Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 10 de 10
Filtrar
Mais filtros

Intervalo de ano de publicação
1.
Semina ciênc. agrar ; 41(3): 1027-1036, May-June 2020. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1501778

Resumo

This study aimed to evaluate the performance and maternal-offspring behavior of ewes fed protected fat from palm oil. Forty multiparous ewes with an average age of three years were divided into two treatments, with or without protected fat supplementation (in concentrate). Every 15 days and at the time of lambing, weighing and body condition evaluation of sheep were performed, while lambs were evaluated at birth until weaning. Duration of post-weaning anestrus was obtained through the manifestation of estrus, detected by a vasectomized male. Data were submitted to analysis of variance. No difference was observed between supplementations for body weight, body condition score, and average daily gain during the gestation phase. Ewes fed protected fat had a superiority regarding the body score during the lactation phase. Lambs from ewes supplemented with protected fat were weaned faster, and ewes presented an early estrus. No difference was observed between treatments for maternal-offspring behavior. The use of fat during lactation showed improvement in productive (body condition score) and reproductive (shorter anestrus period) parameters. It also reduces the weaning age of lambs and does not alter maternal-offspring behavior.


O objetivo foi avaliar o desempenho e comportamento materno-filial de ovelhas alimentadas com gordura protegida de óleo de palma. Foram utilizadas 40 ovelhas multíparas com idade média de três anos divididas em dois tratamentos, com ou sem suplementação de gordura protegida (no concentrado). A cada 15 dias e no momento do parto, foram realizadas pesagens e avaliação da condição corporal das ovelhas, enquanto os cordeiros foram avaliados no nascimento até o desmame. A duração do anestro pós-desmame foi obtida através da manifestação do estro, detectada por macho vasectomizado. Os dados foram submetidos à análise de variância. Verificou-se que na fase de gestação não houve diferença entre as suplementações, para peso vivo, escore de condição corporal e ganho médio diário. Na fase de lactação observa-se superioridade das ovelhas que receberam gordura protegida, no escore corporal. Cordeiros filhos de ovelhas suplementadas com gordura protegida foram desmamados mais rápidos e as ovelhas apresentaram cio mais cedo. Não houve diferença entre os tratamentos para o comportamento materno-filial. O uso da gordura durante a lactação apresentou melhoras em parâmetros produtivo (escore de condição corporal) e reprodutivo (menor período de anestro). Além de reduzir a idade de desmama dos cordeiros e não alterar o comportamento materno-filial.


Assuntos
Animais , Comportamento Materno , Ovinos/crescimento & desenvolvimento , Ração Animal , Óleo de Palmeira/administração & dosagem , Óleo de Palmeira/efeitos adversos
2.
Semina Ci. agr. ; 41(3): 1027-1036, May-June 2020. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-746016

Resumo

This study aimed to evaluate the performance and maternal-offspring behavior of ewes fed protected fat from palm oil. Forty multiparous ewes with an average age of three years were divided into two treatments, with or without protected fat supplementation (in concentrate). Every 15 days and at the time of lambing, weighing and body condition evaluation of sheep were performed, while lambs were evaluated at birth until weaning. Duration of post-weaning anestrus was obtained through the manifestation of estrus, detected by a vasectomized male. Data were submitted to analysis of variance. No difference was observed between supplementations for body weight, body condition score, and average daily gain during the gestation phase. Ewes fed protected fat had a superiority regarding the body score during the lactation phase. Lambs from ewes supplemented with protected fat were weaned faster, and ewes presented an early estrus. No difference was observed between treatments for maternal-offspring behavior. The use of fat during lactation showed improvement in productive (body condition score) and reproductive (shorter anestrus period) parameters. It also reduces the weaning age of lambs and does not alter maternal-offspring behavior.(AU)


O objetivo foi avaliar o desempenho e comportamento materno-filial de ovelhas alimentadas com gordura protegida de óleo de palma. Foram utilizadas 40 ovelhas multíparas com idade média de três anos divididas em dois tratamentos, com ou sem suplementação de gordura protegida (no concentrado). A cada 15 dias e no momento do parto, foram realizadas pesagens e avaliação da condição corporal das ovelhas, enquanto os cordeiros foram avaliados no nascimento até o desmame. A duração do anestro pós-desmame foi obtida através da manifestação do estro, detectada por macho vasectomizado. Os dados foram submetidos à análise de variância. Verificou-se que na fase de gestação não houve diferença entre as suplementações, para peso vivo, escore de condição corporal e ganho médio diário. Na fase de lactação observa-se superioridade das ovelhas que receberam gordura protegida, no escore corporal. Cordeiros filhos de ovelhas suplementadas com gordura protegida foram desmamados mais rápidos e as ovelhas apresentaram cio mais cedo. Não houve diferença entre os tratamentos para o comportamento materno-filial. O uso da gordura durante a lactação apresentou melhoras em parâmetros produtivo (escore de condição corporal) e reprodutivo (menor período de anestro). Além de reduzir a idade de desmama dos cordeiros e não alterar o comportamento materno-filial.(AU)


Assuntos
Animais , Ovinos/crescimento & desenvolvimento , Comportamento Materno , Ração Animal , Óleo de Palmeira/administração & dosagem , Óleo de Palmeira/efeitos adversos
3.
Semina Ci. agr. ; 40(2): 909-918, Mar.-Apr. 2019. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-19447

Resumo

The objective were to identify and quantify the rumen protozoa from two genetic groups of beef cattle (Nellore and crossbred European beef cattle) subjected to three feeding systems (pasture, pasture supplement, and confined). Samples of rumen contents were obtained from the center of the ruminal mass after slaughter. Quantification and identification of rumen protozoa were performed with a Sedgewick-Rafter counting chamber by optic microscopy. Data were analyzed using general linear analysis methodology with a Poisson distribution (1 %). In addition, the data underwent of Analisys Principal Component. A effect on ruminal protozoa was observed for the diets and breeds analyzed. Was identified 14 genera, among which Entodinium was predominant in all animals analyzed. Ciliates belonging to Entodiniomorphida, Eodinium, Epidinium, Eremoplastron, Eudiplodinium, Metadinium, and Ostracodinium showed highest density in Nellore animals when compared with the crossbreed, Nellore × European. Larger numbers of protozoa from the family Isotrichidae (Dasytricha and Isotricha) were observed in animals maintained by pasture or pasture supplement feeding. According to the kind of feeding, those fed exclusively with pasture had a greater diversity of ciliates in comparison to those restricted to, or supplemented with pasture. In one animal, the occurrence of ciliates belonging to the genus Buetschlia, was observed (prevalence of 1.66 %), which is one of only a few records of this genusin ruminants.(AU)


O objetivo do presente estudo foi identificar e quantificar os protozoários do rúmen de dois grupos genéticos de bovinos de corte (Nelore e cruzados Nelore x Europeu) submetidos a três sistemas de alimentação (pastagem, pastagem com suplementação e confinado). Amostras do conteúdo ruminal foram obtidas do centro da massa ruminal após o abate. A quantificação e identificação dos protozoários do rúmen foram realizadas por meio de câmara de contagem de Sedgewick-Rafter por microscopia óptica. Os dados foram analisados por meio de metodologia de análise linear geral com distribuição de Poisson (1%). Além disso, os dados foram submetidos à análise de componentes principais. Houve efeito sobre os protozoários ruminais (P < 0,001) para as dietas e raças analisadas. Foram identificados 14 gêneros, dentre os quais, o gênero Entodinium foi predominante em todos os animais analisados. Os ciliados pertencentes a Entodiniomorphida, Eodinium, Epidinium, Eremoplastron, Eudiplodinium, Metadinium e Ostracodinium apresentaram maior densidade em animais Nelore quando comparados com os cruzados Nelore × Europeu. Um maior número de protozoários da família Isotrichidae (Dasytricha e Isotricha) foi observado em animais mantidos por pastagem ou suplemento alimentar. De acordo com o tipo de alimentação, aqueles alimentados exclusivamente com pasto apresentaram maior diversidade de ciliados em comparação àqueles restritos ou suplementados com pastagem. Em umdos animais do experimento, foi observada a ocorrência de ciliados pertencentes ao gênero Buetschlia(prevalência de 1,66%), que é um dos poucos registros desse gênero em ruminantes.(AU)


Assuntos
Animais , Bovinos , Rúmen/microbiologia , Dieta/métodos , Dieta/veterinária , Cilióforos , Pastagens , Suplementos Nutricionais
4.
Semina ciênc. agrar ; 40(5,supl.1): 2375-2386, 2019. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1501514

Resumo

The aim was to evaluate the productive quality and fermentative as like the nutritional parameters of winter grass silage in the vegetative and reproductive stages in two consecutive crop years. The experiment was carried out at Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campus Dois Vizinhos, Brazil, from April 2012 to December 2013. The experimental field had a 560 m2 area; it comprised 32 plots of 16 m2 each, with a space of 0.5 m between blocks. Four winter grass species were used, including Avena sativa L. ‘IPR 126’ (white oat), Avena strigosa Schreb. ‘IAPAR 61’ (lopsided oat), Lolium multiflorum Lam. ‘Barjumbo’ (ryegrass), and Secale cereale L. ‘Temprano’ (rye), being evaluated through silage making in two phenological stages, vegetative and reproductive. The experimental design was randomized block in a bifactorial scheme (cultivar and phenological phase of pasture). The experimental materials were ensiled in polyvinyl chloride (PVC) microsiles, with four replicates per treatment. Pre-drying and ensiling allowed the preservation of material quality. The highest yields of dry matter per hectare were obtained in the reproductive stage; however, the nutritive content at this stage was relatively lower when compared with vegetative. The rye presented relatively less variation of the nutritional composition between the studied phenological stages. The ash content of the forage influenced the pH of the silage, and the highest pH was verified at the vegetative stage. Even with pre-dehydration, the vegetative stage presented a greater loss of effluents than the reproductive stage.


O objetivo foi avaliar a qualidade produtiva, parâmetros fermentativos e nutricionais da silagem das gramíneas temperadas nos estágios vegetativo e reprodutivo em dois anos consecutivos de cultivo. O trabalho foi conduzido na Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campus Dois Vizinhos - PR de abril de 2012 a dezembro de 2013. A área experimental possuía 560 m², divididos em 32 parcelas de 16 m² cada, com 0,5 m de espaçamento entre blocos. As gramíneas avaliadas foram: Aveia Branca cv. IPR 126 (Avena sativa L.), Aveia Preta cv. IAPAR 61 (Avena strigosa Schreb.), Azevém cv. Barjumbo (Lolium multiflorum Lam.) e Centeio cv. Temprano (Secale cereale L.), através da confecção de silagem pré-secada em dois estádios: vegetativo e reprodutivo. O delineamento experimental utilizado foi blocos ao acaso em esquema fatorial, avaliando o fator cultivar e o fator estádio fenológico das gramíneas. Foram avaliadas a qualidade nutricional e parâmetros fermentativos da silagem, assim como seu respectivo estádio fenológico. As forrageiras foram ensiladas em microssilos experimentais de PVC, com 4 repetições por tratamento. A pré-secagem e a ensilagem possibilitaram a conservação e qualidade do material. As maiores produções de matéria seca por hectare foram obtidas na fase reprodutiva, no entanto, a composição nutricional nesta fase apresentou teores inferiores comparados ao da fase vegetativa. O centeio apresentou menor variação da composição nutricional entre os estádios fenológicos estudados. O conteúdo mineral da forrageira influencia no pH da silagem, sendo que pH mais elevado é verificado no estádio vegetativo. Mesmo com a pré-secagem, o estádio vegetativo apresenta maior perda por efluentes quando comparada ao estádio reprodutivo.


Assuntos
Armazenamento de Alimentos/métodos , Avena/fisiologia , Conservação de Alimentos/métodos , Lolium/fisiologia , Ração Animal/análise , Secale/fisiologia , Silagem
5.
Semina Ci. agr. ; 40(5,supl.1): 2375-2386, 2019. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-25624

Resumo

The aim was to evaluate the productive quality and fermentative as like the nutritional parameters of winter grass silage in the vegetative and reproductive stages in two consecutive crop years. The experiment was carried out at Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campus Dois Vizinhos, Brazil, from April 2012 to December 2013. The experimental field had a 560 m2 area; it comprised 32 plots of 16 m2 each, with a space of 0.5 m between blocks. Four winter grass species were used, including Avena sativa L. ‘IPR 126 (white oat), Avena strigosa Schreb. ‘IAPAR 61 (lopsided oat), Lolium multiflorum Lam. ‘Barjumbo (ryegrass), and Secale cereale L. ‘Temprano (rye), being evaluated through silage making in two phenological stages, vegetative and reproductive. The experimental design was randomized block in a bifactorial scheme (cultivar and phenological phase of pasture). The experimental materials were ensiled in polyvinyl chloride (PVC) microsiles, with four replicates per treatment. Pre-drying and ensiling allowed the preservation of material quality. The highest yields of dry matter per hectare were obtained in the reproductive stage; however, the nutritive content at this stage was relatively lower when compared with vegetative. The rye presented relatively less variation of the nutritional composition between the studied phenological stages. The ash content of the forage influenced the pH of the silage, and the highest pH was verified at the vegetative stage. Even with pre-dehydration, the vegetative stage presented a greater loss of effluents than the reproductive stage.(AU)


O objetivo foi avaliar a qualidade produtiva, parâmetros fermentativos e nutricionais da silagem das gramíneas temperadas nos estágios vegetativo e reprodutivo em dois anos consecutivos de cultivo. O trabalho foi conduzido na Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campus Dois Vizinhos - PR de abril de 2012 a dezembro de 2013. A área experimental possuía 560 m², divididos em 32 parcelas de 16 m² cada, com 0,5 m de espaçamento entre blocos. As gramíneas avaliadas foram: Aveia Branca cv. IPR 126 (Avena sativa L.), Aveia Preta cv. IAPAR 61 (Avena strigosa Schreb.), Azevém cv. Barjumbo (Lolium multiflorum Lam.) e Centeio cv. Temprano (Secale cereale L.), através da confecção de silagem pré-secada em dois estádios: vegetativo e reprodutivo. O delineamento experimental utilizado foi blocos ao acaso em esquema fatorial, avaliando o fator cultivar e o fator estádio fenológico das gramíneas. Foram avaliadas a qualidade nutricional e parâmetros fermentativos da silagem, assim como seu respectivo estádio fenológico. As forrageiras foram ensiladas em microssilos experimentais de PVC, com 4 repetições por tratamento. A pré-secagem e a ensilagem possibilitaram a conservação e qualidade do material. As maiores produções de matéria seca por hectare foram obtidas na fase reprodutiva, no entanto, a composição nutricional nesta fase apresentou teores inferiores comparados ao da fase vegetativa. O centeio apresentou menor variação da composição nutricional entre os estádios fenológicos estudados. O conteúdo mineral da forrageira influencia no pH da silagem, sendo que pH mais elevado é verificado no estádio vegetativo. Mesmo com a pré-secagem, o estádio vegetativo apresenta maior perda por efluentes quando comparada ao estádio reprodutivo.(AU)


Assuntos
Avena/fisiologia , Lolium/fisiologia , Secale/fisiologia , Silagem , Armazenamento de Alimentos/métodos , Conservação de Alimentos/métodos , Ração Animal/análise
6.
Semina Ci. agr. ; 35(4): 2063-2076, July.-Aug.2014. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-26463

Resumo

The effects of ionophores (monensin) and probiotic (Saccharomyces cerevisiae + selenium + chromium) in diets with 80% forage were evaluated on the digestibility of nutrients. Three buffaloes, Murrah (Bubalus bubalis) and three cattle, Holstein (Bos taurus), with an average weight of 520 ± 30 kg and 480 ± 182 kg, respectively, with rumen cannula, over experimental design with two 3 x 3 Latin squares in a 3 x 2 factorial arrangement, with the absence or presence of additives: ionophore or probiotic and two species, were used. The internal flow indicator of fecal dry matter (DM) was the acid insoluble ash. DM, crude protein (CP) and neutral detergent fiber (NDF) ruminal degradability of Tifton 85 hay was conducted for cattle and buffaloes. A diet containing probiotics had higher dry matter and organic matter digestibility in buffalo and cattle, indicating a good performance in bulky diets. The potential and effective dry matter degradability in diet with probiotic in buffaloes, were smaller than diet with ionophore, suggesting that there was a better digestion of nutrients in the intestine of these animals. The potential and effective degradability of neutral detergent fiber and crude protein in the diet containing ionophores were superior than diet containing probiotic. Buffaloes showed higher capacity of dry matter and fiber digestion than cattle.(AU)


Avaliaram-se os efeitos de ionóforo (monensina sódica) e de probiótico (Saccharomyces cerevisae + selênio + cromo) em dietas com 80% de volumoso sobre a digestibilidade aparente dos nutrientes. Utilizaram-se três búfalos, da raça Murrah (Bubalus bubalis) e três bovinos, da raça Holandesa (Bos taurus), com peso médio de 520 ± 30 kg e 480 ± 182 kg, respectivamente, portadores de cânula ruminal, distribuídos em delineamento experimental com dois quadrados latinos 3 x 3, com arranjo fatorial 3 x 2, sendo, a ausência ou presença de aditivos: ionóforo ou probiótico e duas espécies. O indicador interno do fluxo fecal de matéria seca (MS) foi a cinza insolúvel em ácido. Foi conduzido ensaio de degradabilidade ruminal da MS, proteína bruta (PB) e fibra em detergente neutro (FDN) do feno de Tifton 85 para búfalos e bovinos. A dieta contendo probiótico apresentou maiores coeficientes de digestibilidade da matéria seca e matéria orgânica em bubalinos e bovinos, indicando um bom desempenho em dietas volumosas. A degradabilidade potencial e efetiva da matéria seca em búfalos na dieta com probiótico foi inferior ao ionóforo sugerindo que houve melhor digestão dos nutrientes no intestino grosso destes animais. A degradabilidade potencial e efetiva da fibra em detergente neutro e proteína bruta na dieta contendo ionóforo foram superiores à dieta contendo probiótico. Bubalinos apresentaram maior capacidade dedigestão de matéria seca e fração fibrosa do que bovinos.(AU)


Assuntos
Animais , Bovinos , Búfalos , Ionóforos/administração & dosagem , Ração Animal , Monensin , Saccharomyces cerevisiae , Probióticos/administração & dosagem
7.
Acta sci., Anim. sci ; 33(4): 379-386, 2011. tab, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1399878

Resumo

Objetivou-se avaliar o uso da monensina sódica (Rumensin®) e da levedura viva (Saccharomyces cerevisiae - Beef - sacc®) sobre a concentração de ácidos graxos de cadeia curta (AGCC), amônia e pH ruminal, e eficiência microbiana em bubalinos e bovinos, alimentados com dietas com 50% de concentrado. Foram utilizados três búfalos e três bovinos portadores de cânulas no rúmen e no duodeno, distribuídos em dois quadrados Latinos, com arranjo fatorial 3 x 2. As concentrações de AGCC, amônia e o pH ruminal foram determinados a cada 2h. Os fluxos de digesta e proteína microbiana no duodeno foram determinados, respectivamente, por meio dos indicadores cinza insolúvel em ácido e as bases purinas. Não houve efeito dos aditivos e das espécies para a concentração total de AGCC e do ácido acético, propiônico e butírico. Porém, a adição da monensina e da levedura reduziram a razão acetato/propionato, sendo a monensina mais efetiva em ambas as espécies. Os valores de pH e amônia tiveram efeito somente para espécie e foram maiores nos bubalinos. A eficiência síntese microbiana foi maior nos bovinos, e reduzida pela adição de monensina à dieta. A levedura viva e a monensina modificaram a fermentação ruminal de forma positiva e as espécies apresentaram diferenças quanto aos parâmetros estudados.


This study aimed to evaluate the use of sodium monensina (Rumensin®) and yeast culture (Saccharomyces cerevisiae - Beef - sacc®) on concentration of short chain fatty acids (SCFA), ammonia and ruminal pH, and microbial efficiency in bubaline and bovine, fed diets with 50% concentrate. Three buffalos and three bovines whith cannulas on the rumen and duodenum were distributed in two Latin squares, with factorial arrangement 3 x 2. The concentrations of SCFA, ammonia and ruminal pH were determined every two hours. The flow of the digest and microbial protein on duodenum were determined from de utilization of insoluble ashes in acid and the utilization of purine bases as microbial indicator, respectively. The additives and species did not influence the total concentration of SCFA, acetic acids, propionic and butyric, but the addiction of yeast culture reduced the acetate/propionate ratio and the monensin reduced on a more effective and similar for the species, which were higher in the bubaline. The syntheses efficiency was higher in bovines, and reduced by the addiction of monensin. The yeast culture and monensin on ruminal fermentation changed in a positive way, and the cattle and buffaloes showed differences in the studied parameters.


Assuntos
Animais , Bovinos , Saccharomyces cerevisiae , Búfalos , Bovinos , Monensin/administração & dosagem , Dieta , Fermentação
8.
Semina ciênc. agrar ; 35(4): 2063-2076, 2014. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1499660

Resumo

The effects of ionophores (monensin) and probiotic (Saccharomyces cerevisiae + selenium + chromium) in diets with 80% forage were evaluated on the digestibility of nutrients. Three buffaloes, Murrah (Bubalus bubalis) and three cattle, Holstein (Bos taurus), with an average weight of 520 ± 30 kg and 480 ± 182 kg, respectively, with rumen cannula, over experimental design with two 3 x 3 Latin squares in a 3 x 2 factorial arrangement, with the absence or presence of additives: ionophore or probiotic and two species, were used. The internal flow indicator of fecal dry matter (DM) was the acid insoluble ash. DM, crude protein (CP) and neutral detergent fiber (NDF) ruminal degradability of Tifton 85 hay was conducted for cattle and buffaloes. A diet containing probiotics had higher dry matter and organic matter digestibility in buffalo and cattle, indicating a good performance in bulky diets. The potential and effective dry matter degradability in diet with probiotic in buffaloes, were smaller than diet with ionophore, suggesting that there was a better digestion of nutrients in the intestine of these animals. The potential and effective degradability of neutral detergent fiber and crude protein in the diet containing ionophores were superior than diet containing probiotic. Buffaloes showed higher capacity of dry matter and fiber digestion than cattle.


Avaliaram-se os efeitos de ionóforo (monensina sódica) e de probiótico (Saccharomyces cerevisae + selênio + cromo) em dietas com 80% de volumoso sobre a digestibilidade aparente dos nutrientes. Utilizaram-se três búfalos, da raça Murrah (Bubalus bubalis) e três bovinos, da raça Holandesa (Bos taurus), com peso médio de 520 ± 30 kg e 480 ± 182 kg, respectivamente, portadores de cânula ruminal, distribuídos em delineamento experimental com dois quadrados latinos 3 x 3, com arranjo fatorial 3 x 2, sendo, a ausência ou presença de aditivos: ionóforo ou probiótico e duas espécies. O indicador interno do fluxo fecal de matéria seca (MS) foi a cinza insolúvel em ácido. Foi conduzido ensaio de degradabilidade ruminal da MS, proteína bruta (PB) e fibra em detergente neutro (FDN) do feno de Tifton 85 para búfalos e bovinos. A dieta contendo probiótico apresentou maiores coeficientes de digestibilidade da matéria seca e matéria orgânica em bubalinos e bovinos, indicando um bom desempenho em dietas volumosas. A degradabilidade potencial e efetiva da matéria seca em búfalos na dieta com probiótico foi inferior ao ionóforo sugerindo que houve melhor digestão dos nutrientes no intestino grosso destes animais. A degradabilidade potencial e efetiva da fibra em detergente neutro e proteína bruta na dieta contendo ionóforo foram superiores à dieta contendo probiótico. Bubalinos apresentaram maior capacidade dedigestão de matéria seca e fração fibrosa do que bovinos.


Assuntos
Animais , Bovinos , Búfalos , Ionóforos/administração & dosagem , Monensin , Ração Animal , Saccharomyces cerevisiae , Probióticos/administração & dosagem
9.
Semina ciênc. agrar ; 40(2): 909-918, 2019. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1501361

Resumo

The objective were to identify and quantify the rumen protozoa from two genetic groups of beef cattle (Nellore and crossbred European beef cattle) subjected to three feeding systems (pasture, pasture supplement, and confined). Samples of rumen contents were obtained from the center of the ruminal mass after slaughter. Quantification and identification of rumen protozoa were performed with a Sedgewick-Rafter counting chamber by optic microscopy. Data were analyzed using general linear analysis methodology with a Poisson distribution (1 %). In addition, the data underwent of Analisys Principal Component. A effect on ruminal protozoa was observed for the diets and breeds analyzed. Was identified 14 genera, among which Entodinium was predominant in all animals analyzed. Ciliates belonging to Entodiniomorphida, Eodinium, Epidinium, Eremoplastron, Eudiplodinium, Metadinium, and Ostracodinium showed highest density in Nellore animals when compared with the crossbreed, Nellore × European. Larger numbers of protozoa from the family Isotrichidae (Dasytricha and Isotricha) were observed in animals maintained by pasture or pasture supplement feeding. According to the kind of feeding, those fed exclusively with pasture had a greater diversity of ciliates in comparison to those restricted to, or supplemented with pasture. In one animal, the occurrence of ciliates belonging to the genus Buetschlia, was observed (prevalence of 1.66 %), which is one of only a few records of this genusin ruminants.


O objetivo do presente estudo foi identificar e quantificar os protozoários do rúmen de dois grupos genéticos de bovinos de corte (Nelore e cruzados Nelore x Europeu) submetidos a três sistemas de alimentação (pastagem, pastagem com suplementação e confinado). Amostras do conteúdo ruminal foram obtidas do centro da massa ruminal após o abate. A quantificação e identificação dos protozoários do rúmen foram realizadas por meio de câmara de contagem de Sedgewick-Rafter por microscopia óptica. Os dados foram analisados por meio de metodologia de análise linear geral com distribuição de Poisson (1%). Além disso, os dados foram submetidos à análise de componentes principais. Houve efeito sobre os protozoários ruminais (P < 0,001) para as dietas e raças analisadas. Foram identificados 14 gêneros, dentre os quais, o gênero Entodinium foi predominante em todos os animais analisados. Os ciliados pertencentes a Entodiniomorphida, Eodinium, Epidinium, Eremoplastron, Eudiplodinium, Metadinium e Ostracodinium apresentaram maior densidade em animais Nelore quando comparados com os cruzados Nelore × Europeu. Um maior número de protozoários da família Isotrichidae (Dasytricha e Isotricha) foi observado em animais mantidos por pastagem ou suplemento alimentar. De acordo com o tipo de alimentação, aqueles alimentados exclusivamente com pasto apresentaram maior diversidade de ciliados em comparação àqueles restritos ou suplementados com pastagem. Em umdos animais do experimento, foi observada a ocorrência de ciliados pertencentes ao gênero Buetschlia(prevalência de 1,66%), que é um dos poucos registros desse gênero em ruminantes.


Assuntos
Animais , Bovinos , Cilióforos , Dieta/métodos , Dieta/veterinária , Rúmen/microbiologia , Pastagens , Suplementos Nutricionais
10.
Tese em Português | VETTESES | ID: vtt-7075

Resumo

O presente trabalho objetivou avaliar o efeito dos níveis de concentrado (23, 43 e 63%) sobre o consumo de nutrientes e da energia. As rações continham no concentrado, como fonte energética, 50% milho moído, 50% resíduo desidratado de fécula de mandioca, farelo de soja, uréia e como volumoso a silagem de milho. Foram utilizados três bovinos, machos, da raça Holandesa (Bos taurus) e três búfalos, machos, da raça Murrah (Bubalus bubalis), com peso vivo (PV) médio de 473 kg e 400 kg, respectivamente, distribuídos em delineamento experimental com dois quadrados latinos 3x3 com arranjo fatorial 3x2 sendo três níveis de concentrado (NC) e duas espécies (E) (bubalinos e bovinos). A ingestão média de matéria seca (MS) foi inferior (P<0,05) para espécie bubalina de 1,40% do PV e para os bovinos foi de 1,63% do PV. As máximas ingestões de PB foram de 10,09 g/kg0,75 para os bovinos e 8,36 g/kg0,75 para os bubalinos obtidas com 44,41% de concentrado na ração. Para o amido a maior ingestão foi de 32,83 g/kg0,75 para os bovinos e para os búfalos de 28,38 g/kg0,75 para 61,69% de concentrado na ração. Houve redução linear para consumo de fibra em detergente neutro expresso em % PV e g/kg0,75, para ambas espécies em função dos NC na ração. Os consumos de energia bruta, digestível e metabolizável foram inferiores para os bubalinos em relação aos bovinos

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA