Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 7 de 7
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Intervalo de ano de publicação
1.
Acta sci. vet. (Impr.) ; 48: Pub.1750-Jan. 30, 2020. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1458273

Resumo

Background: Physiological and immunological adaptations occurred in peripartum period may be responsible for susceptibility to intramammary infections during colostrogenesis. Increase in blood flow and hormones cause physiological edema by accumulation of lymphatic fluid in interstitial space. Specific composition of mammary secretion increases the susceptibility to mastitis. So, the study of physical, cellular and microbiological changes in the mammary gland in this period are fundamental for understanding, diagnosing and adopting prophylactic measures for bovine mastitis. This study aimed to characterize physiological and pathological changes that occur in the mammary gland during transition period. Materials, Methods & Results: Thirteen cows, in second to fourth lactation were followed from 3 weeks pre-calving to 3 weeks post-calving. Cows were submitted weekly to physical examination of mammary gland, strip cup test, California Mastitis Test (CMT), Microscopic Somatic Cell Count (MSCC), and bacteriological examination of mammary secretion. Mammary quarters were divided into two groups: BAC-: samples that did not present bacteriological growth throughout transition period; BAC+: samples that presented bacteriological growth in at least two isolates of the same bacterial genus. Regarding physical examination of mammary gland, the parameters localized or generalized alteration in volume, asymmetry, reddish color, reduced skin elasticity, increased temperature, and swollen consistency presented higher frequencies in the BAC- group. On the other hand, infection in mammary quarters of cows from BAC+ group promoted a decrease in frequencies of increased volume, decreased elasticity, and elevated temperature in the mammary gland, in addition to a higher positivity to CMT and higher cellularity. Overall rate of intramammary...


Assuntos
Feminino , Animais , Bovinos , Doenças Mamárias/patologia , Doenças Mamárias/veterinária , Glândulas Mamárias Animais/fisiologia , Glândulas Mamárias Animais/patologia , Período Periparto/fisiologia , Colostro , Edema/veterinária
2.
Ciênc. vet. tróp ; 19(3): 43-48, set.-dez. 2016. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1480765

Resumo

No presente trabalho, descrevem-se as condições predisponentes que facilitam o surgimento do Complexo Respiratório Bovino (CRB) em vacas leiteiras causado por bactérias, vírus e vermes, tanto no seu curso agudo como crônico, destacando-se os meios e métodos exploratórios mais preponderantes para o diagnóstico clínico, os principais exames complementares, assim como indicações de tratamento.


It is described the predisposing conditions that facilitates the outcome of cattle respiratory disease in dairy cows caused by bacteria, viruses and worms, either acute or chronic, emphasizing the main clinical exploratory and laboratory methods for its diagnosis, as well as the treatments.


Assuntos
Feminino , Animais , Bovinos , Complexo Respiratório Bovino/diagnóstico , Complexo Respiratório Bovino/etiologia , Complexo Respiratório Bovino/patologia , Complexo Respiratório Bovino/terapia , Infecções por Pasteurella/veterinária , Mannheimia , Anti-Helmínticos
3.
Ciênc. vet. tróp ; 19(3): 113-117, set.-dez. 2016.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1480772

Resumo

A ingestão excessiva ou anormal de carboidratos solúveis favorece o surgimento das acidoses ruminais, existindo dois tipos: a provocada pelo aumento de ácidos graxos voláteis caracterizada por pH ruminal entre 5,6 a 5,1 e a decorrente da produção anormal de ácido láctico, gerando um pH ruminal inferior a 5,1. Essas enfermidades provocam depressão no estado geral, diminuição do apetite, da produção leiteira, da frequência ruminal e da ruminação, causam diarreia, desidratação entre outros sinais. A prevenção é a chave do manejo da acidose ruminal e está baseada na identificação dos casos clínicos, observação de casos de laminite, melhora no manejo favorecendo a salivação, oferecimento e distribuição adequada da dieta, adaptação gradual aos concentrados, uso de tampões e aditivos alimentares.


Rumen acidosis (RA) is caused by excessive or abnormal intake of soluble carbohydrates. There two types of acidosis: those caused by increased production of volatile fatty acids with a rumen pH between 5.6 and 5.1, and excessive production of lactic acid with a rumen pH lower than 5.1. RA generates mental depression, decrease in the appetite, lowered milk production and rumen contraction rate, diarrhea, dehydration etc. Preventive measures are based on the its clinical identification, including the frequency of laminitis, improvement of the alimentary management in order to increase the salivation, adequate distribution and offering of the meals, gradual adaptation to concentrates, and use of buffers and additives.


Assuntos
Animais , Bovinos , Aditivos Alimentares , Cetose/prevenção & controle , Cetose/veterinária , Concentração de Íons de Hidrogênio , Lactatos , Salivação
4.
Ci. Vet. Tróp. ; 19(3): 43-48, set.-dez. 2016. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-21368

Resumo

No presente trabalho, descrevem-se as condições predisponentes que facilitam o surgimento do Complexo Respiratório Bovino (CRB) em vacas leiteiras causado por bactérias, vírus e vermes, tanto no seu curso agudo como crônico, destacando-se os meios e métodos exploratórios mais preponderantes para o diagnóstico clínico, os principais exames complementares, assim como indicações de tratamento.(AU)


It is described the predisposing conditions that facilitates the outcome of cattle respiratory disease in dairy cows caused by bacteria, viruses and worms, either acute or chronic, emphasizing the main clinical exploratory and laboratory methods for its diagnosis, as well as the treatments.(AU)


Assuntos
Animais , Feminino , Bovinos , Complexo Respiratório Bovino/patologia , Complexo Respiratório Bovino/diagnóstico , Complexo Respiratório Bovino/etiologia , Complexo Respiratório Bovino/terapia , Mannheimia , Infecções por Pasteurella/veterinária , Anti-Helmínticos
5.
Ci. Vet. Tróp. ; 19(3): 113-117, set.-dez. 2016.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-21302

Resumo

A ingestão excessiva ou anormal de carboidratos solúveis favorece o surgimento das acidoses ruminais, existindo dois tipos: a provocada pelo aumento de ácidos graxos voláteis caracterizada por pH ruminal entre 5,6 a 5,1 e a decorrente da produção anormal de ácido láctico, gerando um pH ruminal inferior a 5,1. Essas enfermidades provocam depressão no estado geral, diminuição do apetite, da produção leiteira, da frequência ruminal e da ruminação, causam diarreia, desidratação entre outros sinais. A prevenção é a chave do manejo da acidose ruminal e está baseada na identificação dos casos clínicos, observação de casos de laminite, melhora no manejo favorecendo a salivação, oferecimento e distribuição adequada da dieta, adaptação gradual aos concentrados, uso de tampões e aditivos alimentares.(AU)


Rumen acidosis (RA) is caused by excessive or abnormal intake of soluble carbohydrates. There two types of acidosis: those caused by increased production of volatile fatty acids with a rumen pH between 5.6 and 5.1, and excessive production of lactic acid with a rumen pH lower than 5.1. RA generates mental depression, decrease in the appetite, lowered milk production and rumen contraction rate, diarrhea, dehydration etc. Preventive measures are based on the its clinical identification, including the frequency of laminitis, improvement of the alimentary management in order to increase the salivation, adequate distribution and offering of the meals, gradual adaptation to concentrates, and use of buffers and additives.(AU)


Assuntos
Animais , Bovinos , Cetose/prevenção & controle , Cetose/veterinária , Salivação , Lactatos , Concentração de Íons de Hidrogênio , Aditivos Alimentares
6.
Rev. Educ. Contin. CRMV-SP (Impr.) ; 14(3): 36-41, 2016. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1488753

Resumo

The present work is a retrospective study of respiratoryendoscopies performed in male cattle aged two days to twoyears at the Bovine and Small Ruminants Clinic, School ofVeterinary Medicine and Animal Science of the University ofSão Paulo, in order to define the normal range for this test incattle. It were examined 45 animals, performing an averageof seven endoscopies in each animal, totaling 321 procedures.The entire respiratory tract was observed as to mucosal colorand appearance, the presence or absence of secretion, edema,and congestion, in addition to the length and anatomiccharacteristics of the respiratory tract. This informationhelps in the diagnosis, treatment, and study of the primaryrespiratory diseases that affect large animals. Also, because itis a test involving technification, it should be adapted to theclinical routine for the provision of reliable information on thejustification of the cost/benefit of the applied procedure.


O presente trabalho apresenta um estudo retrospectivo das endoscopiasrespiratórias realizadas em bovinos machos com dois dias adois anos de idade, na Clínica de Bovinos e Pequenos Ruminantesda Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidadede São Paulo, visando ao estabelecimento de um padrãode normalidade para esse exame em bovinos. Foram utilizados 45animais submetidos em média a sete exames endoscópicos cada,totalizando 321 procedimentos. Foi observado todo o trato respiratórioquanto à coloração e aparência das mucosas, presença ounão de secreção, edema e congestão, além do comprimento doaparelho respiratório e das suas características anatômicas. Essas informaçõesauxiliam no diagnóstico, no tratamento e no estudo dasprincipais doenças respiratórias que acometem os grandes animais.Além disso, por tratar-se de um exame que envolve tecnificação,ele deve ser adaptado à rotina para o fornecimento de informaçõesseguras na justificativa da relação custo/benefício da técnica.


Assuntos
Animais , Bovinos , Anormalidades do Sistema Respiratório , Bovinos/anormalidades , Endoscopia , Endoscopia/veterinária , Sistema Respiratório/anatomia & histologia , Diagnóstico
7.
R. Educ. contin. Med. Vet. Zoot. ; 14(3): 36-41, 2016. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-483070

Resumo

The present work is a retrospective study of respiratoryendoscopies performed in male cattle aged two days to twoyears at the Bovine and Small Ruminants Clinic, School ofVeterinary Medicine and Animal Science of the University ofSão Paulo, in order to define the normal range for this test incattle. It were examined 45 animals, performing an averageof seven endoscopies in each animal, totaling 321 procedures.The entire respiratory tract was observed as to mucosal colorand appearance, the presence or absence of secretion, edema,and congestion, in addition to the length and anatomiccharacteristics of the respiratory tract. This informationhelps in the diagnosis, treatment, and study of the primaryrespiratory diseases that affect large animals. Also, because itis a test involving technification, it should be adapted to theclinical routine for the provision of reliable information on thejustification of the cost/benefit of the applied procedure.(AU)


O presente trabalho apresenta um estudo retrospectivo das endoscopiasrespiratórias realizadas em bovinos machos com dois dias adois anos de idade, na Clínica de Bovinos e Pequenos Ruminantesda Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidadede São Paulo, visando ao estabelecimento de um padrãode normalidade para esse exame em bovinos. Foram utilizados 45animais submetidos em média a sete exames endoscópicos cada,totalizando 321 procedimentos. Foi observado todo o trato respiratórioquanto à coloração e aparência das mucosas, presença ounão de secreção, edema e congestão, além do comprimento doaparelho respiratório e das suas características anatômicas. Essas informaçõesauxiliam no diagnóstico, no tratamento e no estudo dasprincipais doenças respiratórias que acometem os grandes animais.Além disso, por tratar-se de um exame que envolve tecnificação,ele deve ser adaptado à rotina para o fornecimento de informaçõesseguras na justificativa da relação custo/benefício da técnica.(AU)


Assuntos
Animais , Bovinos , Sistema Respiratório/anatomia & histologia , Anormalidades do Sistema Respiratório , Endoscopia , Endoscopia/veterinária , Bovinos/anormalidades , Diagnóstico
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA