Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Ciênc. rural (Online) ; 52(3): e20200532, 2022. graf, ilus, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1369607

Resumo

This research evaluated the effects of coffee cultivation with two different water regimes associated or not with liming and the presence/absence of brachiaria as intercrop on the activities of the soil enzymes ß-glucosidase, arylsulfatase and acid phosphatase. The study was carried out at the experimental farm of Embrapa Cerrados, using the cultivar IAC 144 (Coffea arabica L.), under a clayey dystrophic Cerrado Oxisol. Two water regimes (WR) were considered, WR1 with irrigation shifts throughout the year and WR3 with controlled water stress, for about 70 days, in the dry season. In each water regime, effects of lime application (with/without) and the presence/absence of brachiaria cultivated between the lines of coffee plants were evaluated. The activities of the enzymes ß-glucosidase, arylsulfatase and acid phosphatase were evaluated during the rainy and dry seasons. Liming and intercropped brachiaria positively affected the activities of the three enzymes assessed in this study at varying degrees, depending on season and/or the WR. Our findings evidenced that intercropped brachiaria in coffee rows was the factor that most positively impacted soil enzymes activities.


O objetivo desse trabalho foi avaliar os efeitos do cultivo do café sobre a atividade das enzimas do solo ß-glicosidase, arilsulfatase e fosfatase ácida em função de dois diferentes regimes hídricos associados ou não à calagem e ao cultivo de braquiária nas entrelinhas. Esse estudo foi realizado em um experimento conduzido no campo experimental do Centro de Pesquisa Agropecuária dos Cerrados, utilizando a cultivar IAC 144 (Coffea arabica L.), sob um Latossolo Vermelho distrófico argiloso. Foram considerados dois regimes hídricos (RH), RH1 com irrigação plena em turnos de rega ao longo do ano e RH3 com estresse hídrico controlado, por cerca de 70 dias, na época seca. Em cada regime hídrico foram avaliadas a aplicação ou não de calcário em cobertura e a presença ou ausência de braquiária cultivada nas entrelinhas das plantas do cafezal. As atividades das enzimas ß-glicosidase, arilsulfatase e fosfatase ácida foram avaliadas durante as estações chuvosa e seca. A calagem e a presença de braquiária nas entrelinhas tiveram efeito positivo sobre a atividade das três enzimas avaliadas nesse estudo, em graus variáveis, dependendo da época de coleta das amostras e/ou do RH. Nossos resultados evidenciam que a braquiária nas entrelinhas do café foi o fator de maior impacto positivo sobre a atividade enzimática do solo.


Assuntos
Arilsulfatases/análise , Fosfatase Ácida/análise , Acidez do Solo/análise , Coffea , Glicosídeo Hidrolases/análise , Brachiaria
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA