Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 7 de 7
Filtrar
Mais filtros

Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Semina ciênc. agrar ; 23(1): 29-34, 2002.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1433061

Resumo

This work had as objective to determine growth parameters and their correlations from ages 60 to 240 days in the carp. The experiment used 65 fishes, 31 males and 34 females, from the same hatch and raised in the same environmental conditions. There were no differences (P > 0.05) between sexes for all studied traits. The relationship between body weight x height and body weight x head length presented isometric growth for both sexes. Moderate to high correlations (P < 0.01) were found between traits, the exceptions were for body length at 60 days with body length, body heigth and head at 240 days, which presented small correlations (P < 0.05).


O presente trabalho teve como objetivo a determinação de parâmetros de crescimento e suas correlações na carpa em idades entre 60 a 240 dias. No experimento foram utilizados 65 peixes, sendo 31 machos e 34 fêmeas oriundos da mesma desova e criados nas mesmas condições ambientais. A diferença entre sexos não foi encontrada (P > 0,05) para todas as características em nenhuma das idades mencionadas. O crescimento isométrico para ambos os sexos foi para as relações: Peso x Altura e Peso x Comprimento da cabeça. As correlações entre as características foram de moderado a alto (P < 0,01), à exceção do comprimento corporal aos 60 dias com comprimento corporal, altura corporal e comprimento da cabeça na idade de 240 dias, que foram baixos (P < 0,05).

2.
Semina ciênc. agrar ; 24(1): 119-122, 2003.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1433104

Resumo

A sample of 250 observations in tilapia (Orechomis nilotica) was used in this work. The evaluated traits were those related to growth, i.e., body weight (BW), total body length (BL), body height (BH) and head length (HL). The data were transformed to natural logarithm, and the majority of the relations obtained (BW x BL, BW x BH, HL x BL, e HL x BH) indicated a negative alometric growth. The relation BW x HL was alometric positive. Only the relation BH x BL presented an isometric growth. A prediction equation was determined using as dependent variable the natural logarithm of body weight (lnBW), and as independent variables the natural logarithms of body length (lnBL) and body height (lnBH). The prediction equation was, lnBW = -2.97041 + 2.2145 lnBL + 0,741373 lnBH; r2 = 0.99.


A amostra utilizada neste trabalho era constituída de 250 observações em tilápia (Orechromis nilotica). As características avaliadas foram as relativas ao crescimento, ou seja: Peso corporal (P); Comprimento corporal total (C); Altura corporal (A); e Comprimento de cabeça (CA). As relações obtidas através da transformação das variáveis para logaritmo natural, indicou que a maioria das relações (P X C, P X A, CA X C e CA X A) apresentou crescimento alométrico negativo, a relação P X CA alométrico positivo, e somente a relação A X C apresentou crescimento isométrico. Uma equação de predição foi determinada utilizando a variável ln(P) como dependente e ln(C) e ln(A) como variáveis independentes, a equação de predição foi: ln(P) = -2,97041 + 2,2145 ln(C) + 0,741373 ln(A); r2 = 0,99.

3.
Acta sci., Anim. sci ; 28(1): 63-71, 2006.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-763505

Resumo

This work objective was to evaluate the effect of different urea levels in protein supplements compared to mineral supplements on the performance of steers grazing Mombaça pasture, during the winter. Thirty six steers were used (±347 kg, ±18 months), splited into 4 treatments: protein mineral salt supplement with 5% of urea (SP5); 10% of urea (S10); 15% of urea (S15); mineral sal supplementation (SMI). There was a quadratic effect of the urea levels on the average daily gain (ADG), and the best ADG was for the S10 treatment (0,87 kg/day). In the first 28 days of supplementation, there was a reduction on the ADG as the urea levels rise. There was a decreased in the supplements intake when the urea porcentage increased. Considering the costs, the better net income was for the S10 treatment, were the excedent gain was of R$0.41/animal/day.


O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de diferentes níveis de uréia em suplementos protéicos em comparação com a suplementação mineral sobre o desempenho de novilhos mantidos em pastagem de capim Mombaça no período da entressafra. Foram utilizados 36 novilhos (±347 kg, ±18 meses), separados ao acaso em quatro tratamentos: suplementação com sal mineral (SMI), com sal mineral proteinado com 5% de uréia (SP5), com 10% de uréia (S10) e com 15% de uréia (S15). Houve efeito quadrático dos níveis de uréia sobre o ganho médio diário (GMD), sendo o maior GMD obtido para o tratamento S10 (0,87 kg/dia). Nos primeiros 28 dias de suplementação, ocorreu diminuição no ganho médio diário (GMD) com o aumento na quantidade de uréia nos suplementos. Houve diminuição no consumo do suplemento com o aumento nos níveis de uréia. A melhor margem líquida foi obtida para o tratamento S10, em que se observou um ganho excedente de R$ 0,41/animal/dia.

4.
Acta sci., Anim. sci ; 29(2): 187-193, 2007.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-762840

Resumo

The objective of this work was to determine the ruminal degradability of dry matter (DM) and crude protein (CP) of maize grain (MG), oat grain (OG), wheat meal (WM) and rice meal (RM). The in situ technique was used with nylon bag, and the 0, 3, 6, 12, 18, 24, 48 and 72 hours intervals of ruminal incubation were evaluated. Four steers were used in a 4 x 4 latin square. The dry matter of the OG presented the highest soluble fraction (36.58%), the highest rate of degradation (12.95% h-1) and the highest effective degradation (ED) (79.28%). The RM presented the lowest potential degradable fraction (29.24%) and the lowest ED of DM (49.16%). The MG presented the highest soluble fraction of CP (56.88%). The OG presented the highest degradation rate of CP (11.05%). The WM presented the highest ED of CP (77.38%) and the RM presented the lowest ED of CP (66.65%).


O objetivo deste trabalho foi determinar a degradabilidade ruminal da matéria seca (MS) e da proteína bruta (PB) do milho em grão (MG), aveia em grão (AG), farelo de trigo (FT) e farelo de arroz (FA). Foi utilizada a técnica ,in situ, com sacos de náilon, sendo avaliados os tempos 0, 3, 6 12, 18, 24, 48 e 72 horas de permanência no rúmen, utilizandose quatro bovinos adultos, em um delineamento em quadrado latino 4 x 4. A matéria seca da AG apresentou maior fração solúvel (36,58%), maior taxa de degradação (12,95% h-1) e maior degradabilidade efetiva (DE) (79,28%). O FA apresentou menor fração potencialmente degradável (b) (29,24%) e menor DE da MS (49,16%). O MG apresentou maior fração solúvel da PB (56,88%). A AG apresentou maior taxa de degradação da fração b da PB (11,05%). O FT apresentou maior DE da PB (77,38%) e o FA apresentou menor DE da PB (66,65%).

5.
Semina ciênc. agrar ; 23(1): 35-44, 2002.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1433062

Resumo

This work had as objectives to evaluate the performance of ewes from different genetic groups when mated in summer or autumn, and receiving or not food supplementation from 14 days before and during the mating season. Seventy-six ewes from the genetic groups Corriedale, Hampshire Down, Ile de France and Suffolk, with ages varying from 2 to 8 teeth, were used. Although greater weight gains occurred in the summer mating and in ewes receiving food supplementation, these differences did not enhance the reproductive performance of these animals. Productivity expressed as kg of weaned lambs / kg of joined ewes was similar for summer and autumn mating (0.27 and 0.26), and for ewes receiving or not food supplementation (0.27 and 0.26). The other evaluated effects, age of ewe, genetic group, type of lambing (single or twins) and sex of lambs, did not affect this productivity index. It can be concluded that in good pasture conditions, there is no need for food supplementation before and during the mating season. At the same way, it can be used summer or autumn mating seasons in the northern region of the Paraná state.


Este trabalho teve como principais objetivos avaliar o desempenho de ovelhas de diferentes grupos genéticos quando acasaladas no verão ou no outono, bem como o efeito da suplementação alimentar por 14 dias antes e durante o período de acasalamento. Foram utilizadas 76 ovelhas, com idade variando de 2 a 8 dentes, dos grupos genéticos Corriedale, Hampshire Down, Ile de France e Suffolk. Apesar de ter ocorrido maiores ganhos de peso no acasalamento de verão e para as ovelhas suplementadas, estas diferenças não se traduziram em maior desempenho reprodutivo. A produtividade, expressa como quilos de cordeiros desmamados por quilo de ovelha acasalada, foi similar nos acasalamentos de verão e outono (0,27 e 0,26) e para ovelhas recebendo ou não suplementação alimentar (0,27 e 0,26). Os outros efeitos avaliados (idade das ovelhas, grupo genético, tipo de parto e o sexo dos cordeiros) também não afetaram este índice de produtividade. Portanto, havendo boa condição de pastagem não há necessidade de suplementação alimentar antes e durante a monta, podendo ser utilizada a estação de acasalamento de verão ou outono, no norte do Paraná.

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA