Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 5 de 5
Filtrar
Mais filtros

Ano de publicação
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Artigo em Inglês | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1487677

Resumo

ABSTRACT: This study assessed microscopic morphology of protozoan and metazoan parasites, as well as parasite-associated histopathologic changes in five Brazilian free-ranging armadillos. Three armadillos had intra sarcolemmal cysts of Sarcocystis sp. in skeletal muscles without microscopic changes. One Dasypus novemcinctus was found parasitized with a nematode morphologically compatible with an oxyurid in the small intestine. One Dasypus sp. had neutrophilic enteritis associated with adult and larval stages of Strongyloides sp. and one D. novemcinctus had multiple embryonated eggs free in the lumen of the small intestine with mild neutrophilic enteritis. These findings represent a contribution for expanding our knowledge on parasitic diseases of armadillos.


RESUMO: Este estudo avaliou a morfologia microscópica de parasitos protozoários e metazoários, bem como lesões associadas ao parasitismo em cinco tatus de vida livre no Brasil. Três tatus tinham cistos de Sarcocystis sp. Intra-sarcolemal em músculos esqueléticos sem alterações microscópicas. Um Dasypus novemcinctus estava parasitado com um nematodo morfologicamente compatível com oxiurideo no intestino delgado. Um Dasypus sp. apresentou enterite neutrofílica associada com estágios larvais de Strongyloides sp. e um D. novemcinctus apresentou múltiplos ovos embrionados livres no lúmen do intestino delgado, associado a enterite neutrofílica discreta. Estes achados representam uma contribuição para a expansão do conhecimento sobre doenças parasitárias de tatus.

2.
Pesqui. vet. bras ; 41: e06868, 2021. tab, ilus
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1279536

Resumo

This study assessed microscopic morphology of protozoan and metazoan parasites, as well as parasite-associated histopathologic changes in five Brazilian free-ranging armadillos. Three armadillos had intra sarcolemmal cysts of Sarcocystis sp. in skeletal muscles without microscopic changes. One Dasypus novemcinctus was found parasitized with a nematode morphologically compatible with an oxyurid in the small intestine. One Dasypus sp. had neutrophilic enteritis associated with adult and larval stages of Strongyloides sp. and one D. novemcinctus had multiple embryonated eggs free in the lumen of the small intestine with mild neutrophilic enteritis. These findings represent a contribution for expanding our knowledge on parasitic diseases of armadillos.(AU)


Este estudo avaliou a morfologia microscópica de parasitos protozoários e metazoários, bem como lesões associadas ao parasitismo em cinco tatus de vida livre no Brasil. Três tatus tinham cistos de Sarcocystis sp. Intra-sarcolemal em músculos esqueléticos sem alterações microscópicas. Um Dasypus novemcinctus estava parasitado com um nematodo morfologicamente compatível com oxiurideo no intestino delgado. Um Dasypus sp. apresentou enterite neutrofílica associada com estágios larvais de Strongyloides sp. e um D. novemcinctus apresentou múltiplos ovos embrionados livres no lúmen do intestino delgado, associado a enterite neutrofílica discreta. Estes achados representam uma contribuição para a expansão do conhecimento sobre doenças parasitárias de tatus.(AU)


Assuntos
Animais , Tatus , Strongyloides , Sarcocystis , Enterite , Nematoides , Doenças Parasitárias
3.
Pesqui. vet. bras ; 41: e06868, 2021. tab, ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-31782

Resumo

This study assessed microscopic morphology of protozoan and metazoan parasites, as well as parasite-associated histopathologic changes in five Brazilian free-ranging armadillos. Three armadillos had intra sarcolemmal cysts of Sarcocystis sp. in skeletal muscles without microscopic changes. One Dasypus novemcinctus was found parasitized with a nematode morphologically compatible with an oxyurid in the small intestine. One Dasypus sp. had neutrophilic enteritis associated with adult and larval stages of Strongyloides sp. and one D. novemcinctus had multiple embryonated eggs free in the lumen of the small intestine with mild neutrophilic enteritis. These findings represent a contribution for expanding our knowledge on parasitic diseases of armadillos.(AU)


Este estudo avaliou a morfologia microscópica de parasitos protozoários e metazoários, bem como lesões associadas ao parasitismo em cinco tatus de vida livre no Brasil. Três tatus tinham cistos de Sarcocystis sp. Intra-sarcolemal em músculos esqueléticos sem alterações microscópicas. Um Dasypus novemcinctus estava parasitado com um nematodo morfologicamente compatível com oxiurideo no intestino delgado. Um Dasypus sp. apresentou enterite neutrofílica associada com estágios larvais de Strongyloides sp. e um D. novemcinctus apresentou múltiplos ovos embrionados livres no lúmen do intestino delgado, associado a enterite neutrofílica discreta. Estes achados representam uma contribuição para a expansão do conhecimento sobre doenças parasitárias de tatus.(AU)


Assuntos
Animais , Tatus , Strongyloides , Sarcocystis , Enterite , Nematoides , Doenças Parasitárias
4.
Pesqui. vet. bras ; 36(11): 1109-1115, Nov. 2016. tab, graf, ilus
Artigo em Português | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-842012

Resumo

Tayassu tajacu, popularmente conhecido como cateto, é uma espécie silvestre encontrada em quase todo o continente Americano, sendo abundante em seus locais de ocorrência. O trabalho objetivou conhecer a fauna helmintológica, bem como os indicadores de infecções, de catetos (T. tajacu) procedentes da Amazônia Brasileira. Para tanto, foram utilizados cinco animais adultos (três machos e duas fêmeas), capturados no município de Araguaína, estado do Tocantins, com auxílio de armadilhas. Os catetos foram tranquilizados, contidos quimicamente e eutanasiados segundo o Guia Brasileiro de Boas Práticas para Eutanásia em Animais do Conselho Federal de Medicina Veterinária. As espécies encontradas foram identificadas e os indicadores de infecção foram determinados (percentual de infecção, abundância, intensidade média e variação da intensidade). Foi coletado um total de 1394 helmintos, sendo nove espécies de nematódeos: Eucyathostomum dentatum, Cruzia brasiliensis, Monodontus semicircularis, Monodontus aguiari, Spiculopteragia tayassui, Texicospirura turki, Parabronema pecariae, Physocephalus sexalatus, Cooperia punctata. Os helmintos com maiores percentuais de infecção foram Physocephalus sexalatus, Parabronema pecariae e Monodontus aguiari, encontrados em 100% dos animais examinados, sendo este último o mais abundante (164), com maior intensidade média (164) e com maior número total de helmintos (820). Em contrapartida, Spiculopteragia tayassui foi a espécie que obteve menores indicadores, sendo encontrada apenas uma fêmea neste estudo. Foi relatada, neste trabalho, a primeira ocorrência de Cruzia brasiliensis parasitando catetos (T. tajacu) no Brasil, espécie até então descrita e encontrada apenas parasitando suínos domésticos.(AU)


Tayassu tajacu, popularly known as collared peccary, is a wildlife species found throughout the American continent, being abundant in their places of occurrence. This study aimed to describe the helminthological fauna, as well as the infection indicators, of the collared peccary (T. tajacu) coming from the Brazilian Amazon. Five adult peccaries (three males and two females) were captured in the Araguaína region, Tocantins, Brazil, with the aid of traps. The collared peccaries were reassured, chemically restrained and euthanized according to the Brazilian Good Practice Guide for Animal Euthanasy of the Federal Board of Veterinary Medicine. The species found were identified and the infection indicators were determined (infection rate, abundance, mean intensity and intensity variation). A total of 1394 helminths of nine nematode species were collected: Eucyathostomum dentatum, Cruzia brasiliensis, Monodontus semicircularis, Monodontus aguiari, Spiculopteragia tayassui, Texicospirura turki, Parabronema pecariae, Physocephalus sexalatus and Cooperia punctata. Helminths with higher percentages of infection were Physocephalus sexalatus, Parabronema pecariae and Monodontus aguiari found in 100% of the examined animals; the latter was the most abundant (164) and had a highest mean intensity (164) and total number of helminths (820). In contrast, Spiculopteragia tayassui presented lower indicators, found only one female in this study. In this studythe the first occurrence of Cruzia brasiliensis parasitizing collared peccary (T. Tajacu) in Brazil was reported, specie hitherto described and only found parasitizing domestic pigs.(AU)


Assuntos
Animais , Artiodáctilos/parasitologia , Helmintíase Animal , Nematoides/parasitologia , Helmintos
5.
Pesqui. vet. bras ; 36(11): 1109-1115, nov. 2016. ilus, tab, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-683712

Resumo

Tayassu tajacu, popularly known as collared peccary, is a wildlife species found throughout the American continent, being abundant in their places of occurrence. This study aimed to describe the helminthological fauna, as well as the infection indicators, of the collared peccary (T. tajacu) coming from the Brazilian Amazon. Five adult peccaries (three males and two females) were captured in the Araguaína region, Tocantins, Brazil, with the aid of traps. The collared peccaries were reassured, chemically restrained and euthanized according to the Brazilian Good Practice Guide for Animal Euthanasy of the Federal Board of Veterinary Medicine. The species found were identified and the infection indicators were determined (infection rate, abundance, mean intensity and intensity variation). A total of 1394 helminths of nine nematode species were collected: Eucyathostomum dentatum, Cruzia brasiliensis, Monodontus semicircularis, Monodontus aguiari, Spiculopteragia tayassui, Texicospirura turki, Parabronema pecariae, Physocephalus sexalatus and Cooperia punctata. Helminths with higher percentages of infection were Physocephalus sexalatus, Parabronema pecariae and Monodontus aguiari found in 100% of the examined animals; the latter was the most abundant (164) and had a highest mean intensity (164) and total number of helminths (820). In contrast, Spiculopteragia tayassui presented lower indicators, found only one female in this study. In this studythe the first occurrence of Cruzia brasiliensis parasitizing collared peccary (T. Tajacu) in Brazil was reported, specie hitherto described and only found parasitizing domestic pigs.(AU)


Tayassu tajacu, popularmente conhecido como cateto, é uma espécie silvestre encontrada em quase todo o continente Americano, sendo abundante em seus locais de ocorrência. O trabalho objetivou conhecer a fauna helmintológica, bem como os indicadores de infecções, de catetos (T. tajacu) procedentes da Amazônia Brasileira. Para tanto, foram utilizados cinco animais adultos (três machos e duas fêmeas), capturados no município de Araguaína, estado do Tocantins, com auxílio de armadilhas. Os catetos foram tranquilizados, contidos quimicamente e eutanasiados segundo o Guia Brasileiro de Boas Práticas para Eutanásia em Animais do Conselho Federal de Medicina Veterinária. As espécies encontradas foram identificadas e os indicadores de infecção foram determinados (percentual de infecção, abundância, intensidade média e variação da intensidade). Foi coletado um total de 1394 helmintos, sendo nove espécies de nematódeos: Eucyathostomum dentatum, Cruzia brasiliensis, Monodontus semicircularis, Monodontus aguiari, Spiculopteragia tayassui, Texicospirura turki, Parabronema pecariae, Physocephalus sexalatus, Cooperia punctata. Os helmintos com maiores percentuais de infecção foram Physocephalus sexalatus, Parabronema pecariae e Monodontus aguiari, encontrados em 100% dos animais examinados, sendo este último o mais abundante (164), com maior intensidade média (164) e com maior número total de helmintos (820). Em contrapartida, Spiculopteragia tayassui foi a espécie que obteve menores indicadores, sendo encontrada apenas uma fêmea neste estudo. Foi relatada, neste trabalho, a primeira ocorrência de Cruzia brasiliensis parasitando catetos (T. tajacu) no Brasil, espécie até então descrita e encontrada apenas parasitando suínos domésticos.(AU)


Assuntos
Animais , Artiodáctilos/parasitologia , Nematoides/parasitologia , Helmintíase Animal , Helmintos
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA