Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 5 de 5
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Intervalo de ano de publicação
1.
Ciênc. rural (Online) ; 53(4): e20220151, 2023. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1384591

Resumo

ABSTRACT: The aim of this study was to molecularly identify different species of Aeromonas isolated from farmed tambaqui (Colossoma macropomum) from North Brazil, and evaluate their pathogenic potential by the presence of virulence genes. From the extraction of bacterial DNA, PCR (polymerase chain reaction) of the primers 16S rDNA, aerA (cytolytic enterotoxin), ast (cytotoxic enterotoxin) and act (cytotoxic enterotoxin) were performed. Of 24 isolates evaluated, eight amplified the ast gene, one amplified the act gene, but the areA gene was not amplified in any isolate. Sequencing of the 16S rRNA primer revealed a predominance of Aeromonas jandaei specie (92%). Aeromonas taiwanensis (4%), for the first time isolated from fish in Brazil, and Aeromonas hydrophila (4%) each appeared as just one isolate. Results showed that 32% of Aeromonas isolated from farmed tambaqui have considerable pathogenic potential for systemic damage, since the selected PCR primers are encoding the most common virulence genes in Aeromonas with high pathogenic intensity.


RESUMO: O objetivo deste estudo foi identificar molecularmente diferentes espécies de Aeromonas isoladas de tambaqui (Colossoma macropomum) de cultivo do norte do Brasil e avaliar seu potencial patogênico pela presença de genes de virulência. A partir da extração do DNA bacteriano, foi realizada a PCR (reação em cadeia da polimerase) dos primers 16S rDNA, aerA (enterotoxina citolítica), ast (enterotoxina citotóxica) e act (enterotoxina citotóxica). Dos 24 isolados avaliados, oito amplificaram o gene ast, um amplificou o gene act, mas o gene areA não foi amplificado em nenhum isolado. O sequenciamento do primer 16S rRNA revelou uma predominância da espécie Aeromonas jandaei (92%). Aeromonas taiwanensis (4%), pela primeira vez isolada em peixes no Brasil, e Aeromonas hydrophila (4%) apareceram cada uma como apenas um isolado. Os resultados mostram que 32% das Aeromonas isoladas de tambaqui de cultivo apresentam considerável potencial patogênico para danos sistêmicos, uma vez que os primers de PCR selecionados estão codificando os genes de virulência mais comuns em Aeromonas com alta intensidade patogênica.

2.
Ciênc. rural (Online) ; 53(4): e20220151, 2023. ilus, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1412146

Resumo

The aim of this study was to molecularly identify different species of Aeromonas isolated from farmed tambaqui (Colossoma macropomum) from North Brazil, and evaluate their pathogenic potential by the presence of virulence genes. From the extraction of bacterial DNA, PCR (polymerase chain reaction) of the primers 16S rDNA, aerA (cytolytic enterotoxin), ast (cytotoxic enterotoxin) and act (cytotoxic enterotoxin) were performed. Of 24 isolates evaluated, eight amplified the ast gene, one amplified the act gene, but the areA gene was not amplified in any isolate. Sequencing of the 16S rRNA primer revealed a predominance of Aeromonas jandaei specie (92%). Aeromonas taiwanensis (4%), for the first time isolated from fish in Brazil, and Aeromonas hydrophila (4%) each appeared as just one isolate. Results showed that 32% of Aeromonas isolated from farmed tambaqui have considerable pathogenic potential for systemic damage, since the selected PCR primers are encoding the most common virulence genes in Aeromonas with high pathogenic intensity.


O objetivo deste estudo foi identificar molecularmente diferentes espécies de Aeromonas isoladas de tambaqui (Colossoma macropomum) de cultivo do norte do Brasil e avaliar seu potencial patogênico pela presença de genes de virulência. A partir da extração do DNA bacteriano, foi realizada a PCR (reação em cadeia da polimerase) dos primers 16S rDNA, aerA (enterotoxina citolítica), ast (enterotoxina citotóxica) e act (enterotoxina citotóxica). Dos 24 isolados avaliados, oito amplificaram o gene ast, um amplificou o gene act, mas o gene areA não foi amplificado em nenhum isolado. O sequenciamento do primer 16S rRNA revelou uma predominância da espécie Aeromonas jandaei (92%). Aeromonas taiwanensis (4%), pela primeira vez isolada em peixes no Brasil, e Aeromonas hydrophila (4%) apareceram cada uma como apenas um isolado. Os resultados mostram que 32% das Aeromonas isoladas de tambaqui de cultivo apresentam considerável potencial patogênico para danos sistêmicos, uma vez que os primers de PCR selecionados estão codificando os genes de virulência mais comuns em Aeromonas com alta intensidade patogênica.


Assuntos
Animais , Aeromonas/isolamento & purificação , Aeromonas/patogenicidade , Doenças dos Peixes , Pesqueiros , Brasil
3.
Ciênc. anim. bras. (Impr.) ; 15(4): 437-443, Out-Dez. 2014. tab, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1473356

Resumo

Fish farming in small floating cages is the subject of local discussions due to the possible sustainable use of the Amazon basin, alleviating poverty of people who live near lakes and rivers. Tambaqui is one of the main species indicated to this end because this is an omnivorous species, well accepted in the local market, whose demand grows fast due to the over-fishing around big western Amazon cities such as Manaus. However, more information about tambaqui farming in small volume cages is necessary to increase and advance production in this system. Therefore, we studied the effects of four stocking densities (10, 20, 30 and 40fish/m3) in tambaqui farming in small cages (1m3). We evaluated fish growth and number of gills parasites. The results showed clear fish biomass rise by the increase of tambaqui stocking density. No effect of stocking density was observed on fish individual growth, survival and number  of gills parasites.


A criação de peixes em gaiolas flutuantes na Amazônia Ocidental é um assunto de interesse inclusive governamental, pois traz à discussão a possibilidade do uso sustentável de grandes corpos de água da bacia amazônica, podendo, assim, beneficiar populações ribeirinhas com geração de trabalho e renda. O tambaqui é umas das espécies mais indicadas para esse fim por ser um peixe onívoro, bem apreciado no mercado consumidor local, além da demanda crescente, devido à redução dos estoques naturais pela pesca extrativista e desmatamento da mata ciliar nos arredores das grandes cidades nortistas como Manaus. Entretanto, mais informações básicas sobre a criação da espécie em gaiolas de baixo volume ainda são necessárias para o aperfeiçoamento e avanço da atividade. O presente trabalho estudou os efeitos de quatro densidades de estocagem (10, 20, 30 e 40 peixes/m3) no crescimento e na incidência de parasitas, monogêneas, nas brânquias do tambaqui cultivado em gaiolas de baixo volume (1m3). O estudo pode contribuir com mais informações elementares para a exploração racional dos recursos naturais amazônicos, o tambaqui e os grandes corpos de água. Os resultados mostram que é possível aumentar a produção de biomassa de tambaqui em gaiolas de baixo volume de 1m3 aumentando-se a densidade de estocagem até 40 peixes/m3,sem prejuízos no crescimento e aumento de carga parasitária nas brânquias dos peixes.


Assuntos
Animais , Aquicultura/métodos , Peixes/crescimento & desenvolvimento , Pesqueiros/métodos , Desenvolvimento Sustentável , Doenças dos Peixes
4.
Ci. Anim. bras. ; 15(4)2014.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-745051

Resumo

Fish farming in small floating cages is the subject of local discussions due to the possible sustainable use of the Amazon basin, alleviating poverty of people who live near lakes and rivers. "Tambaqui" is one of the main species indicated to this end because this is an omnivorous species, well accepted in the local market, whose demand grows fast due to the over-fishing around big western Amazon cities such as Manaus. However, more information about "tambaqui" farming in small volume cages is necessary to increase and advance production in this system. Therefore, we studied the effects of four stocking densities (10, 20, 30 and 40fish/m³) in "tambaqui" farming in small cages (1m³). We evaluated fish growth and number of gills parasites. The results showed clear fish biomass rise by the increase of "tambaqui" stocking density. No effect of stocking density was observed on fish individual growth, survival and number of gills parasites.


A criação de peixes em gaiolas flutuantes na Amazônia Ocidental é um assunto de interesse inclusive governamental, pois traz à discussão a possibilidade do uso sustentável de grandes corpos de água da bacia amazônica, podendo, assim, beneficiar populações ribeirinhas com geração de trabalho e renda. O tambaqui é umas das espécies mais indicadas para esse fim por ser um peixe onívoro, bem apreciado no mercado consumidor local, além da demanda crescente, devido à redução dos estoques naturais pela pesca extrativista e desmatamento da mata ciliar nos arredores das grandes cidades nortistas como Manaus. Entretanto, mais informações básicas sobre a criação da espécie em gaiolas de baixo volume ainda são necessárias para o aperfeiçoamento e avanço da atividade. O presente trabalho estudou os efeitos de quatro densidades de estocagem (10, 20, 30 e 40 peixes/m³) no crescimento e na incidência de parasitas, monogêneas, nas brânquias do tambaqui cultivado em gaiolas de baixo volume (1m³). O estudo pode contribuir com mais informações elementares para a exploração racional dos recursos naturais amazônicos, o tambaqui e os grandes corpos de água. Os resultados mostram que é possível aumentar a produção de biomassa de tambaqui em gaiolas de baixo volume de 1m³ aumentando-se a densidade de estocagem até 40 peixes/m³, sem prejuízos no crescimento e aumento de carga parasitária nas brânquias dos peixes.

5.
Ci. Anim. bras. ; 15(4): 437-443, Out-Dez. 2014. tab, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-381339

Resumo

Fish farming in small floating cages is the subject of local discussions due to the possible sustainable use of the Amazon basin, alleviating poverty of people who live near lakes and rivers. Tambaqui is one of the main species indicated to this end because this is an omnivorous species, well accepted in the local market, whose demand grows fast due to the over-fishing around big western Amazon cities such as Manaus. However, more information about tambaqui farming in small volume cages is necessary to increase and advance production in this system. Therefore, we studied the effects of four stocking densities (10, 20, 30 and 40fish/m3) in tambaqui farming in small cages (1m3). We evaluated fish growth and number of gills parasites. The results showed clear fish biomass rise by the increase of tambaqui stocking density. No effect of stocking density was observed on fish individual growth, survival and number  of gills parasites.(AU)


A criação de peixes em gaiolas flutuantes na Amazônia Ocidental é um assunto de interesse inclusive governamental, pois traz à discussão a possibilidade do uso sustentável de grandes corpos de água da bacia amazônica, podendo, assim, beneficiar populações ribeirinhas com geração de trabalho e renda. O tambaqui é umas das espécies mais indicadas para esse fim por ser um peixe onívoro, bem apreciado no mercado consumidor local, além da demanda crescente, devido à redução dos estoques naturais pela pesca extrativista e desmatamento da mata ciliar nos arredores das grandes cidades nortistas como Manaus. Entretanto, mais informações básicas sobre a criação da espécie em gaiolas de baixo volume ainda são necessárias para o aperfeiçoamento e avanço da atividade. O presente trabalho estudou os efeitos de quatro densidades de estocagem (10, 20, 30 e 40 peixes/m3) no crescimento e na incidência de parasitas, monogêneas, nas brânquias do tambaqui cultivado em gaiolas de baixo volume (1m3). O estudo pode contribuir com mais informações elementares para a exploração racional dos recursos naturais amazônicos, o tambaqui e os grandes corpos de água. Os resultados mostram que é possível aumentar a produção de biomassa de tambaqui em gaiolas de baixo volume de 1m3 aumentando-se a densidade de estocagem até 40 peixes/m3,sem prejuízos no crescimento e aumento de carga parasitária nas brânquias dos peixes.(AU)


Assuntos
Animais , Peixes/crescimento & desenvolvimento , Pesqueiros/métodos , Aquicultura/métodos , Doenças dos Peixes , Desenvolvimento Sustentável
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA