Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 2 de 2
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Intervalo de ano de publicação
1.
Semina ciênc. agrar ; 42(3,supl. 1): 1567-1578, 2021. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1501944

Resumo

The objective of this work was to evaluate the retention of P, K, Ca and Mg nutrients, as well as pH and electrical conductivity in Oxisols. Soil samples were placed into columns, with addition of humic substances (soil with and without liming). The experiment was conducted in a greenhouse and the columns consisted of PVC tubes with 40 cm height x 5 cm diameter. The humic substances used were humic acid and fulvic acid, applied at rates of 0, 60, 120 and 240 L ha-¹, in soil with or without lime. Ten irrigation events were performed, simulating 32 mm rainfall. After that, samples were collected from the columns, at 0-20 and 20-40 cm depths, to identify the residual effect of the addition of humic substances. A completely randomized design was used for this experiment, with 2×2×4 factorial statistical model and 3 replications. The results showed that, under acidic soil conditions, the use of fulvic acid provides more significant P release (up to 40%) in soil when compared to humic acid. When the rate of 240 L ha-¹ is applied, the fulvic acid can release up to 83% of P in the soil.


Neste trabalho avaliou-se a retenção dos nutrientes P, K, Ca e Mg, além do pH e condutividade elétrica em Latossolos, inseridos em colunas e adicionados de substâncias húmicas (na ausência e presença de calagem). O experimento foi conduzido em casa de vegetação e as colunas foram compostas por colunas de PVC de 40 cm de altura e 5 cm de diâmetro. As substâncias húmicas utilizadas foram o ácido húmico e o ácido fúlvico aplicados nas doses 0, 60, 120 e 240 L ha-¹ em solo com ou sem calcário. Dez eventos de irrigação foram realizados simulando chuvas de 32 mm. Em seguida, amostras das colunas foram coletadas nas profundidades de 0-20 e 20-40 cm para identificar o efeito residual da adição de substâncias húmicas. O experimento foi em delineamento inteiramente casualizado, com modelo estatístico fatorial 2×2×4 com 3 repetições. Os resultados mostraram que em condições de solo ácido, o uso do ácido fúlvico é mais expressivo na liberação de P (até 40% de liberação) no solo quando comparado ao ácido húmico. E, quando utilizada a taxa de 240 L ha-¹, o ácido fúlvico pode liberar até 83% de P no solo.


Assuntos
Análise do Solo , Cálcio/análise , Fósforo/análise , Magnésio/análise , Potássio/análise , Química do Solo , Umidade do Solo
2.
Semina Ci. agr. ; 42(3,supl. 1): 1567-1578, 2021. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-765824

Resumo

The objective of this work was to evaluate the retention of P, K, Ca and Mg nutrients, as well as pH and electrical conductivity in Oxisols. Soil samples were placed into columns, with addition of humic substances (soil with and without liming). The experiment was conducted in a greenhouse and the columns consisted of PVC tubes with 40 cm height x 5 cm diameter. The humic substances used were humic acid and fulvic acid, applied at rates of 0, 60, 120 and 240 L ha-¹, in soil with or without lime. Ten irrigation events were performed, simulating 32 mm rainfall. After that, samples were collected from the columns, at 0-20 and 20-40 cm depths, to identify the residual effect of the addition of humic substances. A completely randomized design was used for this experiment, with 2×2×4 factorial statistical model and 3 replications. The results showed that, under acidic soil conditions, the use of fulvic acid provides more significant P release (up to 40%) in soil when compared to humic acid. When the rate of 240 L ha-¹ is applied, the fulvic acid can release up to 83% of P in the soil.(AU)


Neste trabalho avaliou-se a retenção dos nutrientes P, K, Ca e Mg, além do pH e condutividade elétrica em Latossolos, inseridos em colunas e adicionados de substâncias húmicas (na ausência e presença de calagem). O experimento foi conduzido em casa de vegetação e as colunas foram compostas por colunas de PVC de 40 cm de altura e 5 cm de diâmetro. As substâncias húmicas utilizadas foram o ácido húmico e o ácido fúlvico aplicados nas doses 0, 60, 120 e 240 L ha-¹ em solo com ou sem calcário. Dez eventos de irrigação foram realizados simulando chuvas de 32 mm. Em seguida, amostras das colunas foram coletadas nas profundidades de 0-20 e 20-40 cm para identificar o efeito residual da adição de substâncias húmicas. O experimento foi em delineamento inteiramente casualizado, com modelo estatístico fatorial 2×2×4 com 3 repetições. Os resultados mostraram que em condições de solo ácido, o uso do ácido fúlvico é mais expressivo na liberação de P (até 40% de liberação) no solo quando comparado ao ácido húmico. E, quando utilizada a taxa de 240 L ha-¹, o ácido fúlvico pode liberar até 83% de P no solo.(AU)


Assuntos
Análise do Solo , Química do Solo , Umidade do Solo , Fósforo/análise , Potássio/análise , Cálcio/análise , Magnésio/análise
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA