Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 3 de 3
Filtrar
Mais filtros

Ano de publicação
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 71(1): 68-76, jan.-fev. 2019. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-989353

Resumo

Peccaries are wild mammals belonging to the Tayassu genus that are found almost everywhere in the Americas and have demonstrated great potential as an experimental model for scientific investigations. Twelve healthy adult animals were sedated to perform echocardiographic examinations in B, M and Doppler mode. The variables that exhibited statistically significant correlation coefficients with weight were LVFWd, LVIDd, LVIDs, E wave, A'RV, MAM, and TAPSE. The HR exhibited a negative relationship with the IVRT. The LA variable showed a positive correlation with the AO. The MAM exhibited correlations with the LVIDd and LVIDs. The TAPSE showed positive correlations with the E'RV and A'RV. The present study provides the first reference values for echocardiographic measurements in B, M and Doppler modes from peccaries anesthetized with ketamine and midazolam. Echocardiography was easy to perform in collared peccaries, and the collected data revealed values that can aid in their clinical management and conservation.(AU)


Catetos são mamíferos selvagens, pertencentes ao gênero Tayassu, encontrados em quase toda a América, os quais têm se destacado como modelos experimentais. Doze animais adultos saudáveis foram sedados para a realização de exames ecocardiográficos em modos B, M e Doppler. As variáveis que apresentaram coeficientes de correlação estatisticamente significativos em relação ao peso foram: LVFWd, LVIDd, LVIDs, onda E, A'RV, MAM, TAPSE. O HR mostrou correlação positiva com LA/AO, onda E, onda A, MAM, TAPSE e E/IVRT, e negativa com IVRT. Os valores de AVmax mostraram correlações positivas com onda E e onda A'. A variável LA mostrou correlação positiva com AO e correlação negativa com IVSd. A EF apresentou forte correlação com a relação de ondas FS, E/A, com A', E'RV. FS apresentou correlação positiva com a relação de onda E/A. O MAM mostrou correlação com LVIDd e LVIDs. TAPSE mostrou correlações positivas com E'RV e A'RV. O presente estudo forneceu os primeiros valores de referência para medições ecocardiográficas em modos B, M e Doppler de catetos anestesiados com ketamina e midazolam. O exame ecocardiográfico em catetos foi de fácil execução e os dados encontrados evidenciaram valores que podem auxiliar no seu manejo clínico e conservação.(AU)


Assuntos
Animais , Artiodáctilos/anormalidades , Cardiologia , Hemodinâmica , Animais Selvagens/anormalidades
2.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 71(1): 68-76, jan.-fev. 2019. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-21396

Resumo

Peccaries are wild mammals belonging to the Tayassu genus that are found almost everywhere in the Americas and have demonstrated great potential as an experimental model for scientific investigations. Twelve healthy adult animals were sedated to perform echocardiographic examinations in B, M and Doppler mode. The variables that exhibited statistically significant correlation coefficients with weight were LVFWd, LVIDd, LVIDs, E wave, A'RV, MAM, and TAPSE. The HR exhibited a negative relationship with the IVRT. The LA variable showed a positive correlation with the AO. The MAM exhibited correlations with the LVIDd and LVIDs. The TAPSE showed positive correlations with the E'RV and A'RV. The present study provides the first reference values for echocardiographic measurements in B, M and Doppler modes from peccaries anesthetized with ketamine and midazolam. Echocardiography was easy to perform in collared peccaries, and the collected data revealed values that can aid in their clinical management and conservation.(AU)


Catetos são mamíferos selvagens, pertencentes ao gênero Tayassu, encontrados em quase toda a América, os quais têm se destacado como modelos experimentais. Doze animais adultos saudáveis foram sedados para a realização de exames ecocardiográficos em modos B, M e Doppler. As variáveis que apresentaram coeficientes de correlação estatisticamente significativos em relação ao peso foram: LVFWd, LVIDd, LVIDs, onda E, A'RV, MAM, TAPSE. O HR mostrou correlação positiva com LA/AO, onda E, onda A, MAM, TAPSE e E/IVRT, e negativa com IVRT. Os valores de AVmax mostraram correlações positivas com onda E e onda A'. A variável LA mostrou correlação positiva com AO e correlação negativa com IVSd. A EF apresentou forte correlação com a relação de ondas FS, E/A, com A', E'RV. FS apresentou correlação positiva com a relação de onda E/A. O MAM mostrou correlação com LVIDd e LVIDs. TAPSE mostrou correlações positivas com E'RV e A'RV. O presente estudo forneceu os primeiros valores de referência para medições ecocardiográficas em modos B, M e Doppler de catetos anestesiados com ketamina e midazolam. O exame ecocardiográfico em catetos foi de fácil execução e os dados encontrados evidenciaram valores que podem auxiliar no seu manejo clínico e conservação.(AU)


Assuntos
Animais , Artiodáctilos/anormalidades , Cardiologia , Hemodinâmica , Animais Selvagens/anormalidades
3.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 36(1): 9-14, 1999. ilus, tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-12593

Resumo

Estudamos a placenta quanto aos seus aspectos morfológicos em 30 caprinos sem raça definida, adultos oriundos do Estado do Piauí, mediante a análise de esquemas de modelos obtidos pela injeção de látex Neoprene "650". Obtivemos 17 casos, ou seja, 56,66 por cento de gestações únicas e 13 casos, ou seja, 43,33 por cento de gestações gemelares. A área do hilo placentário varia de 1 a 6 cm de diâmetro e está situada no centro da placenta, região caracterizada pela apresentação do pedículo umbilical. O formato dos cotilédones varia de ovóide, circular, elíptica, piriforme ou reniforme, sendo que a maioria mostra-se ovóide. O número total de cotilédones em 30 gestações é igual a 3.117, sendo a média 104 cotilédones por gestação. Nas gestações únicas em 16 casos (94,11 por cento), o corno uterino gestante apresenta maior número de cotilédones do que o corno uterino não-gestante. Nas gestações gemelares, em 7 observações (53,84 por cento), o corno uterino esquerdo mostra maior número de cotilédones do que o corno uterino direito.(AU)


he morphologic aspects of the goat placenta were the subjects of our research. Thirty adult, mixed-breed goats, from the State of Piauí (Brazil), were studied, and the models obtained by Neoprene "650" latex injection were analyzed. We found that in 17 cases (56.66%) single gestation occurred, while in 13 animals (43.33%) gemellary gestations were present. The diameter of the hilus placental area ranged from 1 to 6 centimeters. It was located in the center of the placenta, an area characterized by the presence of the umbilical pedicle. Concerning the cotyledon shape, the great majority was ovoid, although circled, elliptical, pyriform and reniform shapes were also found. The total number of cotyledons in all thirty pregnancies was 3.117, which shows an average of 104 cotyledons per gestation. In 16 cases of single gestation (94.11%), the pregnant uterine horn had a greater number of cotyledons than the contralateral one. In 7 animals with gemellary gestation (53.84%), the left uterine horn had a greater number of cotyledons than the right uterine one.(AU)


Assuntos
Animais , Feminino , Cabras/anatomia & histologia , Placenta/anatomia & histologia , Neopreno/uso terapêutico , Útero/anatomia & histologia
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA