Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Bioikos (Campinas, Online) ; 25(2): 91-108, 2011. ilus, mapas, tab, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1425322

Resumo

Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar o impacto da hidrodinâmica e da sedimentação sobre a composição da microfauna de foraminíferos e sobre o estado de preservação de suas testas, nas áreas do Recife de Fora e Recifes de Abrolhos, estado da Bahia. Para tanto, foram coletadas 10 amostras de sedimento superficial na área do Recife de Fora e 15 amostras de sedimento na área recifal de Abrolhos. As amostras foram processadas através de metodologia padrão para estudo de foraminíferos e, em seguida, foram triadas as 300 primeiras testas desses micro-organismos. Posteriormente foi realizada a identificação das espécies e avaliação da coloração e estado de preservação das testas. A partir dos dados absolutos do número de espécies e espécimes por amostras, foram calculadas a Abundância Relativa e a Frequência de Ocorrência dos taxa, além dos índices de Riqueza, Diversidade e Equitatividade. No Recife de Fora foram identificadas 41 espécies, sendo 10 constantes e 6 principais (Amphistegina lessonii, Discorbis mira, Sorites marginalis, Quinqueloculina angulata, Triloculina planciana e Peneroplis pertusus). Nos Recifes de Abrolhos foram identificadas 115 espécies, sendo 29 constantes e 3 principais (Archaias angulatus, Quinqueloculina lamarckiana e Quinqueloculina disparilis curta). A análise tafonômica revelou predomínio de testas brancas e integras nos Recifes de Abrolhos, e testas mosqueadas e com sinais de desgaste no Recife de Fora. Com base nesses resultados, concluiu-se que a hidrodinâmica e sedimentação ofereceram maior impacto sobre a microfauna de foraminíferos do Recife de Fora, quando comparada à dos Recifes de Abrolhos.


This work aims to evaluate the impacts of hydrodynamic processes and sedimentation on the composition and the state of preservation of the foraminifera microfauna in reef areas along the southern coast of the state of Bahia. Sediment samples were collected from around two areas of reefs ­ the Recife de Fora and Abrolhos, in the state of Bahia. The samples were processed applying the methodology commonly used for foraminifera studies and the first 300 specimens from each sample were screened in order to identify the foraminifera species and to evaluate the coloration and state of preservation of their tests. Relative abundance, frequency of occurrence, richness, diversity and evenness were determined for each taxon. Forty species were identified in the Recife de Fora, ten of them being considered as constant and six as principal (Amphistegina lessonii, Discorbis mira, Sorites marginalis, Quinqueloculina angulata, Triloculina planciana, and Peneroplis pertusus). In the Abrolhos reefs, 112 species were identified, 29 being considered constant and three principal (Archaias angulatus, Quinqueloculina lamarckiana and Quinqueloculina disparilis curta). The taphonomic analysis shows the predominance of well-preserved, white tests in the Abrolhos reefs, whereas mottled tests with signs of abrasion predominate in the Recife de Fora. Based on these results, we conclude that the hydrodynamics and sedimentation posed the greatest impact on the microfauna of foraminifera of Recife de Fora, when compared to the Abrolhos Reef.


Assuntos
Animais , Fauna Bentônica , Sedimentação , Foraminíferos , Hidrodinâmica , Brasil , Recifes de Corais
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA