Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 2 de 2
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Ciênc. anim. bras. (Impr.) ; 24: 74872, 2023. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1439859

Resumo

The effect of sugar cane molasses, as a partial replacement to corn in the diet, on blood parameters and composition of the M. longissimus thoracis (LT) in growing pigs was explored in this study. Twenty female pigs aged 63 days, and weighing 28.98 ± 3.56 kg, were randomly assigned to either the control or sugar cane molasses treatments. Molasses was included at the 3% level to partially replace corn in their diet. Blood samples were collected at the beginning and end of the experiments. The animals were slaughtered at 110 days of age after 47 days in the experiment, weighing 67.9 ± 5.58 kg, and an LT muscle sample was extracted and evaluated. Each animal was considered an experimental unit. The treatment had no effect on the length and area of the LT muscle. Backfat thickness was reduced when using the sugar cane molasses treatment (5.80 mm) compared to the control treatment (8.90 mm) (P < 0.05). Higher enzyme gamma-glutamyl transferase (GGT) levels were observed in animals of the control treatment (67.10 IU/L) compared to animals treated with the sugar cane molasses treatment (49.90 IU/L) (P < 0.05). Moreover, the proximal composition, fatty acid profile, and quality were not influenced by treatment. Sugar cane molasses, used as an energy source to partially replace corn in the diet of growing pigs at a level of 3%, reduced the backfat thickness of the pig carcass and improved the serum concentration of the enzyme gamma-glutamyl transferase in pigs.(AU)


Neste estudo foi explorado o efeito do melaço de cana-de-açúcar em substituição parcial ao milho na dieta sobre os parâmetros sanguíneos e a composição do músculo longissimus thoracis (LT) de suínos em crescimento. Vinte leitoas com 63 dias de idade, pesando 28,98 ± 3,56 kg foram aleatoriamente distribuídas nos tratamentos controle ou melaço de canade-açúcar. O melaço foi incluído ao nível de 3% em substituição parcial ao milho na dieta. Ao início e ao final do experimento foram coletadas amostras de sangue dos animais. Os animais foram abatidos aos 110 dias de idade após 47 dias de experimento pesando 67,9 ± 5,58 kg e uma amostra do músculo LT foi extraída e avaliada. Cada animal foi considerado uma unidade experimental. Não houve diferença entre os tratamentos sobre o comprimento e a área do músculo LT. A espessura de toucinho foi reduzida ao utilizar o tratamento melaço de cana-de-açúcar (5,80 mm) em relação ao tratamento controle (8,90 mm) (P < 0,05). Níveis mais elevados da enzima gama-glutamil transferase (GGT) foram observados nos animais do tratamento controle (67,10 UI/L) em comparação aos animais do tratamento melaço de cana-de-açucar (49,90 UI/L) (P < 0,05). A composição proximal e o perfil e qualidade dos ácidos graxos não foram influenciados pelo tratamento. O melaço de cana-de-açúcar utilizado como fonte energética em substituição parcial ao milho na dieta de suínos em crescimento ao nível de 3% reduziu a espessura de toucinho da carcaça de suínos e melhorou a concentração sérica da enzima gama-glutamil transferase de suínos.(AU)


Assuntos
Animais , Suínos/fisiologia , Melaço/análise , Ração Animal/análise , Zea mays/química , Ácidos Graxos
2.
Ciênc. rural (Online) ; 54(1): e20220090, 2024. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1438073

Resumo

The present study evaluated the cryoprotectant efficacy of dimethylacetamide (DMA) and ethylene glycol in a one-step protocol to freeze boar sperm. The sperm-rich portion of the ejaculates from two boars were collected once a week, for 10 weeks. After collection, the ejaculates were diluted (1:1; v/v) in the cooling extender. After determining their spermatozoa concentration, the ejaculates were pooled with the same number of spermatozoa from each boar and stabilized at 20°C for 120 min. Distinct cryoprotectants were added to the cooling extender at 20 °C, at different concentrations, composing six treatments: 1.25% and 2.5% glycerol (control); 1.25% and 2.5% ethylene glycol; 2.5% and 5.0% DMA. The samples were stored in 0.25 mL straws, containing 35 × 106 spermatozoa. After 90 min at 20 °C, the straws were submitted to a cooling curve until 5 °C (0.3 to 0.5 °C/min) and kept at 5°C for 60 min. Freezing was conducted by placing the straws horizontally 5 cm above the liquid nitrogen for 10 min, followed by immersion on liquid nitrogen. After thawing at 37 °C for 30 seconds, sperm quality was evaluated through a computer-assisted semen analysis system and flow cytometry. Sperm motility was greater (P< 0.05) in treatments with 5.0% and 2.5% DMA (22.2 ± 2.6% and 20.0 ± 2.8%, respectively) than in treatment with 2.5% ethylene glycol (8.2 ± 1.0%). The integrity of the plasma membrane (P = 0.08) and mitochondrial membrane potential (P = 0.27) was similar among the treatments. The treatment with 2.5% ethylene glycol was the least efficient to maintain intact acrosome membrane (P< 0.01). Some kinetics parameters (DAP, DCL, DSL, VAP, VCL, VSL e ALH) were positively affected by 5.0% DMA. The one-step freezing protocol resulted in unsatisfactory boar sperm motility after thawing, regardless of the cryoprotectant.


O presente estudo objetivou avaliar a eficácia de um protocolo one-step de congelamento do sêmen suíno utilizando dimetilacetamida (DMA) e etilenoglicol como crioprotetores. Durante 10 semanas, a fração rica dos ejaculados de dois machos suínos foram coletados, uma vez por semana. Após a coleta, os ejaculados foram diluídos (1:1; v/v) no diluidor de resfriamento. Após a avaliação da concentração espermática, os ejaculados foram agrupados em um pool com o mesmo número de espermatozoides de cada macho e estabilizados a 20 °C por 120 min. Os criopropetores foram adicionados ao diluidor de congelamento a 20 °C, em diferentes concentrações, compondo seis tratamentos: glicerol (controle), 1,25% e 2,5%; etilenoglicol, 1,5% e 2,5%; e DMA, 2,5% e 5,0%. As amostras foram armazendadas em palhetas de 0,25 mL contendo 35 x 106 espermatozoides. Após 90 min a 20 °C as palhetas foram submetidas a uma curva de resfriamento até 5 °C (0,3 a 0,5 °C/mim) e mantidas a 5 °C por 60 min. O congelamento foi realizado a partir da colocação das palhetas horizontalmente a 5 cm acima do nitrogênio líquido por 10 min, com sua posterior imersão no nitrogênio líquido. Após o descongelamento a 37 °C por 30 segundos a qualidade espermática foi avaliada através de um sistema computadorizado e por citometria de fluxo. A motilidade espermática foi maior (P < 0,05) nos tratamentos com 5,0% e 2,5% DMA (22,2 ± 2,6% e 20,0 ± 2,8%, respectivamente) do que no tratamento com 2,5% etilenoglicol (8,2 ± 1,0%). A integridade da membrana plasmática (P = 0,08) e potencial de membrana mitocondrial (P = 0,27) foi similar entre os tratamentos. O tratamento com 2,5% de etilenoglicol foi menos eficiente em manter membrana acrossomal intacta (P< 0,01). Alguns parâmetros de cinética espermática (DAP, DCL, DSL, VAP, VCL, VSL e ALH) foram afetados positivamente pelo uso de DMA a 5.0%. O protocolo simplificado para congelamento de sêmen suíno resultou em motilidade espermática insatifatória após o descongelamento, independente do crioprotetor utilizado.


Assuntos
Animais , Preservação do Sêmen/veterinária , Suínos , Criopreservação/veterinária , Etilenoglicol , Crioprotetores
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA