Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 2 de 2
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Ciênc. vet. tróp ; 19(3): 11-15, set.-dez. 2016.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1480760

Resumo

A ruptura traumática do tendão extensor digital longo (TEDL) apresenta alta incidência entre as afecções que acometem o aparelho locomotor dos equinos, estando frequentemente associada aos acidentes em cercas de arame liso. O sinal clínico evidente é a perda da capacidade de extensão das falanges e do casco, trazendo déficit de propriocepção e claudicação aparente. Estas lesões tendíneas possuem prognóstico reservado, sendo que em alguns casos podem ser fatais. O objetivo deste artigo é relatar três casos de equinos com ruptura total do TEDL, submetidos a tratamentos de cicatrização de ferida por segunda intenção e modelo de fisioterapia extensora. As cicatrizações e retorno de função extensora ocorreram em média com 52,7± 7,36 dias, com retorno às atividades anteriormente desempenhadas em tempo inferior a 120 dias. Conclui-se que a cicatrização por segunda intenção com aparato de fisioterapia extensora apresenta-se como opção viável em situações que a sutura não é indicada ou nas deiscências relacionadas às lacerações de TEDL.


The traumatic rupture of the long digital extensor tendon has a high incidence of diseases that affect the locomotor system of horses, and is often associated with accidents in smooth wire fences. The obvious clinical sign is the loss of extensibility of the phalanges and the hull, bringing proprioception deficit and limping apparent. These tendon injuries have a poor prognosis, and in some cases can be fatal. The purpose of this article is to report three cases of horses with total TEDL rupture undergoing healing treatments wound by secondary intention and model extensor physiotherapy. The scarring and extensor function return occurred on average 52.7 ± 7.36 days, with return to activities previously performed in less than 120 days. It was concluded that the healing by secondary intention with extensor physiotherapy apparatus is presented as a viable option in situations where the suture is not indicated or the dehiscence related to lacerations TEDL.


Assuntos
Animais , Cavalos , Lacerações/veterinária , Modalidades de Fisioterapia/veterinária , Traumatismos dos Tendões/reabilitação , Traumatismos dos Tendões/terapia , Traumatismos dos Tendões/veterinária
2.
Ci. Vet. Tróp. ; 19(3): 11-15, set.-dez. 2016.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-21414

Resumo

A ruptura traumática do tendão extensor digital longo (TEDL) apresenta alta incidência entre as afecções que acometem o aparelho locomotor dos equinos, estando frequentemente associada aos acidentes em cercas de arame liso. O sinal clínico evidente é a perda da capacidade de extensão das falanges e do casco, trazendo déficit de propriocepção e claudicação aparente. Estas lesões tendíneas possuem prognóstico reservado, sendo que em alguns casos podem ser fatais. O objetivo deste artigo é relatar três casos de equinos com ruptura total do TEDL, submetidos a tratamentos de cicatrização de ferida por segunda intenção e modelo de fisioterapia extensora. As cicatrizações e retorno de função extensora ocorreram em média com 52,7± 7,36 dias, com retorno às atividades anteriormente desempenhadas em tempo inferior a 120 dias. Conclui-se que a cicatrização por segunda intenção com aparato de fisioterapia extensora apresenta-se como opção viável em situações que a sutura não é indicada ou nas deiscências relacionadas às lacerações de TEDL.(AU)


The traumatic rupture of the long digital extensor tendon has a high incidence of diseases that affect the locomotor system of horses, and is often associated with accidents in smooth wire fences. The obvious clinical sign is the loss of extensibility of the phalanges and the hull, bringing proprioception deficit and limping apparent. These tendon injuries have a poor prognosis, and in some cases can be fatal. The purpose of this article is to report three cases of horses with total TEDL rupture undergoing healing treatments wound by secondary intention and model extensor physiotherapy. The scarring and extensor function return occurred on average 52.7 ± 7.36 days, with return to activities previously performed in less than 120 days. It was concluded that the healing by secondary intention with extensor physiotherapy apparatus is presented as a viable option in situations where the suture is not indicated or the dehiscence related to lacerations TEDL.(AU)


Assuntos
Animais , Traumatismos dos Tendões/reabilitação , Traumatismos dos Tendões/terapia , Traumatismos dos Tendões/veterinária , Modalidades de Fisioterapia/veterinária , Lacerações/veterinária , Cavalos
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA