Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 2 de 2
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Intervalo de ano de publicação
1.
Ciênc. rural (Online) ; 53(5): e20210599, 2023. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1394276

Resumo

ABSTRACT: Orchids are valued as ornamental plants, bioindicators, and medicinal plants, which implies that some species may be over-collected. Some inhabit very fragile environments and are under threat by the misuse of habitats and anthropogenic impacts. The search for beautiful plants and flowers has increased the number of facilities for micropropagation either by seeding or by cloning plants using in vitro techniques. However, not all species have appropriate media for growth and development that would help in conservation efforts. Cyrtopodium aliciae is an endemic species of rupestrian grassland in Brazil t. It has appeal as an ornamental plant or for use in hybridisation programs dueo its small size and white brownish-purple dotted flowers. This study compared three different media, namely ½ concentration Murashige and Skoog (MS), Vacin and Wendt, and Knudson C, during plant growth and their effect on the acclimatization of Cyrtopodium aliciae. The number and length of shoots and roots, increase in mass, and survival in vitro and ex vitro were analyzed. The experiment was conducted as completely random with a factorial arrangement of treatments (3 × 3) with 10 repetitions per treatment containing 10 plants for the in vitro experiment and 3 repetitions of 10 plants for the ex vitro experiment. Cyrtopodium aliciae performed better in the ½ concentration MS medium with a higher increase in mass, plant development, and survival under both in vitro and ex vitro conditions.


RESUMO: As orquídeas são valiosas como plantas ornamentais, bioindicadores ou medicinais, o que implica que algumas espécies podem ser coletadas em demasia. Algumas habitam ambientes muito frágeis e devido ao impacto antrópico, estão sob ameaça devido ao mau uso destes habitats. A busca por belas plantas e flores aumentou as facilidades para micropropagação, seja por semeadura ou por clonagem de plantas com técnicas in vitro. No entanto, nem todas as espécies possuem meios apropriados para crescimento e desenvolvimento que ajudem nos esforços de conservação. Cyrtopodium aliciae é uma bela espécie endêmica de campos rupestres do Brasil, apresenta bom apelo tanto como planta ornamental quanto como potencial para ser usada em programas de hibridização, devido ao seu pequeno tamanho de planta e belas flores brancas pontilhadas com marrom-púrpura. Este trabalho teve como objetivo comparar três meios diferentes, Murashige e Skoog à ½ concentração (MS); Vacin e Wendt (VW) e Knudson C (KC), durante o crescimento e na aclimatização. Foram analisadas as seguintes variáveis: número e comprimento de brotos e raízes, aumento de massa, sobrevivência in vitro e ex vitro. O experimento foi conduzido em delineamento inteiramente casualizado, com os tratamentos em um arranjo fatorial 3x3 (meios x tempo) com 10 repetições por tratamento contendo 10 plantas cada para a fase in vitro e três repetições com 10 plantas para a fase ex vitro. Cyrtopodium aliciae teve melhor desempenho na concentração de ½ MS com o maior aumento de massa, desenvolvimento da planta e sobrevivência tanto em condições in vitro quanto em condições ex vitro.

2.
Ciênc. rural (Online) ; 53(5): 1-9, 2023. ilus, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1412889

Resumo

Orchids are valued as ornamental plants, bioindicators, and medicinal plants, which implies that some species may be over-collected. Some inhabit very fragile environments and are under threat by the misuse of habitats and anthropogenic impacts. The search for beautiful plants and flowers has increased the number of facilities for micropropagation either by seeding or by cloning plants using in vitro techniques. However, not all species have appropriate media for growth and development that would help in conservation efforts. Cyrtopodium aliciae is an endemic species of rupestrian grassland in Brazil t. It has appeal as an ornamental plant or for use in hybridisation programs dueo its small size and white brownish-purple dotted flowers. This study compared three different media, namely ½ concentration Murashige and Skoog (MS), Vacin and Wendt, and Knudson C, during plant growth and their effect on the acclimatization of Cyrtopodium aliciae. The number and length of shoots and roots, increase in mass, and survival in vitro and ex vitro were analyzed. The experiment was conducted as completely random with a factorial arrangement of treatments (3 × 3) with 10 repetitions per treatment containing 10 plants for the in vitro experiment and 3 repetitions of 10 plants for the ex vitro experiment. Cyrtopodium aliciae performed better in the ½ concentration MS medium with a higher increase in mass, plant development, and survival under both in vitro and ex vitro conditions.


As orquídeas são valiosas como plantas ornamentais, bioindicadores ou medicinais, o que implica que algumas espécies podem ser coletadas em demasia. Algumas habitam ambientes muito frágeis e devido ao impacto antrópico, estão sob ameaça devido ao mau uso destes habitats. A busca por belas plantas e flores aumentou as facilidades para micropropagação, seja por semeadura ou por clonagem de plantas com técnicas in vitro. No entanto, nem todas as espécies possuem meios apropriados para crescimento e desenvolvimento que ajudem nos esforços de conservação. Cyrtopodium aliciae é uma bela espécie endêmica de campos rupestres do Brasil, apresenta bom apelo tanto como planta ornamental quanto como potencial para ser usada em programas de hibridização, devido ao seu pequeno tamanho de planta e belas flores brancas pontilhadas com marrom-púrpura. Este trabalho teve como objetivo comparar três meios diferentes, Murashige e Skoog à ½ concentração (MS); Vacin e Wendt (VW) e Knudson C (KC), durante o crescimento e na aclimatização. Foram analisadas as seguintes variáveis: número e comprimento de brotos e raízes, aumento de massa, sobrevivência in vitro e ex vitro. O experimento foi conduzido em delineamento inteiramente casualizado, com os tratamentos em um arranjo fatorial 3x3 (meios x tempo) com 10 repetições por tratamento contendo 10 plantas cada para a fase in vitro e três repetições com 10 plantas para a fase ex vitro. Cyrtopodium aliciae teve melhor desempenho na concentração de ½ MS com o maior aumento de massa, desenvolvimento da planta e sobrevivência tanto em condições in vitro quanto em condições ex vitro.


Assuntos
Técnicas In Vitro , Orchidaceae/crescimento & desenvolvimento
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA