Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 10 de 10
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Semina ciênc. agrar ; 41(05, supl. 01): 2061-2070, 2020. graf, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1501618

Resumo

Extensive cattle ranching had been the most common farming practice in northwestern Paraná State (Brazil), where soils originate from the Caiuá Sandstone. But this reality is changing with the growing cultivation of grain crops, especially soybeans. This study aimed to evaluate different soybean cropping systems in terms of yield components, plant dry matter, and soil chemical properties. The soil is classified as a dystrophic sandy Red Argisol, which derived from the Caiuá Sandstone, in northwestern Paraná State (Brazil). The experiment was carried out in the city of Umuarama (PR), Brazil, under a no-till system for three years. Treatments consisted of the following crop rotation systems: T1: congograss/soybeans, congo grass/soybeans, congo grass/soybeans; T2: black oats + rye/soybeans, black oats + radish/grain sorghum, black oats + rye/soybeans; T3: triticale/corn, grain sorghum/soybeans, triticale/soybeans; T4: crambe/grain sorghum, canola/corn, safflower/soybeans; T5: lupine/corn + congo grass, beans/corn, buckwheat/black oats/congo grass. The experiment was arranged in a randomized block design, with four replications and 300-m² plots. The data were subjected to analysis of variance, and means were compared by the Tukey's test at 5% significance. The highest grain yield was obtained when soybeans were sown after white oats harvesting. Plant dry matter increased in the system with lupine/corn + congo grass, beans/corn, buckwheat/white oats/soybeans. However, none of the systems had an effect on soil chemical properties during the three crop years.


O sistema de produção agropecuário mais comum na região noroeste do Paraná em solos originários do Arenito Caiuá é a pecuária bovina extensiva. Porém, esta realidade está mudando com o crescente cultivo de grãos, principalmente da cultura da soja. Componentes de produção da soja, matéria seca vegetal e atributos químicos do solo em sistemas de produção de soja foram avaliados em ARGISSOLOVERMELHO Distrófico arênico originado do Arenito Caiuá no Noroeste do Paraná. O experimento foi conduzido em Umuarama-PR, em sistema plantio direto durante três anos. Os tratamentos (T1:braquiária/soja, braquiária/soja, braquiária/soja; T2: aveia preta + centeio/soja, aveia preta + nabo/sorgo granífero, aveia preta + centeio/soja; T3: triticale/milho, sorgo granífero/soja, triticale/soja; T4:crambe/sorgo granífero, canola/milho, cártamo/soja; T5: tremoço/milho + braquiária, feijão/milho, trigo mourisco/aveia preta/soja) foram instalados em delineamento experimental de blocos ao acaso com quatro repetições, com 300 m2 por parcela. Os dados foram submetidos à análise de variância e as médias comparadas pelo teste de Tukey a 5% de significância. A soja tem maior produtividade de grãos após a cultura da aveia branca. O sistema de produção com tremoço/milho+braquiária, feijão/milho, trigo mourisco/aveia branca/soja, aumenta o aporte de matéria seca vegetal. Os atributos químicos do solo não são alterados pelos sistemas de produção avaliados, após três anos de cultivo.


Assuntos
Glycine max/crescimento & desenvolvimento , Solos Arenosos/análise
2.
Semina Ci. agr. ; 41(05, supl. 01): 2061-2070, 2020. graf, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-764784

Resumo

Extensive cattle ranching had been the most common farming practice in northwestern Paraná State (Brazil), where soils originate from the Caiuá Sandstone. But this reality is changing with the growing cultivation of grain crops, especially soybeans. This study aimed to evaluate different soybean cropping systems in terms of yield components, plant dry matter, and soil chemical properties. The soil is classified as a dystrophic sandy Red Argisol, which derived from the Caiuá Sandstone, in northwestern Paraná State (Brazil). The experiment was carried out in the city of Umuarama (PR), Brazil, under a no-till system for three years. Treatments consisted of the following crop rotation systems: T1: congograss/soybeans, congo grass/soybeans, congo grass/soybeans; T2: black oats + rye/soybeans, black oats + radish/grain sorghum, black oats + rye/soybeans; T3: triticale/corn, grain sorghum/soybeans, triticale/soybeans; T4: crambe/grain sorghum, canola/corn, safflower/soybeans; T5: lupine/corn + congo grass, beans/corn, buckwheat/black oats/congo grass. The experiment was arranged in a randomized block design, with four replications and 300-m² plots. The data were subjected to analysis of variance, and means were compared by the Tukey's test at 5% significance. The highest grain yield was obtained when soybeans were sown after white oats harvesting. Plant dry matter increased in the system with lupine/corn + congo grass, beans/corn, buckwheat/white oats/soybeans. However, none of the systems had an effect on soil chemical properties during the three crop years.(AU)


O sistema de produção agropecuário mais comum na região noroeste do Paraná em solos originários do Arenito Caiuá é a pecuária bovina extensiva. Porém, esta realidade está mudando com o crescente cultivo de grãos, principalmente da cultura da soja. Componentes de produção da soja, matéria seca vegetal e atributos químicos do solo em sistemas de produção de soja foram avaliados em ARGISSOLOVERMELHO Distrófico arênico originado do Arenito Caiuá no Noroeste do Paraná. O experimento foi conduzido em Umuarama-PR, em sistema plantio direto durante três anos. Os tratamentos (T1:braquiária/soja, braquiária/soja, braquiária/soja; T2: aveia preta + centeio/soja, aveia preta + nabo/sorgo granífero, aveia preta + centeio/soja; T3: triticale/milho, sorgo granífero/soja, triticale/soja; T4:crambe/sorgo granífero, canola/milho, cártamo/soja; T5: tremoço/milho + braquiária, feijão/milho, trigo mourisco/aveia preta/soja) foram instalados em delineamento experimental de blocos ao acaso com quatro repetições, com 300 m2 por parcela. Os dados foram submetidos à análise de variância e as médias comparadas pelo teste de Tukey a 5% de significância. A soja tem maior produtividade de grãos após a cultura da aveia branca. O sistema de produção com tremoço/milho+braquiária, feijão/milho, trigo mourisco/aveia branca/soja, aumenta o aporte de matéria seca vegetal. Os atributos químicos do solo não são alterados pelos sistemas de produção avaliados, após três anos de cultivo.(AU)


Assuntos
Solos Arenosos/análise , Glycine max/crescimento & desenvolvimento
3.
Semina ciênc. agrar ; 39(1): 77-86, jan.-fev. 2018. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1501086

Resumo

In general, the technical and agronomic benefits of no-till farming are widely known and well documented in the literature. However, studies focusing on the economics of no-tillage are scarce. In this context, the objective of this study is to determine whether no-till grain production systems that follow the principles of conservation agriculture are economically profitable by analyzing gross margins per hectare per year over six harvests for the agricultural years 1998/1999 to 2003/2004. In addition, a possible link between profitability and different no-till methods in terms of degree of soil turnover, crop rotation, and whether machinery used in agricultural operations is owned or rented is investigated. For this purpose, the multi-case analytical method was applied to thirteen grain producing family farms in Northern Paraná state, Brazil. Based on the results, two ranges of agricultural production variable costs and gross margins were identified. Higher gross margins were associated with longer use of the no-till system, ownership of machinery and equipment, specialization in grains, rotation of the commercial crops used, and higher variable costs. Lower gross margins were associated with outsourcing of sowing, small-scale cropping, and lack of crop rotation. It is concluded that family mechanized no-till systems of grain production in north Paraná are profitable.


Em geral, os benefícios técnico-agronômicos do plantio direto são amplamente conhecidos e encontram-se bem documentados na literatura, entretanto, estudos voltados aos aspectos econômicos do plantio direto são escassos. Nesse contexto, o objetivo deste estudo foi avaliar a rentabilidade de lavouras de grãos, sob plantio direto, por meio da análise das margens brutas por hectare ao ano, ao longo de seis safras, considerando os anos agrícolas de 1998/1999 a 2003/2004. Além disso, foi averiguada se há uma relação entre a rentabilidade e os diferentes tipos de plantio direto, no que diz respeito ao grau de revolvimento do solo, à realização de rotação de culturas e se o maquinário para a realização das operações agrícolas era próprio ou alugado. Para tanto, utilizou-se a metodologia de análise multicaso, considerando treze estabelecimentos agrícolas familiares, produtores de grãos, do Norte do Paraná, Brasil. Com base nos resultados foram identificados duas faixas de custos variáveis e de margens brutas da produção agrícola. Maiores margens brutas estiveram associadas ao maior tempo de utilização do sistema plantio direto, à posse de maquinário e equipamentos próprios, à especialização em grãos, à rotação de culturas comerciais utilizadas e aos maiores custos variáveis. Menores margens brutas estiveram associadas ao uso de terceirização na semeadura, à pequena escala das lavouras e...


Assuntos
Humanos , Grão Comestível/economia , Produtos Agrícolas/economia , Zonas Agrícolas/economia , Brasil
4.
Semina Ci. agr. ; 39(1): 77-86, jan.-fev. 2018. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-728495

Resumo

In general, the technical and agronomic benefits of no-till farming are widely known and well documented in the literature. However, studies focusing on the economics of no-tillage are scarce. In this context, the objective of this study is to determine whether no-till grain production systems that follow the principles of conservation agriculture are economically profitable by analyzing gross margins per hectare per year over six harvests for the agricultural years 1998/1999 to 2003/2004. In addition, a possible link between profitability and different no-till methods in terms of degree of soil turnover, crop rotation, and whether machinery used in agricultural operations is owned or rented is investigated. For this purpose, the multi-case analytical method was applied to thirteen grain producing family farms in Northern Paraná state, Brazil. Based on the results, two ranges of agricultural production variable costs and gross margins were identified. Higher gross margins were associated with longer use of the no-till system, ownership of machinery and equipment, specialization in grains, rotation of the commercial crops used, and higher variable costs. Lower gross margins were associated with outsourcing of sowing, small-scale cropping, and lack of crop rotation. It is concluded that family mechanized no-till systems of grain production in north Paraná are profitable.(AU)


Em geral, os benefícios técnico-agronômicos do plantio direto são amplamente conhecidos e encontram-se bem documentados na literatura, entretanto, estudos voltados aos aspectos econômicos do plantio direto são escassos. Nesse contexto, o objetivo deste estudo foi avaliar a rentabilidade de lavouras de grãos, sob plantio direto, por meio da análise das margens brutas por hectare ao ano, ao longo de seis safras, considerando os anos agrícolas de 1998/1999 a 2003/2004. Além disso, foi averiguada se há uma relação entre a rentabilidade e os diferentes tipos de plantio direto, no que diz respeito ao grau de revolvimento do solo, à realização de rotação de culturas e se o maquinário para a realização das operações agrícolas era próprio ou alugado. Para tanto, utilizou-se a metodologia de análise multicaso, considerando treze estabelecimentos agrícolas familiares, produtores de grãos, do Norte do Paraná, Brasil. Com base nos resultados foram identificados duas faixas de custos variáveis e de margens brutas da produção agrícola. Maiores margens brutas estiveram associadas ao maior tempo de utilização do sistema plantio direto, à posse de maquinário e equipamentos próprios, à especialização em grãos, à rotação de culturas comerciais utilizadas e aos maiores custos variáveis. Menores margens brutas estiveram associadas ao uso de terceirização na semeadura, à pequena escala das lavouras e...(AU)


Assuntos
Humanos , Produtos Agrícolas/economia , Grão Comestível/economia , Zonas Agrícolas/economia , Brasil
5.
Ci. Rural ; 36(1)2006.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-704873

Resumo

This work presents a characterization of the agriculture of Paraná State based on thirty-five variables extracted from Agricultural Census of 1995/96 and two variables from the Map of Soil Aptitude. These are related to land access, land use, utilization of chemical and mechanical technologies, use of capital assets, labor relationships and tercerization, soil fertility and mechanization suitability. The Factor analysis with thirty-seven variables enabled to describe seven main factors, which explained 66.7% of variance. The Cluster analysis of the seven factors values allowed to classify ten types of municipalities organized in nine regions.


Este trabalho apresenta uma caracterização da agricultura do estado do Paraná com base em trinta e cinco variáveis extraídas do Censo Agropecuário de 1995/96 e duas variáveis extraídas do Mapa de Aptidão Agrícola das Terras. As mesmas dizem respeito ao acesso à terra, uso da terra, uso de tecnologias químicas e mecânicas, uso de capital, relações de trabalho, terceirização, fertilidade natural dos solos e possibilidade de mecanização. A Análise Fatorial com trinta e sete variáveis permitiu descrever os sete fatores principais que explicaram 66,7% da variância. A Análise de Agrupamento dos valores dos sete fatores permitiu classificar dez tipos de municípios, organizados em nove mesorregiões.

6.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1476659

Resumo

This work presents a characterization of the agriculture of Paraná State based on thirty-five variables extracted from Agricultural Census of 1995/96 and two variables from the Map of Soil Aptitude. These are related to land access, land use, utilization of chemical and mechanical technologies, use of capital assets, labor relationships and tercerization, soil fertility and mechanization suitability. The Factor analysis with thirty-seven variables enabled to describe seven main factors, which explained 66.7% of variance. The Cluster analysis of the seven factor’s values allowed to classify ten types of municipalities organized in nine regions.


Este trabalho apresenta uma caracterização da agricultura do estado do Paraná com base em trinta e cinco variáveis extraídas do Censo Agropecuário de 1995/96 e duas variáveis extraídas do Mapa de Aptidão Agrícola das Terras. As mesmas dizem respeito ao acesso à terra, uso da terra, uso de tecnologias químicas e mecânicas, uso de capital, relações de trabalho, terceirização, fertilidade natural dos solos e possibilidade de mecanização. A Análise Fatorial com trinta e sete variáveis permitiu descrever os sete fatores principais que explicaram 66,7% da variância. A Análise de Agrupamento dos valores dos sete fatores permitiu classificar dez tipos de municípios, organizados em nove mesorregiões.

7.
Semina ciênc. agrar ; 34(6): 3691-3698, 2013.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1499385

Resumo

As informações sobre a área em plantio direto no Brasil nos últimos 30 anos foram baseadas exclusivamente em estimativas realizadas pela Federação Brasileira de Plantio Direto na Palha (FEBRAPDP), utilizando dados secundários da EMATER-RS/ASCAR, da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (EPAGRI), do Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER-PR), da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (CATI-SP), da FUNDAÇÃO MS e da Associação de Plantio Direto no Cerrado (APDC). No entanto, com a publicação do Censo Agropecuário de 2006, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2009, informações mais precisas foram disponibilizadas sobre a utilização desse sistema e de outros tipos de preparo de solo nas lavouras temporárias no Brasil. Enquanto a estimativa dava conta da existência de 25,6 milhões de hectares de plantio direto na palha no Brasil em 2006, o presente estudo indica que, para o mesmo ano, de acordo com tabulações avançadas do Censo Agropecuário, tal área era de 17,8 milhões de ha. Ainda pelo Censo Agropecuário 2006, foram totalizados 3,8 milhões de ha em cultivo mínimo, 3,1 milhões de ha em sistemas mistos de cultivo mínimo e preparo convencional e 11,8 milhões de ha em preparo convencional, nos 36,6 milhões de ha de lavouras temporárias no país.


Data on no-tillage in Brazil in the last 30 years have been based on estimates made by the Brazilian No-Tillage and Irrigation Farmers Federation (FEBRAPDP). Secondary data have also been used, supplied by the Rural Extension Service of Rio Grande do Sul state (EMATER-RS/ASCAR), the Agricultural Research and Rural Extension Service of Santa Catarina state (EPAGRI), the Institute of Technical Assistance and Rural Extension of Paraná state (EMATER-PR), the Coordination of Integral Technical Assistance of São Paulo state (CATI-SP), the MS Foundation for Research and Diffusion of Agricultural Technologies (MS FOUNDATION), and the Brazilian Savanna No-tillage Farmers Association (APDC). More reliable data on the use of no-tillage and other soil tillage systems for annual crops in Brazil were made available in 2009 after publication of the 2006 Agricultural Census of the Brazilian Institute of Geography and Statistics (IBGE). While previous sources reported that the surface area of no-tillage in Brazil was 25.6 million hectares (Mha) in 2006, the present study, based on special tabulations presented by the 2006 Agricultural Census, indicates that no-tillage was used on approximately 17.8 Mha of annual crops. Furthermore, the 2006 Agricultural Census reported that minimum tillage was used on 3.8 Mha, a combination of minimum and conventional tillage was used on 3.1 Mha, and that con

8.
Semina Ci. agr. ; 34(6): 3691-3698, 2013.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-471367

Resumo

As informações sobre a área em plantio direto no Brasil nos últimos 30 anos foram baseadas exclusivamente em estimativas realizadas pela Federação Brasileira de Plantio Direto na Palha (FEBRAPDP), utilizando dados secundários da EMATER-RS/ASCAR, da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (EPAGRI), do Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER-PR), da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (CATI-SP), da FUNDAÇÃO MS e da Associação de Plantio Direto no Cerrado (APDC). No entanto, com a publicação do Censo Agropecuário de 2006, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2009, informações mais precisas foram disponibilizadas sobre a utilização desse sistema e de outros tipos de preparo de solo nas lavouras temporárias no Brasil. Enquanto a estimativa dava conta da existência de 25,6 milhões de hectares de plantio direto na palha no Brasil em 2006, o presente estudo indica que, para o mesmo ano, de acordo com tabulações avançadas do Censo Agropecuário, tal área era de 17,8 milhões de ha. Ainda pelo Censo Agropecuário 2006, foram totalizados 3,8 milhões de ha em cultivo mínimo, 3,1 milhões de ha em sistemas mistos de cultivo mínimo e preparo convencional e 11,8 milhões de ha em preparo convencional, nos 36,6 milhões de ha de lavouras temporárias no país.


Data on no-tillage in Brazil in the last 30 years have been based on estimates made by the Brazilian No-Tillage and Irrigation Farmers Federation (FEBRAPDP). Secondary data have also been used, supplied by the Rural Extension Service of Rio Grande do Sul state (EMATER-RS/ASCAR), the Agricultural Research and Rural Extension Service of Santa Catarina state (EPAGRI), the Institute of Technical Assistance and Rural Extension of Paraná state (EMATER-PR), the Coordination of Integral Technical Assistance of São Paulo state (CATI-SP), the MS Foundation for Research and Diffusion of Agricultural Technologies (MS FOUNDATION), and the Brazilian Savanna No-tillage Farmers Association (APDC). More reliable data on the use of no-tillage and other soil tillage systems for annual crops in Brazil were made available in 2009 after publication of the 2006 Agricultural Census of the Brazilian Institute of Geography and Statistics (IBGE). While previous sources reported that the surface area of no-tillage in Brazil was 25.6 million hectares (Mha) in 2006, the present study, based on special tabulations presented by the 2006 Agricultural Census, indicates that no-tillage was used on approximately 17.8 Mha of annual crops. Furthermore, the 2006 Agricultural Census reported that minimum tillage was used on 3.8 Mha, a combination of minimum and conventional tillage was used on 3.1 Mha, and that con

9.
Semina Ci. agr. ; 27(2): 205-220, 2006.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-473087

Resumo

Soil management must keep the soil physical properties next to the original conditions in natural systems to assure the sustainability of agricultural systems. This review synthesizes the effects of conventional tillage, minimum tillage and no-tillage systems of annual crops, on soil physical properties as bulk density, porosity, soil resistance to root penetration, infiltration speed, hydraulic conductivity,compressibility, organic matter level, soil aggregate size and stability. No-tillage presents advantages on organic matter level, size and stability of aggregates, compressibility and hydraulic conductivity but has limitations on bulk density and resistance to root penetration. Minimum tillage with chisel plow is specially efficient in relation to infiltration speed and hydraulic conductivity, and intermediate between conventional and no-tillage in other aspects. Conventional tillage with total pulverization of soil surface,mainly on tropical conditions, presents the less favorable scores on soil physical properties, close to minimum tillage and no-till only in few circumstances, and frequently the most different from the natural conditions. The conservation systems by their side, despite of similarities in some aspects with natural conditions, are not able to reproduce the conditions of natural forests, savannas or natural pastures, but are in the sustainability direction.


Para assegurar a sustentabilidade do sistema produtivo, o manejo do solo deve manter as propriedades físicas do solo o mais próximo das condições originais em que este se encontrava na natureza. Esta revisão sintetiza os efeitos de três sistemas de manejo de solo (convencional, mínimo e direto) em culturas anuais sobre as propriedades físicas do solo como densidade, porosidade, resistência à penetração, velocidade de infiltração, condutividade hidráulica, compressibilidade, nível de matéria orgânica, tamanho e estabilidade de agregados. O plantio direto apresenta vantagens nos níveis de matéria orgânica, na estabilidade de agregados, na compressibilidade e na condutividade hidráulica, mas tem suas limitações quanto à densidade do solo e resistência à penetração. O preparo mínimo à base de escarificação apresenta-se especialmente eficiente na velocidade de infiltração, na condutividade hidráulica e na resistência à penetração, sendo intermediário entre convencional e direto nos demais aspectos. O preparo convencional, principalmente em condições tropicais, apresenta os indicadores menos favoráveis para propriedades físicas do solo, normalmente mais distante das condições da cobertura vegetal original e, em certas situações, aproximando-se do preparo mínimo e do plantio direto. Nesse particular, os sistemas conservacionistas se aproximam em alguns aspectos das condições naturais,

10.
Semina Ci. agr. ; 26(3): 321-344, 2005.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-470772

Resumo

The agricultural soils have been suffering great commotions and the compacting is pointed as the main cause of these changes due to the tractors and agricultural machines traffic in inadequate conditions of management. The present review had as purpose to discuss the causes and the effects of the compacting on the physic properties of the soil, considering the management. The extension and the intensity of the soil compacting will depend on the pression exerced by the help points from machines and equipments, their weight, the number of times that they traffic on the land, the texture and the aggregation of the soil. The changes that can happen in the physics properties of the soil vary since the increase in the soil bulk density, the increase of the soil resistance to the penetration of the roots, reduction of the macroporosity, consequently, less conductivity and less accumulate water, damaging the water infiltration and the penetration of the roots in the soil profile, that become more susceptible to erosion. With the adaptation of some management techniques from the farmers, the effects of soil compacting on its physics properties can be minimized, improving the development of the system of crop roots.


Os solos agrícolas vêm sofrendo grandes perturbações, sendo a compactação apontada como a principal causa destas mudanças em virtude do tráfego de tratores e máquinas agrícolas em condições inadequadas de manejo. A presente revisão teve como objetivo discutir as causas e os efeitos da compactação sobre as propriedades físicas do solo, considerando as práticas de manejo. A extensão e a intensidade da compactação do solo vão depender da pressão exercida pelos pontos de apoio das máquinas e equipamentos, das suas cargas, do número de vezes que trafegam no terreno, da textura e da agregação do solo. As modificações que podem ocorrer nas propriedades físicas do solo vão desde aumento na densidade do solo, aumento da resistência do solo à penetração das raízes, redução da macroporosidade, conseqüentemente, menor condutividade e menor acúmulo de água, comprometendo desta forma a infiltração de água e a penetração das raízes no perfil do solo, que se torna mais suscetível à erosão. Com a adoção de algumas técnicas de manejo por parte dos agricultores poderão ser minimizados os efeitos da compactação do solo sobre suas propriedades físicas, melhorando assim o ambiente para desenvolvimento do sistema de raízes das culturas.

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA