Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 5 de 5
Filtrar
Mais filtros

Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1347991

Resumo

Eosinophilic cystitis is a rare inflammatory disorder characterized by eosinophilic infiltration of entire layers of the bladder wall. The condition has been described in adults, children, and dogs. However, there are no consensus guidelines for the treatment of eosinophilic cystitis. Although human and veterinary literature reviews show some effectiveness in management with corticosteroids, antihistamines, and antibiotics, a variety of serious and frequent side effects are associated with steroid therapy. As a result, steroids are relatively contraindicated for patients with diabetes mellitus and Cushing's syndrome. A five-year-old neutered male chow-chow with controlled diabetes was referred with an 18-month history of malodorous urine, gross haematuria, and dysuria that were nonresponsive to antibiotics. The findings on general examination were unremarkable except for abdominal suprapubic discomfort. The complete blood count and biochemical profile (such as urea and creatinine) were normal except for mild peripheral eosinophilia. Although ultrasonography, bladder contrast radiography, and urine cytology findings indicated malignancy, with the presence of atypical urothelial cells, histopathology confirmed eosinophilic cystitis. Management with cyclosporine was adequate with complete remission of haematuria. This case report presents the first reported successful use of cyclosporine for the treatment of eosinophilic cystitis in a dog with diabetes.(AU)


A cistite eosinofílica é uma doença inflamatória rara caracterizada por infiltração eosinofílica de todas as camadas da parede da bexiga. Essa enfermidade já foi descrita em adultos, crianças e cães. No entanto, não há um consenso de diretrizes sobre o seu tratamento. Mesmo que as literaturas humana e veterinária mostrem alguma eficácia no manejo com corticosteroides, anti-histamínicos e antibióticos, uma variedade de efeitos colaterais graves e frequentes está associada à terapia com esteroides. Dessa forma, o uso de esteroides é relativamente contraindicado para pacientes com diabetes mellitus e síndrome de Cushing, por exemplo. Um chow-chow, macho, castrado, de cinco anos e diabético estável foi encaminhado para atendimento com histórico de urina fétida, hematúria macroscópica e disúria não responsiva a antibióticos há 18 meses. A avaliação dos parâmetros físicos estava dentro dos padrões, exceto por desconforto abdominal suprapúbico à palpação. O hemograma e o perfil bioquímico (como a ureia e a creatinina) estavam dentro da normalidade para a espécie, exceto por eosinofilia periférica leve. Embora a ultrassonografia, a radiografia contrastada da bexiga e os achados da urinálise indicassem malignidade, com a presença de células uroteliais atípicas, a histopatologia confirmou o diagnóstico definitivo de cistite eosinofílica. O manejo com ciclosporina foi satisfatório, com ausência completa da hematúria. Este relato de caso apresenta o primeiro uso documentado de ciclosporina para o tratamento de cistite eosinofílica com sucesso em um cão com diabetes.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Ciclosporina , Cistite , Cães , Hematúria , Enterobacter , Eosinofilia , Klebsiella pneumoniae
2.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 58: e178389, 2021. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-31674

Resumo

Eosinophilic cystitis is a rare inflammatory disorder characterized by eosinophilic infiltration of entire layers of the bladder wall. The condition has been described in adults, children, and dogs. However, there are no consensus guidelines for the treatment of eosinophilic cystitis. Although human and veterinary literature reviews show some effectiveness in management with corticosteroids, antihistamines, and antibiotics, a variety of serious and frequent side effects are associated with steroid therapy. As a result, steroids are relatively contraindicated for patients with diabetes mellitus and Cushing's syndrome. A five-year-old neutered male chow-chow with controlled diabetes was referred with an 18-month history of malodorous urine, gross haematuria, and dysuria that were nonresponsive to antibiotics. The findings on general examination were unremarkable except for abdominal suprapubic discomfort. The complete blood count and biochemical profile (such as urea and creatinine) were normal except for mild peripheral eosinophilia. Although ultrasonography, bladder contrast radiography, and urine cytology findings indicated malignancy, with the presence of atypical urothelial cells, histopathology confirmed eosinophilic cystitis. Management with cyclosporine was adequate with complete remission of haematuria. This case report presents the first reported successful use of cyclosporine for the treatment of eosinophilic cystitis in a dog with diabetes.(AU)


A cistite eosinofílica é uma doença inflamatória rara caracterizada por infiltração eosinofílica de todas as camadas da parede da bexiga. Essa enfermidade já foi descrita em adultos, crianças e cães. No entanto, não há um consenso de diretrizes sobre o seu tratamento. Mesmo que as literaturas humana e veterinária mostrem alguma eficácia no manejo com corticosteroides, anti-histamínicos e antibióticos, uma variedade de efeitos colaterais graves e frequentes está associada à terapia com esteroides. Dessa forma, o uso de esteroides é relativamente contraindicado para pacientes com diabetes mellitus e síndrome de Cushing, por exemplo. Um chow-chow, macho, castrado, de cinco anos e diabético estável foi encaminhado para atendimento com histórico de urina fétida, hematúria macroscópica e disúria não responsiva a antibióticos há 18 meses. A avaliação dos parâmetros físicos estava dentro dos padrões, exceto por desconforto abdominal suprapúbico à palpação. O hemograma e o perfil bioquímico (como a ureia e a creatinina) estavam dentro da normalidade para a espécie, exceto por eosinofilia periférica leve. Embora a ultrassonografia, a radiografia contrastada da bexiga e os achados da urinálise indicassem malignidade, com a presença de células uroteliais atípicas, a histopatologia confirmou o diagnóstico definitivo de cistite eosinofílica. O manejo com ciclosporina foi satisfatório, com ausência completa da hematúria. Este relato de caso apresenta o primeiro uso documentado de ciclosporina para o tratamento de cistite eosinofílica com sucesso em um cão com diabetes.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Ciclosporina , Cistite , Cães , Hematúria , Enterobacter , Eosinofilia , Klebsiella pneumoniae
3.
Acta Vet. Brasilica ; 14(1): 10-15, Apr. 8, 2020. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1453200

Resumo

Background: Hemostasis is a process of blood coagulation with the function of preventing hemorrhagic processes in the organism. The Coagulation Time (CT), Prothrombin Time (PT), Activated Partial Thromboplastin Time (APTT), Fibrinogen, Thrombin Time (TT), Increased Fibrin Degradation Products (IFDP) and D-Dimers are laboratory tests that can be used to evaluate the coagulation cascade. Objectives: The present study aimed to determine the reference values of PT, APTT and Fibrinogen by semi-automatic methodology with laboratorial kits. Methods:  Blood samples were collected from 22 healthy beagle dogs and immediately centrifuged and citrated plasma stored at -20ºC for posterior analysis. PT, APTT and fibrinogen were measured using commercial kits in a semi-automatic coagulometer by the viscosity detection system.  Results: Mean values obtained were 6.0 ± 7.3 seconds for PT, 8.4 ± 16.9 seconds for APTT, and 10.2 ± 26.4 seconds for Fibrinogen. Conclusion: It is concluded that the values obtained in this work can be used as reference for healthy Beagles.


Introdução: O Tempo de Coagulação (TC), Tempo de protrombina (TP), Tempo de Tromboplastina Parcial Ativada (TTPA), Fibrinogênio, Tempo Trombina (TT), Aumento dos Produtos da Degradação da Fibrina (PDF) e Dímeros-D são testes laboratoriais que podem ser utilizados para avaliação da cascata de coagulação. Objetivo: O presente trabalho teve por objetivo a determinação dos valores de referência do tempo de protrombina (TP), tempo de tromboplastina parcial ativada (TTPA) e Fibrinogênio em cães hígidos da raça Beagle por método semi-automático, com a finalidade de padronização do método semi-automático em determinados animais. Resultados: Os resultados obtidos foram de 6,0 ± 7,3 segundos para TP, 8,4 ± 16,9 segundos para TTPA, e de 10,2 ± 26,4 g/dL para Fibrinogênio. Conclusão: Conclui-se que os valores obtidos nesse trabalho podem ser utilizados como referência para Beagles hígidos.


Assuntos
Animais , Cães , Fibrinogênio , Hemostasia , Tempo de Coagulação do Sangue Total/veterinária , Tempo de Protrombina/veterinária , Tempo de Tromboplastina Parcial/veterinária
4.
Acta Vet. bras. ; 14(1): 10-15, Mar. 24, 2020. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-26027

Resumo

Background: Hemostasis is a process of blood coagulation with the function of preventing hemorrhagic processes in the organism. The Coagulation Time (CT), Prothrombin Time (PT), Activated Partial Thromboplastin Time (APTT), Fibrinogen, Thrombin Time (TT), Increased Fibrin Degradation Products (IFDP) and D-Dimers are laboratory tests that can be used to evaluate the coagulation cascade. Objectives: The present study aimed to determine the reference values of PT, APTT and Fibrinogen by semi-automatic methodology with laboratorial kits. Methods:  Blood samples were collected from 22 healthy beagle dogs and immediately centrifuged and citrated plasma stored at -20ºC for posterior analysis. PT, APTT and fibrinogen were measured using commercial kits in a semi-automatic coagulometer by the viscosity detection system.  Results: Mean values obtained were 6.0 ± 7.3 seconds for PT, 8.4 ± 16.9 seconds for APTT, and 10.2 ± 26.4 seconds for Fibrinogen. Conclusion: It is concluded that the values obtained in this work can be used as reference for healthy Beagles.(AU)


Introdução: O Tempo de Coagulação (TC), Tempo de protrombina (TP), Tempo de Tromboplastina Parcial Ativada (TTPA), Fibrinogênio, Tempo Trombina (TT), Aumento dos Produtos da Degradação da Fibrina (PDF) e Dímeros-D são testes laboratoriais que podem ser utilizados para avaliação da cascata de coagulação. Objetivo: O presente trabalho teve por objetivo a determinação dos valores de referência do tempo de protrombina (TP), tempo de tromboplastina parcial ativada (TTPA) e Fibrinogênio em cães hígidos da raça Beagle por método semi-automático, com a finalidade de padronização do método semi-automático em determinados animais. Resultados: Os resultados obtidos foram de 6,0 ± 7,3 segundos para TP, 8,4 ± 16,9 segundos para TTPA, e de 10,2 ± 26,4 g/dL para Fibrinogênio. Conclusão: Conclui-se que os valores obtidos nesse trabalho podem ser utilizados como referência para Beagles hígidos.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Fibrinogênio , Tempo de Protrombina/veterinária , Tempo de Tromboplastina Parcial/veterinária , Hemostasia , Tempo de Coagulação do Sangue Total/veterinária
5.
R. bras. Parasitol. Vet. ; 28(4): 779-785, 2019. graf, ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-25469

Resumo

A free-living, adult male maned wolf (Chrysocyon brachyurus) was referred to the Governador Laudo Natel FCAV/Unesp veterinary hospital after being found with skin lesions and a fracture on the right pelvic limb, which had to be amputated due to compromised integrity. Around 20 days later, bilateral accentuated swollen on humerus-radius-ulna articulation was observed. The synovial liquid was drained and sent to the laboratory for synovial cytology with Rosenfeld staining that revealed predominantly degenerated neutrophils with karyolytic chromatin associated with intracellular inclusions suggestive of Hepatozoon sp. gametocytes. Blood and synovial liquid samples were submitted to molecular analysis, aiming to amplify the Hepatozoon spp. 18S rRNA gene fragment. Despite the positioning of the found Hepatozoon sequence together with Hepatozoon canis previously detected in domestic carnivores, the BLAST analysis showed only 98% identity with H. canis. To the best of the authors knowledge, this is the first time a Hepatozoon was detected in the synovial liquid by clinical pathology and molecular analyses.(AU)


Um lobo guará (Chrysocyon brachyurus) adulto, macho, de vida livre foi encaminhado para atendimento no hospital veterinário Governador Laudo Natel FCAV/Unesp após ser encontrado com lesões de pele e fratura em membro pélvico direito, sendo amputado devido a comprometimento da integridade do membro. Aproximadamente 20 dias após a chegada ao hospital, foi notado acentuado aumento de volume bilateral em região de articulação úmero-rádio-ulnar. O líquido sinovial foi drenado e enviado para análise citológica com coloração de Rosenfeld, revelando a presença de neutrófilos degenerados com cromatina cariolítica associados a inclusões intracelulares sugestivas de gametócitos de Hepatozoon sp. Amostras de sangue e líquido sinovial foram submetidas a análises moleculares visando amplificar um fragmento do gene 18S rRNA de Hepatozoon spp. Apesar da sequência de Hepatozoon detectada se posicionar filogeneticamente no mesmo clado que H. canis previamente detectado em carnívoros domésticos, o resultado da análise do BLAST mostrou somente 98% de identidade com H. canis. De acordo com o conhecimento dos autores, esta é a primeira vez que Hepatozoon foi detectado no líquido sinovial por meio de patologia clínica e análises moleculares.(AU)


Assuntos
Animais , Canidae/microbiologia , Eucoccidiida/microbiologia , Líquido Sinovial
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA