Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 22
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Acta sci., Anim. sci ; 33(2): 123-129, 2011.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1459332

Resumo

This study evaluated the possible effects of the use of herbicide and introduction of cool season species on the dynamics of natural grassland vegetation. The treatments were: natural grassland with annual mowing (CN); natural grassland improved with introduction of cool season species and annual fertilization (CNI); same as the previous but with glyphosate application (G1); same as the previous with three glyphosate applications (G3); same as G3 but with double annual fertilizing (GA3). The sod seeding of white clover, birdsfoot trefoil and annual ryegrass was preceded by application of the herbicide glyphosate. The grazing system was continuous, with variable stocking rates. The observed botanical composition was different (p 0.06) between treatments that did not receive glyphosate application and those with application. The botanical composition of the treatments did not present variation (p = 0.57) among periods. The use of glyphosate allows an efficient establishment of the introduced species. However, the use of this practice is not recommended due to its effects on modifying the floristic composition of the natural grassland.


Objetivou-se avaliar os possíveis efeitos do uso do herbicida e da introdução de espécies de estação fria na dinâmica vegetacional da pastagem natural. Os tratamentos foram: pastagem natural com roçadas anuais (CN); pastagem natural melhorada com introdução de espécies de estação fria e com adubação anual (CNI); idem ao anterior, mas com uma aplicação de glifosato (G1); idem ao anterior, porém com três aplicações de glifosato (G3); idem ao G3, mas com o dobro da adubação anual (GA3). A semeadura de trevo branco, cornichão e azevém anual foi feita a lanço, sendo esta precedida da aplicação do herbicida glifosato. O sistema de pastejo foi o contínuo com lotação variável. A composição botânica observada foi diferente (p 0,06) entre os tratamentos que não receberam aplicação de glifosato e aqueles em que se fez o uso do mesmo. A composição botânica dos tratamentos entre os períodos não apresentou variação (p = 0,57). O uso do herbicida glifosato permite eficiente estabelecimento das espécies introduzidas. Entretanto, não se recomenda a utilização desta prática por esta modificar a composição florística da pastagem natural.

2.
Acta sci., Anim. sci ; 30(2): 127-134, 2008.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1459119

Resumo

This study evaluated animal production of steers and pasture production of natural grassland and grassland overseeded with Italian ryegrass (Lolium multiflorum), white clover (Trifolium repens) and birdsfoot trefoil (Lotus corniculatus), with and without the use of glyphosate herbicide. Treatments consisted of: NG natural grassland, with annual mowing; ING natural grassland with overseeding, fertilizing and annual mowing; G1 Same ING, but with glyphosate application in the first year; G3 same as G1, with suppression of natural vegetation using herbicide in the second and third years; GF3 same as G3, with doubled fertilizing in the three years. The experimental design consisted of completely randomized blocks with two replications. The results presented are from the third year of evaluation. For average daily weight gain, there were differences (p &le 0.1) among treatments and periods, varying from 0.214 kg animal-1 day-1 in NG to 1.406 for the treatments with introduction of species. Live weight gain per area varied from 84 to 410 kg of LW ha-1. The stocking rates varied from 283 to 679 kg of LW ha-1. The herbicide did not present effects on production; and introduction of cool season species by overseeding improved animal production in NG, resulting in higher animal performance per animal and per area.


Objetivou-se avaliar a produção animal de novilhos e vegetal de campo natural e de campo natural sobre-semeado com azevém (Lolium multiflorum), trevo branco (Trifolium repens) e cornichão (Lotus corniculatus) com e sem a utilização do herbicida glyphosate. Os tratamentos foram: CN campo nativo, com roçada anual; CNI campo nativo com sobre-semeadura, adubação e roçada anual; G1 Idem ao CNI com aplicação de herbicida no primeiro ano; G3 idem ao G1 com supressão da vegetação natural com herbicida no segundo e terceiro ano; GA3 Idem ao G3 com adubação duplicada nos três anos. O delineamento experimental foi blocos completamente casualizados com duas repetições. Os resultados apresentados são do terceiro ano de avaliação. Para ganho médio diário, houve diferenças (p 0,1) entre tratamentos e períodos, que variaram de 0,214 kg.animal-1 dia-1 em CN a 1,406 para os tratamentos com introdução de espécies. Quanto à variável ganho por área, os ganhos variaram de 84 a 410 kg PV há-1 . As cargas variaram de 283 a 679 kg PV há-1 . O uso do herbicida não apresentou efeitos sobre a produção; e a introdução de espécies de estação fria por sobre-semeadura melhorou a produção animal em CN, que possibilitou a colheita de maiores ganhos animal-1 dia-1 e por área.

3.
Ci. Rural ; 37(2)2007.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-705256

Resumo

This research was aimed at evaluating the influence of two perennial warm season forage species, with different structures and growth form, represented by dwarf elephantgrass and Tifton 85, on the ingestive behavior of lactating dairy cows. Evaluations of ingestive behavior were performed with focal animals observed visually on two periods of 20 hours, beginning and ending at 08 am, during pasture growth season, on 12/22-23/2004 and 01/25-26/2005. At 10 minutes intervals, grazing time, rumination and rest activities (minutes day-1), bites rate (number minute-1), feeding station's staying time (seconds) and grazing station's distance (meters) were registered. The available leafs' dry matter were calculated. The studied species didn't affect the ingestive behavior components: time spent in grazing, ruminating and resting and also bites rate. Feeding station's staying time was superior and grazing station's distance was smaller for Tifton 85, compared with dwarf elephantgrass which may enhance ‘harvesting efficiency' in the former forage specie.


O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência de duas espécies forrageiras perenes de estação quente, de estruturas e hábitos de crescimento diferentes, representadas por capim elefante anão e Tifton 85, sobre o comportamento ingestivo de vacas holandesas em lactação. Nas avaliações do comportamento ingestivo, foi utilizado o método direto de observação visual de animais, em dois períodos de 20 horas, em 22-23/12/2004 e 25-26/01/2005, com início e término às oito horas, durante a estação de crescimento da pastagem. A cada intervalo de 10 minutos, foram registrados os tempos das atividades: de pastejo, de ruminação, de ócio (min dia-1), taxa de bocados (no min-1), tempo de permanência por estação alimentar (segundos) e distância entre estações alimentares (metros). Calculou-se também a massa de folhas disponíveis. As espécies estudadas não influenciaram os componentes do comportamento ingestivo: tempo diário de pastejo, de ruminação e de ócio nem a taxa de bocados. O tempo de permanência por estação alimentar foi superior e a distância percorrida entre estações alimentares foi inferior para a pastagem de Tifton 85, melhorando a "eficiência de colheita" pelos animais nessa espécie forrageira, que demostrou superioridade (produção foliar e resistência) quando comparada à pastagem de capim elefante anão.

4.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1477048

Resumo

This research was aimed at evaluating the influence of two perennial warm season forage species, with different structures and growth form, represented by dwarf elephantgrass and Tifton 85, on the ingestive behavior of lactating dairy cows. Evaluations of ingestive behavior were performed with focal animals observed visually on two periods of 20 hours, beginning and ending at 08 am, during pasture growth season, on 12/22-23/2004 and 01/25-26/2005. At 10 minutes intervals, grazing time, rumination and rest activities (minutes day-1), bites rate (number minute-1), feeding station's staying time (seconds) and grazing station's distance (meters) were registered. The available leafs' dry matter were calculated. The studied species didn't affect the ingestive behavior components: time spent in grazing, ruminating and resting and also bites rate. Feeding station's staying time was superior and grazing station's distance was smaller for Tifton 85, compared with dwarf elephantgrass which may enhance ‘harvesting efficiency' in the former forage specie.


O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência de duas espécies forrageiras perenes de estação quente, de estruturas e hábitos de crescimento diferentes, representadas por capim elefante anão e Tifton 85, sobre o comportamento ingestivo de vacas holandesas em lactação. Nas avaliações do comportamento ingestivo, foi utilizado o método direto de observação visual de animais, em dois períodos de 20 horas, em 22-23/12/2004 e 25-26/01/2005, com início e término às oito horas, durante a estação de crescimento da pastagem. A cada intervalo de 10 minutos, foram registrados os tempos das atividades: de pastejo, de ruminação, de ócio (min dia-1), taxa de bocados (no min-1), tempo de permanência por estação alimentar (segundos) e distância entre estações alimentares (metros). Calculou-se também a massa de folhas disponíveis. As espécies estudadas não influenciaram os componentes do comportamento ingestivo: tempo diário de pastejo, de ruminação e de ócio nem a taxa de bocados. O tempo de permanência por estação alimentar foi superior e a distância percorrida entre estações alimentares foi inferior para a pastagem de Tifton 85, melhorando a "eficiência de colheita" pelos animais nessa espécie forrageira, que demostrou superioridade (produção foliar e resistência) quando comparada à pastagem de capim elefante anão.

5.
Ci. Rural ; 37(3)2007.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-705320

Resumo

Floristic composition's dynamics of a natural grassland was evaluated to estimate the effects of grazing systems and introduction of cool season species. The experiment was held in São Gabriel, in the region of Depressão Central, Rio Grande do Sul, Brazil. The grazing period was from 01/11/2004 to 23/12/2004, totaling 53 days. Floristic composition were evaluated before the beginning of the grazing period (23/09/2004) and after its end (27/01/2005). Tested treatments were: natural grassland improvement with introduction of cool season species under rotative grazing (CNM); natural grassland under continuous grazing (CNC) and natural grassland under rotative grazing (CNR), distributed in an entirely randomized design, with two replicates. Corriedale breed ewes, with their lambs, were tester grazing animals. Data were submitted to multivariate analysis based in ordination and randomization testing. In the first survey, the treatment CNM differed (P=0.0001) from CNC and CNR due to the high contribution of the introduced species, while CNC and CNR were similar (P=0.6742) in species' composition. Treatments CNM and CNC were different (P=0.0017) in the second evaluation. The effect of rotative grazing, introduction of species and fertilization seems to be decisive for changes in floristic composition. Vegetation under rotative grazing presented trajectories that converge to a situation of similarity in the species' composition.


A dinâmica da composição florística de uma pastagem natural foi avaliada para estimar os efeitos de sistemas de pastejo e introdução de espécies hibernais. O experimento foi realizado em São Gabriel, na região da Depressão Central, Rio Grande do Sul. O período de pastejo foi entre 01/11/2004 e 23/12/2004, totalizando 53 dias. Foram realizados dois levantamentos da composição florística, sendo o primeiro antes do início do pastejo (23/09/2004) e o segundo após o término do período experimental (27/01/2005). Os tratamentos testados foram: pastagem natural melhorada com introdução de espécies hibernais sob pastejo rotativo (CNM); pastagem natural sob pastejo contínuo (CNC) e pastagem natural sob pastejo rotativo (CNR), sendo distribuídos em delineamento inteiramente casualizado, com duas repetições. Os animais utilizados no pastejo foram ovelhas com cordeiros da raça Corriedale. Os dados foram submetidos à análise multivariada baseada em ordenação e testes de aleatorização. No primeiro levantamento botânico, o tratamento CNM diferiu (P=0,0001) do CNC e CNR pela elevada participação das espécies introduzidas, enquanto CNC e do CNR foram semelhantes (P=0,6742) na composição de espécies. Os tratamentos CNM e CNC foram diferentes (P=0,0017) no segundo levantamento. O efeito do pastejo rotativo, a introdução de espécies e a adubação são determinantes para mudanças na composição da vegetação. A vegetação sob efeito de pastejo rotativo apresentou trajetórias que convergem para uma situação de semelhança na composição de espécies.

6.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1477111

Resumo

Floristic composition's dynamics of a natural grassland was evaluated to estimate the effects of grazing systems and introduction of cool season species. The experiment was held in São Gabriel, in the region of Depressão Central, Rio Grande do Sul, Brazil. The grazing period was from 01/11/2004 to 23/12/2004, totaling 53 days. Floristic composition were evaluated before the beginning of the grazing period (23/09/2004) and after its end (27/01/2005). Tested treatments were: natural grassland improvement with introduction of cool season species under rotative grazing (CNM); natural grassland under continuous grazing (CNC) and natural grassland under rotative grazing (CNR), distributed in an entirely randomized design, with two replicates. Corriedale breed ewes, with their lambs, were tester grazing animals. Data were submitted to multivariate analysis based in ordination and randomization testing. In the first survey, the treatment CNM differed (P=0.0001) from CNC and CNR due to the high contribution of the introduced species, while CNC and CNR were similar (P=0.6742) in species' composition. Treatments CNM and CNC were different (P=0.0017) in the second evaluation. The effect of rotative grazing, introduction of species and fertilization seems to be decisive for changes in floristic composition. Vegetation under rotative grazing presented trajectories that converge to a situation of similarity in the species' composition.


A dinâmica da composição florística de uma pastagem natural foi avaliada para estimar os efeitos de sistemas de pastejo e introdução de espécies hibernais. O experimento foi realizado em São Gabriel, na região da Depressão Central, Rio Grande do Sul. O período de pastejo foi entre 01/11/2004 e 23/12/2004, totalizando 53 dias. Foram realizados dois levantamentos da composição florística, sendo o primeiro antes do início do pastejo (23/09/2004) e o segundo após o término do período experimental (27/01/2005). Os tratamentos testados foram: pastagem natural melhorada com introdução de espécies hibernais sob pastejo rotativo (CNM); pastagem natural sob pastejo contínuo (CNC) e pastagem natural sob pastejo rotativo (CNR), sendo distribuídos em delineamento inteiramente casualizado, com duas repetições. Os animais utilizados no pastejo foram ovelhas com cordeiros da raça Corriedale. Os dados foram submetidos à análise multivariada baseada em ordenação e testes de aleatorização. No primeiro levantamento botânico, o tratamento CNM diferiu (P=0,0001) do CNC e CNR pela elevada participação das espécies introduzidas, enquanto CNC e do CNR foram semelhantes (P=0,6742) na composição de espécies. Os tratamentos CNM e CNC foram diferentes (P=0,0017) no segundo levantamento. O efeito do pastejo rotativo, a introdução de espécies e a adubação são determinantes para mudanças na composição da vegetação. A vegetação sob efeito de pastejo rotativo apresentou trajetórias que convergem para uma situação de semelhança na composição de espécies.

7.
Acta sci., Anim. sci ; 28(3): 259-263, 2006.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1459004

Resumo

Three lowland areas located at the Federal University of Santa Maria (Rio Grande do Sul State - Brazil) were cultivated with Lolium multiflorum Lam, and Trifolium repens L. in order to evaluate the animal productivity in an integrated project with rice and cattle-breeding production system. A more specific objective of this paper was to study the dynamics of the botanical composition of the selected diet as affected by treatments: N fertilizer rates associated with energetic supplement. The botanical composition of the diet was determined by microhistological analysis of feces through foliar epidermis differentiation of Lolium multiflorum Lam., Trifolium repens L., Paspalum urvillei Steud., Setaria geniculata (Lam.) Beauv. and Echinochloa spp. during winter, spring and summer, 2000. The diet results were compared through random test. There was a significant effect of sampling times on diet selection (P=0.04), but the treatments did not affect the botanical composition of the selected diet (P=0.91)


Três hectares de várzea, situados no Campus da Universidade Federal de Santa Maria, Estado do Rio Grande do Sul (Brasil), foram cultivados com Lolium multiflorum Lam. e com Trifolium repens L., para avaliar a produção animal em um projeto de integração lavoura de arroz/pecuária. O objetivo deste trabalho foi acompanhar a dinâmica da composição botânica da dieta selecionada por bovinos, sob o efeito dos tratamentos doses de N associadas a níveis de suplementação energética. A composição botânica da dieta foi determinada pelo método de análise microhistológica de fezes, por meio da diferenciação da epiderme foliar de L. multiflorum Lam., T. repens L., Paspalum urvillei Steud., Setaria geniculata (Lam.) Beauv. e Echinochloa spp., no inverno, primavera e verão de 2000. Os resultados na dieta foram comparados através de testes de aleatorização. A composição da dieta variou com os períodos de amostragem (P=0,04), mas não houve efeito dos tratamentos sobre a seleção (P=0,91)

8.
Ci. Rural ; 35(1)2005.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-704635

Resumo

The study was conducted on a lowland area, aiming to evaluate the morphogenic response of Lolium multiflorum and Paspalum urvillei, under levels of fertilization (50, 100 e 150% of the suggested levels) of phosphorus (P) and potash (K). Marked tillers were used to evaluate leaf elongation and appearance rates and phyllochron. Fertilization levels affected (P 0.044) leaf elongation rate of , from 08/03 to 08/17, with variation of 0.374 to 0.436mm DD-1 tiller-1, from lower to higher fertilization levels. Leaf appearance interval was of 11.7 days and phyllochron of 156 DD, in treatments and periods average. For P. urvillei, fertilization levels didn‘t change leaf elongation rate, being of 0.375mm DD-1 tiller-1, in the average for periods and treatments. There was an effect of fertilizer levels in leaf appearance rate in 10/19 to 11/09 period, when treatment with 100% of suggested level had the higher leaf elongation rate, differing (P 0.003) from the reminder. Phyllochron was higher (250 DD) from 01/04 to 01/24, and was similar from 10/19 to 11/09 and 02/02 to 02/23 (166 and 175 DD, respectively). The higher levels of P and K affected leaf elongation rates of and leaf appearance rates in P. urvillei. Phyllochron values of both species were similar, emphasizing growth and production potential of the native specie.


O estudo foi conduzido em área de várzea, com o objetivo de avaliar a resposta morfogênica de Lolium multiflorum e Paspalum urvillei, submetidos a níveis de adubação (50, 100 e 150% da recomendação) de fósforo (P) e potássio (K). Foram utilizados afilhos marcados para avaliar as taxas de alongamento e aparecimento de lâminas foliares e o filocrono. Os níveis de adubação afetaram (P 0,044) a taxa de alongamento de lâminas foliares de , no período de 03/08 a 17/08, com variação de 0,374 a 0,436mm GD-1 afilho-1, do menor ao maior nível de adubação. O intervalo para surgimento de folhas foi de 11,7 dias e o filocrono de 156 GD, na média dos tratamentos e períodos. Em P. urvillei, os níveis de adubação não afetaram a taxa de alongamento de lâminas foliares, sendo na média dos períodos e tratamentos de 0,375mm GD-1 afilho-1. Houve efeito dos níveis de adubação no aparecimento de folhas no período de 19/10 a 09/11, quando o nível de 100% da adubação, apresentou a maior taxa de alongamento de lâminas foliares, diferindo (P 0,003) dos demais. O filocrono foi maior (250 GD) no período de 04/01 a 24/01, nos demais (19/10 a 09/11 e 02/02 a 23/02) foi semelhante (166 e 175 GD, respectivamente). Os maiores níveis de adubação de P e K influenciam as taxas de alongamento em e de aparecimento de folhas em P. urvillei. Os valores de filocrono das espécies são semelhantes, demonstrando a potencialidade de crescimento e produção de forragem da espécie nativa principalmente.

9.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1476417

Resumo

The study was conducted on a lowland area, aiming to evaluate the morphogenic response of Lolium multiflorum and Paspalum urvillei, under levels of fertilization (50, 100 e 150% of the suggested levels) of phosphorus (P) and potash (K). Marked tillers were used to evaluate leaf elongation and appearance rates and phyllochron. Fertilization levels affected (P 0.044) leaf elongation rate of , from 08/03 to 08/17, with variation of 0.374 to 0.436mm DD-1 tiller-1, from lower to higher fertilization levels. Leaf appearance interval was of 11.7 days and phyllochron of 156 DD, in treatments and periods average. For P. urvillei, fertilization levels didn‘t change leaf elongation rate, being of 0.375mm DD-1 tiller-1, in the average for periods and treatments. There was an effect of fertilizer levels in leaf appearance rate in 10/19 to 11/09 period, when treatment with 100% of suggested level had the higher leaf elongation rate, differing (P 0.003) from the reminder. Phyllochron was higher (250 DD) from 01/04 to 01/24, and was similar from 10/19 to 11/09 and 02/02 to 02/23 (166 and 175 DD, respectively). The higher levels of P and K affected leaf elongation rates of and leaf appearance rates in P. urvillei. Phyllochron values of both species were similar, emphasizing growth and production potential of the native specie.


O estudo foi conduzido em área de várzea, com o objetivo de avaliar a resposta morfogênica de Lolium multiflorum e Paspalum urvillei, submetidos a níveis de adubação (50, 100 e 150% da recomendação) de fósforo (P) e potássio (K). Foram utilizados afilhos marcados para avaliar as taxas de alongamento e aparecimento de lâminas foliares e o filocrono. Os níveis de adubação afetaram (P 0,044) a taxa de alongamento de lâminas foliares de , no período de 03/08 a 17/08, com variação de 0,374 a 0,436mm GD-1 afilho-1, do menor ao maior nível de adubação. O intervalo para surgimento de folhas foi de 11,7 dias e o filocrono de 156 GD, na média dos tratamentos e períodos. Em P. urvillei, os níveis de adubação não afetaram a taxa de alongamento de lâminas foliares, sendo na média dos períodos e tratamentos de 0,375mm GD-1 afilho-1. Houve efeito dos níveis de adubação no aparecimento de folhas no período de 19/10 a 09/11, quando o nível de 100% da adubação, apresentou a maior taxa de alongamento de lâminas foliares, diferindo (P 0,003) dos demais. O filocrono foi maior (250 GD) no período de 04/01 a 24/01, nos demais (19/10 a 09/11 e 02/02 a 23/02) foi semelhante (166 e 175 GD, respectivamente). Os maiores níveis de adubação de P e K influenciam as taxas de alongamento em e de aparecimento de folhas em P. urvillei. Os valores de filocrono das espécies são semelhantes, demonstrando a potencialidade de crescimento e produção de forragem da espécie nativa principalmente.

10.
Ci. Rural ; 35(1)2005.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-704634

Resumo

This work evaluated the morphogenic response of pearl millet (Pennisetum americanum) to two heights of pasture management. Marked tillers were used to check the variables being studied. Proposed treatments were average heights of 20-30 and 40-50cm. The variables evaluated were: phyllochron; average numbers of elongated leaves and of green leaves per tiller; appearance, defoliation, elongation and leaf senescence rates. The treatment with average height of 20-30cm presented greater senescence rate and greater number of elongating leaves, respectively, in the first and second periods of evaluation. In the treatment with height of 40-50cm a greater number of senescent leaves, greater final leaf length and phyllochron was observed, respectively in the first and second periods. The rate of leaf defoliation differed between treatments, being higher in the lower height of plants, in both periods. The rate of leaf appearance was higher in the second period in the lower height of plants, influenced by the lower height of the tiller in this period. The morphogenic responses can be assigned to changes in pasture structure imposed by the treatments. The use of a grazing height around 20-30cm maintained a higher proportion of leaves in the pasture.


Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a resposta morfogênica de milheto (Pennisetum americanum) ao uso de duas alturas de manejo da pastagem. Utilizou-se a técnica de afilhos marcados para se monitorarem as variáveis em estudo. Os tratamentos propostos foram pastagem de milheto manejada a alturas médias de 20-30 e 40-50cm. As variáveis determinadas foram: filocrono, números médios de folhas em elongação e folhas verdes por afilho, taxas de aparecimento, desfolha, elongação e senescência foliar. O tratamento com altura média de 20-30cm apresentou maior taxa de senescência e maior número de folhas elongando, respectivamente no primeiro e segundo períodos de avaliação. No tratamento com altura de 40-50cm, foi observado um maior número de folhas senescendo, maior comprimento final de folhas e filocrono, respectivamente no primeiro e segundo períodos. A taxa de desfolha diferiu entre tratamentos, sendo mais elevada na menor altura de plantas, em ambos os períodos. A taxa de aparecimento de folhas foi superior no segundo período na menor altura de plantas, influenciada pela menor altura dos afilhos neste período. As respostas morfogênicas podem ser atribuídas às modificações impostas pelos tratamentos à estrutura da pastagem. A utilização de uma altura de pastejo entre 20-30cm mantem uma maior proporção de folhas na pastagem.

11.
Ci. Rural ; 35(1)2005.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-704619

Resumo

Natural pastures of Rio Grande do Sul State, South of Brazil, have low forage productivity in the autumn-winter. An alternative to improve systems based on these pastures is introduction of winter forage species, fertilization and liming of soil. The present work had the objective of evaluating the effect of phosphorus sources, lime and introduction of winter forage species in the pasture botanical composition dynamics. The treatments used were: T1 - simple superphosphate + lime + winter forage species introduction; T2 - triple superphosphate + lime + winter forage species introduction; T3 - triple superphosphate + winter forage species introduction; T4 - Gafsa rock phosphate + winter forage species introduction; T5 - winter forage species introduction without phosphorus and lime; T6 - reference only with natural pasture. To evaluate the botanical composition dynamics, periodic botanical evaluations were done during twenty two months, using BOTANAL method. The results showed that treatments did not modify the botanical composition of natural pasture during the evaluation period.


Uma das características das pastagens naturais do Rio Grande do Sul é a baixa produtividade de forragem no período do outono-inverno. Uma das alternativas para melhorar os sistemas de produção baseados nessas pastagens é a introdução de espécies forrageiras de crescimento inverno-primaveril e a fertilização e correção da acidez do solo. O presente trabalho teve por objetivo avaliar o efeito de fontes de fósforo, calcário e introdução de espécies forrageiras de inverno na dinâmica das espécies de uma pastagem natural. Os tratamentos testados foram: T1 - superfosfato simples + calcário + introdução de espécies; T2 - superfosfato triplo + calcário + introdução de espécies; T3 - superfosfato triplo + introdução de espécies; T4 - hiperfosfato de Gafsa + introdução de espécies; T5 - introdução de espécies sem fósforo ou calagem; T6 - testemunha com pastagem natural. Para a avaliação da composição florística da pastagem foram realizados levantamentos botânicos periódicos, durante vinte e dois meses, utilizando-se o método BOTANAL. Os resultados mostraram que os tratamentos testados não provocaram mudanças na composição botânica das espécies nativas no período de tempo avaliado.

12.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1476402

Resumo

Natural pastures of Rio Grande do Sul State, South of Brazil, have low forage productivity in the autumn-winter. An alternative to improve systems based on these pastures is introduction of winter forage species, fertilization and liming of soil. The present work had the objective of evaluating the effect of phosphorus sources, lime and introduction of winter forage species in the pasture botanical composition dynamics. The treatments used were: T1 - simple superphosphate + lime + winter forage species introduction; T2 - triple superphosphate + lime + winter forage species introduction; T3 - triple superphosphate + winter forage species introduction; T4 - Gafsa rock phosphate + winter forage species introduction; T5 - winter forage species introduction without phosphorus and lime; T6 - reference only with natural pasture. To evaluate the botanical composition dynamics, periodic botanical evaluations were done during twenty two months, using BOTANAL method. The results showed that treatments did not modify the botanical composition of natural pasture during the evaluation period.


Uma das características das pastagens naturais do Rio Grande do Sul é a baixa produtividade de forragem no período do outono-inverno. Uma das alternativas para melhorar os sistemas de produção baseados nessas pastagens é a introdução de espécies forrageiras de crescimento inverno-primaveril e a fertilização e correção da acidez do solo. O presente trabalho teve por objetivo avaliar o efeito de fontes de fósforo, calcário e introdução de espécies forrageiras de inverno na dinâmica das espécies de uma pastagem natural. Os tratamentos testados foram: T1 - superfosfato simples + calcário + introdução de espécies; T2 - superfosfato triplo + calcário + introdução de espécies; T3 - superfosfato triplo + introdução de espécies; T4 - hiperfosfato de Gafsa + introdução de espécies; T5 - introdução de espécies sem fósforo ou calagem; T6 - testemunha com pastagem natural. Para a avaliação da composição florística da pastagem foram realizados levantamentos botânicos periódicos, durante vinte e dois meses, utilizando-se o método BOTANAL. Os resultados mostraram que os tratamentos testados não provocaram mudanças na composição botânica das espécies nativas no período de tempo avaliado.

13.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1476416

Resumo

This work evaluated the morphogenic response of pearl millet (Pennisetum americanum) to two heights of pasture management. Marked tillers were used to check the variables being studied. Proposed treatments were average heights of 20-30 and 40-50cm. The variables evaluated were: phyllochron; average numbers of elongated leaves and of green leaves per tiller; appearance, defoliation, elongation and leaf senescence rates. The treatment with average height of 20-30cm presented greater senescence rate and greater number of elongating leaves, respectively, in the first and second periods of evaluation. In the treatment with height of 40-50cm a greater number of senescent leaves, greater final leaf length and phyllochron was observed, respectively in the first and second periods. The rate of leaf defoliation differed between treatments, being higher in the lower height of plants, in both periods. The rate of leaf appearance was higher in the second period in the lower height of plants, influenced by the lower height of the tiller in this period. The morphogenic responses can be assigned to changes in pasture structure imposed by the treatments. The use of a grazing height around 20-30cm maintained a higher proportion of leaves in the pasture.


Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a resposta morfogênica de milheto (Pennisetum americanum) ao uso de duas alturas de manejo da pastagem. Utilizou-se a técnica de afilhos marcados para se monitorarem as variáveis em estudo. Os tratamentos propostos foram pastagem de milheto manejada a alturas médias de 20-30 e 40-50cm. As variáveis determinadas foram: filocrono, números médios de folhas em elongação e folhas verdes por afilho, taxas de aparecimento, desfolha, elongação e senescência foliar. O tratamento com altura média de 20-30cm apresentou maior taxa de senescência e maior número de folhas elongando, respectivamente no primeiro e segundo períodos de avaliação. No tratamento com altura de 40-50cm, foi observado um maior número de folhas senescendo, maior comprimento final de folhas e filocrono, respectivamente no primeiro e segundo períodos. A taxa de desfolha diferiu entre tratamentos, sendo mais elevada na menor altura de plantas, em ambos os períodos. A taxa de aparecimento de folhas foi superior no segundo período na menor altura de plantas, influenciada pela menor altura dos afilhos neste período. As respostas morfogênicas podem ser atribuídas às modificações impostas pelos tratamentos à estrutura da pastagem. A utilização de uma altura de pastejo entre 20-30cm mantem uma maior proporção de folhas na pastagem.

14.
Ci. Rural ; 34(6)2004.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-704591

Resumo

The animal production, its cost and animal feeding efficiency are analyzed in this work. Treatments were levels of green leaf lamina biomass (GLLB), of 350 and 600kg ha-1 of dry matter (DM), in oat and Italian ryegrass pasture. Experimental animals were beef calves, from Charolais breed and its crosses with Nelore breed, with average initial age of nine months and 175kg of live weight. Average results of 103 days of pasture season indicates that animal and forage production were not affected by treatments. Total pasture production costs and the efficiency of transformation of forage in animal liveweight were similar in both GLLB levels. Treatment with 600kg ha-1 of GLLB presented the best economical results, with higher gross income and profit per hectare and lower cost per kg of liveweight produced.


A produção animal, o custo desta e a eficiência alimentar dos animais são analisados neste trabalho. Os tratamentos testados foram níveis de biomassa da lâmina foliar verde (BLFV), de 350 e 600kg ha-1 de matéria seca (MS), em pastagem de aveia preta e azevém. Os animais utilizados foram terneiros de corte, da raça Charolês e suas cruzas com Nelore, com idade média inicial de nove meses e 175kg de peso vivo. Os resultados médios, ao longo dos 103 dias de utilização da pastagem, indicam que a produção animal e de forragem não foram afetadas pelos tratamentos. O custo total de produção da pastagem e a eficiência de transformação de forragem em peso vivo dos animais foram semelhantes nos dois níveis de BLFV testados. O tratamento de 600kg ha-1 de BLFV apresentou os melhores resultados econômicos, com maior receita bruta e lucro por hectare e menor custo por quilo de peso vivo produzido.

15.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1476373

Resumo

The animal production, its cost and animal feeding efficiency are analyzed in this work. Treatments were levels of green leaf lamina biomass (GLLB), of 350 and 600kg ha-1 of dry matter (DM), in oat and Italian ryegrass pasture. Experimental animals were beef calves, from Charolais breed and its crosses with Nelore breed, with average initial age of nine months and 175kg of live weight. Average results of 103 days of pasture season indicates that animal and forage production were not affected by treatments. Total pasture production costs and the efficiency of transformation of forage in animal liveweight were similar in both GLLB levels. Treatment with 600kg ha-1 of GLLB presented the best economical results, with higher gross income and profit per hectare and lower cost per kg of liveweight produced.


A produção animal, o custo desta e a eficiência alimentar dos animais são analisados neste trabalho. Os tratamentos testados foram níveis de biomassa da lâmina foliar verde (BLFV), de 350 e 600kg ha-1 de matéria seca (MS), em pastagem de aveia preta e azevém. Os animais utilizados foram terneiros de corte, da raça Charolês e suas cruzas com Nelore, com idade média inicial de nove meses e 175kg de peso vivo. Os resultados médios, ao longo dos 103 dias de utilização da pastagem, indicam que a produção animal e de forragem não foram afetadas pelos tratamentos. O custo total de produção da pastagem e a eficiência de transformação de forragem em peso vivo dos animais foram semelhantes nos dois níveis de BLFV testados. O tratamento de 600kg ha-1 de BLFV apresentou os melhores resultados econômicos, com maior receita bruta e lucro por hectare e menor custo por quilo de peso vivo produzido.

16.
Ci. Rural ; 34(5)2004.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-704534

Resumo

The objective of this trial was to evaluate how two levels of green leaves biomass, represented by 350 and 600kg ha-1 of green leaves dry matter (GLDM) affected beef steers behaviour and its bite rate. Evaluations of ingestive behaviour were performed with focal animals observed visually on two periods of 24 hours, with beginning and end at 01 pm, during pasture growth season, at 08/16-17 and 09/24-25/2002. Three trained observers were used for each turn of six hours, one for each two contiguous paddocks (where three focal animals grazed). At 10 minutes intervals, grazing time, rumination activities and rest were registered and estimated the bite rate, as the number of apprehension bites per minute. The lower dry matter percentage existing in the pasture during the first evaluation was responsible for the higher grazing time, when comparing the periods. In the first evaluation, the activity complementary to grazing was rumination and there was not differences for rest time. The lower biomass treatment induced the steers to take more bites as a way of optimizing forage consumption.


O objetivo deste trabalho foi avaliar como dois níveis distintos de biomassa de folhas verdes, representados por 350 e 600kg ha-1 de matéria seca de folhas verdes (MSFV) afetam o comportamento de novilhos de corte e sua taxa de bocados. Para as avaliações de comportamento ingestivo, foi utilizado o método direto de observação visual de animais focais em dois períodos de 24 horas, com início e término às 13:00 horas, durante o ciclo de duração da pastagem, nos dias 16-17/08 e 24-25/09/2002. Para cada turno de seis horas, foram utilizados três observadores treinados, um para cada dois potreiros contíguos (três animais focais por potreiro). A intervalos de 10 minutos eram registrados as atividades de pastejo, ruminação, ócio e realizadas medidas relativas à taxa de bocados, correspondente ao número de bocados de apreensão por minuto. A menor porcentagem de matéria seca existente na pastagem durante a primeira avaliação do comportamento ingestivo foi responsável pelo aumento no tempo de pastejo, na comparação entre períodos. A atividade complementar ao pastejo, na primeira avaliação, foi a ruminação, sem diferenças para ócio. As mais baixas biomassas induziram os animais a aumentar o número de bocados como forma de otimizar o consumo de forragem.

17.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1476315

Resumo

The objective of this trial was to evaluate how two levels of green leaves biomass, represented by 350 and 600kg ha-1 of green leaves dry matter (GLDM) affected beef steers behaviour and its bite rate. Evaluations of ingestive behaviour were performed with focal animals observed visually on two periods of 24 hours, with beginning and end at 01 pm, during pasture growth season, at 08/16-17 and 09/24-25/2002. Three trained observers were used for each turn of six hours, one for each two contiguous paddocks (where three focal animals grazed). At 10 minutes intervals, grazing time, rumination activities and rest were registered and estimated the bite rate, as the number of apprehension bites per minute. The lower dry matter percentage existing in the pasture during the first evaluation was responsible for the higher grazing time, when comparing the periods. In the first evaluation, the activity complementary to grazing was rumination and there was not differences for rest time. The lower biomass treatment induced the steers to take more bites as a way of optimizing forage consumption.


O objetivo deste trabalho foi avaliar como dois níveis distintos de biomassa de folhas verdes, representados por 350 e 600kg ha-1 de matéria seca de folhas verdes (MSFV) afetam o comportamento de novilhos de corte e sua taxa de bocados. Para as avaliações de comportamento ingestivo, foi utilizado o método direto de observação visual de animais focais em dois períodos de 24 horas, com início e término às 13:00 horas, durante o ciclo de duração da pastagem, nos dias 16-17/08 e 24-25/09/2002. Para cada turno de seis horas, foram utilizados três observadores treinados, um para cada dois potreiros contíguos (três animais focais por potreiro). A intervalos de 10 minutos eram registrados as atividades de pastejo, ruminação, ócio e realizadas medidas relativas à taxa de bocados, correspondente ao número de bocados de apreensão por minuto. A menor porcentagem de matéria seca existente na pastagem durante a primeira avaliação do comportamento ingestivo foi responsável pelo aumento no tempo de pastejo, na comparação entre períodos. A atividade complementar ao pastejo, na primeira avaliação, foi a ruminação, sem diferenças para ócio. As mais baixas biomassas induziram os animais a aumentar o número de bocados como forma de otimizar o consumo de forragem.

18.
Ci. Rural ; 33(1)2003.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-704111

Resumo

This study was held to evaluate the morphogenic response of Andropogon lateralis to the use of different N levels, as urea. It was used plants in plots with marked tillers to monitor the variables under study. In each season, new tillers were marked and the treatments were aplied: 0, 100, 200 and 400kg of N/ha. It was evaluated leaf elongation, appearance and senescence rates, extended leaf length and phyllochron. Treatment with 200kg/ha of N presented higher elongation and appearance rates (P FONT FACE=Symbol>£ /FONT> 0.061) in all seasons. Other treatments had different responses between treatments and within seasons. Leaf senescence was higher in the treatments with N applied, in autumn and winter, and had no difference in other seasons. Phyllochron was not different between treatments, the values varying according to the seasons. Average completely expanded leaves length was higher in treatment with 200kg/ha of N.


Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a resposta morfogênica de Andropogon lateralis ao uso de diferentes níveis de nitrogênio, sob a forma de uréia. Foram utilizadas plantas em canteiros com afilhos marcados para se monitorar as variáveis em estudo. Em cada estação do ano, afilhos foram marcados e aplicados os tratamentos: 0, 100, 200 e 400kg/ha de N. Foram avaliadas taxas de: alongamento, aparecimento, senescência, filocrono e comprimento de folhas expandidas. O tratamento com 200kg/ha de N apresentou as maiores taxas de alongamento e aparecimento de folhas (P FONT FACE=Symbol>£ /FONT>0,061) nas quatro estações do ano. As demais doses de N apresentaram respostas diferentes no decorrer das estações, com diferenças entre tratamentos nas estações. A senescência foliar, nos tratamentos que receberam N, foi maior no outono e inverno, não apresentando diferença nas demais estações. O filocrono não diferiu entre tratamentos, apenas sofrendo alternância de valores com as diferentes estações. O comprimento médio de folhas completamente expandidas foi superior no tratamento com 200kg/ha de N.

19.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1475883

Resumo

This study was held to evaluate the morphogenic response of Andropogon lateralis to the use of different N levels, as urea. It was used plants in plots with marked tillers to monitor the variables under study. In each season, new tillers were marked and the treatments were aplied: 0, 100, 200 and 400kg of N/ha. It was evaluated leaf elongation, appearance and senescence rates, extended leaf length and phyllochron. Treatment with 200kg/ha of N presented higher elongation and appearance rates (P FONT FACE=Symbol>£ /FONT> 0.061) in all seasons. Other treatments had different responses between treatments and within seasons. Leaf senescence was higher in the treatments with N applied, in autumn and winter, and had no difference in other seasons. Phyllochron was not different between treatments, the values varying according to the seasons. Average completely expanded leaves length was higher in treatment with 200kg/ha of N.


Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a resposta morfogênica de Andropogon lateralis ao uso de diferentes níveis de nitrogênio, sob a forma de uréia. Foram utilizadas plantas em canteiros com afilhos marcados para se monitorar as variáveis em estudo. Em cada estação do ano, afilhos foram marcados e aplicados os tratamentos: 0, 100, 200 e 400kg/ha de N. Foram avaliadas taxas de: alongamento, aparecimento, senescência, filocrono e comprimento de folhas expandidas. O tratamento com 200kg/ha de N apresentou as maiores taxas de alongamento e aparecimento de folhas (P FONT FACE=Symbol>£ /FONT>0,061) nas quatro estações do ano. As demais doses de N apresentaram respostas diferentes no decorrer das estações, com diferenças entre tratamentos nas estações. A senescência foliar, nos tratamentos que receberam N, foi maior no outono e inverno, não apresentando diferença nas demais estações. O filocrono não diferiu entre tratamentos, apenas sofrendo alternância de valores com as diferentes estações. O comprimento médio de folhas completamente expandidas foi superior no tratamento com 200kg/ha de N.

20.
Acta Sci. Anim. Sci. ; 30(2): 127-134, 2008.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-724874

Resumo

This study evaluated animal production of steers and pasture production of natural grassland and grassland overseeded with Italian ryegrass (Lolium multiflorum), white clover (Trifolium repens) and birdsfoot trefoil (Lotus corniculatus), with and without the use of glyphosate herbicide. Treatments consisted of: NG natural grassland, with annual mowing; ING natural grassland with overseeding, fertilizing and annual mowing; G1 Same ING, but with glyphosate application in the first year; G3 same as G1, with suppression of natural vegetation using herbicide in the second and third years; GF3 same as G3, with doubled fertilizing in the three years. The experimental design consisted of completely randomized blocks with two replications. The results presented are from the third year of evaluation. For average daily weight gain, there were differences (p &le 0.1) among treatments and periods, varying from 0.214 kg animal-1 day-1 in NG to 1.406 for the treatments with introduction of species. Live weight gain per area varied from 84 to 410 kg of LW ha-1. The stocking rates varied from 283 to 679 kg of LW ha-1. The herbicide did not present effects on production; and introduction of cool season species by overseeding improved animal production in NG, resulting in higher animal performance per animal and per area.


Objetivou-se avaliar a produção animal de novilhos e vegetal de campo natural e de campo natural sobre-semeado com azevém (Lolium multiflorum), trevo branco (Trifolium repens) e cornichão (Lotus corniculatus) com e sem a utilização do herbicida glyphosate. Os tratamentos foram: CN campo nativo, com roçada anual; CNI campo nativo com sobre-semeadura, adubação e roçada anual; G1 Idem ao CNI com aplicação de herbicida no primeiro ano; G3 idem ao G1 com supressão da vegetação natural com herbicida no segundo e terceiro ano; GA3 Idem ao G3 com adubação duplicada nos três anos. O delineamento experimental foi blocos completamente casualizados com duas repetições. Os resultados apresentados são do terceiro ano de avaliação. Para ganho médio diário, houve diferenças (p 0,1) entre tratamentos e períodos, que variaram de 0,214 kg.animal-1 dia-1 em CN a 1,406 para os tratamentos com introdução de espécies. Quanto à variável ganho por área, os ganhos variaram de 84 a 410 kg PV há-1 . As cargas variaram de 283 a 679 kg PV há-1 . O uso do herbicida não apresentou efeitos sobre a produção; e a introdução de espécies de estação fria por sobre-semeadura melhorou a produção animal em CN, que possibilitou a colheita de maiores ganhos animal-1 dia-1 e por área.

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA