciências Agrárias da Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE, em Presidente Prudente/SP, em um solo classificado como Argissolo Vermelho distroférrico entre janeiro de 2014 e abril de 2016. O delineamento experimental adotado foi em blocos casualizados, com quatro repetições, em esquema de parcelas subdivididas, com quatro repetições, sendo as parcelas constituídas por três rotações de culturas, I) Milho/Tremoço/Soja, II) Milho+Urochloa brizantha/Soja, III) Urochloa brizantha/Soja, e as subparcelas por quatro doses de N (50, 100, 150 e 200 kg ha-1), aplicadas anualmente. Foram analisadas a quantidade de palha e sua persistência sobre o solo antes e após a semeadura da soja e a produtividade de soja nos dois anos do experimento. Os resultados foram submetidos à análise de variância e os efeitos das variáveis foram comparados pelo teste t ao nível de 5% de probabilidade. Os sistemas de produção influenciaram na quantidade de MS acumulada antes e após à semeadura da soja, nos dois anos avaliados. A relação C/N foi influenciada pela interação M+U na dose de 200 kg ha-1 de N antes da semeadura da soja. A quantidade de matéria seca produzida pela interação entre a Urochloa com 200 kg ha-1 de N, no momento da colheita da soja, evidenciaram que as rotações que utilizaram forrageiras produziram mais palha, e que a maior dose de N favoreceu positivamente a produtividade da forrageira e o maior aporte de C ao sistema. A adubação nitrogenada distribuída ao longo do ano agrícola tem potencial para aumentar a produtividade da soja, em anos sem restrição severa de água.(AU)


The aim of this study was to evaluate the effect of no-tillage systems with different input of straw and nitrogen before soybean crop to increase soybean yield. A field experiment was carried out in an experimental area of the University of Western São Paulo, College of Agricultural Sciences, in Presidente Prudente/SP, in a dystroferric red-yellow Argisol, between January 2014 and April 2016. A randomized complete block design was followed with four replications in a split plot where the plots consisted of (I) Maize/Lupine/Soybean, II) Maize + Urochloa brizantha/Soybean, III) Urochloa brizantha/Soybean and in the subplots four nitrogen doses (50, 100, 150 and 200 kg ha-1), applied annually. The amount of straw and its persistence on the soil before and after sowing of soybean and soybean yield in the two years of the experiment were analyzed. The results were submitted to analysis of variance and the effects of the variables were compared by Tukey test at the 5% probability level. The no-tillage systems influenced the amount of dry matter accumulated before and after soybean planting in the two evaluated years. The C/N ratio was influenced by interaction between M+U and 200 kg ha-1 of N before soybean seeding. The amount of dry matter obtained by the interaction of Urochloa with 200 kg ha-1 of N at the time of grain harvest, showed that the rotations that used forage produced more straw and that the supply of the highest nitrogen fertilizer dose favored the productivity of the forage and the greater contribution of C to the system. Nitrogen fertilization distributed throughout the agricultural year has the potential to increase soybean yield in years without severe water restriction.(AU)


Assuntos
24444 , Nitrogênio/efeitos adversos , Glycine max/crescimento & desenvolvimento , Produtos Agrícolas , Eficiência
7.
Semina Ci. agr. ; 35(3): 1221-1230, May.-June.2014. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-26299

Resumo

This study aimed to evaluate the growth and corn yield as a function of row spacing and tillage system. The experiment was performed in an Alfisol typical eutrophic, moderate, heavy clay, in the municipality of IEPE (SP) in November 2010. The experimental design was a randomized block with four replications in a split lot, with plots consisting of three tillage systems (tillage, subsoiling and disc harrow) and the subplots comprised two row spacings (0.40 m and 0.80 m). The cultivar tested was the CD 384 HX. We evaluated the mass of 100 seeds, stem diameter, plant height and productivity of corn. The results were submitted to analysis of variance (ANOVA) and mean values were compared by Tukey test at 5% level of probability. The decreasing in row spacing from 0.80 m to 0.40 m, keeping the spacing between plants in the row, increased the grain yield in systems with more traditional soil structure, increasing the density of plants per area. On the other hand, plant height was maintained and stem diameter was reduced in preparation system with disk harrow.(AU)


Este estudo objetivou avaliar o crescimento e a produtividade de milho em função do espaçamento entre linhas e do sistema de preparo do solo. O experimento foi instalado em um Nitossolo Vermelho eutroférrico típico A moderado, textura argilosa, no município de Iepê (SP) no mês de novembro de 2010. O delineamento experimental foi em blocos completos casualizados, com quatro repetições, em parcelas subdivididas, sendo as parcelas constituídas por três sistemas de preparo do solo (sistema plantio direto, subsolagem e gradagem aradora) e as subparcelas compreenderam dois espaçamentos entre linhas de milho da cultivar CD 384 HX (0,40 m e 0,80m). Avaliou-se o diâmetro do colmo, altura da planta, a massa de 100 grãos e a produtividade de milho. Os resultados obtidos foram submetidos à análise da variância (ANOVA) e os valores médios foram comparados através do teste de Tukey a nível de 5% de probabilidade. A redução do espaçamento entrelinhas na cultura do milho de 0,80 m para 0,40 m, mantendo o espaçamento entre plantas na linha de semeadura, aumenta a produtividade de grãos em sistemas mais conservacionistas da estrutura do solo como plantio direto e preparo mínimo (subsolagem) e com consequente aumento da densidade de plantas por área, não altera o crescimento do milho em altura, mas reduz o diâmetro do colmo no sistema de preparo com gradagem aradora.(AU)


Assuntos
Zea mays , Controle da Qualidade do Solo , 24444 , Densidade Demográfica
8.
Colloq. Agrar ; 10(1): 33-44, Jan-Jun. 2014. graf, tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1481259

Resumo

Sistemas consorciados de produção podem contribuir para a sustentabilidade dos sistemas agropecuários, no entanto, poderá ocorrer competição entre as espécies envolvidas. Objetivou-se avaliar o efeito do cultivo consorciado entre soja e eucalipto em diferentes posições da faixa de cultivo da soja em relação aos renques das árvores. O experimento foi conduzido em área experimental do Campus II da Universidade do Oeste Paulista em Presidente Prudente (SP), em um Argissolo Vermelho, entre maio de 2010 e março de 2012. Foram avaliadas três posições da faixa de cultivo da soja entre os renques de eucalipto, sendo essas: 1- extremidade oeste; 2- centro da faixa; e 3- extremidade leste. Por ocasião do estádio de enchimento de grãos da soja, após um período de 10 dias de chuva, foram realizadas avaliações de umidade e temperatura do solo na camada de 0 a 5 cm, além da radiação solar incidente, em diferentes horários do dia. No cultivo de soja entre renques de eucalipto distanciados em 15 m e instalados no sentido norte-sul, a produtividade de grãos é maior na extremidade oeste e menor na extremidade leste da faixa de cultivo, em função de serem os locais com maior e menor incidência de radiação solar ao longo do dia, respectivamente.


The intercropping systems can contribute to the sustainability of agricultural systems, however, competition may occur between the species involved. This study aimed to evaluate the effect of intercropping between soybean and eucalyptus in different positions of soybean band in relation to the trees rows. The experiment was conducted in experimental areas of Campus II from Universidade do Oeste Paulista in Presidente Prudente (SP), in an Ultisol, between May, 2010 and March, 2012. It was tested three treatments in different distances of soybean with eucalyptus. The treatments were: 1- west extreme; 2-center of the band; and 3-east extreme. The evaluations were soil moisture, soil temperature and solar radiation during the stage of grains filling of the soybean, in different times of the days, after ten days without rain. In soybean growth between eucalyptus rows distant by 15 m and installed on the north-south direction, the grain yield is higher in the west end and lower in the east end, due to be local with higher and lower incidence of solar radiation during the day, respectively.


Assuntos
24444 , Eucalyptus , Glycine max/crescimento & desenvolvimento , Árvores
9.
Colloq. agrar. ; 10(1): 33-44, Jan-Jun. 2014. graf, tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-28399

Resumo

Sistemas consorciados de produção podem contribuir para a sustentabilidade dos sistemas agropecuários, no entanto, poderá ocorrer competição entre as espécies envolvidas. Objetivou-se avaliar o efeito do cultivo consorciado entre soja e eucalipto em diferentes posições da faixa de cultivo da soja em relação aos renques das árvores. O experimento foi conduzido em área experimental do Campus II da Universidade do Oeste Paulista em Presidente Prudente (SP), em um Argissolo Vermelho, entre maio de 2010 e março de 2012. Foram avaliadas três posições da faixa de cultivo da soja entre os renques de eucalipto, sendo essas: 1- extremidade oeste; 2- centro da faixa; e 3- extremidade leste. Por ocasião do estádio de enchimento de grãos da soja, após um período de 10 dias de chuva, foram realizadas avaliações de umidade e temperatura do solo na camada de 0 a 5 cm, além da radiação solar incidente, em diferentes horários do dia. No cultivo de soja entre renques de eucalipto distanciados em 15 m e instalados no sentido norte-sul, a produtividade de grãos é maior na extremidade oeste e menor na extremidade leste da faixa de cultivo, em função de serem os locais com maior e menor incidência de radiação solar ao longo do dia, respectivamente.(AU)


The intercropping systems can contribute to the sustainability of agricultural systems, however, competition may occur between the species involved. This study aimed to evaluate the effect of intercropping between soybean and eucalyptus in different positions of soybean band in relation to the trees rows. The experiment was conducted in experimental areas of Campus II from Universidade do Oeste Paulista in Presidente Prudente (SP), in an Ultisol, between May, 2010 and March, 2012. It was tested three treatments in different distances of soybean with eucalyptus. The treatments were: 1- west extreme; 2-center of the band; and 3-east extreme. The evaluations were soil moisture, soil temperature and solar radiation during the stage of grains filling of the soybean, in different times of the days, after ten days without rain. In soybean growth between eucalyptus rows distant by 15 m and installed on the north-south direction, the grain yield is higher in the west end and lower in the east end, due to be local with higher and lower incidence of solar radiation during the day, respectively.(AU)


Assuntos
Glycine max/crescimento & desenvolvimento , Eucalyptus , 24444 , Árvores
10.
Colloq. Agrar ; 09(02): 16-29, jul.-dez. 2013. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1481249

Resumo

Este trabalho teve como objetivo verificar o teor de matéria orgânica de um Argissolo Vermelho distroférrico sob diferentes sistemas de manejo de culturas agrícolas, bem como o reflexo direto destes sistemas sobre o teor de matéria orgânica, o estoque de carbono orgânico e a densidade do solo.O experimento foi conduzido na Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE), em Presidente Prudente-SP. Os sistemas de manejo foram selecionados de acordo com o histórico de uso das áreas: MN-área de mata nativa; EUC-área de eucalipto; SSD-área manejada no sistema de semeadura direta; PSTI–área de pastagem de Panicum maximum cv. Mombaça manejada com irrigação; PST–área de pastagem de Urochloa brizanthas em manejo específico. O delineamento experimental foi caracterizado como inteiramente casualizado, estruturado em parcelas subdivididas, onde as parcelas foram constituídas pelos sistemas de manejo e as subparcelas foram representadas pelas profundidades (0-5, 5-10, 10-20 e 20-40 cm) de solo amostrado nas entrelinhas de plantio. Após a coleta, as amostras foram transportadas para o laboratório para a determinação do teor de matéria orgânica (MOS) e carbono orgânico (COS), densidade aparente (Ds) e cálculo do estoque de carbono total do solo (ECOT) com base na massa equivalente de solo. Os resultados obtidos foram submetidos à análise de variância e ao teste de comparação de médias ao nível de 5% de probabilidade. A retirada da vegetação nativa proporcionou aumento da Dse a redução da MOS e do ECOT do solo. Os diferentes sistemas de manejo de culturas agrícolas não melhoraram os valores dos atributos Ds e MOS. O manejo de culturas em SSD apresentou maior ECOT na profundidade de 20-40 cm.


This study aimed to determine the organic matter content of a dystrophic Ultisol under different tillage systems and crop direct reflection of these systems on the soil organic matter content (OMS), stock of organic carbon (SOC) and bulk density (BD). The experiment was conducted at UNOESTE in Presidente Prudente-SP. The management systems were selected according to the historical use of areas: NF-native forest; EUCA-area of eucalyptus; NTA -area managed in no-tillage; PSWI –area of pasture grass Panicum maximum cv. Mombasa managed with irrigation; PST – area of pasture Urochloa brizantha without specific management. The experiment was described as randomized, structured in a split plot, where the plots represented the management systems and subplots represented the sampled depths (0-5, 5-10, 10-20 and 20-40 cm) of soil sampled between the rows of crops. After sampling, the samples were transported to the laboratory soil analysis for determination the content of organic matter (OMS) and organic carbon (COS), bulk (BD) and calculating the total stock of soil carbon (TOCS) based on equivalent soil mass. The results obtained were subjected to analysis of variance and comparison of means at 5 % probability test. The removal of native vegetation provided an increase in BD and reduction in OMS and soil TOCS. The management of agricultural crops did not improve the attributes BD and SOM. The crop management SSD showed higher TOCS at a depth of 20-40 cm.


Assuntos
Carbono , Matéria Orgânica/análise , Química do Solo/análise , Zonas Agrícolas/análise
11.
Colloq. agrar. ; 09(02): 16-29, jul.-dez. 2013. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-764749

Resumo

Este trabalho teve como objetivo verificar o teor de matéria orgânica de um Argissolo Vermelho distroférrico sob diferentes sistemas de manejo de culturas agrícolas, bem como o reflexo direto destes sistemas sobre o teor de matéria orgânica, o estoque de carbono orgânico e a densidade do solo.O experimento foi conduzido na Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE), em Presidente Prudente-SP. Os sistemas de manejo foram selecionados de acordo com o histórico de uso das áreas: MN-área de mata nativa; EUC-área de eucalipto; SSD-área manejada no sistema de semeadura direta; PSTI–área de pastagem de Panicum maximum cv. Mombaça manejada com irrigação; PST–área de pastagem de Urochloa brizanthas em manejo específico. O delineamento experimental foi caracterizado como inteiramente casualizado, estruturado em parcelas subdivididas, onde as parcelas foram constituídas pelos sistemas de manejo e as subparcelas foram representadas pelas profundidades (0-5, 5-10, 10-20 e 20-40 cm) de solo amostrado nas entrelinhas de plantio. Após a coleta, as amostras foram transportadas para o laboratório para a determinação do teor de matéria orgânica (MOS) e carbono orgânico (COS), densidade aparente (Ds) e cálculo do estoque de carbono total do solo (ECOT) com base na massa equivalente de solo. Os resultados obtidos foram submetidos à análise de variância e ao teste de comparação de médias ao nível de 5% de probabilidade. A retirada da vegetação nativa proporcionou aumento da Dse a redução da MOS e do ECOT do solo. Os diferentes sistemas de manejo de culturas agrícolas não melhoraram os valores dos atributos Ds e MOS. O manejo de culturas em SSD apresentou maior ECOT na profundidade de 20-40 cm.(AU)


This study aimed to determine the organic matter content of a dystrophic Ultisol under different tillage systems and crop direct reflection of these systems on the soil organic matter content (OMS), stock of organic carbon (SOC) and bulk density (BD). The experiment was conducted at UNOESTE in Presidente Prudente-SP. The management systems were selected according to the historical use of areas: NF-native forest; EUCA-area of eucalyptus; NTA -area managed in no-tillage; PSWI –area of pasture grass Panicum maximum cv. Mombasa managed with irrigation; PST area of pasture Urochloa brizantha without specific management. The experiment was described as randomized, structured in a split plot, where the plots represented the management systems and subplots represented the sampled depths (0-5, 5-10, 10-20 and 20-40 cm) of soil sampled between the rows of crops. After sampling, the samples were transported to the laboratory soil analysis for determination the content of organic matter (OMS) and organic carbon (COS), bulk (BD) and calculating the total stock of soil carbon (TOCS) based on equivalent soil mass. The results obtained were subjected to analysis of variance and comparison of means at 5 % probability test. The removal of native vegetation provided an increase in BD and reduction in OMS and soil TOCS. The management of agricultural crops did not improve the attributes BD and SOM. The crop management SSD showed higher TOCS at a depth of 20-40 cm.(AU)


Assuntos
Zonas Agrícolas/análise , Química do Solo/análise , Carbono , Matéria Orgânica/análise
12.
Colloq. Agrar ; 8(2): 46-56, 2012.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1481751

Resumo

O calcário é o corretivo da acidez mais utilizado nos solos agrícolas brasileiros, porém benefícios importantes podem ser obtidos com o uso de silicatos de cálcio e magnésio. Objetivou-se comparar o efeito neutralizante da acidez do solo por meio de calagem e silicatagem, com incubação dos corretivos em condições de solo com diferentes umidades. O experimento foi conduzido no Laboratório de Análise Química de Solos, na Universidade do Oeste Paulista-UNOESTE, utilizando solo coletado na camada de 0 a 20 cm de um Argissolo Vermelho-Amarelado distrófico. Utilizou-se o delineamento experimental inteiramente casualizado, em esquema fatorial 2x2x5, sendo dois corretivos (calcário dolomítico e silicato de Ca e Mg), duas umidades do solo (80 e 20% da umidade de saturação) e cinco épocas de avaliação (60, 90, 120, 150 e 180 dias após incubação) dos atributos químicos do solo. Os resultados foram comparados por meio de análise de variância e as variáveis umidades do solo e corretivos foram submetidas ao teste de Tukey (p<0,05). Já o efeito da época de amostragem foi analisado por meio de análise de regressão. O silicato apresenta maior capacidade neutralizante da acidez do solo que o calcário, e com isso sua dosagem deve ser mais bem estudada, pois a utilização do cálculo para determinar a necessidade de calagem pode superestimar a necessidade de silicatagem. A reatividade do calcário no solo não é influenciada quando o solo está com umidade entre 20 e 80% da umidade de saturação, diferentemente do silicato, que tem a sua reatividade potencializada na condição de maior umidade do solo. A ação corretiva da acidez do solo por ambos os corretivos permanece crescente até 180 dias da incubação, porém, resultados satisfatórios já são obtidos com 60 dias de incubação do solo.


The lime is the acidity corrective more used in brazilian agricultural soils, but important benefits can be obtained from calcium and magnesium silicates. The aim of this study was to compare the effect of neutralizing soil acidity by application of lime and silicate, with incubation of the correctives in soil conditions more or less moisture. The experiment was conducted in the Soil Chemical Analysis Laboratory at the UNOESTE, using soil collected in the layer 0-20 cm of a Sandy Loam Argisol. The experiment was carried out in a completely randomized in a 2x2x5 factorial scheme, with two correctives (lime and silicate of Ca and Mg), two soil moistures (80 and 20% moisture soil saturation) and five times (60, 90, 120, 150 and 180 days after incubation) of soil chemical properties. It was submitted to variance analysis and the effects of soil moisture and correctives were evaluated by Tukey test (p<0,05) and the incubations time were evaluated by regression analysis. The silicate has a higher neutralizing capacity of soil acidity than lime, and thus its dosage should be further investigated, because the use of the calculation to determine the lime requirement can overestimate the need for silicate applied. The lime reactivity in the soil is not influenced with soil moisture between 20 and 80% moisture saturation, unlike silicate, which has its soil reactivity enhanced in the condition of higher moisture. The soil corrective action acidity by both corrective remains increasing up to 180 days of incubation, however, satisfactory results are already obtained with 60 days of soil incubation.


Assuntos
Acidez do Solo/análise , Calcarea Silicata/efeitos adversos , Silicatos de Magnésio/química , Solos Calcários/análise , Agricultura , Umidade do Solo
13.
Colloq. agrar. ; 8(2): 46-56, 2012.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-2922

Resumo

O calcário é o corretivo da acidez mais utilizado nos solos agrícolas brasileiros, porém benefícios importantes podem ser obtidos com o uso de silicatos de cálcio e magnésio. Objetivou-se comparar o efeito neutralizante da acidez do solo por meio de calagem e silicatagem, com incubação dos corretivos em condições de solo com diferentes umidades. O experimento foi conduzido no Laboratório de Análise Química de Solos, na Universidade do Oeste Paulista-UNOESTE, utilizando solo coletado na camada de 0 a 20 cm de um Argissolo Vermelho-Amarelado distrófico. Utilizou-se o delineamento experimental inteiramente casualizado, em esquema fatorial 2x2x5, sendo dois corretivos (calcário dolomítico e silicato de Ca e Mg), duas umidades do solo (80 e 20% da umidade de saturação) e cinco épocas de avaliação (60, 90, 120, 150 e 180 dias após incubação) dos atributos químicos do solo. Os resultados foram comparados por meio de análise de variância e as variáveis umidades do solo e corretivos foram submetidas ao teste de Tukey (p<0,05). Já o efeito da época de amostragem foi analisado por meio de análise de regressão. O silicato apresenta maior capacidade neutralizante da acidez do solo que o calcário, e com isso sua dosagem deve ser mais bem estudada, pois a utilização do cálculo para determinar a necessidade de calagem pode superestimar a necessidade de silicatagem. A reatividade do calcário no solo não é influenciada quando o solo está com umidade entre 20 e 80% da umidade de saturação, diferentemente do silicato, que tem a sua reatividade potencializada na condição de maior umidade do solo. A ação corretiva da acidez do solo por ambos os corretivos permanece crescente até 180 dias da incubação, porém, resultados satisfatórios já são obtidos com 60 dias de incubação do solo.(AU)


The lime is the acidity corrective more used in brazilian agricultural soils, but important benefits can be obtained from calcium and magnesium silicates. The aim of this study was to compare the effect of neutralizing soil acidity by application of lime and silicate, with incubation of the correctives in soil conditions more or less moisture. The experiment was conducted in the Soil Chemical Analysis Laboratory at the UNOESTE, using soil collected in the layer 0-20 cm of a Sandy Loam Argisol. The experiment was carried out in a completely randomized in a 2x2x5 factorial scheme, with two correctives (lime and silicate of Ca and Mg), two soil moistures (80 and 20% moisture soil saturation) and five times (60, 90, 120, 150 and 180 days after incubation) of soil chemical properties. It was submitted to variance analysis and the effects of soil moisture and correctives were evaluated by Tukey test (p<0,05) and the incubations time were evaluated by regression analysis. The silicate has a higher neutralizing capacity of soil acidity than lime, and thus its dosage should be further investigated, because the use of the calculation to determine the lime requirement can overestimate the need for silicate applied. The lime reactivity in the soil is not influenced with soil moisture between 20 and 80% moisture saturation, unlike silicate, which has its soil reactivity enhanced in the condition of higher moisture. The soil corrective action acidity by both corrective remains increasing up to 180 days of incubation, however, satisfactory results are already obtained with 60 days of soil incubation.(AU)


Assuntos
Acidez do Solo/análise , Calcarea Silicata/efeitos adversos , Silicatos de Magnésio/química , Solos Calcários/análise , Agricultura , Umidade do Solo
14.
Semina ciênc. agrar ; 35(3): 1221-1230, 2014. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1499611

Resumo

This study aimed to evaluate the growth and corn yield as a function of row spacing and tillage system. The experiment was performed in an Alfisol typical eutrophic, moderate, heavy clay, in the municipality of IEPE (SP) in November 2010. The experimental design was a randomized block with four replications in a split lot, with plots consisting of three tillage systems (tillage, subsoiling and disc harrow) and the subplots comprised two row spacings (0.40 m and 0.80 m). The cultivar tested was the CD 384 HX. We evaluated the mass of 100 seeds, stem diameter, plant height and productivity of corn. The results were submitted to analysis of variance (ANOVA) and mean values were compared by Tukey test at 5% level of probability. The decreasing in row spacing from 0.80 m to 0.40 m, keeping the spacing between plants in the row, increased the grain yield in systems with more traditional soil structure, increasing the density of plants per area. On the other hand, plant height was maintained and stem diameter was reduced in preparation system with disk harrow.


Este estudo objetivou avaliar o crescimento e a produtividade de milho em função do espaçamento entre linhas e do sistema de preparo do solo. O experimento foi instalado em um Nitossolo Vermelho eutroférrico típico A moderado, textura argilosa, no município de Iepê (SP) no mês de novembro de 2010. O delineamento experimental foi em blocos completos casualizados, com quatro repetições, em parcelas subdivididas, sendo as parcelas constituídas por três sistemas de preparo do solo (sistema plantio direto, subsolagem e gradagem aradora) e as subparcelas compreenderam dois espaçamentos entre linhas de milho da cultivar CD 384 HX (0,40 m e 0,80m). Avaliou-se o diâmetro do colmo, altura da planta, a massa de 100 grãos e a produtividade de milho. Os resultados obtidos foram submetidos à análise da variância (ANOVA) e os valores médios foram comparados através do teste de Tukey a nível de 5% de probabilidade. A redução do espaçamento entrelinhas na cultura do milho de 0,80 m para 0,40 m, mantendo o espaçamento entre plantas na linha de semeadura, aumenta a produtividade de grãos em sistemas mais conservacionistas da estrutura do solo como plantio direto e preparo mínimo (subsolagem) e com consequente aumento da densidade de plantas por área, não altera o crescimento do milho em altura, mas reduz o diâmetro do colmo no sistema de preparo com gradagem aradora.


Assuntos
Controle da Qualidade do Solo , 24444 , Zea mays , Densidade Demográfica
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA