Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 13 de 13
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Intervalo de ano de publicação
1.
Ciênc. Anim. (Impr.) ; 32(3): 1-8, jul.-set. 2022. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1402265

Resumo

A leishmaniose visceral (LV) é uma enfermidade crônica, multissistêmica e comum, que afeta os cães e pode apresentar alterações em diversos exames laboratoriais, inclusive no hemograma e mielograma. Desse modo, o objetivo deste trabalho foi descrever e avaliar as alterações no hemograma e mielograma de seis cães positivos para leishmaniose atendidos no Hospital Universitário Ivan Macedo Tabosa da Universidade Federal de Campina Grande. Os diagnósticos foram confirmados através da observação das formas amastigotas de Leishmania sp em aspirados de medula óssea. No hemograma, a maior parte dos animais apresentou anemia, trombocitopenia e leucocitose com neutrofilia. Além disso, dois animais apresentaram leucopenia. No mielograma, a maioria dos animais apresentou hiperplasia granulocítica e megacariocítica, além de hipoplasia eritroide. Conclui-se que a realização de exames laboratoriais, como hemograma e mielograma, em animais suspeitos de LV é importante para o acompanhamento do quadro clínico do paciente e para a seleção de medidas terapêuticas a serem adotadas, o que pode refletir positivamente no prognóstico.


Visceral leishmaniasis (VL) is a chronic, multisystemic, and common disease that affects dogs and that can present changes in several laboratory tests, including blood count and myelogram. Thus, this work aimed to describe and evaluate changes in the blood count and myelogram of six dogs positive for leishmaniasis treated at the Veterinary Hospital Ivan Macedo Tabosa of the Federal University of Campina Grande. The diagnoses were confirmed by observing the amastigote forms of Leishmania sp in bone marrow aspirates. In the blood count, most animals presented anemia, thrombocytopenia, and leukocytosis with neutrophilia. Besides, two animals had leukopenia. In the myelogram, most animals presented granulocytic and megakaryocytic hyperplasia, in addition to erythroid hypoplasia. It is concluded that the performance of laboratory tests, such as blood count and myelogram, in animals suspected of VL is important for monitoring the patient's clinical condition and for selecting the therapeutic measures to be used, which can reflect positively on the prognosis.


Assuntos
Animais , Cães , Leishmania/isolamento & purificação , Leishmaniose Visceral/diagnóstico , Leishmaniose Visceral/veterinária , Contagem de Células Sanguíneas/veterinária , Mielografia/veterinária
2.
Ciênc. Anim. (Impr.) ; 30(2): 130-137, 2020. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1472627

Resumo

A leishmaniose visceral (LV) é uma enfermidade comum que acomete múltiplos sistemas e apresenta tempo de evolução crônico. Dentre as características laboratoriais que são observadas, os achados na medula óssea podem variar de hipoplasia a hiperplasia, tanto eritróide quanto granulocítica. Diante disso, o presente trabalho tem como objetivo realizar uma análise clínica e laboratorial dos achados em um cão com hipoplasia eritroide e hiperplasia granulocitica associada à LV. Um cão da raça Setter Irlandês, macho, com 7 anos de idade foi atendido no Hospital Veterinária Ivon Macêdo Tabosa da Universidade Federal de Campina Grande (HVIMT / UFCG) apresentando epistaxe, perda de peso e hiporexia. Foi solicitado hemograma completo, análise de bioquímica sérica, urinálisen e mielograma com pesquisa de hemoparasitas. No hemograma foi evidenciado anemia normocítica normocrômica e diminuição da quantidade de plaquetas com presença de agregados plaquetários. A bioquímica sérica revelou hipoalbuminemia e hiperproteinemia. Na urinalise não foi evidenciada alterações com relevância clínica. Foi observada amastigotas de Leishmaniasp no mielograma, e hipoplasia eritróide e hiperplasia granulócitica. O animal foi tratado com associação de milteforan, alopurinol e domperidona, contudo o tutor não retornou para reavaliação do paciente. Diante do exposto, uma abordagem clínica laboratorial de um paciente com LV é importante para um tratamento mais adequado e melhorar o prognóstico. Mais estudos devem ser realizados para a melhor compreensão das respostas hematopatológicas frente a essa enfermidade.


Visceral leishmaniasis (VL) is a common disease that affects multiple systems and has a chronic evolution time. Among the laboratory characteristics that may occur, bone marrow changes may range from hypoplasia to both erythroid and granulocytic hyperplasia. Therefore, the present study aims to perform a clinical and laboratory analysis of the findings in a dog with erythroid hypoplasia and granulocytic hyperplasia associated with VL. A 7 - years-old male Irish Setter dog was attended at the Ivon Macêdo Tabosa Veterinary Hospital of the Federal University of Campina Grande (HVIMT / UFCG) presenting epistaxy, weight loss and hyporexia. Complete blood count, serum biochemistry analysis, urinalysis, amd a myelogram with hemoparasites were requested. The complete blood count showed normochromic normocytic anemia and a decrease in the number of platelets with platelet aggregates. Serum biochemistry revealed hypoalbuminemia and hyperproteinemia. Urinalysis showed no clinically relevant changes. Leishmaniasis amastigotes were observed in the myelogram along with erythroid hypoplasia and granulocytic hyperplasia. The animal was treated with the combination of milteforan, allopurinol and domperidone, however the tutor did not return for the patient's reassessment. In the light of the above, a clinical laboratory approach of a patient with VL is important for a better treatment and to improve the prognosis. Further studies should be performed to better understand the hematopathological responses to this disease.


Assuntos
Animais , Cães , Doenças Transmissíveis/veterinária , Doenças do Cão , Hiperplasia/veterinária , Leishmaniose Visceral/veterinária
3.
Ciênc. Anim. (Impr.) ; 30(4): 144-151, 2020. tab, ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1472673

Resumo

A esporotricose é uma micose subcutânea piogranulomatosa causada por um fungo saprófito que acomete grande variedade de animais e também os humanos. O diagnóstico baseia-se na anamnese, exame físico e exames complementares tais como citopatológico da secreção, histopatológico da pele acometida e no estudo morfológico macro e microscópico da cultura fúngica. O presente estudo tem como objetivo descrever os achados laboratoriais de um felino com esporotricose, associando-os com a forma clínica desta enfermidade. Um gato doméstico foi atendido no Hospital Veterinário Universitário Prof. Dr. Ivon Macêdo Tabosa no município de Patos, no estado da Paraíba, em julho de 2019. O paciente apresentava feridas na orelha com presença de secreção, aumento de volume com coloração avermelhada, áreas circulares de alopecia e descamação no membro pélvico esquerdo. Foi solicitado hemograma, bioquímica sérica, citologia e cultura micológica. Não houve alterações no eritrograma e plaquetograma. No leucograma, observou-se leucocitose com desvio a esquerda regenerativo. O exame citopatológico da lesão apresentou estruturas compatíveis com leveduras de Sporothrix spp. no fundo de lâmina e no interior dos leucócitos. No entanto, é sugerido que outros métodos diferenciais de diagnósticos sejam indicados para não excluir a possibilidade da doença.


Sporotrichosis is a subcutaneous pyogranulomatous mycosis caused by a fungus that affects a wide variety of animals and humans. Its diagnosis is based on anamnesis, physical examination, and complementary exams such as cytopathology of the secretion, histopathology of the injured skin and the macro and microscopic morphological study of fungal culture. This study aims to describe the laboratory findings of a feline with sporotrichosis, associating them with the clinical form of this disease. A domestic cat was treated at the University Veterinarian Hospital Prof. Dr. Ivon Macêdo Tabosa in the city of Patos, State of Paraíba, in july 2019. The patient had ear wounds with secretion, swelling with reddish color, circular areas of alopecia and flaking in the left pelvic limb. Blood count, serum biochemistry, cytology and mycological culture exams were requested. There were no changes in the erythrogram and platelet chart. In the leukogram, it was observed leukocytosis with a left regenerative deviation. The cytopathological examination of the lesion showed structures compatible with yeasts of Sporothrix spp. At the bottom of the slide and inside the leukocytes. However, it is suggested that other differential methods of diagnosis be indicated in order not to exclude the possibility of the disease.


Assuntos
Animais , Gatos , Doenças do Gato , Esporotricose/diagnóstico , Esporotricose/veterinária , Micoses/veterinária , Sporothrix
4.
Ciênc. Anim. (Impr.) ; 30(4): 144-151, 2020. tab, ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-29971

Resumo

A esporotricose é uma micose subcutânea piogranulomatosa causada por um fungo saprófito que acomete grande variedade de animais e também os humanos. O diagnóstico baseia-se na anamnese, exame físico e exames complementares tais como citopatológico da secreção, histopatológico da pele acometida e no estudo morfológico macro e microscópico da cultura fúngica. O presente estudo tem como objetivo descrever os achados laboratoriais de um felino com esporotricose, associando-os com a forma clínica desta enfermidade. Um gato doméstico foi atendido no Hospital Veterinário Universitário Prof. Dr. Ivon Macêdo Tabosa no município de Patos, no estado da Paraíba, em julho de 2019. O paciente apresentava feridas na orelha com presença de secreção, aumento de volume com coloração avermelhada, áreas circulares de alopecia e descamação no membro pélvico esquerdo. Foi solicitado hemograma, bioquímica sérica, citologia e cultura micológica. Não houve alterações no eritrograma e plaquetograma. No leucograma, observou-se leucocitose com desvio a esquerda regenerativo. O exame citopatológico da lesão apresentou estruturas compatíveis com leveduras de Sporothrix spp. no fundo de lâmina e no interior dos leucócitos. No entanto, é sugerido que outros métodos diferenciais de diagnósticos sejam indicados para não excluir a possibilidade da doença.(AU)


Sporotrichosis is a subcutaneous pyogranulomatous mycosis caused by a fungus that affects a wide variety of animals and humans. Its diagnosis is based on anamnesis, physical examination, and complementary exams such as cytopathology of the secretion, histopathology of the injured skin and the macro and microscopic morphological study of fungal culture. This study aims to describe the laboratory findings of a feline with sporotrichosis, associating them with the clinical form of this disease. A domestic cat was treated at the University Veterinarian Hospital Prof. Dr. Ivon Macêdo Tabosa in the city of Patos, State of Paraíba, in july 2019. The patient had ear wounds with secretion, swelling with reddish color, circular areas of alopecia and flaking in the left pelvic limb. Blood count, serum biochemistry, cytology and mycological culture exams were requested. There were no changes in the erythrogram and platelet chart. In the leukogram, it was observed leukocytosis with a left regenerative deviation. The cytopathological examination of the lesion showed structures compatible with yeasts of Sporothrix spp. At the bottom of the slide and inside the leukocytes. However, it is suggested that other differential methods of diagnosis be indicated in order not to exclude the possibility of the disease.(AU)


Assuntos
Animais , Gatos , Doenças do Gato , Esporotricose/diagnóstico , Esporotricose/veterinária , Micoses/veterinária , Sporothrix
5.
Ciênc. Anim. (Impr.) ; 30(2): 130-137, 2020. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-29947

Resumo

A leishmaniose visceral (LV) é uma enfermidade comum que acomete múltiplos sistemas e apresenta tempo de evolução crônico. Dentre as características laboratoriais que são observadas, os achados na medula óssea podem variar de hipoplasia a hiperplasia, tanto eritróide quanto granulocítica. Diante disso, o presente trabalho tem como objetivo realizar uma análise clínica e laboratorial dos achados em um cão com hipoplasia eritroide e hiperplasia granulocitica associada à LV. Um cão da raça Setter Irlandês, macho, com 7 anos de idade foi atendido no Hospital Veterinária Ivon Macêdo Tabosa da Universidade Federal de Campina Grande (HVIMT / UFCG) apresentando epistaxe, perda de peso e hiporexia. Foi solicitado hemograma completo, análise de bioquímica sérica, urinálisen e mielograma com pesquisa de hemoparasitas. No hemograma foi evidenciado anemia normocítica normocrômica e diminuição da quantidade de plaquetas com presença de agregados plaquetários. A bioquímica sérica revelou hipoalbuminemia e hiperproteinemia. Na urinalise não foi evidenciada alterações com relevância clínica. Foi observada amastigotas de Leishmaniasp no mielograma, e hipoplasia eritróide e hiperplasia granulócitica. O animal foi tratado com associação de milteforan, alopurinol e domperidona, contudo o tutor não retornou para reavaliação do paciente. Diante do exposto, uma abordagem clínica laboratorial de um paciente com LV é importante para um tratamento mais adequado e melhorar o prognóstico. Mais estudos devem ser realizados para a melhor compreensão das respostas hematopatológicas frente a essa enfermidade.(AU)


Visceral leishmaniasis (VL) is a common disease that affects multiple systems and has a chronic evolution time. Among the laboratory characteristics that may occur, bone marrow changes may range from hypoplasia to both erythroid and granulocytic hyperplasia. Therefore, the present study aims to perform a clinical and laboratory analysis of the findings in a dog with erythroid hypoplasia and granulocytic hyperplasia associated with VL. A 7 - years-old male Irish Setter dog was attended at the Ivon Macêdo Tabosa Veterinary Hospital of the Federal University of Campina Grande (HVIMT / UFCG) presenting epistaxy, weight loss and hyporexia. Complete blood count, serum biochemistry analysis, urinalysis, amd a myelogram with hemoparasites were requested. The complete blood count showed normochromic normocytic anemia and a decrease in the number of platelets with platelet aggregates. Serum biochemistry revealed hypoalbuminemia and hyperproteinemia. Urinalysis showed no clinically relevant changes. Leishmaniasis amastigotes were observed in the myelogram along with erythroid hypoplasia and granulocytic hyperplasia. The animal was treated with the combination of milteforan, allopurinol and domperidone, however the tutor did not return for the patient's reassessment. In the light of the above, a clinical laboratory approach of a patient with VL is important for a better treatment and to improve the prognosis. Further studies should be performed to better understand the hematopathological responses to this disease.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Doenças do Cão , Leishmaniose Visceral/veterinária , Hiperplasia/veterinária , Doenças Transmissíveis/veterinária
6.
Ciênc. Anim. (Impr.) ; 29(2): 118-127, 2019. ilus, tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1472496

Resumo

A dermatite atópica canina (DAC) é uma dermatopatia inflamatória, crônica e pruriginosa que afeta indivíduos geneticamente predispostos, sendo comumente associada à produção de anticorpos do tipo IgE. O presente relato objetivou descrever um caso de DAC, evidenciando seus sinais clínicos, diagnóstico e tratamento. Foram realizados teste com lâmpada de Wood, raspado profundo de pele, imprint cutâneo, cultura fúngica e bacteriana, citologia de ouvido, exame sorológico para leishmaniose visceral canina (LVC) e teste de sensibilidade a alérgenos. O paciente apresentava uma série de lesões dermatológicos disseminadas acompanhadas de prurido intenso, onde pode-se observar presenças de infecções secundárias por bactérias e leveduras fúngicas. Dessa forma, optou-se por tratamento tópico com shampoo a base de clorexidina 2% associado a miconazol 2,5% e uso de creme hidratante. Para otite bilateral, prescreveu-se solução otológica de ciclopirox olamina 1% e ácido glicirrízico 0,5%. Após resposta negativa ao tratamento inicial, introduziu-se o uso oral de prednisolona associado à hidroxizina e logo depois a ciclosporina, ocorrendo um controle do quadro. Embora várias alternativas terapêuticas estejam disponíveis, a cura ainda não é possível, sendo o controle do quadro lesional a melhor abordagem de tratamento.


The canine atopic dermatitis (CAD) is an inflammatory skin disease, chronic itchy that affects genetically predisposed individuals, being commonly associated with production of IgE antibodies. The aim of this study was to describe a case of CAD, evidencing its clinical signs, diagnosis and treatment. A Wood lamp, skin deep scraping, skin imprint, fungal and bacterial culture, ear cytology, serological examination for canine visceral leishmaniasis (LVC) and allergen sensitivity test were performed. The animal presented a series of disseminated dermatological lesions accompanied by intense pruritus, where it is possible to observe presences of secondary infections by bacteria and yeasts fungi. Thus, it was decided to topical treatment with shampoo chlorhexidine base 2% associated with miconazole 2.5% and use moisturizer. For bilateral otitis, otologic solution of cyclopirox olamine 1% and glycyrrhizic acid 0.5% was prescribed. After negative response to the initial treatment, the oral use of prednisolone associated with hydroxyzine and soon after cyclosporine was introduced, and clinical control was performed. Although several therapeutic alternatives are available, cure is still not possible, and lesion control is the best treatment approach.


Assuntos
Feminino , Animais , Cães , Dermatite Atópica/diagnóstico , Dermatite Atópica/tratamento farmacológico , Dermatite Atópica/veterinária , Dermatopatias/diagnóstico , Dermatopatias/tratamento farmacológico , Dermatopatias/veterinária
7.
Ciênc. Anim. (Impr.) ; 29(2): 118-127, 2019. ilus, tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-23015

Resumo

A dermatite atópica canina (DAC) é uma dermatopatia inflamatória, crônica e pruriginosa que afeta indivíduos geneticamente predispostos, sendo comumente associada à produção de anticorpos do tipo IgE. O presente relato objetivou descrever um caso de DAC, evidenciando seus sinais clínicos, diagnóstico e tratamento. Foram realizados teste com lâmpada de Wood, raspado profundo de pele, imprint cutâneo, cultura fúngica e bacteriana, citologia de ouvido, exame sorológico para leishmaniose visceral canina (LVC) e teste de sensibilidade a alérgenos. O paciente apresentava uma série de lesões dermatológicos disseminadas acompanhadas de prurido intenso, onde pode-se observar presenças de infecções secundárias por bactérias e leveduras fúngicas. Dessa forma, optou-se por tratamento tópico com shampoo a base de clorexidina 2% associado a miconazol 2,5% e uso de creme hidratante. Para otite bilateral, prescreveu-se solução otológica de ciclopirox olamina 1% e ácido glicirrízico 0,5%. Após resposta negativa ao tratamento inicial, introduziu-se o uso oral de prednisolona associado à hidroxizina e logo depois a ciclosporina, ocorrendo um controle do quadro. Embora várias alternativas terapêuticas estejam disponíveis, a cura ainda não é possível, sendo o controle do quadro lesional a melhor abordagem de tratamento.(AU)


The canine atopic dermatitis (CAD) is an inflammatory skin disease, chronic itchy that affects genetically predisposed individuals, being commonly associated with production of IgE antibodies. The aim of this study was to describe a case of CAD, evidencing its clinical signs, diagnosis and treatment. A Wood lamp, skin deep scraping, skin imprint, fungal and bacterial culture, ear cytology, serological examination for canine visceral leishmaniasis (LVC) and allergen sensitivity test were performed. The animal presented a series of disseminated dermatological lesions accompanied by intense pruritus, where it is possible to observe presences of secondary infections by bacteria and yeasts fungi. Thus, it was decided to topical treatment with shampoo chlorhexidine base 2% associated with miconazole 2.5% and use moisturizer. For bilateral otitis, otologic solution of cyclopirox olamine 1% and glycyrrhizic acid 0.5% was prescribed. After negative response to the initial treatment, the oral use of prednisolone associated with hydroxyzine and soon after cyclosporine was introduced, and clinical control was performed. Although several therapeutic alternatives are available, cure is still not possible, and lesion control is the best treatment approach.(AU)


Assuntos
Animais , Feminino , Cães , Dermatite Atópica/diagnóstico , Dermatite Atópica/tratamento farmacológico , Dermatite Atópica/veterinária , Dermatopatias/diagnóstico , Dermatopatias/tratamento farmacológico , Dermatopatias/veterinária
8.
Ciênc. Anim. (Impr.) ; 28(2,supl.2): 22-24, 2018.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-19558

Resumo

Palpebral neoformations are very common in dogs, and may have different etiological origins, such as melanoma and squamous papilloma, localization generally directly affects ocular physiology, the treatment of choice is radical surgical excision, with a lower chance of recurrence, of the ideal surgical techniques is H-plasty, as this promotes a good margin of safety and reduces tension by tissue loss.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Neoplasias Palpebrais/cirurgia , Neoplasias Palpebrais/veterinária , Melanoma/veterinária , Papiloma/veterinária , Retalhos Cirúrgicos/veterinária , Procedimentos de Cirurgia Plástica/métodos , Procedimentos de Cirurgia Plástica/veterinária
9.
Ciênc. Anim. (Impr.) ; 28(2,supl.2): 22-24, 2018.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1472389

Resumo

Palpebral neoformations are very common in dogs, and may have different etiological origins, such as melanoma and squamous papilloma, localization generally directly affects ocular physiology, the treatment of choice is radical surgical excision, with a lower chance of recurrence, of the ideal surgical techniques is H-plasty, as this promotes a good margin of safety and reduces tension by tissue loss.


Assuntos
Animais , Cães , Melanoma/veterinária , Neoplasias Palpebrais/cirurgia , Neoplasias Palpebrais/veterinária , Papiloma/veterinária , Retalhos Cirúrgicos/veterinária , Procedimentos de Cirurgia Plástica/métodos , Procedimentos de Cirurgia Plástica/veterinária
10.
Ciênc. Anim. (Impr.) ; 28(1): 162-171, 2018. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1472367

Resumo

O linfoma é uma forma de apresentação do distúrbio linfoproliferativo, em que o tumor se origina em um órgão hematopoiético sólido, como o linfonodo. É considerada uma neoplasia de maior incidência em cães e gatos. O trabalho tem como objetivo apresentar um relato de caso sobre um linfoma multicêntrico, com abordagem clínica e laboratorial. Um cão sem raça definida, foi atendido no Hospital Veterinário da Universidade Estadual do CEARÁ (UHV-UECE), apresentando hematúria e uma discreta linfadenomegalia no exame físico. Foram solicitados hemograma completo (HC), análise de bioquímica sérica, sumário de urina e exame ultrassonográfico (US). As alterações no hemograma foram anemia normocítica normocrômica e trombocitopenia. A análise dos exames de bioquímica sérica revelou um aumento na enzima aspartato amino-transferase (AST). No sumário de urina (SU), observaram-se alterações das características físicas e da sedimentoscopia. O exame ultrassonográfico mostrou alterações de ecogenicidade na bexiga, próstata, testículo e baço. Houve piora do quadro clínico do animal, com perda de peso e aumento evidente dos linfonodos. Um exame citológico foi realizado com aspirado de linfonodos, que apresentou configuração celular compatível com linfoma; sendo também encontradas células neoplásicas no esfregaço de sangue periférico, no hemograma. Diante dos achados e do agravamento do quadro clínico, o animal veio a óbito.


Lymphoma is a form of presentation of the lymphoproliferative disorder which the tumor originates from a solid hematopoietic organ such as the lymph node. It is considered one of the neoplasia of higher incidence in dogs and cats. This paper aims to present a case report on a multicenter lymphoma with a clinical and laboratory approach. A dog without defined breed, at the Hospital Veterinário da Universidade Estadual do CEARÁ (UHV-UECE) presenting hematuria and a discrete lymphadenomegaly on physical examination. Complete blood counts (HC), serum biochemical analyzes, urine summary and ultrasound examination were requested. Changes in the hemogram were normocyclic normocytic anemia and thrombocytopenia. Biochemical analysis revealed an increase in asparate amino transferase (AST). The urine summary (SU) showed changes in physical characteristics and sedimentation. Ultrasound examination (US) showed changes in the bladder, prostate, testis echogenicity and the spleen’s size. There was worsening of the animal's size over time with progression of weight loss and evident enlargement of the lymph nodes. A cytology was performed through a lymph node aspirate which had a lymphoma compatible cell configuration and neoplastic cells were also found in the hemogram peripheral blood smear. The animal died with deterioration of the clinical picture.


Assuntos
Animais , Cães , Linfoma/diagnóstico por imagem , Linfoma/veterinária , Linfonodos/citologia , Contagem de Células Sanguíneas/veterinária , Técnicas Citológicas/veterinária , Ultrassonografia/veterinária
11.
Ciênc. Anim. (Impr.) ; 28(2): 104-112, 2018. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1472379

Resumo

O tumor venéreo transmissível (TVT) é uma neoplasia de células redondas maligna se contagiosas, comum em cães. Uma abordagem clínica e laboratorial precisa e rápida é importante para um melhor prognóstico do animal. Portanto, o trabalho tem como objetivo apresentar um relato de caso sobre TVT, na genitália externa de uma cadela prenhe. Uma cadela sem padrão racial definido e sem idade definida deu entrada no Hospital Veterinário Sylvio Barroso Cardoso (HVSBC), apresentando secreção vaginal escura e fétida segundo a queixa da proprietária. Durante o exame físico observou-se que a vulva estava edemaciada e avermelhada, sem estímulo doloroso ao toque ou alteração de temperatura e havia múltiplos nódulos na região. Além disso, as mucosas estavam hipocoradas. Foi prescrito para o animal um hemograma completo, mais dosagens bioquímicas (creatinina e alanina amino transferase), exame citológico e ultrassonografia abdominal total. No hemograma o animal apresentou anemia normocítica e hipocrômica, moderada anisocitose e hipocromia, rouleaux eritrocitário e trombocitopenia. As dosagens bioquímicas não tiveram alterações de relevância clínica. O exame ultrassonográfico revelou que o animal estava em 45 dias de gestação. A citologia foi realizada através do método de imprint em que se obteve3 lâminas, baseado no padrão celular observado constatou-se que se tratava de um TVT. O animal foi tratado com aceturato de diminazeno e complexos vitamínicos, e esperou-se para iniciar o tratamento quimioterápico com sulfato de vincristina apóso parto. O animal pariu 7 filhotes saudáveis. Após 3 semanas de tratamento a cadela apresentou remissão da neoplasia.


Transmissible venereal tumor (TVT) is a malignant, common and contagious round cell neoplasm in dogs. A precise and rapid clinical and laboratorial approach is important for a better prognosis of the animal. Therefore, the work aims to present a case report on TVT in the external genitalia of a pregnant bitch. A bitch with no defined racial pattern and no definite age was admitted to the Veterinary Hospital Sylvio Barroso Cardoso (HVSBC) presenting dark and fetid vaginal secretion according to the owner's complaint. During the physical examination it was observed that the vulva was swollen and reddish, without painful stimulation to the touch or change of temperature and there were multiple nodules in the region. In addition, the mucous membranes were pale mucosa. Complete blood count plus biochemical measurements (creatinine and alanine amino transferase), cytological examination and total abdominal ultrasonography were prescribed for the animal. In the hemogram the animal had normocytic and hypochromic anemia, moderate anisocytosis and hypochromia, erythrocyte rouleaux and thrombocytopenia. Biochemical dosages did not change in clinical relevance. Ultrasound examination revealed that the animal was at 45 days of gestation. Cytology was performed by the imprint method and 3 samples were obtained, and based on the observed cellular pattern, it was found that it was a TVT. The animal was treated with diminazene aceturate and vitamin complexes, and was expected to initiate chemotherapy with vincristine sulfate after delivery. The animal gave birth to 7 healthy puppies. After 3 weeks of treatment, the dog had remission of the neoplasia.


Assuntos
Animais , Cães , Diagnóstico Clínico/veterinária , Prenhez , Tumores Venéreos Veterinários , Doenças da Vulva/veterinária
12.
Ciênc. Anim. (Impr.) ; 28(1): 162-171, 2018. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-17816

Resumo

O linfoma é uma forma de apresentação do distúrbio linfoproliferativo, em que o tumor se origina em um órgão hematopoiético sólido, como o linfonodo. É considerada uma neoplasia de maior incidência em cães e gatos. O trabalho tem como objetivo apresentar um relato de caso sobre um linfoma multicêntrico, com abordagem clínica e laboratorial. Um cão sem raça definida, foi atendido no Hospital Veterinário da Universidade Estadual do CEARÁ (UHV-UECE), apresentando hematúria e uma discreta linfadenomegalia no exame físico. Foram solicitados hemograma completo (HC), análise de bioquímica sérica, sumário de urina e exame ultrassonográfico (US). As alterações no hemograma foram anemia normocítica normocrômica e trombocitopenia. A análise dos exames de bioquímica sérica revelou um aumento na enzima aspartato amino-transferase (AST). No sumário de urina (SU), observaram-se alterações das características físicas e da sedimentoscopia. O exame ultrassonográfico mostrou alterações de ecogenicidade na bexiga, próstata, testículo e baço. Houve piora do quadro clínico do animal, com perda de peso e aumento evidente dos linfonodos. Um exame citológico foi realizado com aspirado de linfonodos, que apresentou configuração celular compatível com linfoma; sendo também encontradas células neoplásicas no esfregaço de sangue periférico, no hemograma. Diante dos achados e do agravamento do quadro clínico, o animal veio a óbito.(AU)


Lymphoma is a form of presentation of the lymphoproliferative disorder which the tumor originates from a solid hematopoietic organ such as the lymph node. It is considered one of the neoplasia of higher incidence in dogs and cats. This paper aims to present a case report on a multicenter lymphoma with a clinical and laboratory approach. A dog without defined breed, at the Hospital Veterinário da Universidade Estadual do CEARÁ (UHV-UECE) presenting hematuria and a discrete lymphadenomegaly on physical examination. Complete blood counts (HC), serum biochemical analyzes, urine summary and ultrasound examination were requested. Changes in the hemogram were normocyclic normocytic anemia and thrombocytopenia. Biochemical analysis revealed an increase in asparate amino transferase (AST). The urine summary (SU) showed changes in physical characteristics and sedimentation. Ultrasound examination (US) showed changes in the bladder, prostate, testis echogenicity and the spleens size. There was worsening of the animal's size over time with progression of weight loss and evident enlargement of the lymph nodes. A cytology was performed through a lymph node aspirate which had a lymphoma compatible cell configuration and neoplastic cells were also found in the hemogram peripheral blood smear. The animal died with deterioration of the clinical picture.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Linfoma/veterinária , Linfoma/diagnóstico por imagem , Linfonodos/citologia , Técnicas Citológicas/veterinária , Contagem de Células Sanguíneas/veterinária , Ultrassonografia/veterinária
13.
Ciênc. Anim. (Impr.) ; 28(2): 104-112, 2018. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-19927

Resumo

O tumor venéreo transmissível (TVT) é uma neoplasia de células redondas maligna se contagiosas, comum em cães. Uma abordagem clínica e laboratorial precisa e rápida é importante para um melhor prognóstico do animal. Portanto, o trabalho tem como objetivo apresentar um relato de caso sobre TVT, na genitália externa de uma cadela prenhe. Uma cadela sem padrão racial definido e sem idade definida deu entrada no Hospital Veterinário Sylvio Barroso Cardoso (HVSBC), apresentando secreção vaginal escura e fétida segundo a queixa da proprietária. Durante o exame físico observou-se que a vulva estava edemaciada e avermelhada, sem estímulo doloroso ao toque ou alteração de temperatura e havia múltiplos nódulos na região. Além disso, as mucosas estavam hipocoradas. Foi prescrito para o animal um hemograma completo, mais dosagens bioquímicas (creatinina e alanina amino transferase), exame citológico e ultrassonografia abdominal total. No hemograma o animal apresentou anemia normocítica e hipocrômica, moderada anisocitose e hipocromia, rouleaux eritrocitário e trombocitopenia. As dosagens bioquímicas não tiveram alterações de relevância clínica. O exame ultrassonográfico revelou que o animal estava em 45 dias de gestação. A citologia foi realizada através do método de imprint em que se obteve3 lâminas, baseado no padrão celular observado constatou-se que se tratava de um TVT. O animal foi tratado com aceturato de diminazeno e complexos vitamínicos, e esperou-se para iniciar o tratamento quimioterápico com sulfato de vincristina apóso parto. O animal pariu 7 filhotes saudáveis. Após 3 semanas de tratamento a cadela apresentou remissão da neoplasia.(AU)


Transmissible venereal tumor (TVT) is a malignant, common and contagious round cell neoplasm in dogs. A precise and rapid clinical and laboratorial approach is important for a better prognosis of the animal. Therefore, the work aims to present a case report on TVT in the external genitalia of a pregnant bitch. A bitch with no defined racial pattern and no definite age was admitted to the Veterinary Hospital Sylvio Barroso Cardoso (HVSBC) presenting dark and fetid vaginal secretion according to the owner's complaint. During the physical examination it was observed that the vulva was swollen and reddish, without painful stimulation to the touch or change of temperature and there were multiple nodules in the region. In addition, the mucous membranes were pale mucosa. Complete blood count plus biochemical measurements (creatinine and alanine amino transferase), cytological examination and total abdominal ultrasonography were prescribed for the animal. In the hemogram the animal had normocytic and hypochromic anemia, moderate anisocytosis and hypochromia, erythrocyte rouleaux and thrombocytopenia. Biochemical dosages did not change in clinical relevance. Ultrasound examination revealed that the animal was at 45 days of gestation. Cytology was performed by the imprint method and 3 samples were obtained, and based on the observed cellular pattern, it was found that it was a TVT. The animal was treated with diminazene aceturate and vitamin complexes, and was expected to initiate chemotherapy with vincristine sulfate after delivery. The animal gave birth to 7 healthy puppies. After 3 weeks of treatment, the dog had remission of the neoplasia.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Tumores Venéreos Veterinários , Prenhez , Diagnóstico Clínico/veterinária , Doenças da Vulva/veterinária
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA