Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Tese em Português | VETTESES | ID: vtt-212576

Resumo

Mazama temama (Temamaçame) é o veado vermelho de menor tamanho da América central. Foi uma das primeiras espécies descritas para o gênero que devido à grande similaridade morfológica com Mazama americana foi considerada como sinônimo por muitos autores até final do século passado. Os estudos citogenéticos de animais em cativeiro mostraram cariótipos diferenciados que levaram ao reconhecimento como espécie única. Os estudos filogenéticos têm sustentado a monofilia da espécie, embora existam algumas incongruências devido à sua grande distribuição geográfica. Assim, o objetivo do trabalho foi propor um neótipo para M. temama a partir da caracterização de um topótipo de Veracruz e da mesma forma, caracterizar três parátipos da localidade de Campeche. Com isso, foi possível descrevê-los morfologicamente (medidas cranianas, coloração da pele e biometria corporal), obter cariótipos de animais de vida livre com origem conhecida para análises citogenéticas (banda C, banda G, coloração Ag-NOR e coloração convencional Giemsa) e realizar análises filogenéticas de genes mitocondriais. Os resultados morfológicos separaram a espécie de Mazama americana mas não conseguiram diferenciar M.temama dos outros pequenos Mazama. As árvores filogenéticas comprovaram a monofilia do grupo mostrando um resultado similar a outros autores. O cariótipo do neótipo é significativamente diferenciado do anteriormente descrito para à espécie, sendo que os parátipos de Campeche apresentam variantes cariotípicas evidenciando um processo recente de especiação e sugerindo a presença de mais de uma espécie de Mazama vermelho no México.


Mazama temama (Temamaçame) is the smallest red deer in Central America. It was one of the first species described for the genus, previously considered by many authors as synonymous of Mazama americana because of all the morphological similarity among these species. Cytogenetic studies of captive animals showed differentiated karyotypes that led to recognition as a single species. Phylogenetic studies have supported the monophyly of the species, although there are some incongruities related with the geographic distribution. Therefore, the objective of the study was to propose a neotype for M. temama through the characterization of a topotype from Veracruz and, in the same way, to characterize three paratypes of the locality of Campeche. It was possible to describe them morphologically (cranial measurements, skin coloration and body biometry), to obtain karyotypes of free-living animals for cytogenetic analyzes (C-band, G-band, Ag-NOR staining and conventional Giemsa staining) and study the phylogenetic relationship of the group using mitochondrial genes. The morphological results separated the species from Mazama americana species but couldnt differentiate M.temama from the other small Mazama. The phylogenetic trees proved the monophyly of the group showing a similar result to other authors. The karyotype of the neotype is significantly different from the one previously described for the species, and the Campeche paratypes present karyotypic variants evidencing a recent process of speciation and suggesting the presence of more than one red Mazama species in Mexico.

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA